Arquivo da tag: Star Wars

Dois eventos de Star Wars agitam a capital paulista em abril

A franquia Star Wars completa 40 anos agora em maio de 2017 e diversos eventos prometem agitar os fãs daquela Galáxia tão distante. Se você é de São Paulo, anote aí na sua agenda esses dois eventos ligados ao universo Jedi. A intenção é reunir fãs da franquia criada por George Lucas em bate papo, jogar, conhecer novos produtos e tirar fotos com cosplays. Ainda que já conte com quatro décadas, Star Wars permanece como um dos símbolos da cultura nerd que melhor sobreviveram ao teste do tempo. Um dos filmes mais esperados do ano é justamente o Episódio VIII.

Campeonato Nacional de X-Wing

O primeiro começa amanhã (01/04) no Centro de Convenções do Shopping Frei Caneca. Trata-se do Torneio Nacional de Star Wars: X-Wing, uma disputa organizado pela Galápagos Jogos para promover o jogo de tabuleiros. Este é o 2º Torneio Nacional organizado pela Galápagos e os planos são de que ele seja ainda maior que o de 2016. Assim como ocorreu no ano anterior, o grande campeão nacional receberá o convite para participar do Campeonato Mundial, que ocorre nos EUA, com a viagem paga pela Galápagos.

x-wingAs inscrições online já foram finalizadas, mas ainda é possível participar do evento, pois há inscrições abertas no dia do evento por R$ 85,00; Sábado das 7:00 as 8:15 e estão limitadas a 250 jogadores. Os cem primeiros inscritos recebem uma medalha estilizada para provar sua bravura como piloto. Tanto os vencedores dos Regionais de novembro, quanto os vencedores dos regionais do início do ano estão isentos do pagamento da inscrição e já têm bye garantido no primeiro round do Nacional!

 

Serviço – Campeonato Nacional de Star Wars: X-Wing 2017

Local: Shopping Frei Caneca

Endereço: Rua Frei Caneca, 569 – Consolação, São Paulo – SP

Data: 01/04 (sábado) e 02/04 (domingo)

 

Encontro Star Wars na FNAC Paulista

Já o segundo evento para o mês de abril é o lançamento oficial do blu-ray de Rogue One: Uma História Star Wars, lá na FNAC da Avenida Paulista. O evento está maracado para o dia 08 de abril e, além do lançamento do blu-ray, estão confirmadas outras atrações como um divertido bate-papo, presença de cosplays, exposição fotográfica e contação de histórias. A entrada é franca.

rogue-oneDe acordo com os organizadores, o encontro vai das 16hs e termina às 20hs sob o comando do Conselho Jedi São Paulo. Um dos pontos altos é a exposição de fotografias com 24 obras do fotógrafo Gustavo Arrais que revelam momentos cheios de referência aos filmes, tendo como modelos cosplays criados por fãs, membros do Conselho Jedi São Paulo e outros fãs clubes. Depois da Fnac Paulista, esta exposição segue para Fnac Barra, no Rio de Janeiro (junho), e Fnac Ribeirão Preto (julho).

Ingressos usados valem desconto na Fnac

Até o dia 31 de maio de 2017, a Fnac promove a campanha Salvem os Ingressos! Qualquer ingresso de programas culturais, como cinema, teatro, museus e shows, pode ser trocado nas lojas Fnac por descontos de 10% na compra de livros, CDs e DVDs. Dois ingressos usados valem juntos 20% de desconto na compra de qualquer livro. Para obter os descontos, basta apresentar um ingresso no caixa, na hora da compra. Esta campanha de promoção dos espetáculos e programas culturais é valida em todas as lojas Fnac, exceto site e Fnac GRU.

Serviço – Encontro Star Wars na FNAC Paulista

O que: Encontro de fãs, contação de histórias e abertura de exposição

Quando: Sábado, 8 de abril de 2017, das 16h às 20h

Onde: Fnac Paulista – Av Paulista 901 e Al Santos 960 (estacionamento), Jardins, São Paulo

Quanto: Entrada franca

Galápagos Jogos participa da Abrin 2016

Entre os dias 5 a 8 de abril o Expo Center Norte recebe a Abrin 2016, a maior feira de brinquedos da América Latina. Tudo bem que os jogos eletrônicos estarão praticamente ausentes da feira, porém há espaço para quem gista de board games, pois a Galápagos Jogos (uma das maiores editoras de jogos de tabuleiro do Brasil) estará presente e levará alguns de seus produtos mais bem sucedidos.

A presença da editora no evento mostra que jogos de tabuleiro tem ganhado mais espaço a cada dia, apesar da concorrência dos meios digitais e tecnológicos. A intenção da empresa é apresentar seus jogos licenciados, tais como “Guerra dos Tronos”, “Senhor dos Anéis”, “Star Wars” e “XCOM”. Todas essas são marcas de grande sucesso entre o público nerd e grandes atrativos para jogadores mais jovens e também para jogadores mais maduros.

A Abrin é uma boa oportunidade para mostrar que jogos de tabuleiro podem ser portas de entrada para o mundo digital. Um exemplo é o próprio XCOM, da Galápagos, que utiliza um aplicativo como manual de instrução durante o jogo. Deste modo, o game une o mundo dos jogos analógicos ao mundo dos jogos digitais.

Além de apresentar jogos previamente lançados, a Galápagos Jogos apresentará durante o evento, o Dobble, o primeiro jogo destinado ao público infantil com idade indicada para seis anos. O produto chega para intensificar o investimento da empresa no mercado infantil. O board game pode ser jogado de 2 a 8 pessoas.

Talvez a participação da Galápagos na Abrin se torne um incentivo para que outras editoras de jogos analógicos participem das próximas edições do evento, e quem sabe um dia veremos editoras de jogos digitais? Afinal existem muitos jogos criados especialmente para jogadores mais novos. A Xalingo, por exemplo, vai levar a sua série Interactive Play, que une o físico e digital em quebra cabeças para tablets e smartphones.

Serviço – Abrin 2016

Quando: 5 a 8 de abril
Onde: Expo Center Norte – Rua José Bernardo Pinto, 333 – Vila Guilherme – São Paulo

Code.org lança jogo de programação de Star Wars

Star Wars está em alta, bem como o mercado de jogos eletrônicos. Talvez seja por isso que a Disney juntou-se a Code.org para criar um jogo interativo para aprender programação. Star Wars: Construindo uma Galáxia com Código é uma aplicação gratuita cujo objetivo é introduzir as crianças ao mundo da programação e promover o raciocínio lógico.

Em poucas palavras, o aplicativo funciona da seguinte forma: as crianças criam desafios e jogos com personagens de Star Wars como a Princesa Leia, C3PO, BB8, Rey, R2D2, entre outros. Em uma das interações, os jogadores devem ajudar Leia a criar seu próprio jogo, utilizando ferramentas reais de programação. Deste modo, os jovens aprendem técnicas de programação de maneira rápida e fácil.

“Durante gerações, Star Wars despertou a curiosidade e imaginação das crianças e esperamos que o atrativo de personagens como a princesa Leia e Rey ajude a incentivar uma maior participação nas ciências e nas matemáticas, especialmente, entre as crianças de todo o mundo”, disse Kathleen Kennedy, presidente da Lucasfilm. “As ciências da computação contribuíram para dar forma ao nosso legado e mudaram a forma em que os filmes são realizados e, por esse motivo, projetos como esse são tão importantes para nós”.

A aplicação é gratuita e pode ser acessada através do site especial. A ideia não é que os usuários saiam da aplicação prontos para programar o próximo Star Wars Battlefront sozinhos, mas que a programação simplificada desperte o interesse e que no futuro esses jogadores possam se tornar desenvolvedores, porquê não?

Como acessar a aplicação de Star Wars:

Esta não é a primeira vez que a Disney se alia a Code.org para a criação de aplicações para jogadores mais novos. No ano passado as duas empresas criaram um tutorial de programação com as personagens Anna e Elsa de Frozen: Uma Aventura Congelante. Tal aplicação foi utilizada por mais de 13 milhões de vezes. Para acessar Star wars: Construindo uma Galáxia pode ser acessado no site da aplicação.

Flavia Gasi e Thiago Borbolla estão em Star Wars Battlefront

A EA Brasil acaba de anunciar uma notícia que surpreenderá os jogadores brasileiros: o aguardado Star Wars Battlefront contará com as participações dos carismáticos Thiago Borbolla e a Flávia Gasi na dublagem em português. De acordo com a gigante dos games, as duas personalidades darão vozes aos rebeldes durante os combates.

Tanto Thiago quanto Flávia são rostos bastante conhecidos pelos jogadores brasileiros e, mais importante, também são jogadores. Flávia é colunista do IGN Brasil e Thiago é editor-chefe do Judão. Segundo Thiago, a oportunidade é indescritível: “No mesmo ano, não só vai ter um filme de Star Wars como vai ter um jogo, com todo mundo que você cresceu vendo e é fã. E aí chega a informação que eu posso dublar um rebelde. Não sei se posso descrever isso com alguma palavra”, disse o jornalista.

De acordo com Jonathan Harris, Gerente de Negócios da Electronic Arts no Brasil, a decisão de incluir os dois profissionais de comunicação no novo Star Wars teve muito a ver com a identificação deles com o universo criado por George Lucas. “Queríamos ter pessoas importantes para a comunidade e que realmente fossem fãs da franquia participando dessa dublagem. Ficamos muito felizes com o resultado e estamos ansiosos para mostrar para o público”, disse o executivo.

O trabalho de dublagem foi realizado em Porto Alegre e os dois viajaram até a cidade para participar da bateria de gravações. Com a inclusão da dupla, Star Wars Battlefront conta com um casting de 39 vozes. O processo de localização já terminou e o lançamento do game está marcado para o dia 19 de novembro para Playstation 4, Xbox One e PC.

“Acabou aqui, mas por mim não acabaria, eu ficaria para sempre dublando coisas de Star Wars. Pra mim vai ficar marcado para sempre na memória como uma das coisas mais legais que eu já fiz. Fazer parte do universo Star Wars é profundamente tocante”, comemorou Flávia.

Confira os bastidores da dupla em Star Wars Battlefront

 

 

Galápagos Jogos lança RPG Star Wars: Fronteira do Império – Livro Básico

O Universo Star Wars está em alta! E não é para menos: em alguns meses todos estaremos vendo o início de mais uma trilogia nos cinemas de todo o mundo. Mas enquanto este dia não chega que tal conhecer outros produtos do universo expandido? A Galápagos Jogos acaba de lançar RPG Star Wars: Fronteira do Império – Livro Básico, um jogo para quem tem vontade de interpretar e vivenciar aventuras naquela Galáxia tão distante.

O livro chega ao país graças a uma parceria com a editora estadunidense Fantasy Flight Games. De acordo com a Galápagos, o jogo serve como ponto de partida para jogadores de todos os níveis de habilidade. Além disso, as regras foram criadas para simular situações e características do universo criado por George Lucas. Fichas de personagem mantêm as características criadas nas pontas dos dedos.

Tal como em outros RPGs de mesa, um dos jogadores assume o papel do narrador ou mestre, ficando responsáveis por apresentar os cenários, coadjuvantes e planos de fundo da aventura, que será desenvolvida a partir das ações dos personagens interpretados pelos demais jogadores. O livro possui regras detalhadas para auxiliar na resolução das ações, determinando os sucessos e falhas dos personagens em feitos como pilotar naves espaciais, enfrentar chefões da máfia ou negociar artigos tecnológicos com comerciantes corruptos.

Fronteira do Império é o primeiro de uma série de três sistemas que utilizam o mesmo conjunto de regras, mas abordam aspectos diferentes do Universo de Star Wars. Ele já está disponível em livrarias e lojas especializadas e na loja virtual da Galápagos pelo preço sugerido de R$ 179,90. No site também é possível encontrar outros produtos da linha Star Wars.

 

 

Sugestões de compras para gamers no fim de ano

 

 

zelda-a-link-between-worlds

Já estamos em dezembro e como de costume temos de pensar nos presentes de Natal, certo? Hoje o GameReporter tem algumas sugestões bem bacanas que acabaram de chegar ao mercado. Se você tiver bala na agulha não tema, seus filhos irão adorar os presentes. Caso não queira gastar muito, não tem problema: tem coisas baratas também.

Legend of Zelda: A Link Between Worlds: Até hoje não existe um único game da franquia Zelda que seja ruim. Felizmente para os fãs da série, Between Worlds é um dos melhores games do ano e um dos obrigatórios do Nintendo 3DS. O game recebeu notas altíssimas em reviews de sites mundo afora e os jogadores que compraram rasgaram elogios ao game. Como se não bastasse a qualidade do jogo em si, vale lembrar que o game é continuação direta do mítico A Link to the Past. Se você tem um 3DS ou possui um parente que detém o portátil, compre o game. É satisfação garantida!

Xbox-OneXbox One: O Xbox One é seguramente o console que vai fazer mais sucesso no Brasil por causa do preço ligeiramente menor que o concorrente. Os games lançados até agora não são lá o primor que se espera da nova geração de videogames, mas o Playstation 4 sofre do mesmo mal momentâneo. Se você quer se presentear, é muito fã de videogames e não consegue conter a ansiedade para colocar as mãos em uma nova geração, vá de Xbox One. Mesmo que ele ainda não tenha um game “must buy”, é questão de meses até que as produtoras lancem um killer app. O preço do One no Brasil é 2.299,00.

Playstation 4: Este aqui é indicado para os endinheirados ou para quem estiver viajando/comprando por sites gringos, pois no Brasil o Playstation 4 é um absurdo financeiro. Se você não liga para algo tão trivial quanto o dinheiro e é sonysta, embarque de cabeça, pois o novo console é um sistema muito poderoso e capaz de rodar games incríveis. Assim como seu concorrente, ainda não tem nenhum jogo obrigatório, mas se você quiser jogar Uncharted 4 e o próximo game da Quantic Dream, então vai precisar deste console.

arkham-originsBatman Arkham Origins: Os games do morcegão são legais, pelo menos os da geração PS360. Arkham Origins não revoluciona em nada e é apenas mais do mesmo, o que não quer dizer que o jogo é ruim, muito pelo contrário. A Warner teve o bom senso de manter as melhores coisas que a Rockstead fez nos jogos anteriores, além disso, o roteiro de Origins é um pouco melhor que o de City. Pode pegar sem medo. Só não espere um game revolucionário.

Call of Duty: Ghosts: Sim, nós sabemos que CoD: Ghosts não é o melhor Call of Duty já lançado. Também sabemos que a Activision deu uma baita mancada em praticamente copiar/colar cenas e mapas de jogos anteriores. De qualquer modo, se você quiser continuar jogando online com seus amigos é fatal que terá de migrar para Ghosts. Se serve de incentivo, o game está repleto de ação e o modo multiplayer é tudo o que fãs da franquia esperam. Preço sugerido: R$ 199,90.

Skylanders Swap Force: Uma sugestão para jogadores mais jovens é Skylanders Swap Force, a terceira edição da franquia. O game vem com bonecos e um “Portal of Power” para jogar. A grande sacada de Swap Force é que agora os bonecos podem ser divididos ao meio e usados com partes de outros personagens para dar novas habilidades ao herói. Com esse intercâmbio de peças, o game possui cerca de 256 combinações possíveis. O game é para Xbox 360 e Playstation 3 e tem preço sugerido de R$ 299,90. Sim, comprar os bonecos sai caro, mas eles podem ser usados nas duas plataformas e são belas peças de decoração para quando o console estiver desligado.

Angry Birds Star Wars: Angry Birds é sem dúvidas um dos games mais divertidos dos últimos anos, e o crossover com Star Wars é o mais interessante da franquia (em todos os sentidos). No capítulo, os jogadores ajudam os pássaros mal-humorados a enfrentar o império dos porcos. O legal é que, além da história, a própria jogabilidade é cheia de referências dos filmes criados por George Lucas. O título conta com mais de 200 fases (20 exclusivas para os consoles). O game ainda tem suporte a Kinect e ao Playstation Move. O game é indicado para todos os públicos e tem um preço mais camarada; R$ 159,90.

G27 Racing WheelsG27 Racing Wheel: Este é um supervolante para quem curte games de corrida (terrestre e aéreo). O G27 tem rotação de 900 graus e sua tecnologia é tão alta que ele transmite as condições da pista como buracos e colisões diretamente para às mãos do jogador. Além disso, o volante é equipado com um câmbio de seis velocidades, pedais em metal e um acabamento de luxo. O preço é alto, mas justifica-se pela alta tecnologia: R$ 1.199,90. Se você é do tipo que gosta do bom e do melhor, sem culpa ou receio de gastar para desfrutar, pegue este volante. Só não vai ficar ostentando para seu amigo que pegou um volante genérico hein, não é nada bonito!

Super Mario 3D World: Para os usuários do Wii U, a dica é Super Mario 3D World, pois o game esbanja alta qualidade. É um dos melhores jogos já lançados para a plataforma e certamente é O jogo que coloca o Wii U como uma opção de compra neste natal frente aos lançamentos do Xbox One e Playstation 4. Se por acaso a Sony e Microsoft ainda não têm um killer app, a Nintendo já tem pelo menos dois (o outro é Legend of Zelda: Wind Waker).

 

Kingdom Hearts III poderá ser o maior RPG da Square Enix

eurogamer-s257wq

Lá se vão 7 anos desde o lançamento de Kingdom Hearts II no Playstation 2 e desde então tivemos uma sucessão de spin offs para manter a franquia fresca na cabeça dos jogadores como 358/2 Days, Dream Drop Distance e Birth By Sleep para plataformas portáteis. Esses lançamentos não eram ruins, entretanto é certo que não eram exatamente aquilo que os fãs mais fervorosos esperavam. Provavelmente a franquia Kingdom Hearts está somente atrás de Final Fantasy e Dragon Quest em ordem de importância no portfólio da Square Enix. A saga protagonizada por Sora foi uma das mais vendidas na geração 128 bits e conquistou milhões de fãs em todo o mundo.

Os anos se passaram, os RPGs orientais foram perdendo espaço na mídia, incluindo Final Fantasy XIII e sua sequência, ao passo em que games como Skyrim e The Witcher ganhavam as massas com seus jogos para consoles de mesa. É difícil entender os motivos que levaram a demora para o lançamento de Kingdom Hearts 3, passamos uma geração inteira sem um novo capítulo para os consoles “grandes”. Mesmo assim a franquia criada por Tetsuya Nomura se manteve relevante entre os adorares de um bom Action-RPG.

Eis que a E3 2013 surgiu e durante uma morna apresentação do Playstation 4 a Square anuncia a produção do 3º capítulo da série para surpresa de muita gente (que nem botava mais fé no projeto). Agora que Kingdom Hearts III é uma realidade podemos olhar para trás e apenas conjecturar o que foi feito da Disney e da Square Enix ao longo de todos esses anos e imaginar que IPs poderiam integrar o próximo game de Nomura? O próprio produtor já deu sinais do que gostaria de fazer com o novo jogo.

Claro, seria ótimo trazer conteúdos da Marvel e da Lucas Arts para Kingdom Hearts 3. Mas existem várias restrições e regras que a Disney impõe, então não podemos pôr tudo que as pessoas querem, mas iremos preparar várias surpresas para os fãs, aguardem mais informações”, disse Nomura ao site Finaland. “Temos falado sobre Star Wars desde que se tornou conteúdo da Disney recentemente. Quando eu ouvi a notícia eu disse “Uau!”. Sim, obviamente vai ser ótimo se pudéssemos adicioná-lo, mas como eu disse, há uma série de restrições e regras da Disney por isso não sei o que vai acontecer, mas, sim, vamos ver”, finalizou o produtor.

star-warsA Disney adquiriu os direitos de Star Wars em um negócio de US$ 4,05 bilhões e de cara anunciou o tão prometido Episódio VII. É óbvio que uma forma esperta de promover a marca e trazer mais dinheiro (como se Star Wars por si só precisasse de marketing…) seria com um novo jogo que unisse o melhor desses dois universos. Que melhor forma do que em Kingdom Hearts? Todos já estão extasiados com a possibilidade de levar Sora e Donald aos corredores sufocantes da Estrela da Morte em uma batalha contra o Império Galáctico. Mas há quem acredite que Star Wars é grandioso demais para um papel secundário na trama de Kingdom Hearts. Balelas se querem saber, até porque não tem como deixar de imaginar que uma batalha contra Darth Vader (Keyblade vs Sabre de Luz) seria empolgante. Mas vale lembrar que Star Wars não é a única novidade da Disney nos últimos anos…

Outra importante aquisição da Disney nesse meio tempo foi a editora Marvel e todo o seu catálogo de super-heróis. Ao contrário de Star Wars, acredito que adicionar os cenários de X-Men, Quarteto Fantástico, Vingadores, entre outros, ao mundo colorido da franquia KH seria mais difícil do que parece. Não que Nomura e sua equipe não pudessem fazê-lo. Seria bem legal ver o Wolverine se juntando ao Sora numa batalha contra Em Sabbah Nur ou contra o Magneto, mas é sabido que os personagens da Marvel estão com tantos contratos vinculados que é quase impossível que a Square possa utilizar todos eles a seu bel prazer. Atente-se que a sequência para os cinemas de X-Men: Primeira Classe teve seus atritos com os produtores de Vingadores 2. Naturalmente é lógico afirmar que caras como Deadpool e Spiderman dificilmente aparecerão em um game não produzido pela Activision.

Tem também a Pixar, a consagrada melhor produtora de animação do mundo é responsável pela criação de alguns dos personagens mais carismáticos do cinema como Toy Story e Monstros S.A. Se a Square puder utilizar os personagens da Pixar imaginamos que no mínimo  iremos esquecer a enfadonha sequência musical da Pequena Sereia em Kingdom Hearts II em prol de uma aventura nas profundezas de Procurando Nemo. Ou quem sabe teremos uma versão inseto de Sora lutando contra os gafanhotos de Vida de Inseto? Seria legal também uma versão monstruosa do grupo numa missão de resgate da pequena Boo no mundo de Monstros S.A.

originalVocês conseguem imaginar o Sora vestido de Super Herói ajudando Os Incríveis? Ou como um brinquedo em Toy Story? As possibilidades serão limitadas unicamente pela mente de Tetsuya Nomura e da liberação por parte da Disney. Isso garante que Kingdom Hearts III poderá ser o RPG mais variado e grandioso já criado pela Square-Enix, além de elevar a marca Disney no mundo dos games após a investida com Epic Mickey.

Square-Enix, Pixar, Star Wars e Marvel. Isso já dá um game e tanto, certo? Mas dá para expandi-lo ainda mais. Afinal a Disney tem tantas propriedades intelectuais sob sua batuta, e que não foram previamente inclusas em Kingdom Hearts I e II, que o terceiro game pode soar como uma novidade completa. Certamente isso é viajar demais, e nem gostaríamos de visitar tais mundos, mas imaginem breves aparições de Chicken Little, Força G, Bolt: Supercão, A Espada era a Lei, Mogli, Aristogatas, Robin Hood, Hocus Pocus (Abracadabra), A Incrível Jornada, Doug, Irmão Urso, A Família do Futuro, A lenda do Tesouro Perdido, Detona Ralph, etc. Além desses, tem os mundos que já exploramos e foram divertidos ao extremo e seriam bem vindos se retornassem. Contudo, há quem pense que o mundo Disney clássico já foi bem explorado nos jogos anteriores e não faria mal para a franquia buscar novos ares.

Será que mesmo as dezenas de GB de uma mídia Bluray poderão comportar um game com tanta coisa envolvida? Do lado da Square, imaginamos que será fatal a aparição de personagens de Final Fantasy XIII e XV. Afinal de contas, a empresa japonesa também precisa lustrar sua série mais influente. Só não conseguimos imaginar as recentes aquisições da Square fazendo parte do mundo de Kingdom Hearts, como Tomb Raider e Hitman, por exemplo. Mas nada impede que outros títulos da companhia façam alguma ponta, principalmente àqueles que tiveram o dedo de Tetsuya Nomura, como The World Ends with You (que já apareceu em Kingdom Hearts 3D), ou quem sabe o improvável The 3rd Birthday?

No fim, até que a Tokyo Game Show 2013 ocorra só dá para ficar especulando e imaginando que Kingdom Hearts 3 será um jogo e tanto!

E vocês, estão empolgados com Kingdom Hearts III?

Colaboração: Victor Candido

Microsoft estaria preparando console comemorativo Xbox 360 R2-D2

A Microsoft estaria planejando uma edição limitada do Xbox 360 nas cores azul e branco, em homenagem ao droid R2-D2, da saga Star Wars.

Os rumores dão conta de que o novo console seria lançado junto com Kinect Star Wars, que deve ser lançado até o fim de 2011. O shooter está sendo desenvolvido pela LucasArts em conjunto com a Terminal Reality e convidará o jogador a manipular objetos com a Força a partir de movimentos, bem como manejar o sabre de luz e controlar naves.

Em resposta aos boatos, a Microsoft afirmou ao site CVG que “rumores são rumores, e não comentamos sobre eles”. Mas encerrou a mensagem com um “Que a Força esteja com você”.

Será que um novo modelo será lançado? Com a legião de fãs da série, principalmente no universo gamer, seria uma ótima ideia, não?

[Via CVG]