Arquivo da tag: LoL

Claudio Prandoni lança guia completo dos pro players de League of Legends no Brasil

Para quem ama o eSport, uma grata novidade? O jornalista Claudio Prandoni destrinchou a modalidade esportiva que mais cresce no mundo. Basicamente é um mega guia de League of Legends, o jogo de MOBA mais famoso de todos os tempos, contando sobre o jogo e sobre as maiores lendas entre os cyberatletas mundiais. O lançamento é uma cortesia da editora Panda Books e é uma ode para quem acompanha os pro players brasileiros desde que LoL se popularizou no Brasil.

Aqui você encontra tudo sobre os maiores pro players brasileiros, além de dicas preciosas para quem quer se tornar um jogador profissional. Seja você apenas um fã curioso ou um Invocador já experiente, a obra é uma referência para todos que curtem o jogo da Riot Games. O leitor encontrará tudo sobre os maiores jogadores profissionais de games (os pro players) brasileiros da atualidade, desde o início de suas carreiras até atingirem o status de estrelas do eSport.

São capítulos dedicados a nomes nacionais como brTT, Kami, Leko, Lep, Minerva, Mylon, Revolta, Takeshi, Tockers e YoDa, além de um perfil do fascinante coreano Faker, o melhor jogador de League of Legends de todos os tempos. O autor também explica como funciona uma Gaming House – ambiente que serve como uma espécie de casa, lugar de concentração e centro de treinamento para a equipe –  e ensina as siglas malucas utilizadas pela galera da comunidade, como GG WP (“good game well played”, ou “bom jogo bem jogado”) e AFK (“away from keyboard” ou “longe do teclado”).

O ponto alto está no capítulo que revela 10 dicas preciosas para quem quer se tornar um jogador profissional. Uma delas é não ser “tóxico”, palavra que, no ambiente dos games, se refere àqueles jogadores com comportamento negativo. Por sinal, para aqueles que querem entender melhor a linguagem do mundo do LoL, o autor preparou um dicionário com dezenas de verbetes para falar fluentemente o idioma. Seja você apenas um fã curioso ou um Invocador já experiente, esta obra é uma referência para todos que curtem esse jogo épico.

Para quem não conhece, League of Legends conta com um elenco cheio de criaturas fantásticas, e combina reflexos rápidos com táticas complexas. Cada jogador escolhe um personagem com habilidades únicas para enfrentar o combate na arena. O que se vê ao longo da partida é um embate eletrizante, marcado por olhares atentos nos monitores e dedos com reflexos rápidos nos mouses e teclados. Apelidado de LoL, o jogo tem milhões de fãs e campeonatos oficiais por todo o globo. A final do Mundial de 2016 teve uma audiência global de 43 milhões de espectadores, ultrapassando de longe as 30 milhões de pessoas que assistiram às finais da NBA no mesmo ano.

O Autor

Claudio Prandoni nasceu em Santos e é formado em jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero, em São Paulo. Já escreveu sobre games para o jornal Folha de S.Paulo, para a revista Rolling Stone Brasil e para publicações especializadas. Atualmente é editor-assistente do UOL Jogos, área de games do portal UOL.

 

Guia League of Legends

Claudio Prandoni | 80 pp. | 17 X 24 cm | R$ 28,90

Editora: Panda Books | ISBN: 978-85-7888-683-7 | CB: 9788578886837

Peso: 0,180 kg | Capa: Cartão C1S 250g | Acabamento: Laminação fosca | Miolo: Offset 90g

Grupo Globo e Go4it lançam Prêmio eSports Brasil

Quem acompanha de perto os torneios de eSports já deve conhecer os atletas e times pelo nome, além de narradores, personalidades e ligas profissionais. Pois bem, o eSport está prestes a se tornar ainda mais profissionais graças ao Prêmio eSports Brasil promovido pelo Grupo Globo e o Go4it, que visa celebrar os grandes atletas, personalidades do universo gamer e times mais competitivos do Brasil.

Este é o primeiro evento do segmento a ocorrer na América Latina. Com data marcada para o dia 19 de dezembro, em São Paulo, a iniciativa inédita nasce com a missão de reconhecer, celebrar e projetar representantes de todas as áreas que impulsionam a indústria brasileira de esportes eletrônicos.

O evento vai reconhecer diferentes modalidades no universo dos campeonatos de games como, por exemplo, Lol, Dota 2 e CS: GO, e tem a Claro como patrocinadora máster na categoria “apresenta”. Os fãs das modalidades serão envolvidos desde o aquecimento e terão papel fundamental na escolha dos finalistas. O público vai conhecer as categorias da premiação, os jurados, os indicados, votar para levar seu atleta preferido para a final e acompanhar, na íntegra e ao vivo, tudo o que acontece no evento pelo SporTV.

A escolha dos vencedores será baseada em duas frentes: votação técnica (11 categorias) e popular (4 categorias). No aspecto técnico, um júri especializado composto por 34 nomes vai indicar os concorrentes para cada uma das 11 categorias como, por exemplo, “atleta revelação” e “melhor atleta de eSports”. Oito indicados em cada categoria vão para votação do público no site do prêmio.

Os fãs levam o indicado mais votado para a final junto com mais dois finalistas com maior número de indicações do júri. Dentre os finalistas, o júri mais uma vez vota para chegar ao vencedor. Já na eleição popular, que inclui “melhor streamer”, “melhor organização”, “melhor jogo” e “craque Claro da galera”, o público vai nomear seus favoritos e o mais votado será eleito vencedor diretamente.

“Buscamos a linguagem e os personagens do universo gamer e a nossa ideia é apresentar um storytelling completo, tanto para a audiência quanto para o anunciante. O prêmio é o reconhecimento desse ‘novo atleta’ e estamos muito felizes de participar desse projeto com o SporTV e a Go4it”, explica Vanessa Oliveira, diretora de projetos digitais da VIU.

 

 Categorias – Prêmio eSports Brasil

 

Júri Técnico:

Atleta Revelação

Personalidade do ano

Atleta de eSports do ano

Melhor atleta de League of Legends

Melhor atleta de Dota 2

Melhor atleta de CS:GO

Melhor atleta de Overwatch

Melhor atleta de Futebol Virtual

Melhor atleta de Card Game

Melhor atleta de Rainbow Six  Siege

Melhor atleta de outras modalidades

 

Júri Popular:

Melhor streamer

Melhor organização

Melhor jogo

Craque Claro da Galera

ABCDE anuncia a primeira temporada da Superliga de League of Legends

Se você é fã de League of Legends e tem um clube do coração, fique atento: mais um torneio deve reunir as equipes mais badaladas do Brasil. A partir do dia 4 de novembro, terá início a primeira temporada da Superliga ABCDE de League of Legends. Organizada pela Associação Brasileira de Clubes de eSports (ABCDE), a competição terá como um de seus principais papeis estender o calendário da modalidade no Brasil. A Superliga será disputada por dez clubes filiados à associação entre novembro e dezembro.

O torneio será organizado pela ESL Brasil e terá a participação dos seguintes 10 clubes: Brave eSports, CNB eSports Club, INTZ eSports Club, Kabum eSports, Vivo Keyd, paiN Gaming, ProGaming eSports, Operation Kino, Team One eSports e T Show eSports Club. Todos os participantes são membros da ABCDE.

“É com enorme alegria que comunicamos a criação deste torneio. Uma das premissas da ABCDE é fomentar os eSports no Brasil, e acho que esse é um passo muito importante para todas as partes. É a chance dos torcedores de League of Legends se aproximarem ainda mais de seus ídolos. Estamos atendendo ao pedido de toda a comunidade. É um marco para o League of Legends nacional”, afirma Carlos Fonseca, presidente da ABCDE.

Os 10 participantes da Superliga serão divididos em dois grupos de cinco equipes cada. Os times jogarão entre si, em sistema de turno e returno. As disputas na fase inicial serão em melhor de dois (md2). Os dois primeiros colocados de cada grupo se classificarão para as semifinais. As fases eliminatórias serão jogadas em melhor de cinco (md5).

As disputas serão presenciais. Serão quase 80 jogos até o fim da competição – número que eleva a quantidade de partidas realizadas pelos clubes brasileiros e vai auxiliar no desenvolvimento técnico do cenário.

“Quanto mais jogos pudermos fazer, melhor para todos. Para os jogadores, times e, sobretudo, os fãs de LoL. E a competição é pensada para ajudar exatamente neste aspecto. O torcedor agora terá ainda mais contato com o cenário competitivo. É um torneio que só tem a agregar ao circuito. Esperamos que seja o primeiro grande passo da nossa associação”, analisa Fonseca.

A decisão da Superliga será realizada em dezembro. Todas as partidas serão transmitidas via Youtube e Twitch. Mais detalhes no site da Associação.

Universidades disputam prêmio de R$ 20 mil em Liga Universitária de League of Legends

League of Legends não para de fazer história: no próximo sábado (09) começa a Liga Universitária Global Games de League of Legends – o maior torneio universitário de LoL do país. Nesta edição, 72 universidades de norte a sul do Brasil confirmaram presença na disputa, que irá distribuir mais de R$ 20.000,00 em premiação, além de uma série de benefícios para os alunos e atletas participantes.

Esta é a segunda edição do evento, que surgiu em 2016, já com o apoio oficial da Riot Games. No ano passado, a Global Games realizou um estágio de testes com 4 equipes, para entender a aceitação do formato no mercado e por parte da comunidade gamer. Na ocasião, a Universidade Presbiteriana Mackenzie não tomou conhecimento dos adversários, levou a premiação para casa, mas deixou a taça na sala da reitoria da faculdade.

“Para a Liga Universitária Global Games, 2016 foi um ano de testes que resultou em muitas conquistas! Foi a primeira vez que vimos um torneio universitário acontecendo de forma organizada no Brasil, e, justamente por isso, já sabíamos que teríamos um longo caminho pela frente. Esse ano, 72 universidades participando oficialmente da liga nesta temporada é consequência de um trabalho sério que vem sendo realizado. Não poderíamos estar mais contentes com os resultados!”, comemora Décio Sanford, CEO da Global Games.

Um dos principais diferenciais da Liga Universitária de League of Legends é o foco no desenvolvimento das equipes. Torneios com um alto número de participantes, por uma questão de praticidade, costumam utilizar o formato de eliminação dupla, para dar agilidade à competição. A Global Games optou pelo caminho inverso.

“Confirmar a participação oficial de uma universidade é um processo bastante trabalhoso e burocrático, ainda mais em um cenário novo como o nosso. Para nós, não faz sentido nos reunirmos com uma faculdade por 06 meses até encontrarmos uma equipe para representá-la, só para ver esta mesma equipe ser eliminada em um final de semana. Acreditamos que, assim como no meio acadêmico, dentro do jogo os alunos (ou atletas!) precisam de tempo para desenvolver habilidades, aptidão e trabalho em equipe. Um formato de torneio mais longo permite que eles pratiquem e busquem a evolução, individual e como equipe”, justifica Philipp Kerber, Diretor de Operações da Global Games.

Partidas serão transmitidas ao vivo no canal do Esporte Interativo

Uma das maiores novidades desta edição é que a partir das oitavas-de-final, todas as partidas serão transmitidas ao vivo nos canais digitais do Esporte Interativo. A fase de grupos da Liga Universitária Global Games começa no próximo dia 09. Em novembro, começa a segunda-fase, com transmissão ao vivo. Para ficar por dentro de todas as novidades, basta ficar de olho na página do Facebook da GG.

League of Legends é um fenômeno mundial, e a cada dia que passa ganha mais visibilidade, seja nos canais digitais ou na televisão. Hoje, estamos muito contentes em anunciar uma importantíssima parceria com o Esporte Interativo, que irá transmitir todo o playoffs da liga em tempo real, para todo o Brasil “, explica Jota Junior, Diretor de Marketing da Global Games.

e-SporTV é o novo canal dedicado aos jogos eletrônicos da SporTV

A rede SporTV está investindo mesmo nos jogos eletrônicos. Prova disso é o lançamento do canal no Youtube e-SporTV em parceria com a VIU, unidade de negócios da Globosat dedicada à produção de conteúdo digital. No novo canal, o público terá acesso a uma programação que inclui transmissões e mesas-redondas sobre o mundo dos jogos eletrônicos, além de realities temáticos. O canal chega ao mercado para atender mais de 30 milhões de jogadores e fãs de games.

No dia da estreia, o e-SporTV irá funcionar como o pré-jogo da transmissão das semifinais do Campeonato Brasileiro de League of Legends (LoL), que serão transmitidas pelo canal linear na TV como já acontece desde 2016. O narrador de games William Lemos, o Gordox, será o responsável por receber convidados especiais nas transmissões dos dias 19 e 20 e é o primeiro nome do elenco fixo do e-SporTV. Em estúdio, ele estará ao lado dos influenciadores Nyvi, Muca Muriçoca e Gabriel Revolta para comentar o desempenho dos jogadores das equipes Intz e-Sports e Pain Gaming, discutir as estratégias de cada time e falar sobre a modalidade.

“Os games despertam paixões no mundo afora assim como acontece com o futebol e o basquete, por exemplo. O e-SporTV nasce com o desafio de ser referência como o principal canal de informações e troca de experiências de quem já entende muito do assunto: os gamers. Queremos que esse público viva o universo dos games em uma plataforma com a chancela de qualidade de quem entende da transmissão de grandes eventos esportivos”, explica Alexandre Boyd, diretor de produto Esporte Grupo Globo.

Após a estreia, o canal irá exibir uma mesa redonda semanalmente. Gordox assume a bancada e recebe especialistas em League of Legends para falar sobre o cenário dos campeonatos, os jogadores e o mercado de games. Outras modalidades que despertam atenção de milhares de jogadores no mundo também terão espaço no canal. Para falar de Counter-Strike, o e-SporTV vai contar com comentários do jogador Gabriel Toledo, o Fallen, que já na estreia vai aparecer em um vídeo exclusivo.

Transmissão das semifinais de CBLoL

Na TV linear, a transmissão começa no dia 19, às 13h. O canal transmite um jogo aos sábados durante as classificatórias, todas as semifinais e finais de cada split. No e-SporTV a transmissão começa dia 19, às 11h.

CNB abre inscrições para a 5ª edição da peneira LG Preparando Campeões

Joga League of Legends e sempre sonhou em se tornar um cyberatleta que compete na liga nacional? Eis a sua chance: o CNB e-Sports Club acaba de anunciar a abertura das inscrições para a 5ª edição da Peneira “LG Preparando Campeões”, o maior programa do mundo de formação de novos cyber-atletas, que selecionará 30 jogadores para participarem das categorias de base do clube. O projeto pela primeira vez contará com a chancela do sócio da equipe, Ronaldo Nazário, o ex-jogador de futebol Fenômeno.

A peneira do CNB já se tornou tradição e é uma das grandes oportunidades de os apaixonados por League of Legens realizarem o sonho de se tornarem profissional na modalidade. A expectativa é descobrir novos talentos capazes de elevarem ainda mais o nível da CNB. Vale lembrar que atualmente a equipe é uma das maiores e mais famosas do Brasil, estando sempre entre os principais concorrentes aos grandes títulos nacionais.

Seguindo um modelo de seleção criado pela organização, o CNB é pioneiro quando o assunto é revelar talentos. O trabalho do clube nas categorias de base já revelou nomes como João Luis “Marf” Piola, que atua em um dos times do principal campeonato do Brasil, Yan “Yampi” Petermann, que teve a oportunidade de disputar dois jogos pelo profissional e atualmente veste a camisa de um clube da 2ª divisão, e Alexandre “codpiece” De Carli, que já alçou voos internacionais e é titular de um time no Chile.

CNB

Atualmente, o CNB conta com os atletas Pablo “PBO” Yuri e Willyam “Wos” Bonpam na line up titular, dupla desconhecida, revelada pelo próprio clube e que hoje faz sucesso no cenário nacional, o que mostra que o projeto realmente tem valor para o universo dos esportes eletrônicos. Outro nome que não pode ser esquecido é o de Pedro “Gafone”, que foi selecionado na peneira de 2015 e hoje atua como head coach do CNB.

“Só talento não basta. Esforço e treinamento são fundamentais. A dedicação e o trabalho em equipe é que garantem e ampliam os bons resultados. Ser duas vezes campeão do mundo não é uma conquista individual, mas coletiva. É o resultado do trabalho dentro e fora de campo, entre os nossos talentos, e todos que nos cercam e apoiam”, comentou Ronaldo, reforçando a importância do empenho na carreira dos futuros cyber-atletas.

O processo seletivo

Os 30 jovens selecionados na peneira serão divididos em seis times (duas equipes iniciantes, duas intermediárias e duas avançadas) e terão acesso à EPAC (Escola Preparatória de Atletas do CNB), um sistema didático criado pelo clube para passar os conceitos do jogo de maneira prática, facilitando o aprendizado dos futuros profissionais.

Este grupo de jogadores fará parte do programa de treinamento durante 6 meses, recebendo material completo de treinamento, incluindo headset HyperX, monitor Ultra Wide Pro LG gamer de 29 polegadas, mousepad Brasão CNB, kit de mouse e teclado gamer, R$ 500,00 creditados no cartão personalizado CNB GamersCard e o manto sagrado do CNB.

Além do aval de Ronaldo e das premiações exclusivas, a peneira Preparando Campeões receberá nesta edição o patrocínio da LG, uma das principais empresas eletrônicas do mundo, e que viu na equipe uma forma de investimento nesse mercado que cresce a cada dia. A empresa trabalha com monitores formato UltraWide 21:9 que com 30% a mais de tela, proporciona um campo de visão privilegiado, permitindo uma maior experiência visual para os jogadores.

O requisito mínimo para participação é ter 13 anos completos até final de 2017 e residir no Brasil. Não há idade limite e vale ressaltar a inclusão que o e-sports tem como ponto positivo, já que não há distinção entre sexo, idade, raça ou crença na modalidade. Os candidatos deverão realizar a sua inscrição entre os dias 26 de julho e 28 de agosto. As inscrições custam entre R$25,00 (para uma rota) e R$45,00 (para cinco rotas) e podem ser efetuadas pelo site.

Serviço – 5ª edição da Peneira LG Preparando Campeões

Inscrições: http://peneira.cnbesc.com.br

Taxa: R$ 25,00 a R$ 45,00

Requisito mínimo: 13 anos completos até final de 2017 e residir no Brasil

League of Legends: Estes são os favoritos ao Prêmio CBLoL

A Riot Games, que organiza o Campeonato Brasileiro de League of Legends, o CBLoL, anunciou nesta terça-feira (25) a lista de favoritos ao Prêmio CBLoL, evento que vai reverenciar os melhores jogadores da Segunda Etapa do torneio, que será decidida no dia 2 de setembro, no Mineirinho, em Belo Horizonte, Minas Gerais. Os ganhadores das nove categorias serão conhecidos no dia 13 de novembro, em um evento de gala, que contemplará os grandes destaques individuais dos embates.

O Top 10, listado abaixo, foi definido com base no desempenho (MVP, ou destaque na partida, e KDA, índice de performance) dos jogadores ao longo da Fase Regular, que terminou no último final de semana. Eles são fortes candidatos a vencer uma das nove categorias. Trata-se de um resultado parcial, já que cada categoria possui seus próprios critérios e o campeonato segue para a Fase Semifinal, onde o cenário e o ranking podem sofrer mudanças. Mais informações no LoLeSports BR.

Prêmio CBLoL

O Prêmio CBLoL será composto de nove categorias. Os participantes serão elegíveis dependendo de sua posição na equipe. Os critérios para vencer também mudam de acordo com as estatísticas principais das funções que cada um cumpre dentro da equipe e também levará em conta os votos dos casters, imprensa e jogadores profissionais. Os cálculos serão realizados pela Riot Games, organizador do evento.

CBLoL

São várias as categorias do prêmio CBLoL, entre elas estão: Melhor Jogador, Melhor Topo, Melhor Caçador, Melhor Meio, Melhor Atirador, Melhor Suporte, Melhor Técnico, Jogador Revelação, Craque da Galera. A maioria das categorias são elegíveis a todos os jogadores participantes do CBLoL. Para mais informações, acesse o LoLeSports BR

Estão são os maiores candidatos a receber os prêmios CBLoL de melhor jogador:

 

10 – Alanderson “4LaN” Meireles

Equipe: Team oNe

Posição: Caçador

MVPs: 2 (vs INTZ e T Show)

KDA: 3,7 (35/30/77)

 

9 – Rodrigo “Tay” Panisa

Equipe: paiN Gaming

Posição: Caçador

MVPs: 3 (vs CNB, ProGaming e oNe)

KDA: 3,4 (40/31/66)

 

8 – Lucas “LUSKKA” Rentechen

Equipe: ProGaming e-Sports

Posição: Atirador

MVPs: 3 (vs oNe, Keyd e CNB)

KDA: 4,1 (55/27/56)

 

7 – Felipe “Yang” Zhao

Equipe: Keyd Stars

Posição: Topo

MVPs: 3 (vs CNB, T Show e ProGaming)

KDA: 4,7 (43/25/74)

 

6 – Gabriel “Tockers” Claumann

Equipe: Red Canids

Posição: Meio

MVPs: 3 (vs paiN, oNe e T Show)

KDA: 4,9 (65/29/78)

 

5 – Micael “micaO” Rodrigues

Equipe: INTZ e-Sports

Posição: Atirador

MVPs: 3 (vs CNB, Red e paiN)

KDA: 5,0 (64/28/77)

 

4 – Gabriel “Kami” Bohm

Equipe: paiN Gaming

Posição: Meio

MVPs: 3 (vs T Show, CNB e Keyd)

KDA: 5,0 (34/21/70)

 

3 – Felipe “brTT” Gonçalves

Equipe: Red Canids

Posição: Atirador

MVPs: 3 (vs ProGaming, CNB e Keyd)

KDA: 5,8 (50/20/65)

 

2 – Bruno “Envy” Ventura

Equipe: INTZ e-Sports

Posição: Meio

MVPs: 3 (vs CNB, T Show e Keyd)

KDA: 6,1 (62/24/84)

 

1 – Luan “Jockster” Cardoso

Equipe: INTZ e-Sports

Posição: Suporte

MVPs: 4 (vs Red, ProGaming (2x) e Keyd)

KDA: 3,9 (22/45/153)

League of Legends: UNILoL atinge marca de 50 clubes cadastrados

Há alguns meses atrás falamos sobre a intenção da Riot Games em criar o UNILoL, portal universitário lançado para que estudantes de todo Brasil possam cadastrar clubes de League of Legends de suas faculdades. Pois bem, a iniciativa foi muito bem sucedida e já conta com mais de 50 times cadastrados. Entre as instituições participantes estão a USP (Universidade de São Paulo), UTFPR (Universidade Tecnológica Federal do Paraná), PUC Campinas (Pontifícia Universidade Católica), UFC (Universidade Federal do Ceará), UFRN (Universidade Federal do Rio Grande do Norte), UNB (Universidade de Brasília), FUMEC (Fundação Mineira de Educação e Cultura), entre outras.

O UNILoL não é um torneio e sim um hub, que lista todos os clubes universitários do país com base em sua localização geográfica. Além de criar um ambiente online único, através do qual os estudantes podem cadastrar e consultar os clubes das instituições, o UNILoL também fornece dicas de como dar visibilidade para os times, oferece apoio às faculdades na organização de torneios e o responsável pelo clube ganha um canal direto com a Riot Games e também com outros líderes de grupos. É por meio desse hub que os alunos podem organizar eventos em conjunto e, é claro, contribuir para o crescimento do cenário universitário.

“O nosso objetivo é criar um espaço permanente que conecte jogadores de LoL de uma mesma instituição”, diz Fabrício Santos, especialista em projetos na Riot Games no Brasil e responsável pelo UNILoL. “Criar conteúdo e serviços para o jogador dentro do espaço universitário foi o caminho encontrado pela Riot para impulsionar a comunidade brasileira de estudantes”, completa Santos.

Uma das diferentes formas de apoio que a Riot Games tem oferecido ao cenário competitivo universitário, desde o lançamento do projeto, é a cobertura dos torneios no site do UNILoL, como ocorreu com o TUES II (Torneio Universitário de e-Sports), que contou com a participação de times representantes de diversas instituições, como Mackenzie, UFABC (Universidade Federal do ABC) e UTFPR (Universidade Tecnológica Federal do Paraná). Clique aqui para conferir a cobertura da grande final. Além disso, vale destacar que League of Legends foi incluso na lista de modalidades dos Jogos Universitários Brasileiros (JUBS). A próxima edição será realizada em outubro, em Goiânia.

Os estudantes interessados em criar um clube devem acessar o portal do UNILoL e preencher o cadastro. Lembrando que é importante incluir uma carta de apoio formal da instituição ou atlética da faculdade – há um exemplo de carta disponível na página de cadastro.

Riot Games anuncia calendário da Segunda Etapa do CBLoL

Após a Primeira Etapa do Campeonato Brasileiro de League of Legends 2017 (CBLoL) e um Mid-Season Invitational para guardar na memória, começa no dia 3 de junho, sábado, a tão esperada Segunda Etapa do CBLoL, que dará ao time vencedor o título de melhor equipe brasileira do ano, prêmio de R$70.000 e a chance de disputar o Campeonato Mundial de League of Legends, na China.

As oito equipes classificadas para a competição – paiN Gaming, CNB, INTZ, Keyd Stars, Red Canids e as estreantes ProGaming, Team One e T Show – já estão prontas para se enfrentarem no maior campeonato de LoL do país. As escalações foram divulgadas pela Riot Games no site oficial LoL eSports BR. Confira aqui o nome dos jogadores profissionais que vão participar do CBLoL 2017 – Segunda Etapa.

lolO CBLoL será realizado aos finais de semana, no sábado e domingo, até o dia 2 de setembro, data da grande final. Entre os dias 2 e 15 julho, o CBLoL terá uma pausa para a realização do recém-anunciado Rift RivalsClique aqui para conferir o calendário completo e as batalhas já definidas, ambos divulgados nesta quarta-feira (24) pela Riot Games. O local da grande final do CBLoL – Segunda Etapa ainda não foi definido e será divulgado em breve pela Riot Games.

Formato de disputa do CBLoL 2017

O formato da última etapa do campeonato brasileiro será mantido. A Fase de Grupos continua com as partidas de MD2 (Melhor de 2). Em caso de vitória, a equipe recebe 3 pontos, e em caso de empate, 1 ponto. Em seguida, a disputa segue para a Fase Eliminatória, em MD5, quando serão realizadas as semifinais e a grande final.

O último colocado do CBLoL (8º) será automaticamente rebaixado para o Circuito Desafiante. Consequentemente, o primeiro lugar do Desafiante será promovido para o CBLoL 2018 – Primeira Etapa. A Série de Promoção envolverá apenas os 2º e 3º lugares do Desafiante contra o 6º e 7º colocados do CBLoL.

riot games

A parceria entre a Riot Games e a SporTV segue o mesmo formato nesta Segunda Etapa.  A emissora transmitirá ao vivo, no canal SporTV 2, o primeiro confronto de todos os sábados da Fase de Grupos, além das duas semifinais e da final, sempre às 13h.

A competição também terá transmissão todos os sábados e domingos nos canais da Riot Games no YouTube e no Twitch, também a partir das 13h.

League of legends – Riot Games lança portal UNILoL para unir universitários

Na última quinta-feira (13) a Riot Games anunciou a criação do UNILoL, um portal universitário através do qual estudantes de todo Brasil poderão cadastrar clubes de League of Legends de suas faculdades. O objetivo da Publisher é criar um espaço que conecte jogadores de LoL de uma mesma instituição, mais ou menos como funciona as ligas universitárias americanas. Os interessados poderão acessar o portal por meio do site especial ou diretamente através do site brasileiro de League of Legends.

De acordo com a Riot, o UNILoL segue uma tendência global e é uma maneira encontrada de fomentar os eSports dentro do território acadêmico e impulsionar a comunidade brasileira de jogadores. O aplicativo vai funcionar como um hub, que listará todos os clubes universitários do país com base em sua localização geográfica. O cadastro dos clubes deve ser realizado pelos alunos por meio dos diretórios acadêmicos de suas universidades.

lolNo Brasil, há uma grande intersecção entre essa comunidade e pessoas que estão ou estarão cursando o curso superior nos próximos anos. O UNILoL chega, portanto, com a missão de atender uma demanda já existente de jogadores-estudantes e com o propósito de engajar uma comunidade formada por universitários com interesses em comum. Quem sabe é possível até criar novos clubes através desta ideia ou ver a Mackenzie disputando com a FMU, por exemplo?

Além de criar um ambiente online único, através do qual os estudantes poderão cadastrar e consultar os clubes das instituições, o UNILoL também vai dar dicas sobre como dar visibilidade para os clubes e sobre regras de conduta na plataforma. A ideia, é claro, é incentivar o comportamento positivo, dentro e fora dos clubes, com o objetivo de desenvolver uma comunidade competitiva saudável também no âmbito universitário.

“Acreditamos que jogar League com um grupo de amigos ou conhecidos é mais prazeroso para todos e, por isso, o UNILoL é um projeto estratégico para a Riot no país”, afirma Márcio Orlandi, diretor de League of Legends da Riot Games no Brasil. “Estamos oferecendo aos jogadores formas alternativas e divertidas de jogar e competir”, completa o executivo.