Arquivo da tag: Wolverine

7 games inspirados nas histórias em quadrinhos

Um dos formatos de entretenimento mais antigo do mundo, as histórias em quadrinhos são um sucesso mundial, principalmente os personagens icônicos da Marvel e da DC Comics. É claro que com o advento da tecnologia esses quadrinhos foram adaptados para diversas mídias como o cinema, as animações, e é claro, os videogames. Nessa lista nós trazemos 7 jogos inspirados por personagens de histórias em quadrinhos, seguindo uma ordem cronológica pra você acompanhar um pouco da história dos videogames.

Era 8 Bits:  Superman (Atari 2600)

Superman dispensa apresentações. De quadrinhos ele virou a herói de cinema, desenhos animados, brinquedos de todos os tipos e até kit de Bingo do Superman (como pode ver na imagem abaixo). Nem mesmo o universo das apostas e de Bingo (hoje, comumente jogado em sites online) podem se distanciar do homem de aço.

O maior ícone dos super heróis, considerado o pai dos Super Heróis, Superman de Atari foi lançado em 1979, e foi o primeiro jogo de videogames baseado num personagem em quadrinhos. O jogo foi um dos primeiros jogos single player do console, foi também o primeiro game a usar várias telas para montar uma fase. Foi um dos pioneiros a ter uma função de pausa, e é considerado um jogo a frente do seu tempo. Na história, Lex Luthor destruiu uma ponte e soltou alguns criminosos, você deve reparar a ponte, prender os criminosos, e voltar para o seu trabalho no planeta diário.

Homem Aranha (Atari 2600)

Em 1982, o amigo da vizinhança ganhou o seu primeiro jogo, para o já não tão badalado Atari 2600. O jogo que foi desenvolvido pela empresa de brinquedos Parker e Brothers, consistia em ter que escalar prédios e desativar bombas plantadas pelo Duende Verde. Por maior que fosse a limitação técnica do Atari 2600, o game trazia uma fidelidade visual ao Aranha, e trazia uma interessante mecânica de Web Swing.

Era 16 bits: Teenage Mutant Ninja Turtles: Turtles in Time (Super Nintendo)

Lançado primeiro nos Arcades em 1991, mas chegando ao Super Nintendo no ano seguinte, Turtles in Time é um dos melhores Beat em’ Up já lançados. O jogo teve uma excelente recepção no seu lançamento e é lembrado e jogado até hoje por muita gente. Com possibilidade de jogar para até 4 pessoas no Arcade, e para 2 pessoas no Super, é diversão na certa descer a porrada no Clã do pé.

X-Men: Mutant Apocalypse (Super Nintendo)

Lançado em 1994, Mutant Apocalypse é um dos jogos mais elogiados dos mutantes até hoje. Produzido pela Capcom, que havia acabado de lançar o Children of Atom para os arcades, Mutant Apocalypse é um Beat em’ Up com 5 personagens. Ciclope, Wolverine, Fera, Gambit, e Psylocke. Na história, os 5 foram enviados pelo Professor Xavier para invadir Genosha e investigar a possibilidade de envolvimento de Apocalypse. No fim das contas os mutantes precisam enfrentar Magneto e sua turma. Infelizmente não somos como o Gambit e podemos energizar cartas de baralho, mas podemos usar o Betway para jogar umas partidas online de pôquer e aliviar o estresse.

Era 32 Bits: Shadow Man (PC/Nintendo 64/PSX/Dreamcast)

 Lançado em 1999, e baseado nos personagens em quadrinhos da Valiant Comics, Shadow Man é um game de aventura e ação que foi sucesso de crítica e vendas, alavancando até mesmo a não tão conhecida história em quadrinhos do personagem. O jogo recebeu uma média de notas 8 e 9 na época, e ficou marcado na memória de quem pode jogar.

Spider-Man 2: Enter Electro (PSX)

Lançado em 2001, como continuação do game do ano anterior, Spider-Man 2 melhora em tudo o que o game anterior fez, como a possibilidade de andar nas ruas, novas roupas, e uma história maior. Antes dos jogos baseados nos filmes do Homem Aranha, esse é seu game mais famoso, e é o melhor jogo baseado em Super Heróis da era 32 bits. O jogo sofreu algumas modificações e adiamento de lançamento por causa do incidente das torres gêmeas, que faziam parte de um dos cenários do jogo.

Era Moderna: Batman Arkham (PC/Xbox 360/Xbox One/Wii U/PS3/PS4)

Se tornou difícil falar sobre jogos sobre personagens em quadrinhos sem citar a série Batman Arkham, lançado em 2009 com Batman Arkham Asylum, e depois seguido pelas sequências Arkham City, Arkham Origins, e Arkham Knight. Os jogos pegam diversas referências dos quadrinhos do Batman, e cria seu próprio universo de histórias, trazendo uma trama de alta qualidade, gráficos excelentes e uma jogabilidade incrível. Conseguindo mesclar o Batman detetive, o Batman lutador, e é claro, apresentando a sua galeria de vilões com maestria, incluindo seu grande arqui inimigo, Coringa.

Menções Honrosas: The Death and Return of Superman, Adventures of Batman and Robin, Asterix, X-men Reign Apocalypse 1 e 2, os jogos do Homem Aranha baseados nos filmes do Sam Raimi, Marvel Ultimate Alliance, Injustice 1 e 2, Captain America and The Avengers, The Punisher, e muitos outros jogos baseados em personagens dos quadrinhos e não couberam na lista.

Super-heróis nos videogames

Jogos inspirados em super-heróis tornaram-se cada vez mais populares na última década. Certamente que esse fenômeno deve ter alguma ligação com a recente popularidade de filmes baseados nesses heróis, que chegam ao cinema e arrebatam milhões de dólares em bilheterias ao redor do mundo. A cada novo filme da Marvel ou da DC, milhões de fãs vão ao cinema e por consequência as produtoras de jogos acabam apostando no gênero.

É claro que não é de hoje que os heróis se fazem presentes nos videogames, prova disso são os clássicos como X-Men Mutant Apocalypse, Justice League Task Force e Marvel Super Heroes: War of the Gems da geração 16 bits. Claro que esses são os bons jogos, mas no meio do caminho sempre houve jogos sofríveis como o famigerado Superman: The New Adventures do Nintendo 64, Batman Beyond do PS1, e os atuais Iron Man 2 e Thor: Godo f Thunder da geração PS3/Xbox 360.

Hoje em dia os super-heróis estão em alta graças a grandes jogos como Batman (a franquia Arkham), Injustice: Gods Among Us, X-Men Destiny, Marvel: Ultimate Alliance, entre outros. Além do universo Marvel e DC, os heróis também são representado nos games por outras figuras de jogos bem sucedidos como Viewtiful Joe, The World Ends With You, Super Meat Boy, Klonoa etc. Esses jogos provam que um herói bem desenvolvido sempre ajuda as vendas de um game ainda que ele não seja estrelado pelo Batman ou pelo Capitão América.

Além desses jogos, vale destacar que nos últimos anos a tendência é as produtoras utilizarem a figura do herói em MMOs, de modo que o próprio jogador pode criar e representar a si mesmo como uma figura heroica em mundos fantásticos, tal como ocorre em Marvel Avengers Alliance, Super Hero Squad Online, Fusion Fall, DC Universe Online, iron man 3 slots, Infinite Crisis, Gotham City Impostors, Champions Online, City of Heroes, entre outros.

Existem alguns motivos pelos quais as pessoas gostam tanto de jogos com super-heróis. O primeiro é que os jogadores querem vivenciar as aventuras de seus personagens favoritos (quem nunca quis vestir o capuz do Batman e combater o crime?). Outro motivo é que os heróis geram um fascínio inexplicável entre as pessoas. Talvez mais legal do que bancar o herói é vê-lo em ação ou meramente referenciado ainda que seja em um jogo de cartas. As pessoas querem ver os heróis, mesmo que seja nos quadrinhos, animações, cinema ou videogames. Além disso, em geral, games do gênero mostram a “jornada d herói”, de modo que os jogadores se identificam com o personagem (tal como em Ocarina of Time).

Nos próximos meses os jogadores poderão jogar mais games com seus heróis favoritos. No radar estão Batman: Arkham Knight (de longe o mais esperado) e Lego Marvel Avengers. Mas há expectativa que muitos outros personagens apareçam nos videogames, afinal Vingadores: A Era de Ultron é um mega sucesso de bilheteria, assim como o filme do Esquadrão Suicida é bastante esperado, além de Batman v Superman e a fase 3 da Marvel nos cinemas. São os super-heróis nos videogames.

Nos próximos dias a E3 começará em Los Angeles e é quase certo que as produtoras vão apresentar novos projetos que permitam que os jogadores continuem vivendo na pele dos personagens mais famosos dos quadrinhos e dos cinemas.

Abaixo tem um vídeo elegendo os 10 melhores heróis nos jogos eletrônicos, de acordo com com site Watch Mojo: