Arquivo da tag: Clássicos

Documento de game design de GTA cai no Flickr

Mike Daily, programador da engine gráfica quando o primeiro Grand Theft Auto (GTA) foi desenvolvido, colocou um documento de 22 de março de 1995 em que eram detalhados os planos de um game chamado Race’n’Chase.

A idéia de Race’n’Chase se transformaria, uma década depois, em uma das franquias mais populares (e polêmicas) do mundo dos games. No documento estão mencionadas três cidades, inspiradas em locações reais, a perspectiva de visão superior, adotada pelos dois primeiros títulos da série e a estrutura de missões.

Um raio-x sensacional de como o game design de um blockbuster para o mundo dos games é concebido. Só podemos agradecer o presente que Mike Daily nos deu e recomendar a todos os nossos leitores que leiam o documento de 16 páginas.

:: Confira as fotografias do documento no Flickr

[Via Develop Online]

Vídeo: como seria Mario Bros em primeira pessoa?

Já vimos o mascote Mario, da Nintendo, de diversas formas. Jogando tênis, pilotando kart, vestindo um jaleco médico. Já presenciamos também incursões em jogos 2D e 3D, mas nunca vimos como seria observar o mundo a partir de seus olhos.

Como seria, afinal, um Mario Bros em primeira pessoa? Na tentativa de responder essa pergunta, fãs transformaram um nível clássico do icônico personagem em um nível 3D em primeira pessoa.

É o que você confere aí embaixo:

O que achou?

EUA tem quarta edição de Game Over, mostra de arte gamer

A Game Over é uma exibição de arte com um enfoque diferente. A quarta edição do evento organizado pela revista Giant Robot foi aberta no dia 4 de março e vai até o fim do mês em São Francisco, nos Estados Unidos.

Para nós, que estamos impossibilitados de comparecer ao evento, um gostinho do que é mostrado lá foi publicado pelo blog Game|Life, da Wired. O site está com uma galeria de imagens sensacional, com diversos dos quadros que fazem parte da mostra.

Algumas peças são tão lindas que adorariamos pendurar na parede da sala.

:: Confira aqui a galeria do Game|Life e diga nos comentários qual a sua preferida

Pai do Pac-Man conta que criou jogo para meninas e fala sobre design

Pai do Pac-man

Toru Iwatani é um nome que poucos devem conhecer assim, de bate pronto. Mas se falarmos que é o pai do Pac-Man, qualquer gamer vai saber que o cara merece respeito.

O designer deu uma declaração a respeito dos games atuais e do processo de criação durante a GDC 2011. Primeiro, Iwatani disse que criou Pac-Man na tentativa de atrair garotas gamers.

“Antigamente, não existiam videogames domésticos e as pessoas precisavam ir para os fliperamas para jogar. Era um playground para garotos. Sujo e fedido. Então quisemos incluir garotas ou jogadoras para que se tornasse mais brilhante”, comentou.

Aí vem o bizarro. Pensando no que atrairia garotas, Iwatani pensou que elas adoravam sobremesa, a exemplo de sua esposa: “O verbo comer me deu a idéia de criar o jogo”.

Tudo então girou em torno do que poderia agradar as garotas, inclusive personagens bonitinhos em vez de carrancas nos inimigos. Por mais estranho que tudo isso possa parecer, é tudo muito simples e, sabendo disso agora, faz certo sentido.

Para nós foi como um mistério resolvido. Na mesma palestra, Iwatani comentou que acha os games de hoje muito complexos, sem objetivos claros de imediato. “Nos jogos de hoje você não ve sobre o que eles são, quais são os objetivos, e os controles talvez sejam muito complicados”, criticou acrescentando que os jogadores querem desafio, mas que a diversão devia ser o ponto primordial de qualquer game.

O que você acha da opinião?

[Via GamesIndustry]

Bugs bizarros no Mega Man e Mega Man 2

O blog Kotaku divulgou um vídeo interessante com dois bugs bizarros dos games Mega Man e Mega Man 2. Ao contrário de muitas falhas, que tornam um jogo mais fácil, essas conseguem deixar o game ainda mais difícil.

O vídeo é engraçado se você entende inglês, mas o mais interessante é que ele mostra uma mudança grande na dificuldade dos games com o passar do tempo.

[Via Kotaku]

Estúdio alemão prepara game para Dreamcast

O Dreamcast foi lançado há 12 anos. Há quase 10 anos a Sega anunciou que sairia do mercado de consoles, cessando a produção do aparelho. Mas o derradeiro videogame da empresa japonesa continua vivo.

Agora, a desenvolvedora alemã, Redspot Games, anunciou Sturmwind, um novo jogo de naves para o aparelho, que chegará ao mercado no meio de 2011. O game terá 16 níveis, e três diferentes modo de dificuldade.

Homebrews sendo lançados para o aparelho não são novidade, mas um game desse porte ser anunciado por um estúdio, para um console que já está morto comercialmente é curioso.

O game será vendido pelo site oficial da Redspot Games por 35 euros.

Difícil de acreditar? Tem uma entrevista com Max Scharl, da Redspot Games, no YouTube. Linkaremos aqui para o YouTube porque a entrevista está em alemão, e na página existe a transcrição, traduzida para o inglês.

[Via CVG]

Vídeo: quem vence uma corrida entre mascotes clássicos dos games?

Não é sempre que vemos uma reunião de mascotes de videogames clássicos. Se nos videogames não é possível juntar todos os principais personagens que preencheram a infância de muitos gamers, no vídeo é.

Um vídeo postado no YouTube mostra uma corrida entre personagens clássicos. O vídeo inteiro é apresentado em um cenário que remete a games antigos, e no final do vídeo uma surpresa. Quem ganhou a corrida?

Animado quadro a quadro, o projeto do usuário Eyspire é parte de uma série de sátiras. Vale assistir, principalmente pelo saudosismo que o vídeo é capaz de passar…

Kenji Inafune promete voltar com novos games

Kenji Inafune acaba de dar início a um novo blog. Para os desavisados, Inafune é o pai da série Mega Man, o cara que há pouco mais de um mês deu um pé na bunda da Capcom.

A explicação para sua saída abrupta é que ele já havia conseguido atingir todas as suas metas como desenvolvedor na companhia, e sendo um criador não poderia se acomodar.

Como você pode imaginar pela sua declaração ao sair da Capcom, o designer não procurava aposentadoria. No novo endereço (que infelizmente está todo em japonês) ele confirmou que agora poderá criar jogos sem as restrições da época em que era assalariado.

Será que vem uma nova companhia por aí? Ou veremos um designer de alto gabarito tentando a sorte no mercado independente? Seja como for, com o know how de Inafune, deve vir coisa boa aí…

[Via CVG]

A evolução da mídia dos videogames

Encontramos a foto abaixo em no blog Epicponyz. Não sabemos de onde ela é, mas achamos uma amostra curiosa e resolvemos dar uma pesquisada.

E aí caímos em um slideshow sensacional da PC World americana. Criado por Benj Edwards, o slide “Evolution of Game Media” traz 14 slides desde a primeira geração dos videogames.

O excelente site Video Game Console Library também tem uma página dedicada às mídias (cartuchos, DVD, disquete e até o download) em cada geração.

Vale a pena conferir. Quantas mídias você, leitor, conheceu?

Hack para Kinect permite jogar Super Mario com movimentos

Até o momento comentamos pouco dos hacks para o acessório Kinect por aqui, só que um que pipocou na web durante o fim de semana não pode ser deixado de lado.

O hacker Yankeyan colocou no YouTube um vídeo em que ele mostra como o aparelho pode ser usado para controlar uma versão emulada de Super Mario Bros.

Ele corre, Mario corre na tela. Ele pula, Mario pula. A programação para a mágica foi unir o uso dos drivers livres OpenKinect a um emulador de Nintendo.

Se você está pensando que deve ser mais fácil jogar simulando os movimentos do personagem, pense de novo. “Mario não foi feito para ser jogado assim, então isso é muito, muito difícil”, comentou.

Você pode ter uma idéia pelo vídeo, que merece ser visto…