Arquivo da tag: eventos

Os 5 melhores (e piores) momentos da Microsoft na E3 2017

A E3 2017 está a todo o vapor e dentre as três fabricantes de hardware já tivemos a apresentação da Microsoft ontem (11 de junho). A conferência foi marcada por novidades e muitos games. A Microsoft dedicou quase todo o espaço para mostrar jogos, e foram muitos jogos mesmo! Vai faltar tempo para jogar tanto jogo bom.

Como não poderia deixar de ser, também tivemos os detalhes do Xbox Scorpio, que já até ganhou um nome definitivo. Selecionamos aqui os cinco momentos mais legais da conferência da Microsoft e os cinco menos empolgantes.

Confira abaixo os “highlights” da apresentação da Microsoft na E3 2017:

 

Xbox One X

A Microsoft cumpriu a promessa: O Xbox One X (ex-Scorpio) é realmente muito poderoso e surpreendeu até os mais descrentes graças as suas configurações top de linha: são 12 GB de memória RAM e 6 teraflops de GPU. O aparelho é belíssimo, menor que o modelo S e totalmente compatível com acessórios dos modelos antigos.

E sim, ele roda os jogos a 4K com elementos gráficos exagerados (os efeitos de luz, sombras, reflexos e partículas é algo que você nuca viu). Já até saiu a data de lançamento (7 de novembro). Até o preço agradou (US$ 499), pena que no Brasil vai sair caro.

 

Retrocompatibilidade com o Xbox

A segunda melhor coisa da conferencia da empresa de Redmond foi ainda com relação com o Xbox One X: Phil Spencer anunciou que a plataforma será retrocompatível com a biblioteca do Xbox original. Ou seja, você vai poder jogar megassucessos como Jade Empire, Knights of the Old Republic, Conker Live & Reloaded, Pazer Dragon Orta e muitos outros.

Vale lembrar que os jogos do Xbox 360 já estão compatíveis com o One, deste modo, a plataforma da Microsoft possui a maior biblioteca de jogos compatíveis dentre os três consoles do mercado. Muita gente torce o nariz para essa ideia de jogar games antigos, mas a comunidade retrogamer agradece.

 

Forza Motorsport 7

O primeiro grande título do Xbox One X não podia ser melhor: Forza Motorsport 7 é a realização dos sonhos de qualquer aficionado por corridas e jogos foto-realistas. Sim, o game é bonito demais e serve para dar um norte das possibilidades do novo console.

O visual de mudança dinâmica de clima impressiona e dificilmente vamos ver algo mais impressionante no primeiro ano da plataforma. A Turn 10 é especialista em apresentar jogos com qualidade gráfica e de jogabilidade impecáveis. Quem não curte simulador, pode apenas imaginar o que esses caras vão fazer numa provável sequência de Forza Horizon.

 

Sequências matadoras

Muita gente reclama que o Xbox não tem jogos exclusivos e isso é bem verdade, mas ainda assim os jogos apresentados impressionaram. Alguns dos destaques são justamente sequências muito esperadas de jogos famosos, como Metro Exodus, Assassins Creed Origins, State of Decay 2, Ori and the Will of the Wisps.

O novo Ori, aliás, é sem dúvidas um dos melhores da conferência e apesar de não servir para mostrar as capacidades técnicas do One, ao menos diverte muito e tem todo o potencial para agradar os jogadores que investiram na plataforma.

 

Novas IPs

Por muitos anos se diz que a indústria está estagnada em velhas franquias. Isto não foi o que se viu na conferência da Microsoft, pois a empresa de Redmond mostrou um batalhão de novas IPs. Algumas já eram velhas conhecidas do público, como Cuphead e Sea of Thieves, mas se colocarmos na balança, fica claro que os produtores estão investindo em novas ideias e estão saindo do lugar comum.

Entre os jogos apresentados estavam PlayerUnknown’s Battlegrounds, The Darwin Project, Deep Rock Galactic, The Last Night, The Artful Escape, Super Lucky’s Tale, Ashen, Anthem. Vale dar um destaque especial para Code Vein, um game da Bandai Namco com uma estética bem parecida com Dark Souls.

 

E os cinco momentos menos empolgantes

 

Minecraft em 4K

Sim, Minecraft é um dos jogos mais populares do mundo e é fácil entender por que a Microsoft continua investindo pesado na marca. Entretanto é desapontador que a empresa tenha dedicado um tempo considerável para anunciar que o jogo estará em 4K.

Não nos entenda mal, mas um anúncio rápido teria sido mais efetivo e poder-se-ia utilizar esse tempo para mostrar mais um pouco de outros games que ficamos curiosos. Além de mostrar Minecraft em 4K, a Microsoft já falou que haverá cross-play entre todas as plataformas em que o jogo foi lançado (com exceção do PS4).

 

Crackdown 3

Crackdown 3 é vendido como um dos pilares do Xbox One desde sua apresentação em 2014. Dsde então o game está no limbo do desenvolvimento. A julgar pelo trailer (e a data de lançamento marcada para 7 de novembro), finalmente os jogadores poderão botar as mãos no produto. Mas ainda assim, ele não é bem o jogo para vender plataforma que a Microsoft precisa.

Além disso, pelo tempo em desenvolvimento e a promessa de utilizar a nuvem para gerar efeitos destruidores de ultima geração, parece que Crackdown 3 está longe de ser essa bola toda. Visualmente o game também decepciona. Resta torcer para que o fator diversão nos cale. Mas confesso que pelo gameplay, não fiquei muito animado.

 

Sea of Thieves só em 2018

Outra notícia triste foi que Sea of Thieves somente será lançado em 2018, sem mês definido. Este sim é um jogo que me deixou muito animado e gostaria de jogá-lo o quanto antes. Naturalmente o tempo maior em produção vai servir para polir arestas e tornar a experiência mais próxima da perfeição.

O vídeo mostrado na E3 teve quase 10 minutos e apresentou uma missão de caça ao tesouro com exploração, luta de espadas e bastante ação. Parece que a Rare acertou o passo dessa vez, uma pena ter de esperar tanto por um game tão promissor.

 

Nada de VR ou AR

osvr

Uma dúvida ficou no ar ao fim da apresentação da Microsoft: será que a empresa desistiu dos óculos de realidade virtual e aumentada? Nas quase duas horas de conferência não se ouviu um pio sobre os planos ou jogos futuros que façam uso da tecnologia. E isto não foi apenas um problema da empresa, mas sim de todas as produtoras de jogos até o fechamento desta matéria.

O que acontece? Será que os desenvolvedores sacaram que este é um produto de nicho e resolveram abandonar o suporte, ou vão apenas deixar para mostrar jogos para os óculos em outros eventos futuros? Mistério!!!!!!!!!!

 

Microsoft foi “honesta demais”

A E3 é mais do que um evento de games, mas sim um evento para vender sonhos. A Sony sacou isso há alguns anos. Parece que a Microsoft ainda não entendeu, ou se recusa a dançar a mesma música que a concorrência. Não que a lealdade da empresa de Redmond seja execrável, mas não custava nada revelar coisas que vão sair em dois anos, tal como a Sony já fez no passado revelando God of War 4, The Last of Us e Shenmue 3.

Imaginem se a Microsoft encerra-se sua apresentação com a revelação de um novo Halo, Fable, ou quem sabe um Conker novo? Sim, sabemos que a essa altura Halo 6 deve estar em produção e só deve sair em 2018 ou 2019, talvez. Mas apenas o fato de vender o sonho de que o novo capítulo será o maior e mais surpreendente de todos os tempos deixaria as pessoas entorpecidas por meses a fio.

Goethe Institut promove ART Game Jam entre os dia 23 a 25 de junho em SP

Quem já participou de uma Game Jam sabe que o ambiente é propício para fazer amizades e até começar um projeto ambicioso que pode se tornar um game bem sucedido no futuro. Pois bem, se você deseja participar de uma Jam, a oportunidade está bem adiante, pois o Goethe-Institut São Paulo convida desenvolvedores de games, programadores, artistas, músicos e outras cabeças criativas para a criação de jogos durante o ART GAMES que acontece entre os dias 23 e 25 de junho.

De acordo com os organizadores do evento, esta Game Jam será um pouco diferente, pois o tema será “Games e Política”. Assim, são esperados projetos com crítica social e que renegociem as fronteiras entre arte, política e jogos. O tema, aliás, é bem pontual dado o momento conturbado que nosso país está enfrentando.

Estão convidados para o ART GAMES artistas, designers, cineastas, desenvolvedores de jogos e programadores de todo o país. A Jam é aberta para profissionais criativos de todas as áreas, inclusive àqueles sem experiência em Game Jams, afinal a ideia aqui não é a competição, mas sim a colaboração.

O evento ocorre na sexta-feira, 23 de junho, com horário marcado para começar às 17h e termina no domingo, 25 de junho, às 17h. São 24 horas de puro brainstorming e desenvolvimento. A organização do evento vai providenciar a alimentação dos participantes, bem como disponibilizará colchões para o merecido descanso. Ou seja, os participantes devem tão somente se preocupar com o material de trabalho, como notebook, cabos de energia, adaptadores e o software que deseja utilizar.

Porque participar do ART GAMES?

Os ART GAMES são parte de uma série global de Game Jams. Em cada uma de um total de oito Game Jams, um júri seleciona as três melhores ideias. Depois, um júri na Alemanha escolhe a melhor entre essas três. Os vencedores serão convidados para uma viagem à Alemanha em meados de 2018, a fim de apresentar seus jogos lá.

Os vencedores do Brasil encontram-se com as equipes de vencedores das outras sete Game Jams – entre outros, provenientes do México, da Indonésia, dos EUA, da Coreia do Sul e do Vietnã. Além disso, os vencedores ficam conhecendo desenvolvedores de jogos e especialistas alemães, podendo fazer contato com a cena de games tanto alemã quanto internacional. Além disso, todos os jogos desenvolvidos durante a Game Jam serão apresentados no site do Instituto Goethe.

Inscrição: Todos os interessados são convidados a enviar suas candidaturas até o dia 15 de junho. Através do site do Instituto Goethe.

 

Serviço – ART GAMES JAM

Quando: 23 a 25 de junho

Onde: Goethe Institut São Paulo – Rua Lisboa, 974 – São Paulo, SP

Quanto: Gratuito

Inscrições: No site da Goethe Institut até o dia 15 de junho

Greenk Tech Show – São Paulo ganha maior evento de tecnologia e sustentabilidade do Brasil

Ainda que o grande acontecimento gamer/geek do momento vai rolar lá em Los Angeles, vale mencionar outro evento que vai rolar no Parque do Ibirapuera, aqui em São Paulo, entre os dias 23 a 25 de junho. Trata-se do Greenk Tech Show, que vai reunir Gamers, Geeks, Youtubers, Cosplayers e as principais marcas de tecnologia em um evento de conscientização ambiental. Este é o primeiro evento que vai reunir tecnologia e sustentabilidade no País.

De acordo com os organizadores, o encontro vai levantar questões como o descarte correto do lixo eletrônico (e-lixo), o uso consciente da tecnologia e as novidades do mercado. É a primeira vez que a questão ambiental relacionada à tecnologia ganha o principal espaço dentro de um evento deste porte. A ideia é justamente trazer à tona as boas práticas de descarte de materiais e de lixo eletrônico sem riscos ao meio ambiente.

Uma das atrações mais esperadas é a Arena Youtubers & Conhecimento que vai contar com a presença de alguns dos principais influenciadores da rede e os representantes da revista SuperInteressante da Editora Abril e Rádio Geek. Nesta área da Greenk Tech Show os visitantes irão conferir de perto apresentações dos youtubers RezendeEvil, Patife, Drezzy, gORDOx e do Wendell Lira.

Nesta mesma Arena vai rolar palestras e apresentações com presidentes e diretores de empresas de ponta da nova economia, representantes de coletivos e startups que estão revolucionando a tecnologia como a Amazon, Uber, Nu Bank, FIAP, Home Refill, Think Olga, Kickante, entre outros.

Outra atração é a ESL Arena, promovida pela maior empresa de eSports do mundo. Lá os jogadores poderão conferir em um telão LED de 34m2 competições com a presença de equipes profissionais e desafios entre cyberatletas e amadores. Dois jogos estão confirmados nos desafios e campeonatos: Counter Strike: Global Offensive e Clash Royale.

Como se não bastasse, a organização está preparando a Cosplay Run & Parade, onde cosplayers irão desfilar e correr ao longo do Parque do Ibirapuera em circuitos de 3 e 10km. Por fim, vale destacar o Drone Zone, um espaço exclusivo para uma competição de Drones com os pilotos mais irados. Além disso, haverá um painel chamado MiranteLab para você aprender a construir o seu próprio Drone.

Mais informações no site do evento.

 

Serviço – Greenk Tech Show

Quando: 23 a 25 de junho

Onde: Bienal do Ibirapuera – Parque do Ibirapuera – Av Pedro Álvares Cabral, s/n (portões 2, 3 e 10), Av IV Centenário – portões 6 e 7A, Av República do Líbano – portão 7.

Quanto: R$ 65 (meia) e R$ 130 (inteira)

BIG Festival – Conheça os 20 jogos brasileiros convidados para o BIG Booth

Além de premiar os melhores jogos nacionais, o BIG Festival também é um grande palco para os desenvolvedores apresentarem seus games para o público de maneira mais intimista. Tanto é que o BIG Booth é uma das áreas mais disputada pelos visitantes durante o evento, lá ficam expostos games promissores que não participam da competição principal. É uma oportunidade perfeita para apresentar o jogo para pessoas de todo o país, desde jogadores, até investidores.

De acordo com a organização do BIG, esses vinte games são grandes destaques da produção nacional e representam a cultura de desenvolvimento de vários estados, como Amazonas, Minas Gerais, Paraná, Bahia, Brasília, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro e nossa amada São Paulo. A expectativa é que a edição deste ano atraia público recorde, além de centenas de investidores, publishers, buyers, imprensa e demais agentes da indústria mundial de games.

Abaixo tem a relação dos games que participam da exposição BIG Booth:

O BIG Festival acontece de 24 de junho a 2 de julho, no Centro Cultural São Paulo. Além do BIG Booth e do BIG Starter, o evento conta com uma premiação internacional em que 45 jogos de diversos países concorrem em 11 categorias, como “Melhor Jogo”, “Melhor Gameplay”, “Melhor Arte” etc. Todos esses títulos estarão disponíveis para o público testar gratuitamente na área de exposição do evento.

Serviço – 5º BIG Festival 2017

Quando: De 24 de junho a 2 de julho (Segunda, 26, não abre)
De terça a sexta: 10h às 22h / Sábado e domingo: 14h às 22h
Onde: Centro Cultural São Paulo – Rua Vergueiro 1000 – Paraíso, SP
Quanto: Entrada Gratuita

Abertas as inscrições para os campeonatos de Jogos Digitais do Sana 2017

Já pensou conferir um dos maiores eventos de cultura pop do Brasil e de quebra disputar um animado campeonato com centenas de jogadores de todas as partes do Brasil? Pois bem, o Sana 2017 está com as inscrições abertas para quem deseja participar dos Campeonatos de Jogos Digitais que acontecerão durante o evento. As inscrições podem ser feitas até o dia 16 de junho exclusivamente pelo site do Sana.

As competições terão etapas online e a presencial durante o evento nos dias 14 a 16 de julho no Centro de eventos do Ceará. De acordo com a programação, haverá competições de League of Legends, Hearthstone, Heroes of the Storm e Dota 2. Os prêmios chegam a R$ 5.000,00 no total e o valor será dividido entre os campeonatos. A expectativa é que muitas jogadores se inscrevam e participem do torneio, o que significa que colocar a mão no prêmio não será fácil.

hearthstonePara se inscrever no campeonato, o jogador deve preencher a ficha de inscrição disponibilizada no grupo do evento e realizar a pagamento da taxa de inscrição por time. Todos os jogadores são obrigados a realizar o cadastro na plataforma Battlefy para as etapas online e presencial, conectar com sua conta “steam” e estar de acordo com os termos de serviço.

Cada jogo possui suas regras, por isso os interessados devem acessar os editais no site oficial do evento, na sessão da programação dos jogos. Os campeonatos são organizados pela Fundação Cultural Nipônica Brasileira e para mais informações basta entrar em contato pela Fanpage do Sana 2017.

Ingressos para o Sana 2017

Os ingressos do segundo lote estão disponíveis em todos os pontos de venda físicos e online. O benefício da meia-entrada será dado a estudantes, professores, portadores de necessidades especiais, doadores de sangue regulares, idosos, jovens de baixa renda e pessoas que levarem 1 kg de alimento não perecível. Os ingressos são vendidos pelo site da Bilheteria Virtual e nos pontos de vendas: Lojas Piticas; Lojas Nagem; Gracom; Darkness e Dominaria.

 

Serviço – SANA 2017

Data: 14,15 e 16 de julho de 2017

Local: Centro de Eventos do Ceará

Horário: sexta-feira 12h às 20h

Horário: sábado e domingo 10h às 20h

Sana 2017 – Já estão abertas as inscrições para o Artists’ Alley

A organização do Sana 2017 anunciou que estão abertas as inscrições para quadrinistas independentes que desejam expor seu trabalho no espaço Artists’ Alley. O formulário de inscrição e o edital estão disponíveis na Fanpage do evento e o espaço é utilizado para a comercialização de quadrinhos. Os interessados têm até o dia 10 de junho para realizar o cadastro e o resultado será divulgado no dia 12 de junho, também pela página oficial no Facebook.

Outra novidade é a confirmação da presença de Alex Oliver, um dos maiores artistas plásticos da atualidade, que irá expor seus trabalhos para o público. Também estão confirmadas as participações do dublador Wendel Bezerra (Goku, Jackie Chan, Bob Esponja, entre outros) e dos youtubers Satty do “Pense Geek” e Fred do “Anime Whatever”.

ATRAÇÕES DO SANA 2017

asianUma das atrações mais esperadas do Sana 2017 é o show da banda ASIAN KUNG-FU GENERATIONS no dia 16 de julho (domingo). O grupo é conhecido mundialmente por ter criado o hit “Haruka Kanata”, do anime Naruto.

Outro show devastador deve ser a apresentação do Massacration no dia 15 de julho. A apresentação faz parte da turnê de retorno da banda que ficou em atividade até meados de 2012 e agora realiza uma série de apresentações pelo Brasil. Ela ficou conhecida depois que surgiu no programa “Hermes e Renato”, sucesso na MTV.

O evento ainda traz as salas temáticas Harry Porter, K-Pop, Star Wars e um espaço temático de Dragon Ball (com direito a uma escultura gigante do Sheng Long). O Sana segue com sua programação cultural com diversas atrações, entre shows musicais, arenas temáticas, cosplays, dubladores, youtubers, campeonatos de videogames, atividades, exposições, além de convidados nacionais e internacionais.

 

Serviço – SANA 2017

Data: 14,15 e 16 de julho de 2017

Local: Centro de Eventos do Ceará

Horário: sexta-feira 12h às 20h

Horário: sábado e domingo 10h às 20h

Coala Festival 2017 baseia sua identidade visual em games

Já ouviu falar do Coala Festival, evento dedicado à nova música popular brasileira? Pois bem, o evento não é apenas sobre música, mas também sobre todas as formas de arte. Neste ano a identidade visual do festival é certeira para alcançar o público jovem, pois ela é inspirada em games, mais especificamente no Street Fighter. A ideia surgiu do Christiano Vellutini, um dos sócios do Coala Festival, e o ilustrador Diego Sanches deu vida à ideia.

Para o anúncio das atrações do Coala Festival, cada artista confirmado foi transformado em um personagem na estética de videogames 8-Bit, ou seja, um visual de pixel art. O primeiro vídeo revelou a participação de Caetano Veloso, Emicida, Liniker e os Caramelows, entre outros, todos como se fossem personagens de um game de luta. A inspiração foi tirada daquela tela de “escolha de personagens”, bastante tradicional de jogos. Nesse caso, porém, a “escolha” é entre os artistas anunciados na programação de 2017.

18301349_806308662868076_5990886658188330511_nA decisão por uma linha de comunicação ousada tem como objetivo aproximar o público jovem que se conecta emocionalmente com esse tipo de entretenimento digital. Além disso, torna-se um conteúdo a ser compartilhado nas redes sociais e, assim, ajudar a impulsionar ainda mais o festival e todas as atrações.

Em suas três edições, o Coala Festival recebeu artistas como Tom Zé, Criolo, BaianaSystem, Bixiga70, Karol Conká, Silva, Céu, Marcelo Camelo, BNegão, Cícero, Saulo Duarte e A Unidade, Otto, Marcelo D2, 5 a Seco, O Terno, Trupe Chá de Boldo, Amigos da Onça, Charlie e os Marretas, entre outras bandas que representam a diversidade da música brasileira. Além dos shows, o Coala recebe fotógrafos, grafiteiros, artistas plásticos e outros.

Confira abaixo o lineup do Coala Festival 2017:

 

Serviço: Coala Festival 2017

Data: 12 de agosto (sábado)
Local: Memorial da América Latina – Praça Cívica
Endereço: Av. Auro Soares de Moura Andrade, 664 – Barra Funda, São Paulo
Horário: 11h (abertura dos portões)
Ingressos: R$ 90,00 (meia-entrada) e R$ 180,00 (inteira)
*A meia-entrada é garantida aos estudantes e às pessoas que levarem um livro ou um quilo de alimento não-perecível no dia do evento
Venda online: http://bit.ly/2pazQ2n
Classificação: 18 anos
Evento no Facebook: http://bit.ly/2oYVYgR

OZ Game Show promete atrair fãs de videogames até Osasco

A cidade de Osasco, SP, será palco do próximo grande evento de games do Brasil. A FITO – Fundação Instituto Tecnológico de Osasco, sediará a primeira edição da OZ GAME SHOW. O evento ocorre entre os dias 20, 21, 22 e 23 de julho de 2017 com diversas atrações como concurso cosplay, participação de youtubers famosos, campeonatos de videogames e até uma exposição de consoles antigos.

De acordo com a organização do OZ GAME SHOW, estão confirmados campeonatos dos seguintes games (concorrendo a diversos de prêmios): LOL, CS-G0, JUST DANCE 2017, PES 2017, FIFA 17, MARIO KART 8, ULTIMATE MARVEL VS CAPCOM 3, MORTAL KOMBAT XL, THE KING OF FIGHTERS XIV, STREET FIGHTER V, entre outros. A expectativa é que a área de campeonatos seja uma das mais visitadas de todo o evento.

flyer-oficial-oz-game-show-fUm dos destaques do evento é o Museu do Videogame com mais de 100 consoles, desde os mais antigos, além de edições raras dos consoles de colecionadores parceiros da OZ GAME SHOW. Além disso, também terá uma Exposição de Action Figures com personagens marcantes do cinema e do mundo dos games e várias peças exclusivas de renomados escultores do Brasil.

“Iremos reunir os universos Gamer, Cosplayer e Geek em um único lugar. Durante o mesmo dia, o Gamer poderá admirar diversos Action Figures, o Cosplayer poderá participar de concursos, com torneios de games e os colecionadores de Action Figures poderão percorrer um dos maiores Museus de Consoles de Videogame da região”, diz o release do evento.

Entre os convidados, já temos a confirmação dos seguintes youtubers: Gordox, Lucas Inutilismo, Gui Fera, Terror Bionic, MateiFormiga, entre outros. Os ingressos para participar do OZ Game Show já estão disponíveis e podem ser adquiridos no Super Shopping Osasco, lá na Arena Gamer localizada no 2º Piso do empreendimento, e vocês poderão ir garantir o seu passaporte para o evento com preço de primeiro lote.

SERVIÇO: OZ GAME SHOW

Quando: de 20 a 23 de julho de 2017

Horários: Todos os dias do evento das 12h00 às 21h00 – Atenção: Ingressos VIP terão acesso 1 hora antes (todos os dias a partir das 11h00).

Onde: FITO – Fundação Instituto Tecnológico de Osasco

Endereço: Rua Camélia, 26 – Jardim das Flores, Osasco – SP, CEP 06110-300

Ingressos:

– Diário: R$ 40,00 (meia/1º lote)

– Combo 4 dias: R$ 128,00 (meia/1º lote)

– VIP: R$ 160,00 (meia/1º lote)

– Combo Família 1 dia para 4 pessoas: R$ 128,00 (meia/1º lote)

Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio

Pontos de venda:

Site Ticket 360: https://www.ticket360.com.br/eventos/pesquisar?s=oz+game+show

Arena Gamer Super Shopping Osasco – I08/09 2º Piso – Av. dos Autonomistas, 1828 – Industrial Autonomistas, Osasco – SP, CEP 06020-010

Site Oficial:  http://www.ozgameshow.com.br

Livros Digitais e novos games: As novidades da PlayTable para a Bett Educar 2017

Nós já falamos algumas vezes sobre a PlayTable, porém vale mencionar o aplicativo novamente pois ela é justamente um dos destaques da Bett Educar 2017, feira que reúne anualmente milhares de profissionais da área de educação e apresenta novidades para o segmento. O evento acontece de 10 a 13 de maio, em São Paulo (SP).

Entre os lançamentos da empresa para o evento está a chegada de 10 livros digitais em Libras. A novidade une em um único dispositivo quatro linguagens simultâneas: escrita, visual (ilustrações), auditiva (contação de história) e Libras (Língua Brasileira de Sinais). No vídeo, a intérprete da linguagem de sinais interage com as animações do livro, facilitando a compreensão da história por crianças com deficiência auditiva.

img_playtableCristiano Sieves, especialista em ludopedagogia da Playmove, explica que o objetivo dos livros é facilitar a inclusão de alunos surdos nos momentos de interação com os livros. “Segundo a nova Base Nacional Comum Curricular do Ministério da Educação, os alunos devem estar alfabetizados até o segundo ano do Ensino Fundamental e para isso é importante a interação com os livros desde a Educação Infantil, que na PlayTable é feita de maneira lúdica e interativa. Crianças surdas geralmente acabam excluídas dos momentos de contação de história, e nossos livros em Libras chegam para incluí-las também nestes momentos”, avalia.

Outra novidade da empresa são os 29 livros digitais da editora Ciranda que contam com conteúdo escrito e ilustrado, além de contação de histórias, a fim de incluir crianças não alfabetizadas. A ideia é justamente ser uma plataforma de inclusão para crianças com diferentes dificuldades.

Jogos em novos idiomas e parceria com o Clubinho Salva-Vidas

Durante a Bett Educar, a PlayTable contará com 10 jogos nas versões inglês e espanhol. Isto porque a empresa está em expansão nas regiões da Europa, EUA e Oriente Médio. “São opções pensadas também para escolas bilíngues, dando ainda mais opções de uso da PlayTable em sala de aula. Além da tradução, tivemos a preocupação de realizar a localização desses jogos, para que todo o enredo aconteça dentro da cultura dessas línguas”, explica o sócio-diretor da Playmove, Marlon Souza.

unnamedDe acordo com a companhia, entre os 16 jogos que serão lançados na Bett Educar, nove deles chegam de uma parceria com o Clubinho Salva-Vidas, projeto que surgiu com foco na conscientização sobre segurança no trânsito e hoje é um premiado portal de conteúdo infantil com foco em segurança e meio ambiente.

“Os jogos para a PlayTable são pensados de acordo com as necessidades das instituições de ensino. São opções para apoiar o professor em sala de aula, reforçar e contextualizar o conteúdo aprendido. A PlayTable é, basicamente, um console que pode ser abastecido continuamente com novos jogos educativos, de acordo com a necessidade de cada instituição de ensino. Além disso, há sempre a possibilidade de se escolher o grau de dificuldade de cada jogo, facilitando o uso por diferentes faixas etárias e nível de conhecimento das crianças”, diz Marlon Souza.

 

 

Serviço – Bett Educar 2017

Quando: 10 a 13 de maiodas 09hs às 19hs

Onde: São Paulo Expo – Rod. dos Imigrantes, km 1,5

Quanto: Entrada Franca

O que mais: O evento conta com várias palestras e exposição de produtos e soluções para a educação.

Sitehttp://www.bettbrasileducar.com.br/

Confira abaixo um vídeo que a Playmove fez para explicar a PlayTable:

Prazo para inscrições de jogos no BIG Festival encerra hoje

Termina hoje (28/04) o prazo de inscrição de games para o BIG Festival 2017, o maior evento de jogos independentes da América Latina. Se você ainda não mandou seu projeto, corre, pois este é o prazo final. Desenvolvedores de jogos independentes do mundo todo podem inscrever seus jogos pelo site oficial do evento. O evento está em sua quinta edição e é bastante famoso por tornar jogos brasileiros em sucesso de público.

A edição 2017 do BIG Festival acontecerá de 24 de junho a 2 de julho, no Centro Cultural São Paulo, na capital paulista. Os jogos finalistas estarão disponíveis para o público em computadores, tablets, smartphones e consoles em uma exposição gratuita em que os visitantes poderão testá-los e votar em seus favoritos, inclusive jogos em Realidade Aumentada e Virtual.

horizon-chase
Horizon Chase, da Aquiris Game Studio, um dos maiores achados do BIG Festival

Como é de praxe, os games inscritos serão analisados pelo Comitê de Seleção do festival, e os selecionados irão competir em diversas categorias, como Melhor Jogo, Melhor Gameplay, Melhor Som, Melhor Arte, Melhor Narrativa, entre outras. Em 2016, o jogo brasileiro Horizon Chase, da desenvolvedora gaúcha Aquiris Game Studio, foi consagrado como o melhor do evento, vencendo na escolha do júri.

“Em 2017 consolidaremos o Brasil como o “hub” de negócios internacionais na América Latina, um feito extraordinário para um setor tão efervescente como o dos Games”, disse Eliana Russi, organizadora da área de negócios do BIG Festival.

A expectativa é que o evento supere o sucesso do ano passado, quando o BIG Festival recebeu a inscrição de 515 jogos de 48 países diferentes, sendo quase metade deles (232) produzidos no Brasil. Foram 18 mil visitantes em 2016, sendo 2.400 profissionais do setor.

 

Serviço – 5º BIG Festival (Brazil’s Independent Games Festival)

De 24 de junho a 2 de julho (Segunda, 26, não abre)

De terça a sexta: 10h às 22h / Sábado e domingo: 14h às 22h

Centro Cultural São Paulo – Rua Vergueiro 1000 – Paraíso, SP

Entrada: Gratuita