Arquivo da tag: Shooter

RX Squad é o jogo para quem sentia saudades dos shmups

Houve um tempo em que jogos do gênero shmups (shoot ’em up) estavam no auge da popularidade, sobretudo em árcades. O tempo passou e as grandes franquias do mercado como Gradius e R-Type caíram no ostracismo, deixando muitos fãs carentes desse tipo de game. Para quem gosta de “games de navinha”, a recomendação é ficar de olho em RX Squad, novo jogo do estúdio indie MegaBoss.

RX Squad é uma ode aos clássicos jogos shmups, com direito a todos os elementos que tornaram o gênero tão popular nos anos 90, ou seja, progressão lateral, dezenas de naves inimigas ao mesmo tempo, chuva de tiros adversários e os providenciais power ups. O game é bastante colorido e possui bastante ação e efeitos de partículas, de modo que a dificuldade é um dos pontos altos do jogo.

Apesar de ser inspirado nos clássicos dos anos 90, RX Squad busca identidade própria ao entregar um visual moderno e inovador, com uma nova roupagem e um estilo de arte capaz de impressionar os jogadores mais exigentes. A trilha sonora também é um dos pontos altos do jogo. O título está sendo programado por Thiago Correia com as ilustrações e design desenvolvidos pela MegaBoss. O investimento para a criação veio através da Érica Araújo, uma grande entusiasta do gênero shmups.

A trama envolve uma invasão alienígena ao nosso planeta que ocasionou distúrbios na superfície. Alguns desses monstros alienígenas foram capazes de causar modificações na gravidade, de modo que aproximar-se deles é uma tarefa perigosa. Como se não bastasse, eles são extremamente agressivos e não medem esforços para aniquilar a humanidade. Para derrota-los, cabe ao jogador escolher uma das sete naves do Esquadrão RX e sentar bala nos invasores.

RX Squad foi colocado em votação na Steam Greenlight e recebeu sinal verde da comunidade. Agora resta aguardar o lançamento oficial, que ainda não recebeu data definida. De acordo com os produtores, ele terá jogabilidade focada na diversão casual, com duração aproximada de 1 hora. O planejamento é lançar o game para PCs no primeiro momento pelo preço de US$ 2 dólares.

Abaixo tem o trailer de RX Squad:

Estúdio Sapiens² lança Moonwalk: um shooter com jogabilidade clássica

Hoje vamos falar do jogo Moonwalk, o novo lançamento do estúdio indie Sapien². O game é um shooter clássico espacial que lembra bastante o emblemático Space Invaders. O game é para celulares e sua chance é agarrar o jogador com um jogabilidade frenética  e o desafio de fazer os jogadores subir no ranking global ao subir a pontuação a cada adversário abatido.

O jogador toma o controle de um robô espacial munido com uma arma laser. O desafio começa quando surgem naves inimigas aos montes. A partir daí o jogador deve utilizar-se de toda precisão necessária para eliminar os inimigos. Conforme derrota os inimigos, surgem níveis mais elevados e difíceis, além de bônus e novos itens e equipamentos para customizar o personagem.

Moonwalk foi desenvolvido por um único desenvolvedor, o Guilherme Macedo Candido, para Android suporta sistema de rankings e conquista. Durante o processo de criação foram utilizadas ferramentas gratuitas para o desenvolvimento. Os gráficos são bastante trabalhados e estão em alta definição. O game está disponível gratuitamente no Google Play.

Abaixo tem o trailer do game Moonwalk:

Activision anuncia Call of Duty: Advanced Warfare

A Activision resolveu surpreender o mundo nesta semana ao anunciar a nova entrada de sua franquia mais consagrada: Call of Duty. Ao invés de apostar em Black Ops ou Modern Warfare, a empresa americana coloca todo o seu potencial financeiro em Call of Duty: Advanced Warfare.

O título promete ser o primeiro Call of Duty desenvolvido por pelo menos três anos consecutivos e visando a nova geração de videogames. O jogo é desenvolvido pela Sledgehammer Games e terá a participação especial de Kevin Spacey. A intenção da Activision é que este seja o melhor CoD em muitos anos.

“Tomamos várias decisões importantes focados na excelência criativa em Call of Duty: Advanced Warfare. Nós realmente abordamos este jogo de forma diferente”, disse Eric Hirshberg, CEO da Activision Publishing. “Este é o nosso primeiro ciclo de desenvolvimento de três anos. É a nossa primeira vez com Sledgehammer Games na direção criativa. E nós estamos sacudindo a fórmula de várias maneiras. Novas mecânicas de jogabilidade com o exoesqueleto. Uma nova história fascinante. Um novo personagem icônico interpretado por Kevin Spacey, um dos melhores atores do mundo. Nós estamos nos divertindo muito fazendo este jogo, e acho que o mundo vai se divertir ainda mais jogando”.

A campanha é ambientada no futuro de 2054 e mostra o que ocorre quando uma empresa militar privada chamada PMC desenvolve um método para salvar a humanidade de um caos absoluto ocasionado por um ataque de escala global. O jogador é um dos soldados dotado de um poderoso exoesqueleto e armas futuristas que devem fazer o possível para manter a ordem em meio a uma guerra avançada.

Além de armas novas e uma história densa, Advanced Warfare promete gráficos foto realistas e esmero técnico jamais visto na franquia de shooter. A narrativa é um dos aspectos que a Sledgehammer mais está atenta, dizem os produtores.

“(…) Criamos esta equipe com a visão singular de entregar o melhor trabalho de nossas vidas. Sabemos que estamos calçando grandes sapatos, mas a cada dia estou espantado com o talento e foco no trabalho, com tudo desde a história até o multiplayer. Estamos animados para entregar o próximo capítulo desta grande franquia, e nós estamos ansiosos”, disse Michael Condrey, co-fundador e chefe do estúdio Sledgehammer Games.”

O game tem lançamento previsto para o dia 4 de novembro. Apesar da data longuínqua, a Activision providenciou o primeiro trailer do game.

Confira o trailer do game Call of Duty: Advanced Warfare

Reviva os tempos de Shmups no jogo brasileiro Galaxy Rush

Galaxy Rush

Um de nossos gêneros favoritos sempre foram os Shmups, os chamados jogos de navinha, pois testavam nossas habilidades, perícia e sorte ao longo de cenários imensos infestados de inimigos pré-dispostos a nos transformar em poeira cósmica. Quem não se lembra de clássicos como Gradius, R-Type ou Sonic Wings? Pois é na vibe desses jogos que o pessoal do estúdio brasileiro Breaking Fingers desenvolveram o jogo Galaxy Rush.

O game coloca o jogador no controle do Shitake, um experimento de laboratório que fugiu ao controle dos cientistas e saiu tocando o terror no universo. Rapidamente os cientistas que o criaram colocam uma infinidade de naves para tentar detê-lo detê-lo a todo custo. O mostrinho, que se assemelha ao vilão Shuma-Gorath da Marvel, agora vaga pelo espaço infinito tocando o terror, podendo se defender das pobres naves humanas disparando raios lasers e tiros de plasma.

Durante as fases você pode coletar power ups para detonar seus opositores e aumentar a pontuação ao final das fases. De acordo com o time de desenvolvimento, o jogo é uma fusão do que havia de melhor na era 8-16 bits com a tecnologia atual, a mecânica de jogo é abertamente old school.

Este é o primeríssimo game da Breaking Fingers e promete revigorar um dos gêneros mais interessantes dos jogos eletrônicos graças aos controles de toque, arte cartunesca e muita chuva de bala pelo espaço. O jogo foi lançado no mês de agosto de 2012 com versões para iOS e Android. Se você curte um shmup, dê uma olhada neste game:

Lute contra o fumo passivo e zumbis em Pothead Zombies 2

zumbis

Um game politicamente correto e muito divertido, assim é o game Pothead Zombies 2, lançamento do estúdio indie Zanardi Liza através do site Newgrounds. O game tem estilo action/shooter e tem a trilha sonora foi desenvolvida por Txai Viegas e foi inspirada no CPS2.

O game coloca o jogador no papel dos protagonistas Zanardi ou Liza, que devem derrotar hordas de zumbis antes que eles cheguem no prédio. Para isso, o jogador deve prestar atenção na munição e armas disponíveis, afinal as balas não são limitadas e em dados momentos a situação fica crítica. Mas não se assuste: o game disponibiliza um total de 42 armas ao jogador.

Ao todo o game conta com 15 waves e 3 chefes, o que deve garantir alguns bons momentos antes de se chegar ao final do jogo. E caso você esteja se perguntando: sim o game tem um pequeno enredo. Por razões misteriosas, a planta cannabis está transformando as pessoas em zumbis. Resta aos personagens destruírem os zumbis e evitar inalar a fumaça exalada pelos zumbis.

Ao contrário do que alguns pensam, a premissa do jogo não é comparar fumantes de maconha a zumbis, mas materializar o problema do fumo passivo, de forma cômica, do mesmo modo que Romero, o pai dos zumbis, os introduziu “, diz Leonardo Zimbres, criador do jogo.

Pothead Zombies 2 levou um ciclo de 5 meses para ser criado e é bem simples de ser aprendido, além disso, ele promete fazer os jogadores rirem bastante com as situações caricatas apresentadas. O game também ganha pontos pela sua mensagem contra o fumo passivo.

Vale lembrar ainda que o game é a sequência do aclamado Pothead Zombies, game que levou a segunda colocação em votação popular no prêmio SBGames 2011 na categoria Web Game.

Confira abaixo o trailer do game:

Level Up! abre fase de testes fechados de M.A.R.S.

M.A.R.S

A Level Up! anunciou a abertura da fase beta test de seu novo game MMO, trata-se do jogo M.A.R.S., um game no estilo TPS (Third Person Shooter) que esbanja belos visuais graças a engine que foi utilizada, a saber a potente Unreal Engine 3, a mesma utilizada em games como Gears of War 3 e Batman Arkham City. Os jogadores brasileiros que estiverem interessados poderão se inscrever e serão aceitos para a fase de testes até o final do mês de junho de 2012.

O game foi desenvolvido pelo estúdio Yingpei Games, uma filial da Epic Games, criadora da franquia Gears of War e da Unreal Engine. A Level Up! promete que o título levará aos computadores o melhor da tecnologia gráfica atual aliada a uma jogabilidade de qualidade, além disso, o título será gratuito como é padrão nos títulos lançados pela Level Up!.

Quem já jogou Gears of Wars vai adorar M.A.R.S. O jogo traz uma experiência similar à dos consoles, com a vantagem de oferecer os features de um título online”, disse Julio Vieitez, diretor geral da Level Up! no Brasil.

O jogo tem como pano de fundo uma batalha entre mercenários e conta com vários modos de jogo que variam do tradicional PVP até o modo co-op contra o computador. E uma vez que o Brasil será um dos primeiros games a receber o título oficialmente, a Level Up! Tratou de traduzir o game com servidores dedicados, assim como download e página oficial em português.

De acordo com a Publisher, o acesso e o download do game são gratuitos e no futuro os jogadores poderão melhorar seus personagens através das conhecidas micro-transações que é muito comum em títulos online.

Se você se interessou em fazer parte do seleto grupo de jogadores que testarão o game M.A.R.S em primeira mão basta inscrever no site da Level Up!.

Confira abaixo o trailer do game:

Crytek anuncia primeiros detalhes de Crysis 3

Ainda embasbacado com o visual de Crysis 2? Termine logo esse jogo e contenha um pouco da saliva, pois em breve estaremos todos babando por Crysis 3. Sim, a Crytek anunciou oficialmente a produção do terceiro jogo da série considerada “o verdadeiro teste de PCs”.

Desenvolvido a partir da nova versão da CryEngine, Crysis 3 promete melhorar ainda mais a experiência vista no segundo capítulo, trazendo gráficos aprimorados, jogabilidade refinada, mundo aberto, muita ação, a Nanosuit e todos os outros elementos que tornaram a série tão famosa.

Na trama os jogadores assumem o papel de Prophet no exato momento em que ele chega à cidade de New York, tomada pela Cell Corporation e mantida em uma Nanodome. A missão de Prophet é vingar-se dessa corporação após ter descoberto as razões que levaram a construção das Nanodomes, pois o objetivo dessas estruturas não é o de proteger os humanos, mas sim de escravizá-los.

Na cidade o jogador encontra um cenário que pouco lembra a grande maçã. As ruas foram tomadas por árvores, pântanos e sete ambientes especialmente perigosos conhecidos como “Sete Maravilhas”. Felizmente todo esse desafio pode ser superado com a ajuda da nova Nanosuit, além de um arco e flecha todo especial.

“Crysis 3 é uma mistura intrigante de jogo em mundo aberto, combate avançado e armas alienígenas e humanas de alta tecnologia, que os fãs de jogos de tiro vão gostar muito,” de acordo com Cevat Yerli, CEO da Crytek. “Aproveitando a mais recente tecnologia CryEngine, pudemos criar sete temas originais que oferecem experiências de jogo impressionantes e visualmente carregadas. Mal podemos esperar até que as pessoas possam colocar as mãos no jogo.”

Os primeiros jogadores que fizerem a pré-compra da versão Crysis 3 Hunter Edition terão acesso à edição limitada do novo arco e flecha exclusivo, além de ter a XP aumentada para o modo multiplayer. O jogo estará disponível em 2013 para Xbox 360, Playstation 3 e PC.

Além do anúncio, também já foi divulgado o primeiro trailer do game. O vídeo é bem curto, contando apenas com 15 segundos, ou seja, serve apenas para atiçar a curiosidade do jogador. A produtora prometeu mais informações na próxima terça-feira (24).

Confira abaixo o primeiro trailer do game: