Arquivo da tag: Jogos

Dois eventos de Star Wars agitam a capital paulista em abril

A franquia Star Wars completa 40 anos agora em maio de 2017 e diversos eventos prometem agitar os fãs daquela Galáxia tão distante. Se você é de São Paulo, anote aí na sua agenda esses dois eventos ligados ao universo Jedi. A intenção é reunir fãs da franquia criada por George Lucas em bate papo, jogar, conhecer novos produtos e tirar fotos com cosplays. Ainda que já conte com quatro décadas, Star Wars permanece como um dos símbolos da cultura nerd que melhor sobreviveram ao teste do tempo. Um dos filmes mais esperados do ano é justamente o Episódio VIII.

Campeonato Nacional de X-Wing

O primeiro começa amanhã (01/04) no Centro de Convenções do Shopping Frei Caneca. Trata-se do Torneio Nacional de Star Wars: X-Wing, uma disputa organizado pela Galápagos Jogos para promover o jogo de tabuleiros. Este é o 2º Torneio Nacional organizado pela Galápagos e os planos são de que ele seja ainda maior que o de 2016. Assim como ocorreu no ano anterior, o grande campeão nacional receberá o convite para participar do Campeonato Mundial, que ocorre nos EUA, com a viagem paga pela Galápagos.

x-wingAs inscrições online já foram finalizadas, mas ainda é possível participar do evento, pois há inscrições abertas no dia do evento por R$ 85,00; Sábado das 7:00 as 8:15 e estão limitadas a 250 jogadores. Os cem primeiros inscritos recebem uma medalha estilizada para provar sua bravura como piloto. Tanto os vencedores dos Regionais de novembro, quanto os vencedores dos regionais do início do ano estão isentos do pagamento da inscrição e já têm bye garantido no primeiro round do Nacional!

 

Serviço – Campeonato Nacional de Star Wars: X-Wing 2017

Local: Shopping Frei Caneca

Endereço: Rua Frei Caneca, 569 – Consolação, São Paulo – SP

Data: 01/04 (sábado) e 02/04 (domingo)

 

Encontro Star Wars na FNAC Paulista

Já o segundo evento para o mês de abril é o lançamento oficial do blu-ray de Rogue One: Uma História Star Wars, lá na FNAC da Avenida Paulista. O evento está maracado para o dia 08 de abril e, além do lançamento do blu-ray, estão confirmadas outras atrações como um divertido bate-papo, presença de cosplays, exposição fotográfica e contação de histórias. A entrada é franca.

rogue-oneDe acordo com os organizadores, o encontro vai das 16hs e termina às 20hs sob o comando do Conselho Jedi São Paulo. Um dos pontos altos é a exposição de fotografias com 24 obras do fotógrafo Gustavo Arrais que revelam momentos cheios de referência aos filmes, tendo como modelos cosplays criados por fãs, membros do Conselho Jedi São Paulo e outros fãs clubes. Depois da Fnac Paulista, esta exposição segue para Fnac Barra, no Rio de Janeiro (junho), e Fnac Ribeirão Preto (julho).

Ingressos usados valem desconto na Fnac

Até o dia 31 de maio de 2017, a Fnac promove a campanha Salvem os Ingressos! Qualquer ingresso de programas culturais, como cinema, teatro, museus e shows, pode ser trocado nas lojas Fnac por descontos de 10% na compra de livros, CDs e DVDs. Dois ingressos usados valem juntos 20% de desconto na compra de qualquer livro. Para obter os descontos, basta apresentar um ingresso no caixa, na hora da compra. Esta campanha de promoção dos espetáculos e programas culturais é valida em todas as lojas Fnac, exceto site e Fnac GRU.

Serviço – Encontro Star Wars na FNAC Paulista

O que: Encontro de fãs, contação de histórias e abertura de exposição

Quando: Sábado, 8 de abril de 2017, das 16h às 20h

Onde: Fnac Paulista – Av Paulista 901 e Al Santos 960 (estacionamento), Jardins, São Paulo

Quanto: Entrada franca

99Gamers é a nova plataforma de crowdfunding para gamers

Você tem algum projeto de jogo eletrônico, mas não sabe como fazê-lo sair do papel? A equipe da 99Gamers está dedicada a ajudar jovens desenvolvedores a lançar seus jogos. Para isso, foi criado essa nova plataforma de crowdfunding chamada 99Gamers que funciona mais ou menos como o Kickstarter, porém o foco aqui são apenas os jogos eletrônicos.

De acordo com Tedson Santos, criador da plataforma, o 99Gamers possui 3 tipos de campanhas (Tudo ou Nada, Flexível e Recorrente). A ideia é que os desenvolvedores adequem seus projetos de acordo com suas expectativas de financiamento. O Tudo ou Nada é ideal para jogos que estão começando, pois o valor arrecadado somente é repassado ao desenvolvedor se a totalidade for atingida.

Já a modalidade Flexível é ideal para projetos que já estão em andamento, de modo que o valor arrecadado é repassado mesmo que não atinja a meta estipulada. A ideia é que o valor arrecadado servirá como complemento do orçamento ou para o lançamento de alguma nova funcionalidade do jogo, como novos mapas e cenários.

A categoria Recorrente foi desenvolvida especialmente para aqueles projetos que precisam de apoio mensal, voltado mais para o mercado de youtubers, streamers e criação de conteúdo em geral. Contribuintes dessa categoria costumam ser fãs desses streamers e youtubers.

Como colocar seu jogo no 99Gamers

Segundo a 99Gamers, a ideia é ajudar a movimentar o cenário nacional de jogos eletrônicos. Cada desenvolvedor pode ter um perfil na plataforma e publicar os jogos que esperam ser financiados pelo publico e também analisar a aceitação do mercado. A plataforma já está no ar e pode ser acessada. Para mais informações de como colocar seu projeto no 99Gamers, basta acessar o site.

Confira o Calendário Gamer 2016

 

Preparado para o ano de 2016 para os videogames? Muita coisa boa está no forno como os esperados Quantum Break, Uncharted 4 e Street Fighter V. O problema é que muitos dos jogos anunciados para este ano ainda não tem data definida de lançamento. Pensando nisso, e para ajudar os jogadores a se programar, o site da NET montou um calendário gamer bem bacana.

No infográfico estão listados apenas jogos com datas definidas de lançamento do primeiro semestre de 2016. Depois de junho as coisas ficam incertas por causa de E3, que também revelará jogos interessantes para este ano. Ainda assim, o calendário gamer é bastante recomendado para já ir fazendo as contas do que gastar com games nesses primeiros seis meses do ano.

Onde consultar o calendário gamer?

Ficou curioso sobre este calendário gamer? Basta acessar clicar na imagem destacada abaixo para ver em melhor resolução, ou ver diretamente no site especial.

Calendário Gamer 1 semestre

 

Instituto Mix organiza workshop de games

O Instituto Mix de Profissões organizará um workshop de games em sua unidade de Ermelino Matarazzo, na região central de São Paulo. O encontro é ideal para jovens com o sonho de se tornar um profissional da área dos jogos eletrônicos. De acordo com os organizadores, este workshop vai demonstrar diferentes jogos de estratégia (card games e tabuleiro) e alguns eletrônicos (adventures e estratégia).

A ideia é mostrar o trabalho de alguns desenvolvedores e o que se pode fazer com aprendizado e esforço. Deste modo, o Instituto Mix espera espalhar esses cursos profissionalizantes de desenvolvimento de jogos. Como essa oficina é uma iniciativa independente, ela somente poderá ocorrer caso a organização receba um número razoável de interessados confirmados através de contato.

As oficinas irão explorar a mecânica lógica de jogos de estratégia (board e card games); e haverá experimentações com criações de jogos utilizando baralho comum. O Instituto Mix incentiva que toda a família compareça aos Workshops, pois serão criados jogos para todas as idades e sexo.
“A participação de famílias é altamente incentivada. E meninas não devem acanhar-se também. Amigos em turma também são incentivados”, disse Fabiano Sampaio, um dos organizadores do evento.

Como participar do workshop do Instituto Mix

Para participar deste workshop, basta entrar em contato com Rodrigo Fernandes ou com a Larissa Nogueira através do telefone (11) 4328-8750. Ainda não há uma data definida para a realização deste workshop.

Ocean Brasil: primeiro centro de treinamento para desenvolvedores da Samsung fora da Coreia

A gigante da tecnologia Samsung inaugurou há pouco tempo o Ocean Brasil, um centro de treinamento e capacitação gratuitos para a criação de soluções móveis voltado a estudantes universitários e desenvolvedores em São Paulo. A empresa Coreana é uma das poucas empresas de tecnologia a investir pesado em pesquisa e desenvolvimento.

Esta é a primeira vez que a Samsung inaugura um centro Ocean fora da Coreia do Sul. O objetivo da empresa é criar um ecossistema de profissionais locais capacitados a criar soluções de conteúdos e serviços para os dispositivos da marca.

“O diferencial do Ocean é o seu conceito one-stop, oferecendo capacitação técnica combinada com temas relacionados a negócios e empreendedorismo, além do contato com especialistas da Samsung e do mercado”, disse Fábio Croitor, diretor do Media Solution Center da Samsung para América Latina.

O instituto é dotado de equipamentos de alta tecnologia e instalações modernas. Os cursos são oferecidos livremente para estudantes de universidades parceiras ou para interessados que se inscreverem no site do Ocean Brasil. O instituto oferece um curso intensivo com duração de seis meses para 30 alunos com direito a certificado de conclusão de curso.

O otimismo é tal que a Samsumg espera receber cerca de 4000 alunos e desenvolvedores até o final do primeiro ano de atividade. A empresa já está anunciou suas intenções de inaugurar outra unidade no Brasil, desta vez na cidade de Manaus (AM), graças a uma parceria com a Universidade do Estado do Amazonas – UEA.

Fica a dica para quem pretende se tornar um desenvolvedor para o mercado mobile e trabalhar com Android. Quer um upgrade melhor na área profissional do que a oportunidade de estudar dentro de uma instituição ligada à Samsumg gratuitamente?

Mais informações no site do Ocean Brasil.

Dez jogos para celular que você precisa jogar

Quem nunca jogou algum game no celular? É quase impossível encontrar alguém que tenha um celular e nunca tenha passado alguns minutos no transporte público ou na fila de espera. Os jogos eletrônicos, que antes eram taxados de perda de tempo, hoje em dia tornaram-se populares até mesmo entre quem nunca imaginou pôr as mãos em um controle. Não por acaso, muita gente escolhe celulares parrudos na hora da compra visando aquele que possua um sistema operacional com boa biblioteca e disponibilidade de jogos.

Ao contrário da indústria de jogos para consoles e PC, os games para celulares são lançados com muito mais frequência. Afinal de contas, programar um game para mobile não tem a mesma complexidade de criar um jogo para videogames. Fato também que muitos jogos para celulares são medianos e sofríveis, porém, existem jogos de altíssima qualidade para plataformas móveis.

Pensando nisso, hoje resolvemos citar dez jogos que qualquer possuidor de celulares usados e novos precisa conhecer:

N.O.V.A 3

O terceiro game da franquia da Gameloft é bastante conhecido entre os jogadores mais inteirados. O sucesso e reconhecimento são atribuídos aos gráficos de ponta e a jogabilidade imersiva. O pacote do jogo inclui 10 fases, muitas armas e veículos para dirigir.

Na trama, o jogador assume o papel do soldado Kal Warden, que é escalado em uma série de missões para enfrentar a ameaça de uma raça alienígena chamada Volterites. O enredo não é muito inovador, mas o game muito bem produzido em seus mínimos detalhes.

O game conta ainda com suporte a multiplayer online. Imperdível para quem curte ação e ficção científica. Muita gente considera que N.O.V.A 3 tem uma experiência muito próxima à dos jogos de consoles.

Angry Birds Star Wars

A franquia Angry Birds dispensa apresentações: pássaros nervosos lançam-se em ataques kamikazes contra seus inimigos porcos, que roubaram seus ovos dourados. O game ficou mais empolgante mesmo com o crossover com Star Wars.

A Rovio não desprendeu recursos para garantir que o acabamento de Angry Birds Star Wars fosse dos melhores. O resultado é um dos jogos mais divertidos e cheios de referência à Galáxia tão tão distante com uma dose de bom humor na medida. Quanto à jogabilidade não há muito que comentar: a Rovio acertou a mão mais uma vez. É um título que merece ser jogado por qualquer fã de Star Wars e de Angry Birds.

Flappy Bird

Esse é bastante recente e ficou mais famoso pelas polêmicas de seu criador, o vietnamita Dong Nguyen, do que pela sua qualidade. O game é bastante simples: temos um pássaro voando em perspectiva side scroll que deve passar por obstáculos. Cada toque na tela é um bater de asas. O game é bastante desafiador e nenhum pouco fácil, mas ainda assim viciante.

Apesar de ser publicado por uma empresa indie e o Vietnã não ser nenhuma Meca da produção de jogos digitais, Flappy Bird ficou extremamente conhecido até chegar ao ponto de encabeçar o ranking dos jogos mais baixados na iOS App Store em janeiro de 2014.

Na altura do auge o game colocava cerca de US$ 50 mil nos bolsos de seu criador por dia. O sucesso não fez bem ao seu criador, todavia, que resolveu retirar o jogo do ar. Sim, o game não pode mais ser encontrado para download, mas é um game que você deve conhecer. Por sorte existem muitos clones espalhados na própria App Store.

Modern Combat 3: Fallen Nation

Modern Combat 3 é a pedida para quem gosta de FPS e é muito fã de Call of Duty Modern Warfare. O game da Activision serviu como inspiração para Modern Combat, e não apenas no nome, mas também na construção do produto. São armas, cenários e até jogabilidade portadas para a telinha dos celulares.

O legal mesmo é o design das fases e dos personagens que foram construídos de modo a apresentar gráficos muito bonitos. Poucos jogos de ação apresentam explosões e tanta ação quanto Modern Combat.

Dead Trigger

Dead Trigger é indicado para quem curte games de zumbi e estava carente de uma boa experiência de jogo em plataformas móveis. O game apresenta ambientes em três dimensões, jogabilidade aguçada e bastante sanguinolência.

O game é dos mesmos criadores do aclamado Shadowgun e recebeu muitas críticas positivas e respeito dos jogadores graças a seu ótimo design, ambientes bem construídos e fator replay. Para coroar tudo, Dead Trigger é gratuito.

Real Racing 2

Real Racing 2 é da EA e é um jogo de corrida bastante interessante. Apesar do pouco espaço que ocupa da memória do celular, o jogo é muito bem trabalhado graficamente (um dos mais bonitos que você verá numa plataforma mobile). Como se não bastasse, o game conta com uma precisão de controles de dar inveja em muito game de console de mesa. O jogo oferece ainda opções de customização de controles.

Mas não adianta, o que mais chama a atenção são os gráficos. O game é capaz de mostrar carros e cenários em detalhes, com efeitos de luz e sombra muito convincentes, elem dos reflexos no carro. Para os amantes da velocidade este é um grande jogo.

Uno

Uno você já conhece: aquele jogo de cartas mundialmente famoso. A Gameloft tratou de levar o jogo para as telinhas de celular. É possível jogar contra o computador ou contra amigos por multiplayer online.

As regras são as mesmas do jogo real, a diferença é que você pode alterar algumas regras e penalidades de modo a deixar o jogo ainda mais desafiador. Uno da Gameloft não é nenhuma invenção mirabolante, mas funciona do jeito que deve e pode divertir muito, principalmente em multiplayer. É uma maneira de abandonar os baralhos impressos sem perder o feeling.

Knights of Pen & Paper

O game da Behold Studios é muito famoso no Brasil por ter ressuscitado o espírito dos jogos de RPG de mesa, porém misturando a jogabilidade com lutas de RPG virtual. Em alguns momentos o jogo lembra jogos como Phantasy Star e Dragon Quest por causa das batalhas por turno.

O visual é retro, lembrando muito os jogos da geração 16 bits e a ambientação é perfeita para lembrar os jogadores da época dos jogos de RPG de mesa. Ao centro fica o mestre passando informações sobre as missões, ao passo que os jogadores devem passar por ambientes hostis enfrentando monstros perigosos. O jogo mexe com a imaginação do jogador. É simples e muito cativante.

The World Ends With You

A franquia é da Square-Enix e chegou primeiro ao Nintendo DS, porém ganhou uma versão para celulares. Só por ser produção do mesmo time por trás da saga Kingdom Hearts já vale uma olhada. Porém o game não se prende a nomes: a qualidade é visível nos primeiros minutos de jogo.

Você controla um garoto chamado Neku que está em uma versão anime de Shibuyia, Japão. Não espere espadas gigantes ou matar dragões: apesar de ser um JRPG genuíno, o game tem uma pegada mais voltada para a era contemporânea. O game ganhou a versão para iOS em 2012 e é muito conhecida entre os admiradores de RPGs orientais. Ah, poucos jogos são tão bem elaborados com a tela de toque em mente.

Zenonia 4

Zenonia 4 é um RPG de ação muito cultuado entre os jogadores do Android e os motivos são óbvios: altíssima qualidade gráfica, enredo cativante, personagens bem desenvolvidos e um mundo muito rico a ser explorado. A franquia já teve até a honra de ser comparada à franquia Zelda da Nintendo, ou seja, não é um joguinho qualquer. Méritos da produtora GAMEVIL.

A trama é clichê: um homem cruel almeja destruir o mundo por ambições pessoais. Para impedi-lo, surge um grupo de heróis bem intencionados e bastante corajosos. Cada um dos personagens possui habilidades únicas e ataques poderosos.

O visual do jogo é um dos maiores atrativos: são ambientes bastante coloridos e personagens bastante característicos da escola oriental de desenhos. Há ainda opções de customização de personagem, o que deixa a jogatina ainda mais divertida e extensiva.

Gostou? Qual game você acrescentaria nesta lista de jogos para celular?

Os melhores jogos de terror da atualidade

Por Bruna Cardoso, do Blog Jogos de Terror.

Eis aqui mais uma lista de melhores jogos de terror da atualidade… Não! Todas as listas espalhadas pela internet estão erradas e esta aqui também.

A lista (em ordem de lançamento):

  • Série Dead Space (2008)
  • Deadly Premonition (2010)
  • Série Metro (2010)
  • Alan Wake (2010)
  • Limbo (2010)
  • Amnesia (2010)
  • Slender: The Eight Pages (2012)
  • The Last of Us (2013)
  • Outlast (2013)
  • As sagas zombie (compilação dos jogos de zombies)

Não tem como definir o melhor jogo somente olhando para alguns fatores como, por exemplo, a história, gráfico, ambientação, personagens, desenvolvimento da trama, popularidade.

Jogos de vídeo game não são filmes, não são livros e muito menos novelas, são mecanismos geradores de experiências e elas não seguem um script pronto, elas são vividas por cada um de nós individualmente, somos nós os protagonistas da história.

Por que gostamos de listas?

Se várias pessoas tiveram experiências incríveis com determinados jogos é certeza que teremos também, certo? Errado! Ninguém neste mundo é igual.

Mas por que então fazemos listas de melhores jogos? Para facilitar a nossa vida, existem muitos jogos de terror e não temos tempo de jogar todos, as listas mostram o que a maioria gosta ou às vezes até opiniões pessoais do autor da lista, desta forma fica mais fácil escolhermos qual vamos jogar em meio a tantas escolhas.

Jogos de terror da atualidade

 Nesta compilação de jogos eu levei em consideração os jogos em que o primeiro da série foi lançado de 2008 pra frente, então você não vai encontrar jogos de vanguarda como Resident Evil e Silent Hill, nenhuma sequência de jogos antigos e nem jogos onde o lançamento foi em 2007.

Não considerei jogos que ainda não foram lançados por completo antes de fevereiro de 2014, pois é a data que escrevo este artigo. Nem todos os jogos da lista são 100% terror, alguns possuem somente características marcantes deste estilo, mas não podem ser ignorados. Esta lista não é uma opinião pessoal com base em minhas experiências, mas sim em pesquisas, em outras palavras estou lavando as mãos.

Quer experimentar os jogos de terror da atualidade, mas não sabe qual escolher? Dê uma olhada abaixo e comece com aquele que mais te agradar.

Série Dead Space (2008)

th

A série Dead Space ganhou vários fãs devido aos dois primeiros jogos que unia elementos de sobrevivência e terror em um ambiente espacial do futuro, com a chegada do terceiro jogo, foi retirados muitos dos elementos que traziam identidade à série.  Apesar de tudo, Dead Space é um jogo pioneiro desta nova geração.

Em uma era bem distante onde os recursos na terra são escassos e a tecnologia foi usada para alcançar outros planetas em busca de uma nova esperança de vida humana, você controla Isaac Clarke em uma investigação de uma nave espacial que não apresenta sinal de vida, ao chegar à nave, é encontrada uma ameaça alienígena e você tem que sobreviver e escapar.

Deadly Premonition (2010)

deadly_premonition__directors_cut_wallpaper_by_christian2506-d5vj88t

Deadly Premonition é um dos títulos mais controversos em crítica, alguns amam outros odeiam, mas o fato é que o jogo teve sucesso e é muito interessante.

O personagem principal é um misterioso investigador que fala sozinho e têm sonhos estranhos, o seu objetivo é investigar uma série de assassinatos em uma pequena cidade, lá você de cara encontra criaturas e acontecimentos misteriosos.

O jogo apresenta uma mistura de investigação (conversar com as pessoas, verificar o cenário, encontrar pistas) com ação (enfrentar monstros, dirigir a viatura da polícia, encontrar caminhos) e uma história com clima de mistério e terror.

O inusitado, a história, personagens únicos, o humor e cenas desagradáveis (no bom sentido) marcam Deadly Premonition, confira no vídeo trailer:

Série Metro (2010)

284927

Em um mundo exterminado pelas bombas atômicas, sobreviventes vivem nos metrôs das cidades se escondendo da radiação e das criaturas alteradas pela radiação.

Belos cenários escuros e realísticos com ótimos controles FPS e toda a contextualização da história fazem dos atuais jogos Metro 2033 e Metro Last Light uma experiência inesquecível.

Você controla um personagem que nasceu no metrô da Rússia logo depois dos ataques nucleares e conforme for suas escolhas no jogo, você pode ter dois finais diferentes.

Alan Wake (2010)

Alan_Wake_Wallpaper

Um jogo impressionante com um charme cinematográfico e elementos únicos é Alan Wake, realmente é maravilhoso quando um jogo tem uma história bem elaborada.

História

Alan Wake é um escritor de livros que foi passar as férias em uma cidade pequena, porém ele começa a ter visões estranhas e partes do último livro que ele escreveu misteriosamente aparece, o mais sinistro é que Alan não se lembra de ter escrito nada deste livro, quando a esposa de Alan some, ele tem que resolver este mistério e encontrá-la.

Confira o trailer deste jogo fantástico:

Limbo (2010)

limbo__reunion_by_anneliesse666-d5j870q

Se em algum lugar existir a classificação jogo de terror arte, Limbo necessariamente deveria estar nesta lista. Limbo é um jogo produzido por uma desenvolvedora independente que obteve muito sucesso ao trazer uma experiência nova para o jogador.

O terror não está em monstros ou grandes sustos com cenas de impacto, mas sim em pequenos detalhes macabros, tanto sonoros quanto em toda sua estética.

O jogo foi lançado para Xbox 360, Windows e PS3 e é totalmente em preto e branco, o jogo é em 2D e sua mecânica é bem simples, você encontrará muitos quebra-cabeças no jogo e não terá dicas diretas para resolve-los, realmente um formato bem diferente para um jogo de terror lançado para consoles da atualidade.

Limbo é um jogo relativamente pequeno com aproximadamente 3 até 6 horas de duração. Confira o trailer do jogo:

História?

O mistério do jogo é a história, você controla um menino em uma floresta cercada de armadilhas e animais selvagens e seu objetivo é encontrar sua irmã que não sabemos ao certo se está viva ou morta.

Não há diálogos ou pistas concretas do que realmente é o jogo Limbo, cada um pode interpretar sua história de forma diferente, será que este menino realmente está vivo? Será que Limbo seria a representação do purgatório? Será que ele já está no inferno ou a história é uma representação da evolução humana?

Não pense que zerar o jogo vai ser o suficiente para entendê-lo, mas será gratificante jogar.

Amnesia (2010)

maxresdefault

Atualmente Amnesia tem dois jogos lançados para a série: Amnesia The Dark Descent e Amnesia: A Machine For Pigs. Realmente um jogo obrigatório para os amantes de jogos de terror.

Em Amnesia você se sente inseguro, seu personagem não possui armas de fogo, você não sabe o que está acontecendo ou o que vai acontecer e você não tem lembranças de quem você realmente é ou o que fez.

Se você ainda não jogou Amnesia, faça um favor para você mesmo e comece a jogar agora.

Slender: The Eight Pages (2012)

2267718-slender_title

Slender é um jogo baseado em uma lenda urbana de uma criatura chamada Slender Man, muito bem vestido por sinal, que rapta crianças em ambientes escuros e desertos. Este jogo fez tanto sucesso que existem várias versões dele espalhadas pela internet, a mais consagrada é a versão gratuita chamada Slender: The Eight Pages .

Em Slender você está sozinho na floresta com somente uma lanterna, seu objetivo é coletar 8 páginas de um caderno espalhadas pelo ambiente noturno. O Slender Man vai tentar te pegar, ele tem teletransporte, é imortal e basta chegar muito perto dele para que você morra.

O jogo em si não é uma grande produção com uma história elaborada, gráficos elegantes, personagens marcantes e é bem pequeno com relação ao tempo de duração de um jogo. O que é atrativo em Slender é o fator psicológico, o fato de existir um vilão que não dá pra combater, o ambiente escuro e sombrio combinado com a sonorização do jogo.

The Last of Us (2013)

The_Last_of_Us_free_poster_03

Apesar de The Last Of Us não ser um jogo totalmente voltado para o terror, ele possui vários elementos do mundo do horror, este jogo recebeu tantos prêmios importantes e a recepção foi tão boa que é impossível ignorarmos o fato de que ele é muito importante para o cenário atual.

História

 The Last Of Us é um jogo ambientado em um mundo pós apocalíptico onde você tem que sobreviver à escassez de mantimentos e ataque de criaturas hostis, ambientado em cidades dos Estados Unidos.

Os acontecimentos do jogo são em 2033 e o que causou a tragédia no mundo foi uma infecção de humanos com um fungo chamado de Cordyceps, ao serem contaminadas com este fungo, as pessoas viram uma espécie de zumbi.

Você assume o papel de Joel, um anti-herói que a troco de recuperar suas armas, segue na escolta de uma garotinha de 14 anos chamada Ellie que possivelmente seria a chave para a cura da doença causada pelo fungo.

Por que é tão especial?

 A história é bem clichê e muito usada em vários jogos, por que então obteve tanto sucesso? A resposta para esta pergunta poderia ser um conjunto de fatores que juntos formam não somente um jogo como qualquer outro, mas sim uma obra prima.

Com elementos cinematográficos de causar inveja, jogabilidade desenvolvida para o jogo de forma que a realidade da história seja mais envolvente (exemplo disso é o fato de que se o jogador se ferir ele não pode ser regenerado), personagens cativantes, cenários maravilhosos, trilha sonora e vários outros detalhes tornam este jogo um sucesso.

Infelizmente, The Last Of Us é um jogo disponibilizado somente para PS3, portanto se você tem condições de jogar, não perca esta chance, seja você um fã de um bom survival horror ou não.

Outlast (2013)

outlast-02

Outlast é um jogo com todos os ingredientes necessários para um game aterrorizante, desde os cenários até a história.

O personagem principal é um jornalista que resolveu investigar de perto um sanatório que tem um passado sombrio, o jogo se passe dentro deste sanatório que está cheio de monstros, seu objetivo é fugir.

Você pode achar que é somente mais um joguinho de terror onde você tem que escapar de um lugar infestado de criaturas, mas não é bem assim, o clima desse jogo e a direção que ele leva a história é impressionante.

As sagas zombie

thNH0LQIQ9

E como estou listando jogos contemporâneos, não posso deixar de lado a febre zombie que vem se alastrando nos últimos anos.

Como existem vários jogos com a mesma temática que obtiveram um público respeitável e levou a terror para os amantes da ação, resolvi não falar somente em uma franquia, mas sim nas mais influentes, assim você pode escolher qual delas mais lhe agrada.

Left For Dead (2008)

Como você sobreviveria se fosse um dos poucos imunes a uma infestação zombie? Em Left for dead é melhor que você não esteja sozinho.

O modo multiplayer é o grande atrativo do jogo, você encontrará a sua disposição várias formas de jogar, por exemplo, você pode escolher também ser um dos infectados e colaborar com outros para acabar com os mocinhos. Em Left for dead você pode usar armas de fogo e durante o caminho você vai encontrar muitos infectados e alguns com características bem próprias.

Left for dead está atualmente com dois jogos e foi muito bem aceito pela maioria dos jogadores.

Dead Island (2011)

 Você está nas férias de seus sonhos em um paraíso tropical, mas algo inesperado acontece e tudo vira um pesadelo quando uma infestação de zombies tomam conta da ilha, isso mesmo você está ilhado e cercado de monstros de sungas.

O jogo é em primeira pessoa e a predominância é a de armas brancas que podem ser customizadas e não as de fogo como comumente são usadas no estilo. Existe um modo multiplayer do jogo e a história não segue um padrão linear, você pode escolher qual missão deve fazer ou ficar somente explorando e matando Zombies. No inicio do jogo você pode escolher com qual personagem quer jogar.

Atualmente a série possui um jogo continuação chamado Dead Island Riptide, a série Dead Island ficou muito popular devido ao ótimo trabalho de marketing da produtora.

The Walking Dead: The Game (2012)

Jogo para uma das mais amadas séries de zombies da atualidade ganhou sua versão game e não desapontou, foi sucesso na certa e não somente por ser uma adaptação para The Walking Dead, mas sim por que realmente o jogo é cativante.

O game foi lançado em capítulos e a história do jogo é baseada nos quadrinhos da série, mas os personagens principais são feitos exclusivamente para a versão do game, porém com a participação de alguns personagens do seriado.

The walking dead: the game é um jogo no formato point and click, onde o jogador tem que escolher quais as falas dos personagens e às vezes consegue controlar o personagem, todas suas escolhas influenciam no desenrolar da história.

ZombiU (2012)

ZombiU é um jogo de zombie com uma ambientação sombria e envolvente, neste jogo se você morrer você vira um zombie e toma o controle de outro sobrevivente humano e inclusive pode encontrar o seu antigo personagem já transformado e recuperar seus itens.

Durante o jogo você tem que sobreviver a um apocalipse zombie em Londres e você pode assumir o controle de personagens diferentes.

Infelizmente o jogo é somente fornecido para quem tem um Nintendo Wii U, se você tem um não perca a chance de jogar ZombiU.

Infestation: Survivor Stories – THE WAR Z (2012)

Infestation é um jogo de sobrevivência em meio a um mundo que foi devastado por zombies, neste ambiente você além de enfrentar os zombies, terá que lidar com os outros jogadores que tentarão te matar e roubar seus itens.

Primeiramente o jogo se chamava The War Z, mas seu nome mudou para Infestation. Em Infestation você pode escolher seu personagem e jogar online que é um dos pontos fortes do jogo, realmente uma ótima opção para jogar com amigos.

DayZ (2013)

DayZ foi primeiramente um mod (modificação extra) do jogo ARMA 2, mas sua aprovação foi tanta que resolveram lançar DayZ como um jogo separado.

O jogo é online e é um survival com algumas mecânicas que não estamos acostumados em ver em outros jogos do estilo, os zombies não são bobinhos, eles correm, podem escutar os barulhos e além destas ameaças tem os outros jogadores que podem te matar e pegar seus itens.

O mapa é também um diferencial, é bem extenso e você tem que explorar ele ao máximo para encontrar recursos para continuar vivo o mais tempo possível. Ser morto por zombies e outros players não é a única forma de morrer, você pode cair de lugares altos, ingerir materiais nocivos, morrer de fome e entre diversas outras divertidas formas.

Deixe nos comentários abaixo por que os jogos da lista ou alguns não deveriam de jeito nenhum estar nela e porque alguns deveriam estar sim nesta lista. E mais importante de tudo, qual a sua lista?

ATENÇÃO: O texto de hoje é cortesia da redatora Bruna Cardoso, criadora do site “Jogo de Terror“, que é especialmente dedicado a falar sobre os games mais assustadores que foram lançados.

Razer anuncia a pulseira capaz de monitorar informações e ser utilizado para jogos e aplicativos

Nabu

A Razer resolveu inovar! A bola da vez é o lançamento da pulseira Nabu, descrita como a mais inteligente do mundo, pois ela é capaz de monitorar informações pessoais, notificar o usuário, se conectar socialmente e ser utilizado para jogos e aplicativos. A ideia da Razer é trazer mais um acessório de alta performance para o público gamer.

Para isso, o Nabu conta com uma tecnologia capaz de enviar notificações diretamente do smartphone do usuário para o acessório em seu pulso e rastreia informações pessoais selecionadas. Ele também funciona como uma plataforma aberta que pode ser utilizada por fabricantes de aplicativos para angariar novas experiências ao usuário, utilizando dados pessoais, físicos e geográficos conforme a necessidade.

A notificação no pulso do usuário é feita através de duas telas OLED que notificam o usuário de chamadas telefônicas, mensagens de texto, e-mails, atualizações de aplicativos, informações detalhadas de cada uma das mensagens recebidas, informações pessoais e atualizações. Os sensores da pulseira são capazes de rastrear informações como localização pessoal, biometrias (número de passos dados, distância percorrida, degraus etc.), comunicação band to band entre outros dados a partir de preferências do usuário.

Uma possibilidade interessante do Nabu é interagir e conhecer outros usuários através de uma plataforma social. Com ela é possível encontrar amigos próximos, descobrir contatos em comum etc. Os dados coletados, bem como as funções e configurações do Razer Nabu estão disponíveis em uma plataforma de desenvolvimento aberta para que qualquer produtor possa fazer uso da ferramenta sem impedimentos. O aparelho vem com um aplicativo utilitário para download que pode ser utilizado por dispositivos iOS e Android.

Os smartwatches em sua forma atual são muito confusos e as funcionalidades de fitness são facilmente esquecidas após baixar a poeira da novidade. E nós consertamos isso”, disse Min-Liang Tan, cofundador, CEO e diretor criativo da Razer.

De acordo com a Razer, o produto tem uma bateria de lítio-polímero com autonomia de 7 dias sem carregar e um cabo USB incluso. A pulseira Nabu ainda é resistente à chuva e detém um design muito agradável. A Razer informa que o produto chega ao mercado até o final do primeiro trimestre de 2014, porém ainda não tem preço definido.

Abaixo está o vídeo do Razer Nabu:

Rock ’n’ Roll Burger oferece 11 máquinas de pinball raras

Rock ’n’ Roll Burger

Você é fã de Pinball? Como não gostar daquelas máquinas pesadas, retrógradas, barulhentas e que consomem nosso dinheiro? Seja como for, existem milhares de fãs dessas máquinas no mundo. O problema é que esses fãs entusiastas quase não encontram mais essas máquinas com tanta frequência como nos idos dos anos 1980 / 1990.

Porém existe um verdadeiro santuário do pinball na capital paulista, bem na famosa Rua Augusta. Inaugurada no início do ano, a hamburgueria Rock ’n’ Roll Burger oferece 11 máquinas raras e bem conservadas para que o público divirta-se. Dentre os temas, há máquinas que destacam o Cavaleiro Negro, Fire Action, Elves Presley e a banda Guns n’ Roses.

Para se ter ideia do prestígio dessas máquinas, há algumas semanas o estabelecimento recebeu visita do xxx, conhecido como Mestre Batalha, uma verdadeira lenda viva entre os adoradores de pinball. O Mestre Batalha, aliás, foi responsável pela restauração da máquina Cavaleiro Negro (veja o vídeo abaixo), que se encontra também no RR Burger.

“Tenho essa coleção há alguns anos e resolvi levar parte dela ao Rock ’N’ Roll Burger para que os nossos clientes possam jogar”, revela Sérgio Godoy, dono da coleção de máquinas de Pinball e um dos sócios-proprietários do estabelecimento.

O visitante encontra, além das máquinas, variedade no cardápio, drinks e um ambiente underground – um verdadeiro culto ao rock – que conta com fotos de personalidades históricas do gênero musical como Nirvana, Ramones, Ozzy, Red Hot Chilli Peppers etc. Então fica aí a dica se você é fã das máquinas de pinball, está na capital paulista e não dispensa uma noitada digna da Augusta.

Serviço:
Rock ’n’ Roll Burger
Rua Augusta, 538 – São Paulo – SP
Estacionamento na Rua Augusto, 517, R$5,00 por duas horas até a meia-noite

(11) 3661-1500 / 3255-0351

www.rocknrollburger.com.br

Domingo e de terça-feira a quinta-feira, das 18h à 01h, sexta-feira e sábado até às 5h. Fecha as segundas-feiras.

10 dicas de como fazer um game de sucesso para iPhone e Android

Por Rafael Rodrigues, da Aquiris Game Experience

Alguns jogos para iPhone e Android foram sucesso instantâneo de vendas e viraram a coqueluche dos mercados de games. Vários desenvolvedores, principalmente os independentes, esperam criar o próximo “joguinho” e se transformar em milionário da noite para o dia.

Esse cenário só é possível com o surgimento de novos modelos de distribuição de games, aliado à proliferação de ferramentas que tornam a criação de jogos para essas plataformas algo muito simples e democrático de ser feito.

Mas a grande verdade é que essa facilidade pode ser também o caminho para desenvolvedores que estão apenas começando, e querem ter a oportunidade de colocar o seu game no mercado. Passar por todo o processo de criação de um jogo, de seu planejamento até a sua publicação, é uma das grandes maneiras de se ganhar experiência na indústria, e preparar quem está começando para o que está por vir.

Por isso resolvi criar uma lista de dez dicas de sucesso para o desenvolvimento de jogos para essas plataformas. Apenas explicando: essas dicas foram criadas de maneira subjetiva, sem nenhuma análise científica. Elas são frutos apenas da minha observação em jogos que já foram sucesso e que, se não garantir o sucesso, poderão ajudar a pensar em como criar o seu game.

Dicas de como fazer um game de sucesso para iPhone e Android