Arquivo da categoria: Games

Fantasy Farming: Orange Season – game de administração de fazenda com toque de RPG é lançado na Steam

Já imaginou a fusão de RPG com farming? Pois é justamente essa a ideia do game Fantasy Farming: Orange Season, o novo título da em parceria com o estúdio nacional Tropical Puppy. Basicamente você é um jovem fazendeiro que deve auxiliar seus pais. Para isso, você deve administrar uma fazenda na cidade de Laranjal plantando vegetais e criando animais, enquanto convive com as pessoas excêntricas de Laranjal.

Um detalhe interessante é que você pode fazer amizade com os demais moradores auxiliando-os em pequenas tarefas. Essas tarefas, aliás, podem render prêmios valiosos. As tarefas são bastante variadas, e vão desde minerar pedras preciosas a pescar frutos do mar. Praticamente um simulador da vida de um fazendeiro. A intenção foi criar um game extenso, divertido e repleto de coisas a se fazer.

“Como alguém que cresceu jogando jogos de fazenda, mal posso esperar para começar uma vida como fazendeiro em Laranjal e conheçer as histórias de vida dos moradores do local. O Fantasy Farming: Orange Season parece fantástico e estou empolgado para ver o seu desenvolvimento continuar”, disse Bas de Jonge, Diretor de Marketing na SOEDESCO.

Os fãs de Harvest Moon se sentirão em casa com este jogo.Um Detalhe que chama atenção é o visual do game e sua trilha sonora, pois eles trazem um clima de 16 bits inconfundível.  Fantasy Farming: Orange Season está atualmente disponível em Acesso Antecipado no Steam, com uma pontuação ‘muito positiva’ de 94% de um total de 110 avaliações.

Abaixo você confere o trailer de Fantasy Farming: Orange Season:

Arena Extra estreia em Curitiba com atrações imperdíveis para fãs de games mobile

A capital paranaense receberá a mais nova e moderna arena gamer da América Latina neste sábado (14). Trata-se da Arena Extra – presented by Google Play, um espaço projetado para receber até 300 pessoas por dia, onde será possível jogar e interagir com influenciadores digitais e participar de uma verdadeira experiência de eSport. O espaço é fruto de uma parceria entre o Google e o Extra e estará localizado na loja Alto da XV, na entrada do supermercado. De acordo com o Extra, o espaço conta com cerca de 100m2, três telas de alta definição e assentos para 50 pessoas. A melhor parte é que o uso será gratuito.

“Por meio da Arena Extra, resultado do crescimento da categoria de vales-presentes na rede, nossos clientes vivenciarão a experiência do funcionamento de uma arena de jogos de alto nível, além de terem uma oportunidade exclusiva de explorar os principais games do mundo na companhia dos melhores jogadores do país, oferecendo, assim, uma experiência única e divertida na loja” destaca Alberto Calvo, diretor-executivo do Extra. “O Extra já é tradicionalmente uma marca pioneira no varejo e um grande ponto de encontro na comunidade em que as lojas estão instaladas. Estamos muito felizes em sermos o local em que essa iniciativa inédita ocorrerá no Brasil, reunindo fãs e admiradores de games e nos permitindo valorizar e divulgar nossa solução em vale-presente com o Google”, completa o executivo.

A programação será variada, mas já foi definido que Free Fire será o primeiro game a iniciar a promissora vida da Arena Extra. Nos dias 14, 15 e 16 de dezembro, os visitantes poderão encarar pró-players das equipes Corinthians e INTZ, duas das maiores equipes de Free Fire do mundo – o Corinthians, aliás, é o atual campeão mundial do game. Já nos dias 17, 18 e 19 de dezembro a principal atração será a presença de Piuzinho, influenciador de Free Fire que tem mais de 10 milhões de seguidores nas redes sociais.

Para participar, é necessário fazer um pré-registro no site oficial, agendando dia e hora da visita à Arena Extra. As vagas são limitadas, mas na loja será possível se cadastrar em uma lista de espera. Quem não conseguir ir à Arena Extra ainda poderá acompanhar o que rolou em cada evento por meio do site oficial.

Serviço – Arena Extra – presented by Google Play

Local: Extra – Alto da XV

Av. Mal. Humberto de Alencar Castelo Branco, 230, em Curitiba – PR

Horário: das 14h00 às 17h00

Programação (até o momento):

14/12 – INTZ e Corinthians, equipes de Free Fire

15/12 – INTZ, equipe de Free Fire

16/12 – Corinthians, equipe de Free Fire

17, 18 e 19/12 – Piuzinho, influenciador de Free Fire

Mais informações podem ser obtidas em http://www.arenaextra.com.br.

Phoenix BR conta história de superação após sofrer AVC aos 19 anos de idade durante jogo online

Não é incomum jogadores de videogames passar horas em frente a TV desbravando mundos fantásticos, entretanto alguns casos servem de alerta para não deixar a saúde de lado. Um bom exemplo é do jovem Guilherme Nogueira – Phoenix BR – que negligenciou uma dor de cabeça intensa durante uma sessão online. Pensando ser algo sem importância, talvez devido à própria tensão natural do jogo, não quis sair da partida. Mas ao terminar, a dor ficou insuportável e Guilherme pediu ao irmão para levá-lo ao hospital. Chegando lá, recebeu um diagnóstico inesperado: estava tendo um Acidente Vascular Cerebral (AVC), o popular derrame, que impede a circulação de sangue no cérebro e pode causar danos permanentes à função cerebral e até levar à morte.

A forma isquêmica do AVC é a mais comum e ocorre em 85% dos casos. Caracteriza-se pela obstrução a um vaso sanguíneo que fornece sangue ao cérebro, bloqueando a passagem de oxigênio para as células locais, chamadas de neurônios, causando a sua morte. Já na hemorrágica, um vaso enfraquecido rompe e sangra no cérebro, causando inchaço e aumento da pressão local 3. O AVC é uma das principais causas de morte e a principal causa de incapacidade no mundo 4 5. Segundo a World Stroke Organization, 1 em cada 4 pessoas terá um AVC ao longo da vida.

Na época Guilherme tinha 16 anos e como seu caso foi sério, levou três anos em recuperação gradativa. Desde então Phoenix BR têm usado seu canal no Youtube, onde conta com mais de 680 mil inscritos, para alertar sobre a doença. O objetivo é alertar os jogadores sobre os cuidados básicos com a saúde.

“Meu objetivo é chamar atenção das pessoas sobre a importância do rápido atendimento em casos de AVC. Se eu estou aqui para contar essa história foi por causa do rápido reconhecimento dos sintomas e da agilidade da equipe que me recebeu no hospital”, explica.

O gamer aderiu à campanha A Vida Conta, uma iniciativa da ONG Rede Brasil AVC em parceria com a Sociedade Brasileira de Doenças Cerebrovasculares, com apoio da Boehringer Ingelheim. Phoenix BR gravou um vídeo que está disponível em suas redes sociais e nos canais da Rede Brasil AVC, ONG formada por profissionais de diversas áreas que unidos lutam para diminuir o número de casos da doença, melhorar o atendimento pré-hospitalar e hospitalar ao paciente, melhorar a prevenção ao AVC, propiciar a reabilitação precoce e reintegração social.

Menos de 2% das pessoas acometidas pelo AVC estão na faixa etária entre 18 e 29 anos. A neurologista e presidente da Rede Brasil AVC, Dra. Sheila Martins, explica que a cada minuto sem tratamento do AVC, 1,9 milhão de neurônios são perdidos. Para se manter longe do risco, a médica recomenda não fumar, diminuir o sal na dieta, comer mais frutas e vegetais, praticar de atividades físicas regulares e restringir o consumo bebidas alcoólicas, já que cerca de 90% dos AVCs são associados a fatores de risco que podem ser prevenidos Sobre a campanha A Vida Conta

Abaixo você confere o vídeo da campanha com Phoenix BR:

Tudo sobre Cassino Online Brasil

Você sabia que o cassino online Brasil é algo que cada vez mais ganha destaque? O melhor é que diversas plataformas estão chegando no mercado por aqui! Você pode conferir algumas delas em www.cassino.org!

Embora os cassinos sejam proibidos aqui em território nacional, essa regra não se aplica aos cassinos online, sabia? Isso tanto é verdade que muitos sites internacionais estão se dedicando ao nosso mercado!

Em geral, esse tipo de plataforma consiste em uma espécie de tradução para o português, onde são incluídos diversos aspectos! Isso se refere às promoções e até mesmo meios de pagamento adequados para nossa realidade!

Mas, a concorrência está cada vez mais acirrada! E isso é fruto do evidente sucesso que as apostas online estão obtendo!

E diante disso, escolher as melhores e mais seguras é algo mais difícil do que a ação de jogar em si! Quer saber mais detalhes sobre o assunto? Então confira agora mesmo!

Conheça as melhores opções de cassino online Brasil!

No decorrer desse conteúdo você terá a oportunidade de se inteirar mais a respeito desse assunto! Isso porque você poderá conhecer as melhores opções na hora de fazer seu cadastro em um cassino online Brasil!

Para tanto, são diversos critérios que precisam ser analisados para que seja possível encontrar uma boa solução! E essa solução deverá ser focada, basicamente, em suas necessidades ou perfil!
Um dos caminhos a ser considerado é justamente dar prioridade para as empresas que se dedicar a ofertar as melhores condições!
Nesse caso, considerar àqueles que ofertam bônus de boas vindas pode ser boas opções! O mesmo vale para sites com um atendimento diferenciado e até mesmo promoções para membros!

Outros detalhes que contam muitos pontos na hora de encontrar um cassino online ideal é entender se a navegação do ambiente é intuitiva!

Tudo isso somado a um ambiente devidamente seguro e, claro, de inquestionável confiança! Afinal, você estará apostando dinheiro, não é mesmo?

E quais as vantagens em se cadastrar em um Cassino Online?

Não é nenhuma novidade que a quantidade de empresas internacionais para sites de apostas é uma crescente! E essas mesmas empresas estão sempre oferecendo boas experiências para os jogadores brasileiros!

Em geral, essas são empresas que detém um incrível renome internacional e que ainda estão percebendo como o nosso mercado é vantajoso!

E isso acaba acontecendo justamente porque por aqui não há nenhuma empresa nacional de apostas online. Isso sem contar o impedimento de cassinos presenciais ou salas de bingo!

O que resta aos apostadores de plantão é justamente contar com o cassino online Brasil, que é formado por empresas estrangeiras!
Como até pouco tempo atrás somente havia sites com conteúdo em inglês, poucas pessoas acabam se rendendo a essa prática! Porém, isso mudou nos últimos anos!

Nos dias de hoje é totalmente possível encontrar sites de cassino online que permitem uma experiência bastante positiva. E isso tanto nas apostas esportivas ou nos próprios cassinos online!

Tanto que se sentir em uma espécie de Las Vegas virtual não deve soar como um exagero! A experiência realmente não deixa a desejar!

Além disso, em uma rápida pesquisa na internet já é possível ver depoimentos de apostadores que conquistaram ótimos lucros. E isso por meio de simples apostas!

Ou seja, será que você realmente precisa de mais motivos para entender que jogar online pode ser uma grata surpresa? Provavelmente, o que resta mesmo é jogar de fato!

cassino las vegas

Apostar online é confiável!

Se você está realmente pensando em acessar esses sites de apostas online e está com o pé atrás, isso é natural! Na verdade, é absolutamente aceitável!

Afinal, quando se trata de algo que envolve seu dinheiro e tempo, é sempre natural ficar com receio ou descrente!
Um dos maiores medos, de uma maneira geral, consiste em passar por alguma fraude!

Mas, se você está cogitando apostar de maneira virtual, precisa saber que os ambientes são realmente confiáveis!

Logicamente que é fundamental que você pesquise e se informe sobre a procedência da empresa de apostas! Tentar confirmar o que outras pessoas têm a dizer sobre ela também é interessante.
Nesse caso, ao escolher um site que tenha licença para manter suas atividades é um grande diferencial! Isso quer dizer que dificilmente você irá acabar caindo em um golpe!

Portanto, quando se trata de cassino online Brasil, uma coisa é certa: pode confiar! Essas é uma tendência dos últimos anos e vale a pena conhecer!

A Bandeira do Elefante e da Arara – RPG clássico lança financiamento coletivo para virar game

Quem acompanha o mercado de board games certamente já ouviu falar do RPG A Bandeira do Elefante e da Arara, game ambientado em uma versão fantástica do período colonial brasileiro e que se tornou um dos mais populares e premiados do país. Pois bem, há uma grande chance de ele migrar das mesas para os computadores, afinal há uma campanha de financiamento coletivo em voga no Catarse.

Para quem não conhece, A Bandeira do Elefante e da Arara nasceu com contos e se espalhou por diferentes formatos e mídias, como romances e HQs. A série original levou as histórias e lendas brasileiras para o mundo, sendo traduzida para sete idiomas e alcançando mais de 100 mil leitores. Tornou-se também um RPG de sucesso internacional, já com sete títulos lançados, ao adaptar o riquíssimo folclore do nosso país para a fórmula do RPG de mesa. Trata-se do único RPG nacional a receber nos EUA o prestigioso prêmio ENnie, um dos maiores do RPG.

O objetivo do game é levar toda a tradição do board game para o ambiente digital. Para isso, no gane, o jogador vai acompanhar a história de Baltasar, um jovem português em busca de aventuras e redenção nas terras inexploradas da colônia. O caminho do jovem é interrompido por um touro negro, uma tribo de guerreiras indígenas e uma entidade ancestral. Tudo isso em uma terra em eterno conflito. O jogador forma então um grupo de até quatro personagens para desbravar a região entre Olinda e São José do Maranhão.

O game está sendo desenvolvido pelo Time Galleon Studio, que foi formado para o projeto, mas que conta com experientes profissionais. Outro destaque é que o gane contará com um estilo artístico único, que retrata com esmero o Brasil colonial. As batalhas, vale dizer, serão por turno.

De acordo com os desenvolvedores, a narrativa é intrigante e convida o jogador a testar seus limites de ética e moral através de escolhas ingame. Essas escolhas, aliás, afetam o desenvolvimento e conclusão do jogo. Ao longo da aventura é possível coletar itens e habilidades que afetam as habilidades do personagem. A ideia é fazer um RPG clássico com a adição de coisas mais modernas. Mais informações na página oficial no Catarse.

Abaixo você confere o trailer de Três Reinos:

Conheça Antifa, o game que quer ensinar os gamers a combater o fascismo

O reino de Dumpland está em apuros! Um líder verborrágico usou sua influência política e sobre os meios de comunicação para perpetuar seu discurso fascista sobre este reino. Centenas de pessoas acabaram aprisionadas em celas por falar contra o governo e os canais de TV parecem presos à imagem hipnótica dos discursos inflamados desse líder. Cabe a um jovem revolucionário combater esse governo controverso utilizando apenas uma máscara de gás e coquetéis molotov para combater o político. Esta é a premissa de Antifa, o jogo do estúdio indie Wobbly Dev, cujo objetivo é justamente trazer um discurso político para os jogos eletrônicos.

Antifa é o herói que dá nome ao jogo e seu antagonista é o líder político Humpel Dumpty, uma analogia clara ao 45º Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. O vilão do game conseguiu utilizar sua influência para entupir os televisores com seus discursos inflamados e – não satisfeito – colocou seus capangas para calar quem se opõem a sua ideologia. Para libertar a população, Antifa deve destruir as TVs com a imagem de Dumpty  e derrotar os capangas saltando sobre suas cabeças. No mundo de Dumpland não há meio termos: para derrotar o fascismo é necessário lutar.

A sátira não passa despercebida e graças a seu tom humorado angariou as atenções dos jogadores, tanto de opositores de Trump quanto dos apoiadores, o que gerou revolta de muita gente pela internet assim que ficou disponível na plataforma itch.io. A jogabilidade e o estilo gráfico não deixam enganos: a inspiração foi Super Mario World, da Nintendo. Inclusive algumas caixas devem ser destruídas para obter suprimentos para continuar a luta, tais como os coquetéis molotov.

Suas mecânicas são básicas, ou seja, progredir da esquerda para a direita e saltar sobre as plataformas para desviar dos capangas, destruir as TVs ou derrotar os inimigos. Ainda que pareça simples, não é muito simples se adaptar aos comandos, pois os controles não são muito responsivos (até lento). Ao final das fases, o jogador deve confrotar sub-chefes, que são analogias aos grandes fascistas da América do Norte. Durante a jogatina o jogador passa por prisões, esgotos, cidades etc, até chegar na infame Dumpel Tower e enfrentar Dumpty pessoalmente.

“O impulso por trás de fazer o jogo Antifa foi simplesmente a falta de jogos de computador abertamente antifascistas”, disse Wobbly Dev para o site VICE, com tradução pela Vice Brasil. “Considerando o entendimento equivocado geral da importância histórica e contemporânea do movimento antifascista, eu queria fazer um jogo que fosse acessível, fofo e inconfundivelmente antifascista em seu conteúdo.”

A jogabilidade é a coisa menos relevante de Antifa, pois o foco mesmo é o conteúdo. A ideia básica é que os fascistas comandados por “Dumpty” devem ser confrontadas pelas pessoas comuns, caso desejem ver a liberdade novamente.

“A primeira fase da prisão é só o começo dos horrores”, diz Wobbly Dev. “As próximas fases vão revelar um mundo maior contra o qual o jogador tem que lutar.”

Abaixo tem o trailer de Antifa:

Quando devo comprar um novo videogame?

Desde o início do ano os rumores sobre o sucessor do Xbox One e do PS4 já eram pautas recorrentes na editoria de games. Com essas notícias uma onda de aficionados por jogos eletrônicos que ainda não possuem qualquer desses aparelhos passou a conjecturar se ainda vale a pena comprar um videogame da geração atual ou esperar o lançamento das novas máquinas. Pensando nisso e na iminência de novos consoles invadindo o mercado, elaboramos este guia para responder qual o melhor momento para comprar um novo videogame?

Há um consenso entre os consumidores: comprar um videogame no início da geração é um péssimo negócio! Isto porque o início da vida útil de uma plataforma tende a ser sofrível. Em geral um console de lançamento tem uma biblioteca reduzida de jogos, o preço das plataformas tendem a ser maiores e podem ter uma leva mal funcional. Em contrapartida, uma plataforma já antiga já conta com uma biblioteca gigantesca de jogos (incluindo jogos de alta qualidade), tem um hardware já testado e comprovado e preços inferiores às novatas.

Falando assim, parece óbvia qual a melhor escolha, certo? Não é tão simples assim! Uma plataforma em final de ciclo realmente terá um preço menor, porém isto porque ela desvalorizou com o tempo. Isto acontece porque a tecnologia já está defasada e há a certeza de que a máquina deixará de receber novos jogos em pouco tempo. Se você é um gamer hardcore e extremamente antenado às novidades, será péssimo acompanhar a geração surgindo estando de fora.

Além disso, um novo videogame é um investimento para o futuro da tecnologia, ou seja, ao comprar um novo videogame, você está apostando que ela trará os melhores e mais desejados jogos dos próximos anos. Ainda que ter a experiência de jogar o clássico instantâneo God of War do PS4 seja uma ideia atrativa, é possível que essa plataforma tenha retrocompatibilidade. Imagine o que mais o PS5 pode te oferecer…

A questão preço

A menos que você seja um masoquista financeiro, com certeza vai preferir gastar menos dinheiro. Ainda que você decida comprar o PS5 ao invés do PS4, é certo que seu preço cairá em alguns meses. Lembre-se que o PS4 chegou ao Brasil por R$ 4.000,00 e atualmente pode ser encontrado por aproximadamente R$ 1.700,00. A queda de preço foi gradativa, porém real. Uma pessoa que comprou o PS4 no lançamento brasileiro fatalmente tem a sensação de que fez mau negócio (em termos financeiros), afinal uma vez que saiu da loja, o produto só desvaloriza. Assim, esperar a queda de preço é o mais adequado.

A questão da biblioteca de jogos

Um videogame antigo, conforme dito anteriormente, tem uma biblioteca rica e estabelecida. Quem não gostaria de comprar um Game Cube para jogar o clássico The Legend of Zelda: The Wind Waker? Mesmo sendo um game datado, a qualidade do título vale o investimento tardio. Muitos retrogamers entendem que o ideal é comprar um console e seus jogos em um prazo aproximado de seis anos após o lançamento. Pois é neste período que os preços dos jogos estarão mais baixos e estabilizados nas lojas. Entretanto há um perigo ao adotar essa estratégia: um jogo antigo pode ganhar status de item de colecionador, o que irá multiplicar seu preço original.

Um ano a dois de seu lançamento garantirá que você salve alguns reais no preço dos jogos e possa selecionar os melhores jogos produzidos neste período. Já um videogame de lançamento contará com uma biblioteca de jogos (novos) pequena e para piorar, nem todos serão bons. Se a plataforma contar com retrocompatibilidade, você ficará restrito a jogar jogos já antigos, tendo pago o preço de um console muito mais caro.

A espera por quedas de preço

A história mostra a tendência: após um ano de seu lançamento, um videogame tem corte de preços. Tanto a Sony, quanto a Microsoft reduzem os preços de suas plataformas com certa periodicidade, cerca de um ano, até que a base de jogadores seja alta o bastante para garantir um preço menor.

Outra dica é evitar comprar um videogame no final do ano, pois é durante o natal que os preços tendem a ser mais altos, se o produto for um lançamento. Já os meses de janeiro e fevereiro contam com ações de queima de estoque das lojas. Ou seja, o ideal é comprar um sistema novo no início do ano. Há um porém: a Black Friday de novembro tende a contar com preços realmente atraentes.

Espere por novos modelos

Outro detalhe importante na hora de comprar um videogame: espere um novo modelo chegar ao mercado. Primeiro porque terá um hardware otimizado; segundo porque o preço será menor. Sim, esperar até a versão slim do PS5 pode ser torturante, porém você poderá ter uma máquina com mais funções e com um hardware mais confiável. Basta analisar a primeira versão do Xbox 360 original com a versão S surgida anos depois.

Lojas físicas ou sites de e-comerce

Há uma percepção de que lojas físicas cobram preços mais elevados e isto não está errado. Apesar de lojas de esquina não precisarem pagar empresas de entregas, as lojas físicas pagam aluguéis altíssimos e manutenção predial. Assim, as lojas têm repassado esses preços aos consumidores. Já as lojas digitais conseguem oferecer o mesmo produto a preços menores. O ideal é comprar um videogame através de sites, sendo ele um novo lançamento ou um console mais retro.

Uma solução bastante útil é o site Promobit, (que possui app também) a comunidade de curadoria que filtra promoções de lojas digitais. Se você vai comprar um novo aparelho, tenha certeza de localizar o preço mais baixo entre o ambiente que oferece preços menores. A Black Friday, aliás, oferece uma oportunidade única de comprar seu aparelho a um preço atrativo. Então, comprar o aparelho durante essa época do ano é realmente recompensador.

Infográfico: The Legend of Zelda

The Legend of Zelda, a lenda entre os jogos eletrônicos, começou a ser vendido no formato de cartucho nos Estados Unidos. O jogo sobre um jovem guerreiro que deve salvar uma princesa, foi o primeiro da história dos video games a ter bateria interna para que os jogadores pudessem salvar o progresso e começar de onde pararam.

Quando o jogo comemorou 30 anos, Scott Lininger e Mike Magee decidiram levar uma versão do jogo de 1986, que foi soberano na época do NES, diretamente para os navegadores. Para isso, basta ter um plano de internet virtua em casa ou no celular como a Claro oferece, ligando no telefone NET. Uma vantagem é que essa adaptação também tem controles amigáveis para dispositivos móveis com touchscreen, o que oferece ainda mais flexibilidade para quem desejar jogar.

Não sabe por onde começar? Veja no infográfico abaixo a ordem cronológica dos jogos:

The Legends Of Zelda

USP lança, a Games for Change, nova aceleradora de jogos do Brasil

O dia 5 de dezembro será marcado como um acontecimento positivo para nossa indústria de games., pois é nessa data que a USP lança sua nova aceleradora de desenvolvimento de jogos de alto impacto social, a Games for Change. A iniciativa será uma subsidiária da G4C Accelerator de Nova York, em parceria com as agências da ONU para drogas e crime – UNODC, para educação, ciência e tecnologia – UNESCO e apoio da Associação Brasileira da Indústria de Jogos, ABRAGAMES.

“A indústria brasileira nascente na área de jogos digitais já se mostrou tão criativa e competente quanto as melhores do mundo em segmentos como aventura, fantasia e simuladores. Mas é óbvio que nosso potencial criativo precisa ser dirigido para a solução de problemas de natureza social, de saúde individual e coletiva, ambiental e cultural”, afirma Gilson Schwartz, que há 10 anos representa a rede Games for Change na América Latina.

A competição Pitch for Change, que faz parte da primeira edição da SPPW – São Paulo Play Week, marca o lançamento da iniciativa no Brasil. A Comissão Julgadora avalia no dia 5 de dezembro, no Centro de Estudos de Negociações Internacionais do Instituto de Relações Internacionais da USP, mais de 20 projetos pré-selecionados nas categorias ideias, protótipos e jogos em desenvolvimento avançado.

“O futuro da economia criativa no Brasil está nas mãos de quem encontrar o ‘mix’ adequado entre competição por mercado e colaboração para a solução de problemas, tanto por meio de jogos digitais quanto analógicos, brinquedos e aplicativos”, completa Schwartz.

Os vencedores terão apoio da Games for Change para levar seus projetos adiante, apresentar os resultados no festival em Nova York em junho de 2020 e atuar intensivamente no mercado internacional com apoio da CAPES, a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior do Ministério da Educação, que apoia a iniciativa de aproximar o grupo da USP de universidades e centros de pesquisa sobre jogos e economia criativa na Inglaterra, Alemanha, Espanha, Israel e EUA. Mais detalhes e inscrição para o evento aqui.

SERVIÇO: Pitch for Change 2019

Data: 5 de dezembro de 2019

Local: Auditório do Instituto de Relações Internacionais

É possível ganhar dinheiro em apostas esportivas

Será que realmente é possível ganhar dinheiro em apostas esportivas? Certamente muitas pessoas já se fizeram essa mesma pergunta em algum momento, não é mesmo?

Essa é, na verdade, uma dúvida bastante comum para quem está começando a apostar! Mas, para poder entender isso, é fundamental ficar atento a alguns aspectos fundamentais!

O fato é que não há e nem nunca haverá uma fórmula mágica ou mesmo receita para ganhar dinheiro com apostas! Se você acreditava nisso, saiba que é hora de rever seus conceitos!

Outro ponto é que quem está entrando nesse universo esperando que tudo seja fácil, irá cometer um ledo engano! Acredite: não é fácil!

Mas, o lado positivo de toda essa história é que há métodos que podem lhe ajudar a ter sucesso! Ou seja, é totalmente possível ganhar dinheiro em apostas esportivas, desde que se aposte nas estratégias certas!

Quer entender mais a respeito desse tema e compreender como ter sucesso e bons lucros? Então você poderá descobrir isso no decorrer desse conteúdo! Confira!

ganhar_dinheiro_em_apostas_esportivas_01

Qual o método para ganhar dinheiro em apostas esportivas?

Como qualquer bom apostador que se preze, e importante que você entenda melhor esse universo! Aliás, somente uma boa bagagem de conhecimento e estratégias poderá lhe ajudar nessa empreitada!

Isso envolve, basicamente, entender qual o valor do evento em questão, de forma a compreender se ele é ideal ou não!

Quando você conhece bem o método acaba sendo possível ter um bom desempenho no decorrer de sua trajetória como apostador!

Para ficar mais claro, vamos tomar como exemplo o seguinte cenário:

  • Supondo que você tenha uma moeda e que queira jogá-la para cima.
  • Se der cara: você recebe 1 real
  • Se der coroa: você paga 1 real

Como você considera essa ação? Acredita que estamos falando de uma aposta de valor? Se a sua resposta foi sim, saiba que errou! Isso porque estamos tratando de uma situação onde a chances são de 50% para qualquer resultado!

Ou seja, o cenário acima descrito nada mais é do que a mais pura sorte! Não há como usar uma técnica ou estratégia!

  • Mas, vamos agora imaginar um segundo cenário:
  • Se der cara: você recebe duas vezes o valor da aposta
  • Se der coroa: você que deverá pagar uma única vez

Isso sim pode ser considerado uma aposta de valor! Ou seja, o lado que você escolheu na moeda irá pagar mais caro do que o outro lado!

Isso que um apostador precisa entender e ter em mente para poder ganhar dinheiro em apostas esportivas. O método e a estratégia serão a sua chave para o sucesso!

ganhar_dinheiro_em_apostas_esportivas_02

E o que mais você deve saber para ganhar dinheiro em apostas esportivas?

Prática! Isso mesmo! Um bom apostador não será de fato bom se não se permitir acumular conhecimento! Você deverá ser capaz de pensar nos caminhos e estratégias a serem seguidos!

Nunca parar de estudar as possibilidades e alternativas é outra dica de ouro! Se manter em um constante aprendizado certamente irá lhe render excelentes frutos no final das contas!

Sites de apostas confiáveis também é um critério!

Se a ideia é realmente ganhar dinheiro em apostas esportivas, é importante que você recorra a sites confiáveis!

Estamos falando de um mercado muito rentável! Por isso, constantemente novas empresas surgem para tentar abocanhar sua fatia de lucros!

O fato é que nem todas as empresas são totalmente confiáveis. E isso quer dizer que você deverá também recorrer a alguns aspectos para filtrar quais os sites ideais!

Isso inclui confirmar como é o feedback de outros apostadores, tempo de atividade da empresa, entre outros! Além disso, procure saber como é o processo de atendimento! Isso pode ser um grande diferencial!

Faça uma boa gestão de banca!

Essa é uma recomendação bem importante! No caso, vale a pena utilizar o menor valor possível ao menos no começo!

Isso porque, no começo, a maior tendência é a perda de dinheiro. Lembre-se que você poderá estar lidando com apostadores mais experientes e que sabem ganhar dinheiro em apostas esportivas!

Até que você tenha algum retorno, é ideal investir nas apostas com cautela! Por meio de uma gestão mais delicada, seu prejuízo poderá ser mais controlado, evitando que a “banca quebre”.

Quando você tiver maior consistência, já poderá começar a usar um valor maior. Tudo poderá depender da variação de risco envolvida!

Gostou dessas dicas para começar a ganhar dinheiro em apostas esportivas? Então comece a testar essa estratégia e conhecimentos!