Arquivo da tag: INTZ

Cinco passos para você se tornar um cyber atleta de sucesso

Você já teve a curiosidade de saber o que faz com que alguns atletas se deem bem na carreira enquanto que outros mais habilidosos caiam no esquecimento? E não, não estamos falando de empresários. Hoje vamos enumerar cinco passos que podem te tornar um atleta bem sucedido e o destacar dos demais. Se você sonha em ser um cyber atleta de League of Legends, Counter Strike, FIFA ou Clash Royale, este texto é para você.

Confira abaixo cinco para se tornar um cyber atleta  de sucesso:

Respeito acima de tudo

Esta máxima vale para qualquer profissional, trate as pessoas da mesma forma que gostaria de ser tratado. No mundo dos jogos eletrônicos já houveram casos de cyber atletas e até managers já foram demitidos por desrespeitar colegas de equipe, adversários ou mesmo os fãs. Ninguém quer trabalhar com quem só quer saber de zoar os colegas. Veja um time de futebol profissional, por exemplo, se o desrespeito impera no vestuário, logo começam as brigas, e isso afeta o desempenho dentro de campo. Diz-se que o elenco está rachado.

O mesmo vale para um aspirante a cyber atleta: se há desavenças entre colegas de equipe, a comunicação fica prejudicada e as coisas começam a refletir nas partidas. De acordo com Luiz Eduardo Cavalcanti, sócio-fundador da VPSLeague, principal liga virtual de futebol profissional do Brasil, todos os atletas de futebol virtual devem saber que a diversão e o respeito caminham lado a lado.

“Para que se tenha uma participação produtiva, é preciso compreender que a diversão é organizada e baseada em pilares fundamentais como amizade, respeito e muita dedicação. Essas características são básicas para todo jogador. Muitas vezes, não é o nível de habilidade que a equipe atinge no jogo que define o profissionalismo, mas sim o grau de maturidade entre os atletas do clube”, diz Cavalcanti.

 

Disciplina e postura

A rotina é inerente a uma carreira de sucesso. Naturalmente as pessoas apresentam variações de humor todas as semanas e é ai que o cyber atleta deve saber se portar. Cumprir as rotinas de treino e respeitar os horários de treino são fundamentais, independentemente de seu estado de espirito. Afinal, o que o time pode esperar de um profissional que não possui disciplina para treinar?

“Muitos times definem rotinas de treinos táticos e técnicos que acontecem com periodicidade, que podem ser diárias. Nesse quesito, pontualidade, dedicação e esforço para evolução técnica são requeridas. Em caso de ausência, o jogador virtual precisa notificar a sua equipe. A postura também é refletida dentro do jogo. Se não estiver jogando bem, o jogador pode perder a vaga de titular. Se estiver treinando bem pode ganhar a vaga de titular. Jogar com seriedade também é condição básica”, complementa Luiz Cavalcanti.

 

Siga as orientações táticas e respeite sua posição

Imagine a cena: um time profissional de LoL chega até as final do CBLoL e a vitória esta próxima. Empolgado pela perspectiva de sagrar-se campeão e afoito para acabar a partida rapidamente, o ADC do time abandona sua posição e resolve atuar como Jungle. O que se vê a partir daí é o time perdendo a tática e logo a estratégia treinada por meses a fio se transforma em um exemplo de “salve-se quem puder” e o título acaba perdido. Manter a inteligência emocional ajuda o bom atleta a manter o padrão de jogo e pode te render louros no futuro. Não estamos dizendo que seguir um esquema tático é garantia de vitória sempre, mas isto diferencia equipes com padrão daquelas que jogam sem nenhum esquema.

De acordo com Luiz Cavalcanti, “Se a sua posição designada no esquema do time é, por exemplo, a lateral-direita, é importante respeitar e não mudar de posição durante a partida. Se o jogador sentir que as suas habilidades podem ser melhor utilizadas em um esquema diferente, cabe ao treinador da equipe definir. Não sendo o caso, atenha-se as orientações táticas e respeite sua posição”.

 

Tenha paciência e evolua na modalidade

O sol nasceu para todos. Leve este mantra consigo e vá evoluindo suas habilidades. Se você for bom mesmo algum “olheiro” ira notar suas qualidade. Você só não pode desistir se este for mesmo seu sonho. No ramo dos jogos digitais muitos cyber atletas de ponta são encontrados por acaso. Mas não espera as coisas caírem do céu. Esforço é essencial para todo profissional bem sucedido.

“Jogue, treine e evolua. Assim como no esporte real, o postulante pode se oferecer, procurar por anúncios feitos pelos clubes ou aguardar o contato de team managers que buscam novos talentos. Por isso, participar de comunidades virtuais do esporte é importante”, comenta Luiz.

 

Seja um apoiador da comunidade

Luiz Cavalcanti, da VPS League

Há alguns anos as pessoas diziam que os eSports jamais seriam respeitados. De acordo com elas, um bando de moleques jogando videogame não poderia atrair audiência e patrocinadores da mesma forma que o futebol, o vôlei ou o automobilismo. Hoje vemos que finais de campeonatos de eSports sacodem a internet e os torneios giram milhões de dólares em todo o mundo. Mesmo que você não esteja ainda na posição de cyber atleta, você pode contribuir com o eSports simplesmente assistindo e divulgando seu time de coração. É assim que os times grandes como PaiN Gaming, INTZ e Red Canids se tornaram tão famosos: com a ajuda de seus fãs.

“A responsabilidade de um jogador virtual não é apenas individual, mas também coletiva. A profissionalização passa também pela difusão de uma boa imagem da comunidade, com a atração de espectadores para prestigiar o espetáculo de duas equipes profissionais jogando futebol virtual em alto nível. A evolução da modalidade Pro Clubs, como um e-Sport, ainda vai nos trazer muitos frutos. Com uma comunidade unida, o interesse de marcas e investidores, que já vem ocorrendo, deve crescer ainda mais”, finaliza Luiz Cavalcanti, sócio-fundador da VPSLeague, principal liga virtual de futebol profissional do Brasil.

Você consegue mais dicas através de um artigo do Leo De Biase, CEO da ESL Brasil, sobre o cenário de eSports no Brasil.

INTZ inaugura maior complexo de gaming houses da América Latina

Após o susto do quase rebaixamento no CBLoL neste final de semana, a INTZ eSports Club esta se preparando para deixar a fase ruim de lado e pensar no futuro. Na ultima semana a equipe inaugurou seu novo centro de treinamentos no bairro de Perdizes, zona oeste de São Paulo. A nova casa dos Intrépidos já e considerada o maior complexo de gaming house da América Latina e goza de uma estrutura invejável.

De acordo com a INTZ, o novo QG possui cerca de 1000 m² e quatro andares com diversos ambientes. A estrutura poderá receber até 30 atletas ao mesmo tempo das diversas modalidades que o clube tem em atividade. O objetivo e modernizar a equipe e oferecer o melhor ambiente possível para os atletas.

“O planejamento do nosso novo quartel general é disponibilizar o que há de melhor em termos de estrutura, inovação e tecnologia para nossos atletas, comissão técnica e staff. É um espaço único no país, que estimamos trazer um impacto muito positivo nos resultados do clube”, afirma Lucas Almeida, CEO do INTZ.

“Vamos ter diversas melhorias nessa nova empreitada. Além do ganho no aspecto técnico das nossas equipes, teremos um espaço importante para ativações e relacionamento com nossos patrocinadores, torcida e público em geral. Temos consciência da necessidade de falar com os Intrépidos, que é um dos pilares do nosso desenvolvimento. É o início de um novo posicionamento do clube”, completa o executivo.

Além da estrutura de alto nível disponível para os atletas e staff, o espaço conta com uma novidade para os patrocinadores: Logitech e PicPay terão salas personalizadas para uso dos streamers e influenciadores, além de customizarem as salas de treinamento. A parte administrativa do clube também terá sede no novo complexo de GHs.

O centro de treinamentos ainda contará com um espaço multifuncional no último andar da casa. Com capacidade para 50 pessoas sentadas no formato de auditório, o ambiente também servirá para atividades em conjunto com os atletas, estúdio ou até mesmo espaço para coletivas de imprensa e eventos com torcedores e patrocinadores.

A antiga gaming house, localizada no bairro do Brás, foi mantida como suporte para as equipes remotas que fazem treinamentos intensivos para determinadas competições das modalidades presentes.

CBLoL: INTZ ainda tem três chances para evitar o temido rebaixamento

O INTZ está com uma campanha sofrível nesta temporada: a equipe está ameaçada de rebaixamento e vem amargando derrotas vexatórias ao longo do CBLoL. Porém nem tudo está  perdido: a equipe encerrou a fase inicial do CBLoL 2018 na sexta posição da tabela de classificação, e, por isso, precisa de mais uma vitória, agora na série de promoção, para se manter na elite do torneio. 

Opróximo compromisso será contra a ProGaming eSports, que foi eliminada na primeira rodada da série de escalada. O confronto acontece no sábado (14), às 13h, com transmissão via YouTube e Twitch. A equipe promete jogar com raça para se manter na elite da categoria.

Para se salvar a equipe terá três oportunidades numa série de promoção. Se perder para a ProGaming, enfrentará a Team oNe e, em caso de nova derrota, jogará contra o Flamengo, segundo colocado do Circuito Desafiante, no domingo. Com um triunfo em qualquer um destes compromissos, os Intrépidos garantem sua permanência na primeira divisão do segundo split do campeonato, que também acontecerá neste ano.
Obviamente os intrépidos querem resolver a situação o quanto antes. “Acho que o momento não é de tranquilidade porque nossa situação ainda demanda atenção, mas confiamos que podemos resolver isso no primeiro confronto e afastar todos os riscos”, disse Marcelo “Ayel” Mello, topo da equipe.

O clube seguiu rotina de treinamentos, mesmo com um período maior sem jogos, e se preparou para todos os possíveis adversários: “Desde o nosso último jogo pelo CBLOL, o time manteve uma rotina normal de treinos, para não perder o ritmo. A única coisa diferente foi que agora podemos ter até três adversários diferentes em dois dias, e isso demanda uma preparação estratégica para todos os possíveis confrontos. Mas nosso foco tem sido na ProGaming”, destaca o jogador Bruno “Envy” Farias.

Estes são os próximos jogos da série promocional:

Série de Promoção:
Sábado, 14/4

13h – INTZ e-Sports x ProGaming eSports

15h – Perdedor do jogo das 13h x Team oNe



Série de Acesso:

Domingo, 15/4

13h – Adversário a ser definido x Flamengo eSports

Renovado, INTZ faz jogo incrível e fica com o título da Superliga ABCDE

O maior campeão do Campeonato Brasileiro  de League Of Legends também é o primeiro campeão da Superliga ABCDE. Em um jogo incrível, o INTZ venceu por 3 a 0 a ProGaming e levou o troféu da competição, promovida pela Associação Brasileira de Clubes de eSports. O jogo, que aconteceu na Live Arena no último sábado (23), contou com a presença de torcedores, que incentivaram os intrépidos a todo o momento. O INTZ venceu com tranquilidade a primeira partida, fez uma virada espetacular na segunda e garantiu o troféu na terceira, na disputa MD5 (melhor de cinco).

A line up renovada e essa nova conquista provam que o poder coletivo dos Intrépidos está mais fortalecido do que nunca. A nova formação já havia conquistado o título do “Challenge of the Gods”, em novembro, e agora mira o calendário de 2018.

“Essa vitória nos mostra que estamos no caminho certo. Fazemos tudo com muito carinho e planejamento e os títulos estão vindo. A ideia é que continuemos no topo, vencendo tudo e seguindo uma trajetória em que a peça chave não é um ou outro e sim a união de todos”, ressalta Lucas Almeida, CEO do INTZ.

Uma das peças desta conquista, Marcello “Ayel” compartilhou da mesma opinião de Lucas. O jogador, que chegou ao INTZ em 2017, destacou a importância da confiança no grupo e fez um balanço de seu primeiro ano vestindo a camisa do clube.

A final da Superliga ABCDE de League of Legends foi transmitida via Twitch e os torcedores de casa puderam acompanhar o triunfo do INTZ. Dentre o público presente na Live Arena, estavam Rodrigo e Diogo, que tiveram a oportunidade de torcer de perto para os Intrépidos. Via Recode, organização social que visa a inclusão digital de jovens, eles passaram um dia diferente.

“Foi muito especial. Ações como essa dão oportunidades para pessoas da periferia como nós, que não temos muito acesso a esse mundo. Foi um dia diferente e fiquei muito feliz”, contou Rodrigo, que conheceu a equipe toda do INTZ. Os Intrépidos voltam em 2018. O primeiro Split do Campeonato Brasileiro de League Of Legends é o primeiro objetivo do clube.

Totalmente renovado, INTZ estreia neste sábado (21) no CBLoL 2017

Após uma temporada extremamente bem-sucedida, a equipe da INTZ eSports dará seu primeiro passo rumo a uma campanha igualmente vitoriosa no Circuito Brasileiro de League of Legends (CBLoL) 2017. Pelo menos é isso que a equipe espera com sua nova lineup. A trajetória começa neste sábado (21) às 15h, em partida oficial contra a respeitada equipe CNB eSports, com transmissão via Twitch.

Entre os novos rostos da INTZ estão Marcelo “Ayel” Mello (topo), Gabriel “Turtle” Peixoto (caçador) e Bruno “Envy” Farias (meio) juntam-se a Micael “micaO” Rodrigues (atirador) e a Luan “Jockster” Cardoso (suporte). A intenção da comissão técnica é trazer renovação e confiança para continuar trazendo os troféus. De acordo com Cláudio Godoi, Mind Coach da equipe, os treinos foram intensos e extremamente satisfatórios. Os jogadores “experientes” destacam o trabalho realizado durante a pré-temporada.

“Estamos treinando com dedicação dobrada em busca do entrosamento, já que trocamos mais da metade da equipe para esse ano. Eu, particularmente, estou muito motivado e posso garantir que todos vão dar o sangue para ganhar. Durante as férias, já não via a hora de voltar a jogar e começar logo o CBLoL. Eu, Jockster e todo staff estamos dando todo apoio e temos total confiança nos novos jogadores. O espírito está bem legal e esperamos conseguir bons resultados para os nossos torcedores”, afirmou micaO.

Na temporada passada, os Intrépidos conseguiram a façanha inédita para qualquer clube no cenário nacional – conquistar os dois splits do Campeonato Brasileiro de League of Legends em um mesmo ano (o primeiro vendo a Keyd na decisão e o segundo, a CNB), o tricampeonato do Brasil Mega Arena e o Desafio Invocadores – todos de forma invicta.

micaoNo âmbito internacional, o INTZ teve êxito no International Wildcard Qualifier, com um triunfo por emocionantes 3 a 2 diante dos turcos da Dark Passagem que garantiu vaga no Mundial dos Estados Unidos. Apesar de não conseguir avançar para a fase de playoffs, a participação ficou marcada pela vitória sobre a Edward Gaming, da China, o que foi considerado o maior feito de uma equipe brasileira em toda a história do LoL.

“Tivemos o melhor ano da história de um clube na categoria do League of Legends, graças ao esforço de todos os envolvidos. Aquele quinteto está eternizado e merece todos os elogios. Agora, estamos em uma nova etapa, apostando na mesma filosofia que usamos para formar a equipe campeã de tudo. Confiamos plenamente nos jogadores e na comissão técnica e, pelo que vi dos treinos, tenho certeza de que dedicação e espírito competitivo não vão faltar. Agradecemos todas as manifestações positivas da nossa torcida intrépida”, afirmou o diretor-geral do INTZ, Lucas Almeida.

Confira abaixo os jogos do INTZ na primeira etapa do CBLoL 2017:

 calendario

 

INTZ se prepara para o Mundial de Smite que acontece em janeiro com premiação de um milhão de dólares

O Mundial de Smite, o multiplayer online battle arena (MOBA) distribuído no Brasil pela Level Up, está quase chegando e os times mais competitivos do mundo já se preparam para essa disputa especialmente difícil. O Brasil será representado pelos garotos do INTZ que tentarão levar para casa o prêmio de um milhão de dólares. O evento será realizado entre os dias 5 a 8 de janeiro de 2017, em Atlanta, nos EUA.

O Mundial de Smite é promovido pela Hi Rez – Hi Rez |Expo – para apresentar suas novidades ao mercado. Quem quiser acompanhar basta ficar de olho no canal do Twitch da Level Up. Além de Smite, durante o Hi Rez |Expo também será realizado um campeonato de Paladins, jogo de tiro em primeira pessoa desenvolvido pela Hi Rez Studios. Nesta competição, o Brasil conta com a equipe Back Dragons que disputará o prêmio de 150 mil dólares, além do título de melhores esportistas do game.

Mundial de SmiteO prêmio da competição de Smite é uma das maiores oferecidas por competições de eSports. Não por acaso o time da INTZ promete chegar com toda a força e disposição, inclusive os Intrépidos terão o time completo para a disputa e a expectativa é conseguir uma boa colocação.

“Tiramos um tempo para assistir os campeonatos internacionais e ver como eles estavam jogando. Agora já voltamos aos treinos”, disse Nann, o capitão do INTZ em entrevista ao X5TV. “Para nós é um alívio ir com o time completo e é um sentimento bom de estar ao lado de jogadores que treinaram e se ajudaram durante esse tempo”, completa o cyberatleta.

Serviço – Mundial de Smite – Hi Rez | Expo

Quando: 5 a 8 de janeiro de 2017

Onde: Atlanta, EUA

Onde assistir: Twitch da Level Up

INTZ anuncia line up de 2017 com aposta em filosofia vitoriosa

Visando se manter no topo entre as equipes mais competitivas do eSports brasileiro, o INTZ eSports Club inicia, a partir do fim deste ano, o processo de reformulação de sua equipe de League of Legends para a temporada de 2017. Com as saídas de Gabriel “Revolta” Henud, Felipe “yang” Zhao e Gabriel “tockers” Claumman, a diretoria manterá a aposta no modelo de sucesso implementado desde a fundação do clube, em junho de 2014. Na ocasião, cinco jovens promissores começaram a ser lapidados até formarem o melhor quinteto da história do Brasil e, consequentemente, serem reconhecidos mundialmente.

Sendo assim, nesta segunda (5), o clube oficializou as contratações de Marcelo “Ayel” Mello (topo), Gabriel “Turtle” Peixoto” (caçador) e João “Marf” Luís (meio) para o elenco. O grupo já contava com os titulares Micael “micaO” Rodrigues (atirador) e Luan “Jockster” Cardoso (suporte), os reservas Daniels “desu” Marcon e Luan “sNk” Rodrigo, além agora de Álvaro “Verto” Miguel (topo), Diogo “Shini” Roge (caçador), Bruno “Envy” Farias (meio), Luis “Absolut” Felipe (atirador) e Ygor “RedBert” Freitas (suporte), ex-integrantes da Genesis, recém-adquirida pelo INTZ para o Circuito Desafiante (confira as line ups abaixo).

“Nos últimos tempos, avaliamos mais de 100 atletas e até chegamos a bater na porta de jogadores do exterior, mas finalmente decidimos apostar nos jogadores do mercado brasileiro. Temos grandes atletas no nosso cenário e tenho certeza de que, com a filosofia do INTZ, poderemos formar novamente a melhor equipe do país. Nosso clube nasceu com aqueles cinco jogadores de LoL, que eram até então desconhecidos e depois acabaram varrendo todos os campeonatos nacionais, conquistaram o WildCard e chegaram ao Mundial, desbancando a poderosa Edward Gaming. No Brasil, fomos o único clube que manteve 4 jogadores por tanto tempo. Sim, 4 dos 5 jogadores estavam com a gente desde a nossa fundação”, afirmou o diretor do INTZ, Lucas Almeida.

A expectativa da INTZ é que com as novas contratações o time ganhe fôlego de campeão e dispute os principais eventos com bastante determinação. Nestes quase dois anos e meio com a equipe de LoL, o INTZ alcançou os seguintes feitos: Bicampeão CBLoL 1º Split, Campeão CBLoL 2º Split, Campeão CBLoL Pós-Temporada, Tricampeão BRMA, IWCQ, Worlds (participação), IEM Paris e Oakland (participação) e Campeão Desafio Invocadores.

Com a saída do treinador norte-americano Alexander “abaxial” Haibel, o analista Peter Dun, peça fundamental em todas as conquistas do clube, será o Head Coach dos treinos técnicos e específicos aos jogadores – com períodos in loco no Brasil e de forma remota, quando estiver no exterior. O psicólogo Claudio Godoi, também apontado pelos próprios atletas como o diferencial para o sucesso da equipe, será o Mind Coach, liderando o quinteto em torneios presenciais na ausência de Peter.

“Temos total confiança no Peter Dun, que é um fora de série no League of Legends, e no Claudio, que sabe como ninguém a lapidar mentes vitoriosas e a formar grupos que se ajudam com humildade e determinação. Nosso staff está motivado e preparado para seguir a caminhada em 2017, após uma temporada que foi, disparada, a melhor de um clube brasileiro na história do cenário”, ressaltou o diretor do INTZ.

Abaixo você confere a line up do INTZ – CBLoL e Circuito Desafiante para a temporada 2017:

 

# INTZ @ CBLOL

Marcelo “ayel” Mello

Gabriel “Turtle” Peixoto

Bruno “envy” Farias

Micael “micaO” Rodrigues (c)

Luan “Jockster” Cardoso

 

Álvaro “Verto” Miguel

Diogo “Shini” Rogê

João “Marf” Luís

Luan “sNk” Rodrigo

Daniel “Daniels” Marcon

 

# INTZ.Genesis @ Circuito Desafiante

Álvaro “Verto” Miguel

Diogo “Shini” Rogê (c)

João “Marf” Luís

Luis “Absolut” Carvalho

Ygor “RedBert” Freitas

 

Peter Dun (Head Coach)

Claudio Godoi (Mind Coach)

Vinícius Dutra (Manager/Coach)

Caique Henriques (Manager)

 

INTZ anuncia vagas para time profissional de League of Legends

Já imaginou ser um jogador profissional de videogames? A fantasia de ganhar dinheiro e se tornar um cyberatleta pode se tornar real muito em breve para alguns jogadores, pois no início desta semana o clube profissional INTZ publicou em sua conta do Twitter que está buscando novos jogadores para todas as posições do time de League of Legends.

Os interessados devem preencher um formulário no site da organização. Tal formulário revela a intenção da INTZ de montar um time competitivo e criar uma nova geração de propayers. Aparentemente, os contratados ficarão durante toda a temporada de 2017 do CBLoL. Se você conhece bem o game e as nuances estratégicas utilizadas pelos times top de linha, eis uma bela oportunidade de mudar de vida fazendo o que gosta.

twitter-intzPara se candidatar é necessário preencher alguns requisitos, como ser maior de 17 anos; experiência de 2 anos jogando LoL; disponibilidade para morar em São Paulo; condição técnica de representar a nossa equipe no 1º Split do CBLoL; interesse em seguir carreira profissional de cyber-atleta; apoio da família na profissão; ser brasileiro ou morar no Brasil há mais de 1 ano.

Infelizmente a INTZ não divulgou os benefícios do cargo, como salário. Mas pelo calibre do clube, espera-se que esteja compatível com o mercado. Para quem não acompanha os eSports, a equipe de “LoL” da INTZ foi o principal destaque no CBLoL em 2016, conseguindo inclusive uma vaga no Mundial. A formação atual da equipe é Felipe “Yang” Zhao, Gabriel “Revolta” Henud, Gabriel “Tockers” Claumann, Micael “micaO” Rodrigues e Luan “Jockster” Cardoso. A INTZ ainda não se pronunciou se os atuais jogadores serão substituídos pelos novos contratados ou se está é parte de alguma estratégia do clube para montar um time alternativo.

INTZ é campeão LATAM de Rainbow Six e garante vaga no Mundial da categoria

Mais uma vez os Intrépidos do INTZ eSports Club mostraram sua força em uma competição oficial bastante disputada: eles venceram o título da Season 3 da Elite Latino-americana de Rainbow Six (ou Elite SIX), na final presencial realizada neste último final de semana, na Play Rec Studios, no Rio de Janeiro. O título veio com a vitória sobre a equipe da Santos Dexterity, por 3 a 0, em uma série melhor de cinco na grande final.  Antes disso, os Intrépidos passaram na semifinal pelo Team United, por 2 a 0, em série melhor de três. A taça garante automaticamente a equipe no Mundial da categoria.

Esse foi o quinto confronto decisivo entre as duas em 2016, com três vitórias para o INTZ. Além desta última decisão, os Intrépidos venceram a equipe alvinegra na final do primeiro Split da Brazil Gaming League, e na seletiva para a disputa de Showmatch, na Inglaterra. Já no segundo Split da BGL e na segunda temporada do Elite Six, a equipe santista levou a melhor sobre o INTZ.

O bom desempenho da equipe do INTZ no R6 não é surpresa para quem acompanha o cenário competitivo. Desde a época em que disputava as competições de Battlefield 4, o time de R6 dos Intrépidos já faturou 35 competições oficiais, entre elas, CEVO, WEL, BSOG e ESL, e chegou em três oportunidades ao vice-campeonato mundial da categoria.

 

Confira abaixo a line-up de Rainbow Six do INTZ campeã no Elite SiX:

Rafael “Mav” Loureiro
Wagner “Wag” Junior
Julio “julio” Giacomelli
Cristian “sn4rfx” Schroeder
André “Nesk” Oliveira

Nino “ninexT” Pavolini

 

Após título brasileiro, INTZ realiza bootcamp na Alemanha de olho no International Wildcard

Após a conquista do segundo Split do Campeonato Brasileiro de League of Legends no último sábado (9), os integrantes do INTZ começaram sua preparação para o International Wildcard com um bootcamp na Alemanha. A ideia é treinar com os melhores jogadores possíveis e utilizando os melhores equipamentos. O bootcamp será realizado em Berlim e a equipe ficará na cidade entre os dias 17 de julho a 16 de agosto.

A fase de classificação do IWC será realizada em São Paulo, a partir do dia  24 de agosto, e as finais acontecem no teatro Ópera de Arame, em Curitiba (PR), nos dias 3 e 4 de setembro. A expectativa é alta, pois equipe dos Intrépidos conquistou todos os campeonatos que disputou na categoria em 2016 de maneira invicta. Além dos dois splits do CBLoL, o time também levou o tricampeonato do Brasil Mega Arena, que aconteceu no Rio de Janeiro.

A ideia dos Intrépidos é repetir a fórmula de sucesso utilizada anteriormente: no começo deste ano a equipe treinou na Alemanha antes da semifinal do primeiro split do CBLoL. Em 2015, o clube realizou treinamentos na sede da NVIDIA, em Santa Clara, Califórnia (EUA), antes das finais do segundo split. De acordo com a equipe, a ideia é utilizar o tempo livre para treinar forte e chegar preparado para as próximas competições.

“Nesses bootcamps, nós buscamos melhorar nossa  estratégia. Aqui no Brasil, o cenário não é tão evoluído como lá fora. Quando treinamos ou jogamos no exterior, procuramos sempre absorver essa experiência deles”, disse Luan “Jockster” Cardoso.

Bootcamp é fruto de parceria entre INTZ e NVIDIA

De acordo com a INTZ, a realização de novos bootcamps  é fruto de uma parceria firmada com a NVIDIA. O clube e a empresa de tecnologia computacional renovaram o acordo de patrocínio no começo de maio, seguindo com a exposição na camisa e com previsão de novos bootcamps até o fim do ano.

“Nós vamos conseguir usar o bootcamp para treinar nesse período em que estaríamos parados, já que o CBLOL foi adiantado por conta dar Olimpíadas.  Temos que agradecer a NVIDIA, pela parceria com o INTZ, que possibilitou isso. Teremos uma chance de elevar nosso nível competitivo e esperamos que isso seja traduzido nas partidas do Wildcard”, afirmou Micael “micaO” Rodrigues.