Arquivo da tag: games

Campus Party 2019 realiza Liga Nacional de e-Sports Amador

Em fevereiro a cidade de São Pualo sediará a A Campus Party Brasil 2019, maior imersão tecnológica em Internet das Coisas, Blockchain, Cultura Maker, Educação e Empreendedorismo do mundo, em parceria com a eRabbitbt e a Rádio Geek. O evento será realizado no Expo Center Norte e tem como chamariz ser a primeira etapa da liga amadora de eSports dos jogos DOTA e Counter Strike: Global Offensive.

De acordo com os organizadores, as competições terão etapas regionais, com a final nacional no início do próximo ano na #CPBR13. O vencedor da final nacional é classificado automaticamente para disputar a final mundial da liga amadora na Campus Party Estados Unidos.

“Se antigamente o sonho da garotada era ser jogador de futebol, hoje, o jovem quer ser jogador de eSport. E por ter total relação com a Campus Party, decidimos realizar uma liga amadora em que temos como objetivo torna-la a maior do país. Vamos aproveitar as edições regionais para a realização de seletivas, com a grande final acontecendo no próximo ano em São Paulo”, explica Tonico Novaes, diretor geral da Campus Party Brasil.

Os dois jogos que terão campeonatos nacionais são: DOTA2 e Counter-Strike: Global Offensive. As inscrições vão até quarta-feira 30 de janeiro no site. Na edição nacional, que ocorrerá entre 12 e 17 de fevereiro, em São Paulo, ainda ocorrerão disputas de ARTIFACT.

Campeonatos com etapas online

Serão realizadas duas qualificatórias para o campeonato de CS:GO. Uma no dia 2 de fevereiro e outra no dia 3 de fevereiro. O campeonato presencial ocorre nos dias 13, 14, 15 e 16, na área OPEN – espaço aberto ao público e gratuito da #CPBR12.

 

Palestras e atividades sobre games

Além das atividades, a Campus Party conta com a Arena, espaço dedicado para quem comprou ingresso para a Campus Party Brasil, os apaixonados por games encontrarão um palco com palestras voltadas para esse universo. Além disso, na Academia Gamer, ocorrerão os painéis, com palestras e workshops especialmente voltados a quem trabalha ou deseja trabalhar com games, nas mais diferentes funções como design, desenvolvedor, marketing, entre outros. E para quem quer apenas se divertir, a área Free Play terá computadores, televisores e videogames para quem quer apenas se divertir! Para conferir a agenda completa de palestras.

Os ingressos para a Campus Party já estão disponíveis na plataforma. O valor do ingresso para todos dias é de R$ 350,00.  Para interessados em ingresso e camping individual, o valor é de R$ 430,00. Para ingresso e camping duplo o valor é de R$ 440,00 por pessoa.

 

Serviço Campus Party Brasil – 12ª edição

Arena: de 12 a 17 de fevereiro

Open Campus: de 13 de a 16 de fevereiro

Local: Expo Center Norte

Horizon Chase Turbo recebe novas atualizações para a nova temporada

Um dos games nacionais mais aguardados nesta temporada é sem duvidas o Horizon Chase Turbo da Aquiris Game Studios. E 2019 o clássico moderno de corrida retrô coleciona prêmios e reconhecimento desde que foi lançado e já recebeu uma incrível recepção do público e crítica. Para comemorar este feito os organizadores preparam conteúdo novo e um mega desconto na PlayStation Essentials Sale.

Possuindo o segundo jogo de corrida de 2018 com a melhor avaliação para PS4, de acordo com Metacritic, Aquiris está orgulhosa de ter seu título na PlayStation Essentials Sale – que dura até 5 de Fevereiro. Durante esta campanha, o jogo será vendido pelo seu maior desconto até então: 25% mais barato para todos os jogadores, e 35% para os membros da PS+!

Além disso, Horizon Chase Turbo está recebendo sua atualização mais esperada, incluindo:

  • O novo modo Playground;
  • Skins exclusivas para carros;
  • Novas cores;
  • Novo carro “Uno da Firma.

Vale dizer ainda que o lançamento de Horizon Chase Turbo para Switch traz um novo modo de jogo para agitar a corrida: o Playground, uma competição rotativa que traz 5 novas corridas a cada temporada. São pistas que vão ficar no ar por tempo limitado, e sempre vão trazer algo de especial para o jogo: corridas contra o tempo sem oponentes, mudanças no clima e hora do dia sobre pistas tradicionais, corridas espelhadas, nitros infinitos, restrições de garagem, etc. Espere ver chuva no deserto, vulcões entrando em erupção no Brasil, e novas regras!

As corridas vêm em níveis de dificuldade diferentes, de 1 a 5, então tem coisa para todo tipo de jogador de Horizon Chase. Cada corrida apresenta dois tipos de desafio para os pilotos atacarem: vencer os oponentes do computador já é um desafio em si, mas você sempre pode levar as coisas para o próximo nível e tentar competir com os fantasmas do placar online. Cada corrida tem seus próprios placares, Global e de Amigos, que ficam online apenas ao longo da temporada.

Sobre Horizon Chase Turbo

Horizon Chase Turbo é uma homenagem aos clássicos jogos de corrida da geração 16-bits como Out Run e Top Gear. Ele foi feito especialmente reacender a nostalgia, com música do lendário Barry Leitch (compositor das trilhas sonoras das séries Top Gear, Lotus e Rush), multiplayer local com tela dividida e uma mistura de estética retrô low-poly com jogabilidade moderna.

Para mais informação, por favor visite o site do game.

BIG Festival 2019 – inscrições para participar do evento estão abertas

Chegou o momento mais esperado pelos produtores independeste de todo o Brasil: o BIG Festival acaba de abrir inscrições para quem quer participar das competições e mostrar seu projeto a um público influente e dedicado a conhecer games novos. De acordo com a organização do evento, as inscrições são gratuitas e poderão ser feitas pela internet até o dia 26 de abril.

O BIG Festival 2019 é considerado o mais importante festival de jogos independentes da América Latina e sua missão é fortalecer o ecossistema de games no Brasil. Em 2019 o evento chega a sua 7º edição, e novamente será um evento que ocorrerá simultaneamente em São Paulo e no Rio de Janeiro, entre as datas de 22 a 30 de junho. Em São Paulo o evento acontece no Centro Cultural São Paulo e no Rio de janeiro, no Centro Cultural da Oi Futuro.

Pode realizar inscrições os jogos desenvolvidos para todas as plataformas, (computadores, tablets, smartphones, consoles e dispositivos de realidade virtual), independente de estarem publicados ou não. Os jogos finalistas de cada categoria, serão exibidos em uma exposição de 9 dias. Na edição de 2018 o BIG Festival recebeu mais de 36 mil visitantes para ver os 87 jogos expostos (sendo 48 jogos brasileiros), distribuídos em 15 categorias além de 2 mostras não-competitivas.

Se você é desenvolvedor e seu jogo está pronto para jogar, faça sua inscrição pelo site do evento.

Novidades para o BIG Festival 2019

Pela primeira vez o BIG Festival abre espaço na grade de programação para profissionais brasileiros da economia criativa inscreverem suas sugestões de palestras. As palestras sugeridas pelo público terão 30 minutos ou 1 hora de duração e cada candidato poderá inscrever 1 palestra.

Top 10: Jogos mais aguardados para 2019

O ano 2018 acabou e deixou uma saudade boa, já que muitos games de alta qualidade saíram neste ano, tais como Godo f War, Red Dead Redemption e Forza Horizon 4. Mas não pense o ano de 2019 será menos especial para quem curte videogames! Não senhor! Este novo ano promete alguns dos jogos mais aguardados de todos os tempos e boas surpresas para todos os gêneros. Pensando nisso, elaboramos uma pequena lista de 10 jogos que devem chegar em 2019 e parecem imperdíveis demais para qualquer aficionado por videogames. Confira!

Resident Evil 2

Um dos capítulos mais amados de toda a franquia Resident Evil é sem dúvidas o segundo game, graças ao seu clima de tensão sempre crescente, monstros arrepiantes e o carisma dos dois personagens centrais. Quando a Capcom relançou o remake de R.E 1, a comunidade logo ficou na expectativa de um trabalho semelhante para Resident Evil 2.

Após anos de rumores, a Capcom acabou por confirmar os trabalhos no remake de Resident Evil 2. Na última edição da E3, aliás, a produtora chegou a levar uma demo que foi considerada espetacular pela maior parte da comunidade. Pelo que deu para ver, o game promete muitos sustos e um ambiente de puro terror.

Kingdom Hearts 3

Tetsuya Nomura é atualmente o principal nome da Square-Enix. Seu nome tornou-se reconhecido do público justamente pelo sucesso do primeiro Kingdom Hearts do Playstation 2 lá em 2002. De lá pra cá a série recebeu 13 títulos (contando os remasters e spin offs), sendo que o segundo jogo da série principal chegou ao mercado no distante ano de 2005.

Após 14 anos, finalmente Nomura está pronto para a terceira parte da saga de Sora e seus amigos Donald e Pateta. A franquia amadureceu feito vinho, de modo que o salto de duas gerações garantiram gráficos melhores e uma jogabilidade mais afiada. Não bastasse isso, as últimas compras da Marvel garantiram que os jogadores poderão explorar os mundos da Pixar e outras criações como Frozen e Monstros S.A. Kingdom Hearts 3 promete ser um prato cheio para fãs de RPGs de ação e histórias repletas de reviravoltas.

Devil May Cry 5

Dante e sua turma pareciam largados pela Capcom, mas eis que na E3 2018 um bombástico trailer foi revelado, mostrando que a franquia não apenas estaria de volta, como estaria mais brutal e fotorrealista. O grande macete é que a jogabilidade deve respeitar o legado da franquia, sendo um dos mais difíceis que os jogadores encontrarão.

Um detalhe importante é que Devil May Cry 5 terá outro protagonista chamado Nero, ao invés do lendário Dante. A mudança é para mostrar um ponto de vista novo, ao mesmo tempo que expande os horizontes da franquia. Mas não pense que Dante ficará de fora, a Capcom não confirma, mas rumores sugerem que Dante será um personagem jogável e será um dos pilares na resistência contra o ataque dos demônios.

Mortal Kombat 11

 

Durante o evento The Games Awards a NetherRealm aproveitou seu espaço para anunciar Mortal Kombat 11, o terceiro game principal desde que a produtora colocou as mãos na franquia – o primeiro foi o ótimo Mortal Kombat 9. O trailer não revelou muito, apenas uma luta entre Raiden e Scorpion, com direito a mostrar que o Deus do Trovão pode estar em sua versão corrompida.

Uma teoria que ganhou bastante espaço na internet foi a de que a trama envolverá viagens do tempo, já que Scorpion acaba aparecendo com seu uniforme clássico. Essas dúvidas não ficaram muito tempo no ar, pois o título tem previsão de lançamento em 23 de abril de 2019. Pelo que os produtores já fizeram no passado, podemos esperar mais um jogão de luta a caminho.

Shenmue III

A primeira vez que ouvimos falar de Shenmue III foi durante a E3 2015, quando Yu Suzuki subiu ao palco durante a conferência da Sony para apresentar um trailer garantindo que os trabalhos seriam feitos, porém para que o game visse a luz do dia seria necessário que a comunidade apoiasse a camapanha via Kickstarter. Não demorou muito para que os resultados fossem alcançados e o título ganhasse uma data de lançamento: 27 de agosto.

Não há muitos detalhes sobre a trama ou sobre a jogabilidade, mas Suzuki é reconhecido por ter revolucionado a indústria dos jogos eletrônicos com o primeiro Shenmue para Dreamcast. As expectativas são altas para este jogo, ainda que os dois primeiros não tenham envelhecido tão bem. De qualquer forma, fica o amor no coração que toda uma comunidade tem pela franquia, o que por si só já justifica todo o apoio que Shenmue III recebeu em poucos meses.

Gears 5

Gears 5 é a próxima e maior investida da Microsoft para tentar mudar o cenário do Xbox One. A franquia de TPS já se mostrou uma das mais bem produzidas do Xbox e um dos campeões de vendas da geração. Nesta nova entrada a Microsoft aposta em um ambiente mais caótico e na entrada de uma nova personagem chamada Kait Diaz, que deve descobrir mais sobre as origens da raça Locust.

Ao contrário dos games anteriores, aqui a Microsoft optou por chama-lo singelamente de Gears 5. A atitude ousada é uma tentativa renovar a franquia para o público mais jovem. Pelo que se pode ver nos trailer, o título promete bastante ação e uma trama mais emocional.

Luigi’s Mansion 3

O Nintendo Switch é um fenômeno de vendas e para não deixar a peteca cair a Nintendo continua apostando alto em suas franquias mais queridas. Este é o caso de Luigi’s Mansion 3, jogo que coloca o irmão do Mario em missões de caça-fantasma. O terceiro game foi anunciado meio que de surpresa em um Direct em setembro, com quase nenhum detalhe.

Sabe-se por hora que o game é exclusivo de Switch e chegará ao mercado em meados deste ano. A Nintendo guarda bastante segredo sobre este jogo, de modo que a comunidade espera novos detalhes durante a E3 2019. Este será o retorno de Luigi’s Mansion para uma plataforma de mesa da Nintendo desde o 1º capítulo.

Final Fantasy VII

Outro título que deu as caras na E3 2015 e depois saiu do radar foi Final Fantasy VII Remake. A Square-Enix promete o game ainda neste ano, mas a falta de informações sobre o desenvolvimento leva a crer que este aqui está no limbo criativo e somente deve surgir novidades a partir da E3. De acordo com Tetsuya Nomura, diretor do projeto, Final Fantasy VII somente receberá total atenção dos produtores após o lançamento de Kingdom Hearts III.

Sabe-se que o game não será um remake todo fiel, pois a equipe já informou que algumas mudanças foram feitas, tal como a missão em que Cloud se veste de mulher para se infiltrar. O remake não terá isso, além disso, a equipe criativa pretende deixar os combates mais fluídos, deixando um pouco de lado a estética dos RPGs por turno. Provavelmente a square-Enix não conseguirá lançar FFVII ainda em 2019, mas vamos manter as esperanças.

Anthem

A Bioware sabe que pisou feio na bola em Mass Effect Andromeda em 2017. A intenção é não repetir os mesmos erros. Anthem sai um pouco do senso comum, ao dar ao jogador a oportunidade de sair viajando por um mundo fantástico e habitado por muitas criaturas estranhas. Já que o foco é no multiplayer online, Anthem tem todos os ingredientes para criar uma comunidade forte e dedicada, se a EA fizer as coisas corretamente.

Talvez a melhor coisa de Anthem seja seus ambientes exploráveis. Sério, após ver a demo, você fica com aquele gosto de quero mais, como se o trabalho realizado pelos produtores superassem o limite do que os videogames são capazes de fazer. Mas é claro, por vezes a EA conseguiu nos enganar com jogos mal acabados. Felizmente, Anthem parece não seguir essa diretriz.

Ori and the Will of the Wisps

O segundo capítulo da saga de Ori surge aqui na lista meio que de penetra, pois é o game de menor escala de todos, se assemelhando muito a um jogo indie. O que o coloca nesta lista é o legado que ele traz consigo: o primeiro Ori foi fenomenal e um dos melhores games que já jogamos. A qualidade foi tal que sem dúvidas é um daqueles que podemos chamar de obra de arte interativa.

A Moon Studios promete elevar a franquia para um novo patamar combinando gráficos lindos de morrer e um gameplay metroidvania repleto de desafios. O trabalho de iluminação é um dos pontos altos pelo que a demo demonstrou. Não obstante, vale destacar que Ori é um dos games mais importantes do Xbox One nesta temporada, já que é justamente ele a quebrar um pouco o ritmo dos jogos da plataforma, que em geral são voltados aos tiroteios e pancadaria. É bom ver um game feito para emocionar os jogadores ganhando espaço entre os peso-pesados.

Matthew Patrick é confirmado na Campus Party 2019

Mas ei, isso é apenas uma teoria, uma teoria gamer”. Quem acompanha canais especializados em games no Youtube certamente já ouviu essa frase em algum momento, afinal o criador do bordão é o Matthew Patrick, o MatPat, um dos influenciadores mais famosos do mundo. O criador do canal The Game Theorists acaba de ser confirmado como uma das atrações internacionais da Campus Party 2019, que ocorre entre os dias 12 e 17 de fevereiro, no Expo Center Norte, em São Paulo.

A vinda de Matthew é fruto de uma parceria entre Campus Party Brasil e o YouPix, com intermediação de Bia Granja, responsável por fazer esta ponte. MatPat se apresenta no dia 14 de fevereiro, às 20h30, no palco Feel the Future. Para quem não conhece, a Campus Party Brasil é o maior evento brasileiro voltado à imersão tecnológica em Internet das Coisas, Blockchain, Cultura Maker, Educação e Empreendedorismo do mundo.

MatPat, o The Game Theorists

Os canais The Theorists contam atualmente com 20 milhões de inscritos e 60 milhões de visualizações mensais. Seu diferencial é avaliar mitos envolvendo games e filmes, educando os espectadores enquanto descobrem os segredos por trás de jogos e filmes, focando nas perguntas mais questionadas do entretenimento. MatPat também é o criador e apresentador do Game Lab, série transmitida no YouTube Premium Original, que escolhe os maiores jogadores amadores da plataforma. A série venceu o Streamy de Melhor Série VR / 360 em 2016.

Com cerca de 1000 horas de programação, a #CPBR12 também já tem confirmadas as presenças dos brasileiros, Ivair Gontijo, físico mineiro que trabalha na NASA; da pesquisadora e designer Alda Rocha – criadora do projeto Codamos; e de Joana D’Arc Felix, uma das pesquisadoras mais premiadas fora do país.

As presenças internacionais já confirmadas na Campus Party 2019 são:

  • O israelense Uri Levine, co-fundador do Waze;
  • Chris Moriarity, um dos fundadores do projeto Million Waves: uma organização sem fins lucrativos que transforma o plástico retirado dos oceanos em material para impressora 3D. Um exemplo de projeto desenvolvido por eles é a impressão de próteses personalizadas para crianças carentes. Os itens são disponibilizados por meio de um aplicativo que encontra pessoas que precisam deste e de outros tipos de auxílio.
  • Frank Karlitschek, desenvolvedor de software de código aberto. Em 2010, iniciou o projeto ownCloud, com objetivo de promover a retomada do controle sobre o armazenamento e o compartilhamento de informações para consumidores. Em 2016, iniciou o projeto Nextcloud para levar essa ideia ao próximo nível.

 

Ingressos

O 2º lote dos ingressos para a #CPBR12 já está disponível na plataforma e vai até 20 de dezembro com valores a partir de R$ 310,00. Para interessados em ingresso e camping individual, o valor é de R$ 390,00. Para ingresso e camping duplo o valor é de R$ 400,00 por pessoa.

 

Serviço – Campus Party Brasil – 12ª edição

Arena: de 12 a 17 de fevereiro

Open Campus: de 13 de a 16 de fevereiro

Local: Expo Center Norte

Nuuvem realiza promoção Virada Gamer

O fim de ano é ideal para achar games com um desconto bacana e se auto presentear. Esta é a oportunidade oferecida pela Nuuvem, maior loja de jogos digitais para PC da América Latina, pois a empresa realiza uma grande promoção de fim de ano com títulos para todas as preferências. A promoção ocorre entre os dias 19 de dezembro e 04 de janeiro de 2019, com o nome de Virada Gamer.

A Nuuvem oferecerá mais de 1.500 jogos com descontos de até 90%, pacotes promocionais e Flash Sales durante as primeiras 48 horas de duração. Além disso, o canal da Nuuvem no Facebook contará com gincanas, promoções especiais e descontos válidos apenas durante as transmissões, que começaram em 19 de dezembro às 15hs.

Além dos preços baixo, a Nuuvem também organiza a Flash Sale PayPal. Ela funciona da seguinte forma: durante as primeiras 24 horas de promoção, além de todos os descontos da loja, os clientes que comprarem usando o PayPal receberão um desconto extra exclusivo, de 14% do valor da compra, com o cupom PAYPALNOEL.

Vale ainda destacar os Pacotes da Virada, que oferecem várias opções de bundles prontos com jogos da UbiSoft, da Warner, entre outras publishers, além de duas opções para o usuário montar seu próprio pacote selecionando três títulos.

Confira algumas ofertas da promoção de fim de ano da Nuuvem:

Shadow of War: R$ 119,90 por R$ 23,99

Injustice 2: de 129,99 por R$ 25,99

Assassin´s Creed Odyssey: de 159,99 por R$ 79,99

Far Cry 5: de 159,99 por R$ 63,99

Ghost Recon – Wildlands: de R$ 159,99 por R$47,99

Kingdom Come – Deliverance: de R$ 149,99 por R$74,49

Mortal Kombat XL: de 74,99 por R$9,99

Batman Arkham Knight: de 49,99 por R$9,99

Mad Max: de 49,99 por R$9,99

Fallout 4: de R$ 69,99 por R$ 29,99

Dragon Ball FighterZ: de R$ 149,90 por R$ 59,89

PUBG: de R$ 55,99 por R$ 29,99

PUBG Survivor Pass: Vikendi (Super lançamento): R$ 34,99 por R$ 29,99

Cuphead: de R$ 36,99 por R$ 27,49

Jurassic World Evolution: de R$ 99,99 por R$ 24,99

Planet Coaster: de R$ 81,99 por R$ 19,59

SoulCalibur VI: de R$ 159,90 por R$ 106,99

Pacotes da Virada:

Far Cry: Bullets & Stones Pack: R$59,99, contendo

Conteúdo: Far Cry, Far Cry 2 Fortune’s Edition, Far Cry 3, Far Cry 4 e Far Cry Primal.

Witcher bundle: R$ 42,99

Conteúdo: The Witcher 1: Enhanced Edition Director’s Cut, The Witcher 2: Assassins of Kings Enhanced Edition, The Witcher 3: Wild Hunt – Game of the Year Edition e The Witcher Adventure Game.

Quatro habilidades que todo gamer deve colocar em seu currículo para ser bem sucedido

Já parou para pensar o que diferencia os cyberatletas top de linha de todos os outros que treinam e se esforçam todos os dia para melhorar suas habilidades e não conseguem o sucesso e aclamação do público? Pois foi justamente pensando nisso que o Patrick Soulliere, gerente de marketing global para jogos e eSports da Ballistix, elaborou um mini guia de habilidades que todo gamer deve ter em seu currículo para ser bem sucedido no circuito profissional.

O guia conta com quatro habilidades que todo próplayer deve colocar em seu currículo e foi inspirada após uma postagem do Reddit que mostrava o quanto as habilidades dos jogadores em análise são eficientes para enriquecer o ambiente corporativo. De modo que um jogador contumaz de videogame já é visto de forma diferenciada por empresas ligadas à tecnologia.

Mas então fica a pergunta: como os jogadores podem comparar suas habilidades no campo de batalha às exigências no escritório? E quais são as características que estão incentivando os empregadores a contratar jogadores?

 

  1. Habilidades excepcionais de análise de dados

De acordo com o Dr. Curtis Nicholls, professor adjunto da Freeman College of Management da Universidade de Bucknell, os jogadores muitas vezes utilizam o tipo de análise de dados hardcore que as empresas financeiras buscam em candidatos qualificados para construção de personagens.

“Pense nos mercados de negociação online que existem em Eve, ou em outros jogos de estilo MMO (massive multiplayer online)”, diz Nicholls. “Vi jogadores criarem planilhas online para aqueles que buscam explorar sistemas e trabalhar nas margens. São os modelos de ganhos e perdas. É basicamente um certificado de economia”.

A análise do jogo estatístico conduzida por muitos jogadores MMO se encaixa perfeitamente com as técnicas de análise de dados usadas em empresas financeiras, e o aspecto de resolução de problemas desses jogos pode ser aplicado às tarefas complexas que os consultores financeiros precisam concluir no dia a dia. Tenha isso no seu currículo.

 

  1. Trabalho em equipe

A capacidade de trabalhar ao lado de seus colegas e colaborar com eles em projetos é uma característica que a maioria dos empregadores procura em sua força de trabalho. Os atletas já podem se orgulhar de ser um membro da equipe falando sobre como o futebol ou o hóquei os forjaram líderes e, em breve, os jogadores online poderão falar sobre a colaboração da equipe com a mesma autoridade. Isto é especialmente verdadeiro para jogadores que precisam de estratégia de equipe, como os de Overwatch e League of Legends, onde diferentes habilidades de personagens devem trabalhar juntas para derrotar oponentes experientes.

“Nesses jogos, tudo se resume a trabalhar em equipe e conhecer seus colegas. Trata-se de aproveitar os pontos fortes da sua própria equipe e explorar pontos fracos nas estratégias dos outros times. É desenvolvido em jogos de uma maneira que você não recria com experiências tradicionais”, diz Nicholls.

 

  1. Habilidades de liderança

Entre vinte e quarenta jogadores compõem as corporações invasoras em World of Warcraft, e com isso surgem estruturas de liderança, espelhadas em empresas ou governos. Essas corporações normalmente têm um mestre, que planeja estratégia para o grupo e que é frequentemente responsável pela falha ou sobrevivência do grupo.

Os assistentes e assessores apoiam o mestre, atuando como gerente de projeto para unidades menores dentro do grupo. Para que todos sobrevivam, os líderes precisam se comunicar de forma eficaz e garantir que cada jogador execute seu papel específico. Além disso, a resolução de conflitos é uma habilidade rapidamente aprendida pelos mestres, e quando um jogador enfrenta um desafio, é capaz de demonstrar um pensamento flexível e criar soluções inovadoras para os problemas.

 

  1. Comunicação direta

Alguns escritórios ficam “travados” pela educação e os funcionários muitas vezes sentem que não podem falar com honestidade ou franqueza. Em contraste, bons jogadores geralmente obtêm os melhores resultados, pois têm um estilo de comunicação contundente.

Os melhores jogadores de World of Warcraft (WoW) podem analisar dados em tempo real enquanto gerenciam situações desafiadoras em um ambiente sensível ao tempo. E, como fazem isso online, em vez de cara a cara, desenvolvem um estilo de feedback que é direto ao ponto e, portanto, mais adequado para ambientes de negócios simplificados.

Nesta era digital, os empregadores estão procurando mais do que apenas as habilidades hard e soft tradicionais exigidas de todo candidato. Demonstrar paixões fora da vida profissional e, em seguida, enquadrá-las para mostrar o quão bem adaptadas estão ao cargo desejado certamente será um diferencial. Da mesma forma, descobrir se os candidatos têm habilidades avançadas em jogos – ou talvez até recrutar jogadores – poderia injetar perspectivas interessantes nos locais de trabalho. No entanto, ainda existem preconceitos associados a hobbies como jogos e alguns empregadores os consideram uma atividade de lazer ao invés de uma habilidade.

 

Conclusão

De acordo com Patrick Soulliere, gerente de marketing global para jogos e eSports da Ballistix, “(…)quem quer colocar as capacidades de jogo no currículo, deve considerar o trabalho para o qual está se inscrevendo. Não basta simplesmente mencionar habilidades. É necessário certificar-se que as técnicas aprendidas estão relacionadas à função de trabalho específica, e de que elas sejam relevantes. Há que se analisar o anúncio de emprego adequadamente e descrever quais habilidades podem ser relacionadas com o cargo, e evitar aquelas que o empregador pode não estar interessado”.

Por fim, vale dizer que algumas empresas mais tradicionais podem preferir ouvir que as pessoas gostam de jogar futebol ou ler livros seu tempo livre, mas outras podem preferir saber como o gerenciamento de uma equipe de eSports se relaciona com o papel desejado, e à medida que o jogo se torna mais comum à vida cotidiana, é provável que mais empregadores considerem os jogadores de WoW e Overwatch ao invés de candidatos tradicionais.

 

Texto por Patrick Soulliere

Esports Week busca capacitar profissionais e entusiastas do esporte eletrônico brasileiro

Os eSports movimentam a cada ano um caminhão de dinheiro no Brasil e no mundo. Para se ter ideia, as grandes finais mundiais dos principais torneios como Rainbow Six e League of Legends conseguem encher as arenas. Além disso, a audiência das partidas costumam ser enormes através de canais de streaming. Foi pensando neste sucesso e em ajudar a capacitar os profissionais do setor que surge a Esports Week (ESW), um evento totalmente dedicado aos campeonatos de jogos eletrônicos.

A Esports Week está agendada entre 06 e 09 de fevereiro de 2019 na cidade de São Paulo, e tem como principal objetivo expandir e consolidar os profissionais envolvidos no cenário brasileiro dos esportes eletrônicos, fornecendo conteúdo e experiências para o desenvolvimento, qualificação, entretenimento e networking deste mercado. Os organizadores do evento informam que as vagas são limitadas e toda a estrutura contará com áreas distintas, destinadas a todos os públicos interessados no setor.

“Queremos que o Brasil seja reconhecido mundialmente não apenas pelo talento de nossos jogadores profissionais, mas também como uma referência de conteúdo e geração de negócios para o cenário como um todo”, afirma Rubens do Carmo, Diretor Executivo e de Projetos da Esports Week. “Percebemos essa carência no setor, devido ao enorme foco dado ao entretenimento. Por trás de cada partida encontramos um ambiente repleto de oportunidades de carreira e negócios, que operam em conjunto para oferecer novas experiências aos jogadores e ao público. Por meio da ESW, queremos entregar uma imersão completa em todas as áreas impactadas pelo mercado”, completa.

Um dos destaques do evento serão as paletras, onde os participantes poderão aprofundar seus conhecimentos e debater ideias. Haverá ainda a Arena de Entretenimento, voltada aos entusiastas e amantes de esports que buscam a diversão e contato mais próximo com seus ídolos e equipes prediletas. Já o Espaço para Expositores expande a possibilidade de negócios e networking, enquanto os Workshops capacitam e atualizam profissionais já inseridos ou interessados no segmento.

Atrações inéditas no cenário brasileiro

Com mais de 40 atrações, a ESW contará com palestras de empresas que participam pela primeira vez de um evento voltado à capacitação do segmento no Brasil. É o caso da Newzoo, que apresentará o tema Dimensionando e entendendo as oportunidades dos esports no Brasil, além dos executivos internacionais Jonathan Pan, instrutor de esports da University of California, e Rachel Gowers, reitora assistente da Staffordshire University. O evento oferecerá também workshops com foco em Psicologia e Locução nos Esports, espaço destinado a Meet & Greet e showmatches de League of Legends e Counter-Strike: Global Offensive.

De acordo com os organizadores, a ESW tem papel de questionar, auxiliar na qualificação e entreter os interessados no cenário, trazendo a democratização e acesso à informação para profissionais, empresas e também investidores, incentivando o empreendedorismo, a troca de experiências e novos adeptos e espectadores para os esports.

Mais informações sobre a Esports Week podem ser acessadas no site do evento.

 

Serviço: Esports Week – ESW

Data: 06 a 09 de fevereiro de 2019

Local: Centro de Convenções Rebouças – Av. Rebouças, 600 – Pinheiros – São Paulo/SP

Auditório de Palestras: das 10h às 20h

Arena de Entretenimento: das 12h às 21h

 

Foz do Iguaçu recebe os eventos SIBGRAPI, SVR e SBGames ainda no final de outubro

A  cidade de Foz do Iguaçu, PR, será a sede de três eventos integrados no finalzinho de outubro e inicio de novembro. Estamos falando dos eventos SIBGRAPI, SVR e do SBGames – que é velho conhecido dos fãs de jogos digitais. Somados, os três eventos terão vários simpósios acadêmicos, festival de Jogos independentes e uma feira de games toda especial, campeonatos e sorteios de mais de R$ 20 mil em prêmios.

A ideia é reunir o mundo dos games, da tecnologia e dos videogames em um espaço comum. Para além disso, os visitantes podem esperar novidades acerca da inteligência artificial, animações em 3D, realidade virtual e muitos jogos eletrônicos. Os três eventos vinham sendo organizados em separado, sob a batuta da Sociedade Brasileira de Computação, que decidiu unir todos eles neste ano em Foz do Iguaçu, no Paraná.

A intenção foi reunir cientistas, pesquisadores, desenvolvedores e empresários para apresentar resultados dos trabalhos desenvolvidos nos últimos anos e buscar desenvolver a ciência no Brasil.

“Hoje vemos como a computação gráfica e os jogos tem ajudado em áreas muito diversas, que vão de alicerçar uma educação mais engajantes até aprimorar processos de treinamento”, garante Esteban Clua, chair do Simpósio Brasileiro de Jogos e Entretenimento Digital (SBGames), um dos eventos que acontecerá a partir de 29 de outubro no hotel Bourbon Cataratas (PR).

Para Olga Bellon, organizadora do SIBPGRAPI (Conferência sobre Gráficos, Padrões e Imagens), o evento é um momento para mostrar as potencialidades da computação gráfica na sociedade: “Não há dúvidas que compartilhar momentos como estes com colegas de várias localidades do Brasil e das Américas, com palestrantes internacionais que virão agregar outras vivências, gera novas possibilidades de uso e aprimoramento naquilo que já trabalhamos em nossas pesquisas.”

“Sem dúvidas, hoje as aplicações – sempre tão imersivas no entretenimento – estão ajudando no avanço de campos diversos. Dos clássicos treinamentos de pilotos de avião em caros simuladores, hoje chegamos ao ponto de aplicar a realidade virtual sobre procedimentos médicos, ajudando médicos a diagnosticar de maneira mais assertiva”, declara Luciano Soares, organizador do SVR (Simpósio de Realidade Virtual e Aumentada).

Além das exposições em espaços fechados, os eventos também contarão com áreas mais abertas para o público trocar experiência e conhecer um pouco mais dos produtos e ideias expostas, tal como o espaço de exposições, que traz diversas atividades para o público consumidor, permitindo conhecer os resultados daquilo que vem sendo feito dentro dos laboratórios acadêmicos e dentro das empresas.

Uma das principais atrações é o Festival de Jogos Independentes SBGames. Depois de uma seleção de mais de 300 jogos, o júri técnico selecionou 31 jogos que estarão sendo demonstrados ao público durante o evento. Ou seja, o público poderá experimentar jogos inéditos em primeira mão.

“É uma oportunidade única de se divertir com toda a família. Jogos em Realidade Virtual, para celulares, para computadores, para consoles e jogos de tabuleiro estarão disponíveis, muitos deles ainda nem lançados! É diversão garantida para todo mundo!”, se empolga Márcio Filho, Diretor da GF Corp, empresa coorganizadora dos eventos.

Na Feira da SBGames outras atrações ainda estarão disponíveis, como a Mostra de Artes – com dezenas de trabalhos autorais sendo apresentados -, competições de PES 2019 e Street Fighter V e sorteios de consoles de última geração. A organização declara que serão mais de R$ 20 mil reais em prêmios e sorteios para quem for curtir um dos 4 dias de evento.

 

Serviço – Feira de Jogos da SBGames

 

De 29/10 a 01/11/2018

De 9h às 20h

Local: Bourbon Cataratas Convention & Spa Resort (Foz do Iguaçu – Paraná)

Ingressos custam R$ 20 (meia) e R$ 40 (inteira) e podem ser comprados nesse link.

Simpósios acadêmicos SIBGRAPI, SVR e SBGames

De 29/10 a 01/11/2018

De 9h às 20h

Os simpósios são exclusivos para estudantes e profissionais, que devem se cadastrar a partir do link.

Local: Bourbon Cataratas Convention & Spa Resort (Foz do Iguaçu – Paraná)

 

Ironhack: São Paulo ganha primeira turma noturna para formação de desenvolvedores

A Ironhack, rede global de ensino de tecnologia e programação com presença em sete países, abriu as inscrições para a primeira turma do curso noturno de Web Development, em seu primeiro campus brasileiro recém inaugurado em São Paulo. Esta é mais uma oportunidade para quem quer estudar desenvolvimento de jogos digitais: a Ironhack, rede global de ensino de tecnologia inaugurou há poucos dias o curso de Web Development para o periodo noturno em seu campus de São Paulo.

A nova turma terá aulas às terças e quintas e também aos sábados durante o dia. A ideia é permiti que pessoas que trabalham ou estudam em horario comercial possam fazer o curso tambem. De acordo com a Ironhack, o novo curso, em modelo part time, estava previsto para ser oferecido somente ano que vem. Porém, devido ao crescimento da procura, sua abertura foi antecipada.

O curso terá a mesma carga horária (360 horas) e conteúdo da versão integral, porém, com formação em 24 semanas. As aulas se iniciam em 6 de novembro, sempre às terças e quintas à noite e aos sábados durante o dia.

A grade de estudos é dividida em três módulos: desenvolvimento de web front-end, que estabelece as bases do desenvolvimento web e ensina a construir experiências únicas ao usuário utilizando HTML, CSS e JavaScript; Back-End MERN Stack, com a criação de aplicações orientadas por bancos de dados não relacionais utilizando MongoDB, Express.js, React e Node.js; e Microserviços com React, onde os alunos aprenderão a criar APIs (Interfaces de Programação de Aplicações) para projetar arquitetura de micro serviço.

Após a conclusão do programa, os participantes estarão capacitados para assumir um cargo de Desenvolvedor Jr. e também terão um portfólio com aplicações, games, plataformas web e afins para apresentar ao mercado ou iniciar a produção de seus próprios projetos.

Para cumprir a missão de oferecer cursos acessíveis para todas as idades e níveis de conhecimento, ao se inscrever no programa, o aluno terá acesso a uma plataforma online com mais de 60 horas de conteúdo que ensina fundamentos básicos da programação, além da preparação para a metodologia da escola, com o objetivo de nivelar os conhecimentos da classe maximizando a evolução do grupo durante a formação.

“Estudos do setor já falam em um déficit superior a 160 mil vagas nesse segmento no Brasil para o ano que vem. A demanda por esse tipo de conhecimento vem crescendo de forma acelerada e as empresas precisam recrutar direto nos centros formadores para não perderem talentos para a concorrência”, explica Pedro Falkenbach, growth manager da Ironhack no Brasil.

Para dar vazão à demanda e aproximar as empresas do novos profissionais, a Ironhack organiza uma semana de contratação, chamada de Hiring Week, onde os recrutadores podem conhecer os talentos e entrevistar os alunos recém-formados. Para se inscrever no curso, basta clicar aqui.