Arquivo da tag: boardgame

Top 5: Jogos de tabuleiro para ter sucesso no seu negócio

Você sabia que jogos de tabuleiro podem te ajudar a melhorar os resultados de seus negócios? Com o advento da tecnologia, empreendedores e gamers, compartilham as suas experiências com jogos de tabuleiro por meio das redes sociais e demais plataformas. Os números de canais no Youtube e grupos de Facebook de pessoas que contam, filmam ou narram o que acharam e a forma como esses jogos impactam suas vidas além do aspecto social, só cresce. Há muitas pessoas inclusive que vivem apenas de administrar esses canais/ portais.

Na era tecnológica voltar os olhos para ferramentas analógicas para auxiliar no desenvolvimento de pessoas ajuda gestores e empreendedores a conhecer melhor sua empresa, seus colaboradores e a forma como estes interagem com seu público alvo, produto e valores do negócio. Pensando nisso, o CEO da ABlab, startup de marketing digital, Paulo Fernandes, e o Diretor de Inovação, Ricardo Martins, listaram um top 5 de jogos que ajudam o empreendedor a tomar decisões e como isso acontece nestes jogos.

Confira abaixo cinco jogos de tabuleiro para melhorar seus negócios:

5 – Star Wars Destiny

star-wars

Um jogo de tabuleiro que desperta a capacidade analítica e raciocínio lógico. Star Wars Destiny não exige dos jogadores um conhecimento profundo da saga, mas para avançar no game é importante ter algum conhecimento sobre a saga de Vader e Skywalker. O game pode ajudar o gestor na tomada de decisão rápida, pois aguça a elaboração de estratégias em tempo real à medida que as jogadas acontecem.

 

4 – Blood Rage

blood-rage

Não é só a beleza do tabuleiro de Blood Rage que encanta. Esse game exige controle e estratégia do jogador não só para combater os líderes Vikings inimigos na alocação de soldados e recursos. É um jogo excelente para estimular o gestor a pensar sobre como utilizar as ferramentas disponíveis com eficiência, e identificar se os seus funcionários estão nas áreas corretas e cumprindo funções que deveriam. Muitas vezes um colaborador pode ter uma formação acadêmica em uma determinada área, mas ter aptidão para outra função. Esse game pode ajudar o gestor justamente nessa percepção.

 

3 – Captain Sonar

captain-sonar

Esse board game além de ser um dos mais lúdicos traz um dos itens mais importante para o sucesso de um negócio: O trabalho em equipe! Ambientado em uma batalha fictícia entre dois submarinos, o Capitão com auxílio do primeiro imediato e outros membros da equipe não conseguem obter êxito se não dividir as responsabilidades das ações no jogo. Ideal para jogar com os colaboradores e despertar esse espírito de união e sinergia para as atividades do dia a dia.

 

2 – Onitama

onitama

Aparentemente simples, mas extremamente complexo e estratégico, Onitama coloca os jogadores no papel de monges movendo seus iniciados em um tabuleiro, tentando garantir uma posição de vantagem sobre seu adversário. Exige análise preditiva e muita lógica. O jogo pode ser bom tanto para os gestores quanto colaboradores, pois evidencia a importância da tomada de decisões rápidas e racionais, além de despertar consciência de risco.

 

1 – Coup

coup

O último card game e não menos importante que os demais é rápido e que exige capacidade de leitura de sinais de seus oponentes para identificar se os mesmos estão falando a verdade ou não sobre seus personagens. Estimula a dinâmica de grupo, pois só pode ser jogado de três a dez participantes. Ideal para chamar grupo de funcionários de diferentes áreas para identificar habilidades.

 

Conheça o projeto The Rotfather do grupo G2E

The Rotfather é um projeto grande da G2E (Grupo de Educação e Entretenimento) e pôde ser visto em primeira mão pelos visitantes da Brasil Game Show 2015. O projeto engloba livro, animação, boardgame e um jogo digital (que é o que vamos abordar aqui). A história é centrada em Al Kane, um rato dos esgotos de Nova York dos anos 40 que controla o submundo do comércio de açúcar, à lá O Poderoso Chefão.

No início do game, seu braço direito é assassinado misteriosamente e Kane é traído por seus comparsas, agredido por um grupo de baratas da Yakusa e deixado para morrer. A partir daí, Kane deve descobrir quem o traiu e tentar reerguer seu império criminoso. Para isso, ele deve passar por diferentes áreas de NY, como os esgotos, os becos, cabaré etc.

O título é em 2D e está em votação na Steam. Os elementos de jogabilidade ainda são simples, mas mostram todo o potencial de uma aventura digna da geração 16 bits. Os gráficos são detalhados e bastante artísticos, lembrando algo de Heart of Darkness, Pitfall e Donkey Kong. Durante as fases, Kane deve desviar de armadilhas e obstáculos colocados pela gangue das baratas.

Ainda que o visual do game seja bastante interessante, é o enredo que mais se destaca no projeto. De acordo com Monica Stein, coordenadora do projeto, The Rotfather tem influências bastante variadas de ícones da cultura pop, como Game of Thrones, Scarface e o próprio The Godfather. “Vimos que as histórias que estão fazendo sucesso atualmente são de anti-heróis”, brinca Mônica. Não por acaso, o título conta com uma série de conspirações e tramas paralelas.

A intenção da G2E é que The Rotfather seja uma trilogia, tal como sua fonte de inspiração mais evidente. Além do game, os organizadores prepararam uma série de animação, que conta a história por trás dos personagens do game. Essa série é composta por 4 temporadas de 13 episódios com três minutos cada um. Essa parte está em desenvolvimento ainda e em breve haverão novidades para os fãs.

O trailer de The Rotfather:

Galápagos Jogos lança RPG Star Wars: Fronteira do Império – Livro Básico

O Universo Star Wars está em alta! E não é para menos: em alguns meses todos estaremos vendo o início de mais uma trilogia nos cinemas de todo o mundo. Mas enquanto este dia não chega que tal conhecer outros produtos do universo expandido? A Galápagos Jogos acaba de lançar RPG Star Wars: Fronteira do Império – Livro Básico, um jogo para quem tem vontade de interpretar e vivenciar aventuras naquela Galáxia tão distante.

O livro chega ao país graças a uma parceria com a editora estadunidense Fantasy Flight Games. De acordo com a Galápagos, o jogo serve como ponto de partida para jogadores de todos os níveis de habilidade. Além disso, as regras foram criadas para simular situações e características do universo criado por George Lucas. Fichas de personagem mantêm as características criadas nas pontas dos dedos.

Tal como em outros RPGs de mesa, um dos jogadores assume o papel do narrador ou mestre, ficando responsáveis por apresentar os cenários, coadjuvantes e planos de fundo da aventura, que será desenvolvida a partir das ações dos personagens interpretados pelos demais jogadores. O livro possui regras detalhadas para auxiliar na resolução das ações, determinando os sucessos e falhas dos personagens em feitos como pilotar naves espaciais, enfrentar chefões da máfia ou negociar artigos tecnológicos com comerciantes corruptos.

Fronteira do Império é o primeiro de uma série de três sistemas que utilizam o mesmo conjunto de regras, mas abordam aspectos diferentes do Universo de Star Wars. Ele já está disponível em livrarias e lojas especializadas e na loja virtual da Galápagos pelo preço sugerido de R$ 179,90. No site também é possível encontrar outros produtos da linha Star Wars.