Arquivo da tag: ios

Sega relançará Sonic CD em 2011

A Sega avisou: Sonic CD, um dos mais icônicos games do porco-espinho mascote da companhia, será relançado.

Não será um remake, mas sim uma adaptação para as novas plataformas, que fará com que o game de 1993 chegue ao Xbox Live Arcade, à rede PSN, ao PC, ao iOS, ao Android e ao Windows Phone 7 até o fim de 2011.

Haruki Satomi, executivo da Sega, afirmou que o game trará todo o conteúdo do original, além da trilha sonora original japonesa. Agora é esperar para colocar as mãos em mais um clássico de peso!

[Via Next-Gen]

Wolfenstein 3D para iOS é vetado na Suíça e na Áustria

Um dos maiores clássicos de todos os jogos de tiro em primeira pessoa, Wolfenstein 3D, foi banido na Suíça e Áustria. Na verdade, o problema foi com a adaptação Wolfenstein 3D Classic, para iOS.

“As App Stores do iOS na Suíça e Áustria não terão o Wolfenstein Classic por conta das suásticas ofensivas. :-(“, escreveu John Carmack no Twitter.

Para quem não conhece – falha grave! – Wolfenstein 3D coloca o jogador contra soldados nazistas, em masmorras inimigas decoradas com bandeiras.

[Via CVG]

Theme Park chega para iPhone e iPad ainda em 2011

Ainda esse ano será lançado para a plataforma iOS, que equipa os portáteis iPhone, iPod touch e iPad – da Apple -, Theme Park.

O game, inspirado no clássico da Bullfrog, criado por Peter Molyneux em 1994, será recriado em um engine 3D e lançado pela Electronic Arts.

Em Theme Park o jogador administra um parque de diversões, disponibilizando aos visitantes brinquedos e contratando pessoal.

O melhor? Será gratuito, com uma lojinha interna que venderá itens.

[Via Videogamer]

Pankeka Games cria seu primeiro game de iPhone, Zigball

Thiago Ventura, da Pankeka Games, entrou em contato conosco para avisar que seu estúdio lançou seu primeiro game para a plataforma iOS (o sistema operacional do iPhone, iPod touch e do iPad).

O jogo se chama Zigball, é grátis, e tem integração com o Game Center. Está traduzido nos idiomas português e inglês.

A mecânica do game é simples: diversas bolinhas se movem aleatoriamente na tela, e você precisa contar quantas bolinhas aparecem, antes que elas se choquem e o jogo acabe.

Está difícil contar? Use o dedo para traçar obstáculos e mudar o curso das bolinhas, ganhando assim mais tempo. Zigball é um game criado para ser simples e viciante.

:: Gostou? Baixe para testar na AppStore

:: Acesse o site oficial do game

Parque das Enrolações e Clay Moon BR: games nacionais para iPhone e iPad

O desenvolvedor Marcos Riffel comentou dois de seus games para iOS: o primeiro, inspirado no programa da Rede Globo, apresentado pelo jornalista Tadeu Schimidt, se chama Parque das Enrolações.

Nele, o jogador participa de brincadeiras de parques de diversões, ativando ou não o modo trapaça, para deixar o jogo mais fácil ou mais difícil. O game está disponível na iTunes App Store por US$ 0,99.

Marcos também lançou nessa semana Clay Moon BR, o primeiro jogo que criou para iPad, totalmente em português, e com arte feita com massinha de modelar. O game venceu a competição “Pensando fora da caixa” e também está sendo vendido na iTunes App Store por US$ 0,99.

:: Gostou? Confira os outros games de Marcos Riffel em seu site

Executivo dos games critica Apple e seu iOS

Trip Hawkins, um dos fundadores da Electronic Arts e CEO da Digital Chocolate, deu uma entrevista ao site da revista Edge em que critica a Apple e seu iOS.

Hawkins fala com conhecimento de causa — já trabalhou como diretor de estratégia e marketing da companhia de Steve Jobs no começo dos anos 80. Segundo o executivo, na tentativa de forçar o uso da App Store, a companhia removeu o Flash do navegador do aparelho.

“Eles falam algo como ‘Ah, nada contra o Flash; nós apenas preferimos HTML5’. Bem, o Flash pode fazer coisas realmente boas, e com o HTML5 isso não pode ser feito”, criticou.

A natureza fechada da Apple também foi alvo de críticas de Hawkins, que acha que a censura não funciona muito bem, uma vez que no fim a lojinha de aplicativos está com um monte de aplicativos inúteis, como os que simulam o som de peidos.

O que você acha da decisão de remover o Flash do navegador do iOS? E da censura da Apple em aplicativos?

Estúdio independente diz que Sony está oferecendo devkits de Vita gratuitamente

Há relatos de que a Sony estaria oferecendo, gratuitamente, kits de desenvolvimento para o portátil Vita a programadores independentes.

A informação começou a ser veiculada graças a um post do usuário Rubicon no fórum NeoGAF. O usuário, desenvolvedor da Icon Games, afirmou que a Sony se aproximou do estúdio na tentativa de trazer Great Little War – jogo lançado para iOS – também ao seu portátil.

“Mostramos nosso game, eles gostaram bastante e acharam que seria uma boa adição para sua máquina, então nos mandaram quatro kits. Grátis”, comentou o porta-voz esperando que outras empresas sigam o exemplo e valorizem o cenário independente.

Será que isso seria suficiente para provocar uma explosão de bons games nos novos portáteis?

[Via VideoGamer]

CEO da EA fala sobre mudanças na indústria de games

John Riccitiello, CEO da Electronic Arts, esmiuçou um pouco as novas tendências do mercado de games, opiniões bastante interessantes e que cabem a todos que trabalham ou são simplesmente apaixonados por jogos, a título de reflexão.

Durante uma conferência com investidores e analistas, o executivo afirmou que a indústria está mudando radicalmente e de forma acelerada. Que o período de 4 a 5 anos entre um lançamento e outro de console não existe mais e que hoje tudo acontece mais rápido.

“Pera lá! Mais rápido? Essa geração está durando mais?” – você pode ter se perguntado. É, não é bem assim! “Considere que apenas 18 meses atrás não havia iPad, o Google estava apenas testando o Android e a maior parte dos grandes jogos estava limitada a apenas uma oportunidade de faturamento em seu lançamento”, começou Riccitiello.

“Considere que cada um dos grandes consoles agora tem um controle que encoraja o usuário a sair do sofá e entrar na ação”, continuou acrescentando que hoje, é preciso ver que o faturamento que mais cresce no mercado de games, vem a partir de meios digitais e que tablets e smartphones ganharam um foco gigantesco no mercado de jogos.

Notou o drama? Todas essas mudanças, todo esse crescimento acelerado fica nas mãos do distribuidor ou, no caso do programador independente, do próprio desenvolvedor. Hoje, com o mercado amadurecendo, aumentam as possibilidades e também as responsabilidades.

Para a Electronic Arts, uma das maiores no mundo no que faz, a solução é atacar todas as frentes. Amadurecer as próprias franquias – que continuarão a ser atualizadas anualmente e receberão foco crescente em aspectos sociais e DLC -, estabelecimento da plataforma Origin – que vende games ao cliente final -, além do investimento em grandes talentos – pagando alto por pessoas chave na indústria.

Mas, e para quem não tem tantos recursos? Como você acha que todas essas mudanças impactarão?

[Via CVG]

Tectoy Studios procura programador e estagiário em Campinas (SP)

A Tectoy Studios, com sede em Campinas/SP, abriu duas vagas de emprego: uma para um programador recém-formado e outra para estagiário (de Ciência da Computação ou cursos similares), com formatura prevista para até julho de 2012.

A vaga para programador é para desenvolvimento em Java, web e Android, e é desejável ter familiaridade com CC++ e JavaScript, conhecimento de PHP e experiência de desenvolvimento em Android ou iOS. A contratação é em regime CLT, e a Tectoy Studios promete benefícios como vale-refeição, vale-transporte, plano de saúde completo e plano odontológico optativo. O salário inicial é a partir de R$ 2,3 mil, dependendo da experiência prévia do candidato na área de atuação.

A vaga de estagiário é para desenvolvimento de aplicações Java, iOS, Android ou com suporte a PHP. Entre os requisitos desejáveis estão facilidade de comunicação, interesse em computação gráfica e arquitetura de computador, boa base em Java e CC++, PHP e JavaScript. Além da bolsa estágio de R$ 1030 (30h), a Tectoy oferece vale-refeição e vale-transporte.

É preciso ter inglês fluente, ser apaixonado por jogos e disponibilidade para morar em Campinas. Ficou interessado? Envie seu currículo para o endereço careers@tectoystudios.com com o assunto “Vaga de programador” ou “Vaga de estágio em programação”.

EA trabalha em novas versões de games para iOS

O iPhone e o iPad receberão, em breve, novas versões dos games da Electronic Arts.

Segundo o site GamesIndustry, a distribuidora já trabalha nas novas versões de FIFA, Need For Speed e Madden, e também na primeira versão da série Battlefield para o sistema portátil da Apple, iOS.

A companhia está marcando presença forte no sistema operacional de smartphones e tablets, e a chegada dos novos títulos é aguardada por uma legião de fãs. Infelizmente, no Brasil a distribuição de games para o portátil é bloqueada, mas existem meios de contornar a restrição (meramente burocrática) que são amplamente divulgados pela rede.