Arquivo da tag: Mad Mimic

Mad Mimic revela o novo jogo Turma da Mônica e a Guarda dos Coelhos

Durante o evento Game XP, no Rio de Janeiro, o pessoal da Mad Mimic (No Heroes Here) anunciou seu novo jogo Turma da Mônica e a Guarda dos Coelhos, fruto da parceria com a Mauricio de Sousa Produções. O titulo marca o retorno dos personagens da Mônica aos jogos eletrônicos após um hiato de vários anos.

Assim como No Heroes Here, o novo jogo da Mad Mimic é do gênero tower defense, com o destaque de colocar a turma da Mônica em uma missão de proteger castelos de uma horda de sujeira. É possível jogar em modo co-op em ate 4 jogadores simultâneos. Os personagens Monica, Cebolinha, Cascão e Magali devem usar suas habilidades e trabalhar em equipe a fim de evitar que os invasores levem as relíquias do castelo.

Para garantir sucesso na missão, você deve usar de todos os recursos possível, como pólvora, coelhos mágicos e ate canhões de coelho. De acordo com a Mad Mimic, muito do gameplay se baseia em usar as melhores estratégias e dividir tarefas para derrotar os invasores. Você deve produzir pólvora, criar coelhos mágicos e disparar os canhões antes que os inimigos mudem suas estratégias. O segredo é estar sempre um passo à frente dos inimigos.

Toda a produção de Turma da Mônica e a Guarda dos Coelhos está sendo feita no Brasil, com todo o apoio de Mauricio de Sousa e sua equipe criativa. A intenção é criar um jogo que preste homenagem a todo o legado da obra ao mesmo tempo que utiliza a expertise da Mad Mimic para criar um jogo com identidade própria.

A Mad Mimic esta utilizando todo seu aprendizado conquistado em No Heroes Here para esta nova produção. Vale lembrar que o NHH foi vencedor na categoria Melhor Jogo Brasileiro no Big Festival 2018. Não por acaso, Turma da Mônica e a Guarda dos Coelhos lembra bastante o jogo retro mencionado, inclusive contando com estilo pixel art.

Poder trabalhar com o desenvolvimento de um jogo baseado na propriedade intelectual da Turma da Mônica é algo tão fantástico como viver uma das fantásticas histórias vistas nos gibis da turminha”, afirmou Luis Tashiro, Diretor Executivo da Mad Mimic Interactive. “Esse jogo é uma oportunidade incrível para nós da Mad Mimic não apenas por ser tratar do retorno da Turma da Mônica aos games, mas também por ser feito por fãs e para fãs destes tão amados personagens. Aqueles que gostam de juntar os amigos para uma boa diversão multiplayer ficarão muito felizes em poder viver essa grande aventura chamada Mônica e a Guarda dos Coelhos”, complementou Tashiro.

Turma da Monica e a Guarda dos Coelhos será lançado ainda em 2018 para PCs via Steam, Playstation 4 e Nintendo Switch. Mais detalhes devem ser anunciados no site da Mad Mimic.

Abaixo tem o trailer de Turma da Mônica e a Guarda dos Coelhos:

 

No Heroes Here – Game vencedor de edital da Spcine ganha prêmios no BIG Festival

O ano de 2018 tem sido extremamente positivo para os desenvolvedores brasileiros do estúdio indie Mad Mimic Interactive: após confirmar versões para PS4 e Switch, o game No Heroes Here sagrou-se um dos campeões do BIG Festival, o mais importante evento de jogos independentes da América Latina. O game levou dois prêmios do festival: o de melhor jogo brasileiro e de melhor jogo pelo voto popular. Foi o único da lista de vencedores a ter uma vitória dupla.

Vale lembrar que esta não é a primeira vez que o jogo da Mad Mimic conquistou um prêmio importante! Durante a etapa de desenvolvimento, o game foi contemplado no edital de games da Spcine de 2016. De acordo com Luis Tashiro, um dos produtores de No Heroes Here, o jogo veio em um período sensível para a empresa.

“ Nós estávamos há 2 meses produzindo um jogo que acabou dando bastante errado. Até que um dia conversei com a equipe e disse que estava cancelando o projeto e que nos próximos dias iríamos começar um brainstorm para pensar em ideias novas. Todas as nossas referências foram tiradas de jogos do gênero couch co-op. Ao final do terceiro dia de discussão sobre o novo jogo, eu dei a ideia de juntar o processo de cozinhar (produção) do Overcooked com derrotar inimigos em estações diferentes do Lovers in a Dangerous Spacetime. Dessa união veio a primeira ideia do No Heroes Here”.

Para quem não teve a oportunidade de conhecer, No Heroes Here é um jogo co-op para até 4 jogadores. Neste frenético simulador de defesa de castelo, os jogadores precisam gerir recursos, cooperar e coordenar entre si. O trabalho em equipe torna-se mais importante que as habilidades individuais.

A premissa é que o Reino de Noobland perdeu seus heróis, mas há um ataque inimigo chegando. Cabe aos “Não-Heróis” a tarefa de impedir os inimigos. Você deve forjar diferentes tipos de munição para carregar os canhões, tais como barris de mel, galinhas enlouquecidas, entre outras loucuras. A jogabilidade é bem simples e divertida. Não é por acaso que o game foi tão premiado.

Ao todo existem mais de 50 fases e o macete é tomar decisões rapidamente e em conjunto a fim de destruir as hordas invasoras. Para isso, você deve manter a comunicação com seus parceiros de quest.

Abaixo tem um trailer de No Heroes Here:

Estúdio brasileiro Mad Mimic estará na Playstation Experience para apresentar o jogo No Heroes Here

Você já ouviu falar do jogo No Heroes Here? Se ainda não conhece, pode ter certeza de que ainda vai ouvir falar muito desse jogo. E não é por menos: o game brasileiro é uma das grandes apostas da Sony para a próxima temporada. Prova disso é que o estúdio desenvolvedor Mad Mimic Interactive é um dos destaques da PlayStation Experience, que ocorre nos dias 9 e 10 de dezembro, no Centro de Convenções de Anaheim, Califórnia. 

Convidados pela Sony, os criadores de No Heroes Here terão um estande exclusivo no evento. O estande tera nada menos que 12 metros quadrados, onde os desenvolvedores apresentarão  o game ao grande público do evento e  responderão as dúvidas da comunidade. É muito raro estúdios brasileiros conseguirem a oportunidade de apresentar seus games em eventos internacionais desse porte.

No Heroes Here é um ‘Castle Defense’ cooperativo e multiplayer para até quatro jogadores. O jogo teve o incentivo da prefeitura de São Paulo e parte do seu desenvolvimento foi financiado pela SPCine. Sua produção durou cerca de um ano e as versões para Windows e Mac OS foram lançados em outubro deste ano, na plataforma digital Steam. Com diversos personagens selecionáveis e fases a serem exploradas, criar estratégias e cooperar com outros jogadores para o desfecho de cada desafio é o ponto alto da diversão em No Heroes Here.

Nos últimos meses, No Heroes Here esteve presente em diversos eventos nacionais e internacionais como a Brasil Game Show, a GamesCom, o DreamHack, a Tóquio Game Show, a Campus Party e a Argentina Game Show, com destaque para a PAX 10, uma seleção oficial de jogos independentes do evento feita por 50 especialistas do mercado de games mundial.

No Heroes Here conquistou alguns prêmios como melhor jogo brasileiro do Brazil Game Awards, melhor jogo social da Game Connection Development Awardse melhor som e melhor jogabilidade, no evento MAX. Além disso, teve outras nomeações importantes em eventos como o SBGames e o Indie Playground.

De acordo com a Mad Mimic, No Heroes Here estará disponível no primeiro semestre de 2018 para consoles e será lançado para Nintendo Switch, PlayStation 4 e Xbox One. Para saber mais e jogar as versões de Windows e Mac OS, acesse o site do game.

Abaixo tem o trailer de No Heroes Here:

No Heroes Here é o melhor jogo social da Game Connection America 2017

E deu Brasil na Game Connection America: o jogo No Heroes Here, do estúdio Mad Mimic Interactive, venceu a categoria Melhor Jogo Social. É a primeira vez que um game brasileiro ganha a competição durante o evento, que acontece em San Francisco de 27 de fevereiro a 01 de março.

De acordo com os desenvolvedores, atualmente No Heroes Here já tem um mundo com 15 fases prontas e já é compatível com online multiplayer. A demo do jogo pode ser jogada durante a Game Connection e na Game Developers Conference, com o mundo Noobland e toda sua mecânica essencial – montagem, disparo, munições e inimigos – implementada.

unnamed
Luís Gustavo Sampaio, COO, e Luís Fernando Tashiro, CEO da Mad Mimic, comemoram o prêmio da Game Connection America

No Heroes Here mistura conceitos de defesa de torre e simulação – o resultado é uma experiência explosiva e frenética que torna os amigos mais amigos ainda ou os separa para sempre.  Como os heróis do jogo são não-heróis, os jogadores devem se ajudar para criar diferentes tipos de munição, levar até os canhões e fazer chover fogo nos inimigos. Mas, sem cooperação e coordenação da equipe, tudo pode ir para o espaço.

O trabalho em equipe e a cooperação do grupo é o ponto principal de No Heroes Here. Sem isso, não tem como sobreviver, se defender e proteger o castelo. Os jogadores precisam se coordenar o tempo inteiro, se adaptando às tarefas distintas sem perder tempo. O título tem elementos de estratégia e defesa de torre. Os inimigos são bastante numerosos e alguns chefes chegam para atrapalhar a vida do jogador. Gostou? Não deixe de conferir o site do jogo.

Abaixo você confere o trailer de No Heroes Here: