Arquivo da tag: roteiro

Campus Party 2017 recebe workshop Gamificação com a imersão do Storytelling

Quem estiver pela Campus Party 2017 poderá ter a oportunidade de aprender sobre o desenvolvimento de roteiro para jogos eletrônicos, pois o professor Alexandre Santos realizará um workshop para explicar técnicas, exemplos e práticas para a construção de gamificação empresarial com foco em Storytelling. De acordo com Alexandre, os participantes aprenderão a criação de um transmídia, mecânicas de imersão narrativa e alinhamentos entre gameplay e narrativas através de pontos chaves de imersão.

O workshop Gamificação com Imersão Narrativa ocorre nos dias 02/02 às 18h15 e 11/02 às 09h00 no palco Entretenimento da Campus Party 2017.  A apresentação do dia 11 será maior graças a uma parceria com a Escola Brasileira de Games. Neste dia serão quatro horas dedicadas a explicar a construção de roteiros e mostras de exercícios e ferramentas de criação de narrativas interativas.

2j1mexa7Para quem não conhece, Alexandre Santos é game writer/designer de narrativas e autor, representou o Brasil em uma antologia mundial de Scifi, trabalhou no primeiro evento gamificado com transmidia storytelling do Brasil, e é um dos autores da Storytellers Brand’Fiction. O professor participou recentemente do case gamificação com transmidia storytelling da América Latina com a Storytellers. Lá ele conseguiu reunir algumas ideias sobre o poder da conexão do jogo (rito) com o storytelling (mito) em ações que usam a gamificação

O workshop dentro da Campus Party 2017 é ideal para novos game designers e escritores que desejam saber mais sobre o desenvolvimento de uma boa trama. Quem já leu algo de games designers sabe que as emoções e o drama não fazem parte do controle dos designers, mas que na verdade elas são de responsabilidade dos roteiristas e storytellers.  Então será possível unificar essas duas forças em uma estratégia empresarial? A ideia é justamente essa.

 

Serviço – Campus Party 2017 – Gamificação com Imersão Narrativa

Onde – Campus Party 2017 – Pavilhão de Exposições Anhembi – São Paulo/SP
Quando – De 31 de janeiro a 5 de fevereiro de 2017
Quanto – Entrada individual – R$ 220

Kinoene cria curso de narrativas para jogos

 

Uma das partes mais importantes da criação de um jogo eletrônico, senão a mais importante, é o desenvolvimento da narrativa. Afinal um jogo pode se destacar bastante se tiver uma história animal, ainda que deixe a desejar em aspectos técnicos, como Silent Hill 1, Shadow of the Colossus, Papo & Yo, etc. Pensando nisso, a instituição de ensino Mundo Kinoene, criou o curso de férias Once Upon a Game, cujo objetivo é trazer dicas para jovens desenvolvedores de como criar roteiros para jogos eletrônicos.

De acordo com a Mundo Kinoene, a profissão de game writers tornou-se essencial, uma vez que esses profissionais são requisitados tanto na indústria de jogos, quanto no cinema e até mesmo no mercado publicitário, que entendeu a importância da gamificação  de suas ações. O curso traz o básico para criar narrativas de jogos e construir os seus domínios conhecidos como storyworld.

O curso em si é curto, sendo indicado para quem já estuda jogos eletrônicos e não quer ficar parado na época de férias. São cinco aulas que abordam o storytelling interativo, fundamentos de narrativas para games, formatos de roteiros interativos, técnicas de escrita para jogos e pocket workshop de story bible.

Para entrar no curso da Kinoene é necessário ter pelo menos 13 anos e as aulas serão ministradas pelo professor Ale Santos entre os dias 25 a 29 de janeiro no período das 19h às 21h. Serão apenas 10 alunos por turma, ou seja, as vagas são bastante limitadas.

Como participar do curso da Kinoene

Para quem não conhece, a Mundo Kinoene está localizada em São José dos Campos, na Av. Barão do Rio Branco, 149, Jd. Esplanada. Se você tiver interesse, basta entrar em contato com a Kinoene através de telefone do email contato@kinoene.com.br. Esta é uma boa oportunidade para quem mora na região para aprender técnicas de roteiro para jogos eletrônicos e até mesmo para quem já desenvolve projetos e quer criar um produto de alta qualidade. Mais informações através do site.

PUC-SP oferece cursos de extensão para profissionais da área de games

A PUC-SP é uma das instituições de ensino que mais está atenta ao mercado de videogames no Brasil. A instituição conta com nada menos que quatro cursos de extensão para quem quer atuar no mercado. Os cursos não são destinados apenas a desenvolvedores, mas também para profissionais de outras diretrizes como jornalistas e até roteiristas, sendo eles os cursos de Narrativas e Roteiro de Games para Dispositivos Móveis, Desenvolvimento Mobile para Windows Phone, Desenvolvimento de Games com Unity 3D, Crítica de Videogames.

Estes cursos têm como objetivo capacitar alunos e profissionais do mercado a entender melhor o funcionamento das plataformas e sistemas mais utilizados no momento e entender melhor como funciona os jogos eletrônicos e o mercado atual. Os cursos são ministrados por professores capacitados e conhecidos como o Dr. Fábio Fernandes da Silva, Bréndal Teixeira Mendonça, Reinaldo Ramos e a jornalista Flávia Gasi.

O curso de Narrativas e Roteiro de Games para Dispositivos Móveis é ministrado pelo professor Fábio Fernandes e propõe desenvolver técnicas de narrativas e a criação de roteiros para games que possam se integrar no ambiente das redes sociais digitais. O curso é altamente indicado para alunos formados em Tecnologias e Midias Digitais, Sistemas de Informação, Jogos Digitais, Comunicação e Multimeios e Ciência da Computação. O curso tem duração de seis meses e aborda aspectos teóricos, prática de criação e softwares de roteiro.

Já o curso de Desenvolvimento Mobile para Windows Phone explora o mercado mobile, contribuindo com conhecimento teórico e prático para desenvolvedores de outras plataformas que desejam conhecer o passo a passo de como colocar seu jogo no ambiente Windows Phone. O curso é ministrado por Bréndal Teixeira e é certeiro para quem já desenvolve para iOS e Android e precisa de dicas desde o processo inicial de um game até os caminhos de como colocar o produto no ar. No Brasil é muito difícil encontrar desenvolvedores de games para outras plataformas que não sejam mobile, seja pelos custos de produção até pela possibilidade de lucro aviltante, então para quem quer uma fatia do mercado é bom colocar seu game em todos os lugares possíveis.

O curso de Crítica de Videogames é ministrado pela jornalista Flávia Gasi e explora a importância da crítica de videogames e como ela deve ser conduzida, levando em consideração aspectos técnicos do game, como arte, som, roteiro, etc. O curso é indicado para jornalistas, desenvolvedores, redatores e público em geral que deseja saber um pouco mais de como deve ser o trabalho de um crítico de games e o papel que os veículos desempenham ao avaliar os games que chegam ao mercado. O curso conta com três meses de duração e lá se cria um ambiente descontraído que serve para discutir os jogos eletrônicos e o que torna alguns games bons e outros nem tanto.

Por fim, temos o curso de Desenvolvimento de Games com Unity 3D é ministrado por Reinaldo Ramos, sócio da QUByte Interactive . Este curso é mais técnico e aborda técnicas e embasamento teórico para que se compreenda e atue na produção e criação de jogos eletrônicos a partir da engine Unity, uma das mais populares na produção de jogos indie atualmente. O curso tem cinco meses de duração e capacita os alunos a atuarem na produção e construção de games que possam se integrar no ambiente de distribuição digital, tendo conhecimento do uso das redes sociais e ferramentas que possam tornar o game mais atrativo. Este curso de extensão é importante para graduados e graduandos em Tecnologias e Mídias Digitais, Sistemas de Informação, Jogos Digitais, Comunicação e Multimeios e Ciência da Computação.

Estes são quatro cursos, mas além deles, a PUC-SP possui outros módulos interessantes como os cursos de Introdução ao Desenvolvimento de Jogos, Games com HTML e Javascript, entre outros que não necessariamente tem relação com jogos eletrônicos.

Roteiros de viagem para gamers

Um leitor fiel do GameReporter entrou em contato conosco para contar algo interessante: uma amiga sua está fazendo roteiros de viagem internacionais para o público gamer.

Assim como as companhias de viagens oferecem pacotes temáticos para quem gosta de carnaval ou de cruzeiros, por exemplo, a ideia é que agora sejam oferecidos passeios também para quem gosta de jogar e quer uma visão profissional de games.

O primeiro roteiro – com 13 dias – leva os jogadores a parques temáticos de Orlando, na Flórida, e também à Universidade Full Sail, uma das mais importantes de entretenimento do mundo. Na universidade acontecerão palestras e workshops sobre desenvolvimento de games.

The Game Design Tour USA 2012 acontece entre os dias 18 de janeiro e 30 de janeiro de 2012, e se a ideia der certo, é possível que aconteçam viagens para eventos maiores como a GDC e a E3.

O que você acha da ideia?

:: Confira mais informações na página do evento no Facebook

Writer’s Guild of America anuncia indicados para prêmio de melhor enredo de game

Os organizadores da premiação Videogame Writing Award teve os indicados de 2011 anunciados.

O prêmio oferecido pela Writer’s Guild of America (WGA) será disputado pelos roteiristas de Assassin’s Creed: Brotherhood, Fallout: New Vegas, God of War III, Star Wars: The Force Unleashed II, Singularity e Prince of Persia: the Forgotten Sands.

Para participar da premiação, o estúdio precisa creditar o roteiro a um escritor que esteja cadastrado na WGA, o que limita as opções para o comitê julgador.

O resultado será divulgado em 5 de fevereiro. Quem você acha que leva?

[Via GamesIndustry]