God of War 2: alguns comentários

Confesso que levei um tempo para começar a jogar God of War 2. Um pouco pelo medo de me decepcionar com as fatídicas continuações dos grandes clássicos, mas tomei coragem e comecei o “trabalho” (é assim que chamo todos os games que inicio).

De cara Kratos está mais Kratos do que nunca. Em sua posição de Deus da Guerra, obtida após derrotar Ares no primeiro God of War, Kratos se revela mais impiedoso que seu antecessor. Soldados de Esparta estão em uma batalha em Rhodes quando um deles invoca aos céus a ajuda do “Deus da Guerra”, que parte para aniquilar mais uma cidade, ignorando os apelos da Deusa Atenas e seu aviso de que seus atos revoltam os demais deuses do Olimpo.

Kratos desce gigantesco em Rhodes, mas… Uma águia pousa em seu ombro, lhe retira a energia de seu corpo, que volta a ficar no tamanho humano e ainda mais, o Colosso de Rhodes ganha vida e Kratos deve enfrentá-lo. Traído pelos deuses do Olimpo Kratos começa sua aventura… Aí, meus amigos, o melhor estilo God of War aparece. Batalhas impressionantes, cenários magníficos que exigem percepção do jogador e uma jogabilidade que supera o primeiro título nos deixa atônitos…

Tudo isso no primeiro ato, que termina com uma reviravolta incrível onde Kratos encontra em Zeus, o senhor do Olimpo, o seu algoz. Kratos é morto por Zeus, mas…

Bom paro por aqui pois a vontade de contar a história toda pode revelar supresas maiores ainda e espero que vocês, leitores do GameReporter.org as encontre. Ainda não terminei o “trabalho” mas vou em frente! E você, já terminou o jogo?

:: Mais God of War II: leia a matéria do Jocelyn Auricchio no Link

Mulherada na Copa Mundial de E-Sports

O campeonato Electronic Sports World Cup, uma espécie de Copa do Mundo dos jogadores profissionais de títulos em rede, organizará pela quinta vez um torneio feminino de Counter-Strike.

De acordo com o site IGN, o campeonato de garotas acontecerá na grande final de Paris, dos dias 5 a 8 de julho, reunindo 24 equipes. Destes, 10 times convidados entrarão em uma liga contra 13 equipes vitoriosas de outros campeonatos internacionais e mais a campeã da edição passada, que tentará defender seu posto por mais um ano.

Os 13 times que venceram outros campeonatos virão dos seguintes países: Alemanha, Áustria, Bélgica, Bulgária, Canadá, China, Espanha, França, Holanda, Noruega, Rússia, Sérvia e Suécia. Times de outros países poderão disputar um dos dez convites se inscrevendo entre os dias 12 e 26 de abril por email (candidate@eswc.com).

:: A fonte: leia a matéria completa na Magnet

Consertando Xbox 360

Fase de Donkey Kong feita com Post-It

Estudantes da University of California recriaram um estágio de Donkey Kong usando 6.400 Post-Its nas janelas de um edifício. A tarefa juntou um time de 10 pessoas que levaram aproximadamente 5 horas para completar o trabalho. Sensacional, não? (Via Gamehall)

:: Mais informações: detalhes sobre o projeto
:: Fotos: veja como foi o processo de construção

Sensacional: Ghosts’n Goblins em Flash

Para quem viveu intensamente os jogos dos anos 80, vai gostar de relembrar este jogo, que é um dos meus favoritos. Lembro que gastei muito dinheito em um fliperama perto de casa para tentar, sem sucesso, chegar ao final do glorioso Ghosts’n Goblins, ou simplesmente, Fantasminha, como era chamado o game perto de casa. A molecada preferia usar este termo do tentar pronunciar Ghosts’n Goblins, algo complicado até hoje, pelo menos para mim.

Pois bem, e não é que o Flavio Jarabeck, editor do Internet Drops, encontrou uma versão em Flash do jogo. Mesmo depois de 15 anos, ainda não consigo passar da segunda fase. Alguém aqui conhece o final do game? Vou continuar tentando. Comente no Fórum.

:: Para jogar: clicar aqui e boa sorte

Pac-Man no escritório

Homenagem aos games antigos


Vídeo sensacional com cenas de 115 jogos das gerações 8 e 16 bits. Uma homenagem de Chris Scullion, jornalista da Nintendo Magazine inglesa, aos seus jogos preferidos. Esses jogos sem dúvida alguma fizeram parte da infância de qualquer gamer que nasceu no final dos anos 70 e começo dos 80. (Via Oitobits)

Second Life sedia Big Brother virtual

A desenvolvedora de jogos Eletronic Arts (EA) e a Endemol, criadora do formato do programa “Big Brother”, anunciaram ontem (16/4) uma parceria em um novo projeto, que pretende combinar os reality shows de TVs com a realidade virtual no Second Life.

:: Tudo aqui: leia matéria completa no G1 da Globo.com
: Mais: entenda como funciona a versão brasileira do Second Life

WiiHelm: para jogar com a cabeça

Game é diversão e aprendizado

Cláudia Stippe é pesquisadora em tecnologia educacional. Foi pioneira no uso na tecnologia em aula e é gerente de tecnologia educacional do Grupo Klick e consultora da Microsoft. Ela falou sobre games na escola.

Como os jogos podem ser usados para reforçar o ensino?
Os games foram o primeiro suporte tecnológico. No começo usávamos até Mario, Lemmings e Carmen San Diego. Era para suprir a falta de softwares pedagógicos. Os games são até melhores porque os programas didáticos muitas vezes são reproduções de livros. Tudo que dá para fazer no papel, não precisa ser feito no PC.

:: Entrevista completa? Leia no Link do Estadão
:: Mais: Game cria solidariedade entre alunos

Games Independentes, Jogos Nacionais, Produção de Games e muito mais.