Arquivo da tag: pc

League of Legends: Estes são os favoritos ao Prêmio CBLoL

A Riot Games, que organiza o Campeonato Brasileiro de League of Legends, o CBLoL, anunciou nesta terça-feira (25) a lista de favoritos ao Prêmio CBLoL, evento que vai reverenciar os melhores jogadores da Segunda Etapa do torneio, que será decidida no dia 2 de setembro, no Mineirinho, em Belo Horizonte, Minas Gerais. Os ganhadores das nove categorias serão conhecidos no dia 13 de novembro, em um evento de gala, que contemplará os grandes destaques individuais dos embates.

O Top 10, listado abaixo, foi definido com base no desempenho (MVP, ou destaque na partida, e KDA, índice de performance) dos jogadores ao longo da Fase Regular, que terminou no último final de semana. Eles são fortes candidatos a vencer uma das nove categorias. Trata-se de um resultado parcial, já que cada categoria possui seus próprios critérios e o campeonato segue para a Fase Semifinal, onde o cenário e o ranking podem sofrer mudanças. Mais informações no LoLeSports BR.

Prêmio CBLoL

O Prêmio CBLoL será composto de nove categorias. Os participantes serão elegíveis dependendo de sua posição na equipe. Os critérios para vencer também mudam de acordo com as estatísticas principais das funções que cada um cumpre dentro da equipe e também levará em conta os votos dos casters, imprensa e jogadores profissionais. Os cálculos serão realizados pela Riot Games, organizador do evento.

CBLoL

São várias as categorias do prêmio CBLoL, entre elas estão: Melhor Jogador, Melhor Topo, Melhor Caçador, Melhor Meio, Melhor Atirador, Melhor Suporte, Melhor Técnico, Jogador Revelação, Craque da Galera. A maioria das categorias são elegíveis a todos os jogadores participantes do CBLoL. Para mais informações, acesse o LoLeSports BR

Estão são os maiores candidatos a receber os prêmios CBLoL de melhor jogador:

 

10 – Alanderson “4LaN” Meireles

Equipe: Team oNe

Posição: Caçador

MVPs: 2 (vs INTZ e T Show)

KDA: 3,7 (35/30/77)

 

9 – Rodrigo “Tay” Panisa

Equipe: paiN Gaming

Posição: Caçador

MVPs: 3 (vs CNB, ProGaming e oNe)

KDA: 3,4 (40/31/66)

 

8 – Lucas “LUSKKA” Rentechen

Equipe: ProGaming e-Sports

Posição: Atirador

MVPs: 3 (vs oNe, Keyd e CNB)

KDA: 4,1 (55/27/56)

 

7 – Felipe “Yang” Zhao

Equipe: Keyd Stars

Posição: Topo

MVPs: 3 (vs CNB, T Show e ProGaming)

KDA: 4,7 (43/25/74)

 

6 – Gabriel “Tockers” Claumann

Equipe: Red Canids

Posição: Meio

MVPs: 3 (vs paiN, oNe e T Show)

KDA: 4,9 (65/29/78)

 

5 – Micael “micaO” Rodrigues

Equipe: INTZ e-Sports

Posição: Atirador

MVPs: 3 (vs CNB, Red e paiN)

KDA: 5,0 (64/28/77)

 

4 – Gabriel “Kami” Bohm

Equipe: paiN Gaming

Posição: Meio

MVPs: 3 (vs T Show, CNB e Keyd)

KDA: 5,0 (34/21/70)

 

3 – Felipe “brTT” Gonçalves

Equipe: Red Canids

Posição: Atirador

MVPs: 3 (vs ProGaming, CNB e Keyd)

KDA: 5,8 (50/20/65)

 

2 – Bruno “Envy” Ventura

Equipe: INTZ e-Sports

Posição: Meio

MVPs: 3 (vs CNB, T Show e Keyd)

KDA: 6,1 (62/24/84)

 

1 – Luan “Jockster” Cardoso

Equipe: INTZ e-Sports

Posição: Suporte

MVPs: 4 (vs Red, ProGaming (2x) e Keyd)

KDA: 3,9 (22/45/153)

Conheça o comovente jogo indie brasileiro White Lie

White Lie é ideal para quem procura por uma aventura diferente de tudo que já se viu. O jogo conta a comovente história de Greg, um coelho de pelúcia buscando por sua dona desaparecida em um mundo surreal e desolado. O projeto é de autoria do estúdio Ambize e uma das suas características mais marcantes é sua direção de arte desenhada a mão e colorida em tons sépia que complementa e intensifica as sensações e a ambientação solitária vivida durante o jogo. Podemos destacar o minucioso trabalho artístico do game.

O coelho Greg deve superar os desafios de seu passado com Emma se quiser descobrir a verdade por trás de tudo o que está acontecendo. De acordo com os desenvolvedores, a ideia de White Lie surgiu quando os envolvidos na produção refletiam o que podiam fazer de diferente para criar um jogo com um história emocional. O resultado foi um game inspirado por contos de fada e desenhos japoneses.

White Lie foi um dos ganhadores do edital de games da Spcine que aconteceu no fim de 2016 e também  da terceira turma da Core Labs Game Accelerator. O foco principal do jogo é contar uma história emocional sobre o relacionamento entre uma menina e seu brinquedo favorito, a lealdade dos dois e como sempre pertencerão um ao outro. É interessante notar a temática do coelho, também presente na literatura, histórias em quadrinhos e cinema.

O game tem uma jogabilidade simples e o foco não é o combate ou mecânicas elaboradas, mas sim a jornada. Espere por diálogos comoventes e cenas de arrepiar. Não por acaso, White Lie foi um dos premiados do edital da SPCine no fim de 2016. O game é exclusivo de PCs e você pode conferir mais detalhes no site oficial.

Abaixo tem o trailer de White Lie:

Isaac e o Enigma do Explorador é jogo indie de terror ambientado na região de SC

A dica é para quem procurar um jogo aterrador e repleto de mistério: o Laboratório de Tecnologias Computacionais – LabTeC – da Universidade Federal de Santa Catarina – acaba de lançar o jogo Isaac e o Enigma do Explorador, um título que coloca o jogador no papel de um jovem garoto em uma missão para resolver o mistério por trás do desaparecimento de seu avô. O game é repleto de momentos de tensão e muitos puzzles.

A trama começa após Isaac descobrir um cofre misterioso do Museu Histórico de Araranguá que contém pedaços de pergaminhos. Esse documento é parte de uma pista que o direciona até a Mina de Visitação Octávio Fontana em Criciúma. Dentro desse ambiente, o menino explora com uma lanterna que pode ser a luz que orienta o seu caminho, além de proteger dos perigos que somente a escuridão esconde.

O jogo se passa na cidade de Araranguá, que é a localização do LabTeC. Ou seja, além de transmitir uma sensação de pura tensão, o game permite ao jogador viajar pela história das cidades de Araranguá e Criciúma. A ideia é que o jogador tenha a sensação de estar em um ambiente mais realista. Perigosos desafios surgem a todo o instante e Isaac precisa ser cauteloso para que consiga ir até o fim em sua aventura.

Um dos pontos altos de Isaac e o Enigma do Explorador é a exploração das minas de Criciúma, pois ali a sensação de horror psicológico se torna mais denso. Aqui o jogador vai adentrar por subterrâneos lúgubres e frios, andar por um cofre misterioso, recolher lanternas e itens para se proteger de monstros horrendos. Os sustos são bem frequentes.

Como se não bastasse, Isaac deve resolver diversos puzzles e enigmas sobre as cidades de Araranguá e Criciúma, pertencentes ao sul de Santa Catarina. A intenção dos desenvolvedores foi de que os jogadores apreendessem sobre a história da região e seus pontos turísticos se divertindo. Durante o jogo pode-se recolher itens para montar um altar mágico e uma profecia misteriosa.

Apesar do clima pesado, Isaac não chega a afastar jogadores acostumados a jogos como Slender the Eight Pages ou Silent Hill, pois o enfoque é mais didático, o jogador vai aprender mais sobre os pontos turísticos de Araranguá e Criciúma de maneira prática e divertida. Para download gratuito do jogo, além de mais informações sobre o projeto, você pode acessar o site oficial do jogo.

Abaixo tem o trailer de Isaac e o Enigma do Explorador:

BIG Festival – Conheça os 20 jogos brasileiros convidados para o BIG Booth

Além de premiar os melhores jogos nacionais, o BIG Festival também é um grande palco para os desenvolvedores apresentarem seus games para o público de maneira mais intimista. Tanto é que o BIG Booth é uma das áreas mais disputada pelos visitantes durante o evento, lá ficam expostos games promissores que não participam da competição principal. É uma oportunidade perfeita para apresentar o jogo para pessoas de todo o país, desde jogadores, até investidores.

De acordo com a organização do BIG, esses vinte games são grandes destaques da produção nacional e representam a cultura de desenvolvimento de vários estados, como Amazonas, Minas Gerais, Paraná, Bahia, Brasília, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro e nossa amada São Paulo. A expectativa é que a edição deste ano atraia público recorde, além de centenas de investidores, publishers, buyers, imprensa e demais agentes da indústria mundial de games.

Abaixo tem a relação dos games que participam da exposição BIG Booth:

O BIG Festival acontece de 24 de junho a 2 de julho, no Centro Cultural São Paulo. Além do BIG Booth e do BIG Starter, o evento conta com uma premiação internacional em que 45 jogos de diversos países concorrem em 11 categorias, como “Melhor Jogo”, “Melhor Gameplay”, “Melhor Arte” etc. Todos esses títulos estarão disponíveis para o público testar gratuitamente na área de exposição do evento.

Serviço – 5º BIG Festival 2017

Quando: De 24 de junho a 2 de julho (Segunda, 26, não abre)
De terça a sexta: 10h às 22h / Sábado e domingo: 14h às 22h
Onde: Centro Cultural São Paulo – Rua Vergueiro 1000 – Paraíso, SP
Quanto: Entrada Gratuita

Distortions – Jogo indie está entre os cem mais votados na Steam Greenlight

Hoje vamos falar do jogo Distortions, da produtora indie brasileira Among Giants, pois o título de aventura musical acabou de alcançar um feito impressionante na Steam: o game acabou de entrar na lista dos cem maiores do Greenlight, ou seja, é um dos que mais estão recebendo sinal verde dos jogadores nos últimos tempos.

O jogo, que está em desenvolvimento há mais de oito anos, conquistou o 62º lugar na lista dos cem maiores jogos do Greenlight. O mais bacana é que o game está em campanha há apenas dez dias e já deixou mais de 3700 jogos para trás, conquistando mais de 2900 votos positivos. A expectativa é que o sucesso da campanha dê novo fôlego para os desenvolvedores e o projeto chegue ao mercado mais rápido do que se espera.

“Estamos muito felizes em ter chegado nos 100 maiores do Greenlight e a cada dia estamos mais próximos dos 50 e isso nos motiva muito”, disse Thiago Girello, produtor chefe do Distortions. “Temos certeza que com a ajuda da comunidade brasileira podemos chegar no top 10 do Greenlight, levando a bandeira brasileira para todos os países do mundo”, completou.

No próximo dia 24 de junho a 2 de julho começa o BIG Festival e Among Giants contará com um estande no evento para exibir o Distortions com a primeira versão jogável do game. Assim o público geral poderá conhecer em primeira mão este ambicioso projeto e ajudar a torna-lo ainda melhor. Além do BIG, Distortions estará na Brasil Game Show, a maior feira de games da América Latina, e ocupará três estandes da área indie do evento.

“Estamos trabalhando muito para ter a melhor build possível para o BIG Festival. O jogo ainda passará por muitas melhoras mas estamos muito satisfeitos com o rápido avanço que estamos conseguindo”, completou Thiago.

Em Distortions, você controla uma garota que viaja por ambientes hostis como montanhas, florestas, cavernas, rios, lagos e até mesmo o mar, e usar o poder das músicas aprendidas para moldar o mundo ao seu redor, criando pontes, explosões e barreiras. De acordo com os desenvolvedores, o game tem uma mensagem forte de superação de experiências passadas, sobretudo de relacionamentos.

Uma das mecânicas mais interessantes é misturar a música com muito suspense e drama para criar uma atmosfera única. O jogo, aliás, se passa em um lugar onde o tempo parece estar parado e as músicas são suas armas e os relatos de páginas de um diário, seu guia. A campanha no Steam Greelight continua no ar.

Abaixo tem o trailer de Distortions:

 

SAGA de Brasília recebe fãs de Overwatch e Heroes of the Storm no Blizzard Gamers Day

Os fãs da Blizzard tem novo compromisso na SAGA (School of Art, Game and Animation)neste domingo (07/05), pois a unidade de Brasília abre suas portas para o Blizzard Gamers Day. Esta é a primeira edição do evento dedicado aos fãs de Overwatch e Heroes of the Storm, na capital federal. O evento começa as 10h e vai até as 18h, período em que os fãs podem interagir e jogar seus títulos favoritos.

De acordo com a SAGA, entre as atrações do Blizzard Gamers Day estão uma área para jogar à vontade Overwatch e Heroes of the Storm, campeonatos, mesas redondas, workshops, sorteios de brindes e a presença de cosplayers. Outras unidades da instituição já abriram suas portas para o evento, com alta adesão de público e ótimas atividades.

blizzardAlém das atrações mencionadas, os participantes poderão encontrar o jogador profissional de Overwatch, Filipe “nosfa” Barbosa, do First e-Sports, e os streamers SuperUai e Lu Simioni, conhecidos por transmitir e narrar partidas de jogos da Blizzard. Espera-se que as transmissões pela internet sirvam para atrair mais jogadores para as próximas edições do evento.

As vagas para o primeiro Blizzard Gamers Day em Brasília já estão preenchidas, mas quem quiser participar dos próximos eventos da SAGA na capital federal ou em qualquer outra unidade, devem ficar atentos às novidades da escola nas redes sociais e se inscrever pelo próprio site da SAGA.

 

Serviço – Blizzard Gamers Day

Local: SAGA Brasília – Quadra C07, Lote 02, Sala 101/201, Centro, Taguatinga-DF

Data: 07/05/2017

Horário: Das 10h às 18h

Game mexicano Flat Kingdom chega ao Brasil através da Steam

Flat Kingdom é o tipo de game que tem tudo para agradar os jogadores ávidos por boas aventuras e combates estratégicos. Criado pelo estúdio mexicano Fat Panda, o game coloca o jogador no papel de Flat, um improvável herói que é convocado pelo Rei Quadrado para resgatar a Princesa Tri e derrotar um perigoso vilão mascarado. Este é o primeiro game da Fat Panda a ser lançado no Brasil e está disponível através da Steam.

A história do game é sobre salvar a princesa, porém o roteiro é contado de maneira divertida e bastante original. O sistema de combate segue essa mesma premissa, abusando da estratégia, porém com um toque que remete a infância. Basicamente a cada novo inimigo inicia-se uma partida de jokenpô e o jogador deve mostrar-se um grande sortudo ou dominar a arte deste jogo.

637x358O jogador terá que mudar as formas de Flat para círculo, triângulo e quadrado para derrotar os adversários, que também estão em diferentes formas geométricas. Toda forma geométrica é forte contra outra mas perde para as demais. Círculo é forte contra quadrado, triângulo vence círculo e quadrado derrota triângulo.

Flat Kingdom é divido em diversos mundos diferentes e cada um deles apresenta cenários 2D ricos de detalhes e com muitas referências a jogos clássicos. Cada fase possui um puzzle diferente e o jogador deve quebrar a cabeça para entender e resolver seus enigmas. Além disso, em todos os mundos do jogo existem pergaminhos escondidos que contam mais sobre a história do jogo.

109odmg

Outro destaque são os chefões de Flat Kingdom, que costumam ser desafiadores e divertidos. O jogador terá que dominar muito bem as mecânicas de movimentação e combate do jogo para conseguir seguir em frente. Basicamente os desenvolvedores quiseram criar um game com identidade própria que pudesse ser apreciado por jogadores de todas as idades.

flat-kingdom-review-squidA trilha sonora do game foi composta por Manami Matsumae, responsável pela ambientação musical de jogos como Mega Man, Shovel Knight e Mighty No. 9, os efeitos e trilhas sonoras são responsáveis por manter o jogador imerso no mundo papercrafted de Flat Kingdom.

Flat Kingdom chegou ao mercado brasileiro em parceria com a publisher Games Starter, já com legendas em português brasileiro e um desconto especial de 60% na edição Deluxe (que acompanha a trilha sonora oficial do jogo e também o artbook com todos os desenhos de Flat Kingdom), o jogo está disponível para compra na Steam.

Assista abaixo o trailer oficial de Flat Kingdom:

Primeiro episódio do RPG VIDA ganha data de lançamento

Após muitos anos em desenvolvimento intenso, o game VIDA finalmente tem seu lançamento oficial. De acordo com Flávio Creasso, criador do game, o primeiro episódio do RPG estará em acesso antecipado pela loja virtual Nuuvem a partir do dia 13 de abril. O título já chega totalmente em português e recheado de recursos divertidíssimos.

VIDA busca inspiração em vários games já conhecidos (a mais óbvia é Diablo), porém buscando sua própria identidade através de ideias novas. Basicamente temos aqui uma mistura de elementos das mais diversas culturas e tribos que compõe o povo brasileiro. Nada em VIDA pode ser dito convencional.

vida-gameToda a ação se passa no reino fictício de Airen, onde o jogador deve explorar e enfrentar centenas de criaturas e seres perigosíssimos. Mais importante do que as mecânicas de combate, é a jornada de VIDA: aqui o jogador vai encarar situações variadas e emocionantes. Tudo feito para cativar e manter o jogador entretido. É justamente os detalhes que tornam o game único.

VIDA não quer impressionar você pelo “tamanho” do mundo, mas por detalhes espalhados em “pontos específicos” dele com cenários criados à mão, um a um, como as delicadas maquetes de piso quadriculado onde antes caminhavam pequenos heróis de chumbo com suas vestes tingidas por esmalte acrílico.

flavio-creassoA interface, que se parece com uma moldura – não por acaso – reflete todos os aspectos do sistema de regras que é executado no background, o Log de GM (uma pequena janela no canto inferior esquerdo) lhe dá constantemente informações do que está ocorrendo no jogo como se realmente houvesse um mestre de RPG na cabeceira da mesa lhe dizendo como cada ação que seja relevante repercutiu na progressão do seu personagem.

O game introduz você gradativamente a um Universo sem bem e mal muito definidos, mesmo ao encontrar os deuses (que dão uma “palhinha” no primeiro capítulo) não há como dizer quem está certo ou errado e fica totalmente a critério dos jogadores tirar suas próprias conclusões a respeito de que lado na disputa tomar. Num mundo cada vez mais bilateral e de certezas VIDA conta uma história cheia de perguntas e leva você a constantemente explorar, encontrar novos fatos e questionar o que você acredita.

sc_combate00

VIDA tem um ar soturno e bastante misterioso. Assim que o jogador começa a aventura é impossível não se sentir envolvido pela trama instigante e pelos personagens misteriosos. A expectativa é que o lançamento do primeiro capítulo, agora no dia 13, traga ainda mais usuários para o universo criado por Flávio Creasso.

Abaixo você pode conferir o trailer de VIDA:

Logitech ganha nove prêmios no Red Dot Product Design Awards 2017

A Logitech conquistou um feito invejável: a empresa especializada em acessórios para PC recebeu nada menos que nove prêmios no Red Dot Product Design Awards 2017. Este é o quinto ano consecutivo que o Red Dot reconhece a Logitech pela excelência no design de produtos. A premiação serve para coroar um ano incrível para a companhia, que lançou produtos de alta performance e bastante aclamados.

As vitórias deste ano empatam com o recorde estabelecido ano passado e incluem o prestigioso “Best of the Best” Red Dot Product Design Award em Computadores e Tecnologia da Informação para o teclado multi-device Logitech K780, o prêmio mais importante para design inovador, reservado para o melhor produto em cada categoria.

O teclado K780 Multi-Device Wireless

A Logitech recebeu prêmios para os seguintes produtos: K780 Multi-Device Wireless Keyboard (Best of the Best); Spotlight Wireless Presentation Remote; BRIO 4K Pro Webcam; G810 Orion Spectrum; G Prodigy Series; POP Home Switch; BASE; M720 Triathlon Mouse; Party Collection. Cada um deles foi desenvolvido para facilitar a vida dos usuários e inovar em seus respectivos seguimentos.

Importância de bons designs para a Logitech

“Nós temos uma abordagem integrada ao design, e esses prêmios da Red Dot validam ainda mais a nossa missão de promover design de primeira”, diz Alastair Curtis, diretor de design da Logitech. “Nossa obsessão com o consumidor chegou ao coração da empresa.”

A premiação Red Dot Award: Product Design foi criada em 1954 para avaliar os melhores produtos do ano em todo o mundo. Premiando um grupo seleto entre os milhares inscritos todos os anos, os vencedores do Red Dot são escolhidos por um júri internacional que busca design excepcional.

Conheça Plasma Puncher, o novo game de pancadaria do estúdio Tomatotrap

O game de hoje é Plasma Puncher, uma cortesia do estúdio indie Tomatotrap, trata-se de um jogo de pancadaria em que você assume o papel de uma célula branca casca-grossa lutando contra uma horda de micróbios invasores, liderados pelo terrível Microbião Dumal! O objetivo é destruir os micro-organismos que querem causar terror na corrente sanguínea.

Basicamente é um game onde você espanca um bocado de amebas, usando seus próprios punhos e uma variedade de Power-Ups, bem ao estilo beat ‘em up. A maior parte da ação ocorre em um único estágio circular, onde diferentes grupos de inimigos vão surgindo aleatoriamente. Quanto mais hordas você derrota, maior o nível de dificuldade. O jogador deve sobreviver a todos os ataques, enquanto se esforça para destruir a enorme esfera responsável por toda essa algazarra.

game-plasmaOs controles e sistema de luta de Plasma Puncher são simplificados a fim de manter a ação fluente e intuitiva ao mesmo tempo em que jogadores de qualquer idade podem apreciar o jogo. O ponto alto são os power ups devastadores, que tornam a missão bastante prazerosa. Você pode utilizar esses poderes especiais ao coletar o Power Cromossomo durante a partida.

Vale destacar as animações extremamente bem feitas e divertidas que o jogo apresenta. O pessoal da Tomatotrap não poupou tempo e recursos para entregar uma experiência de jogo cativante. Até mesmo a trilha sonora foi bem desenvolvida e combina com a sensação de urgência e ação desenfreada do jogo.

tomato

Plasma Puncher teve seu desenvolvimento iniciado em 2015 pela dupla Éder Cardoso e Fred Lima. O lançamento oficial está marcado para maio deste ano exclusivamente para PCs. Há planos de um port para mobile, mas vai depender da recepção que o game tiver após o lançamento na Steam.

Abaixo tem o trailer de Plasma Puncher: