Arquivo da tag: bizarro

Bugs bizarros no Mega Man e Mega Man 2

O blog Kotaku divulgou um vídeo interessante com dois bugs bizarros dos games Mega Man e Mega Man 2. Ao contrário de muitas falhas, que tornam um jogo mais fácil, essas conseguem deixar o game ainda mais difícil.

O vídeo é engraçado se você entende inglês, mas o mais interessante é que ele mostra uma mudança grande na dificuldade dos games com o passar do tempo.

[Via Kotaku]

Gamer cria bolo de aniversário jogável para seu filho

Esse é o segundo vídeo que postamos do Angry Bird em pouco tempo, mas merece. Um pai atencioso criou um bolo inspirado no game casual para o aniversário de seu filho, Ben. A diferença é que, ao contrário dos outros bolos, este é uma réplica jogável de um cenário do jogo.

Viral ou não, não vale muito o debate. O que vale comentar aqui é que o bolo é sensacional. Todos os detalhes ficaram impecáveis, dos pássaros modelados um a um ao cuidado com o que os pilares foram colocados sobre a cobertura de chocolate.

Um bolo pronto para ser demolido a ataques de estilingue. Nós queremos… Confira abaixo:

[Via CVG]

Criadores de game de destruição de frutas plantarão pomar

Neste fim de semana o Joystiq estampou em suas páginas um artigo curioso, contando que o estúdio Halfbrick, responsável pelo game de portáteis Fruit Ninja, arranjou uma forma diferente de comemorar seu sucesso.

O game, que utiliza a interface de sensibilidade ao toque das telas de smartphones modernos, convida o jogador a destruir frutas com sua espada virtual. Basta cruzar o dedo sobre uma delas para que a fruta seja cortada ao meio.

Com seis milhões de downloads apenas em sua versão de iPhone, o joguinho pago já promoveu a destruição de mais de 150 bilhões de frutas, e a Halfbrick encontrou uma forma de amenizar o desperdício.

Em conjunto com a ONG Fruit Tree Planting Foundation, a Halfbrick patrocinará o plantio de um pomar em uma comunidade de baixa renda nativo americana, e prometeu mostrar aos seus jogadores a evolução da ação.

Gostou da idéia? Leia mais a respeito no site oficial do estúdio.

Prepare o armário para o frio: suéter do Contra

Ainda estamos no verão, mas para o inverno que vem aí, já é bom pensar em agasalhos e roupas mais pesadas.

Rolou na internet um suéter gamer sensacional, com um dos ícones dos games mais difíceis de todos os tempos: Contra.

O suéter traz o logo do game sobre uma tela do jogo. O único problema é que não existe informações onde pode ser encontrado, quanto custa ou sequer se é real.

Mas, se alguém tiver idéia, encontrar ou souber quem faça, dá um toque na gente porque queremos fazer uma encomenda…

[Via Need Input]

Atari velho vira belo abajur para sala gamer

O que você faria com um Atari quebrado e algumas fitas velhas do aparelho? O que muito provavelmente seria lixo e o resultado de um aperto no coração, se transformou em um belo abajur.

Das mãos do Monkey Labs, o console, as fitas e as capinhas dos jogos escaneadas e transformadas em uma cúpula de abajur, se transformaram em um adorno interessante para a casa de qualquer gamer.

A idéia é um pouco antiga, mas merece destaque. O que você acha?

[Via Design on the Rocks e GeeksAreSexy]

Estudo diz que pilotos de games de corrida dirigem pior na vida real

Um estudo curioso afirma que gamers que curtem jogos de corrida costumam se tornar piores motoristas na vida real, em vez do contrário.

Conduzido pela Continental Tires com 2 mil motoristas entre 17 e 39 anos, nos Estados Unidos, o estudo constatou que metade era composta por gamers fãs de corridas no videogame.

Os dados coletados indicam que os fãs de game costumam ser parados mais pela polícia, usar o seguro do carro, ultrapassar o sinal, dirigir na contramão, bater em alvos parados, se estressar na estrada, correr, assustar outros motoristas e assumir riscos desnecessários.

Por outro lado, os que dirigiam nos videogames tem mais facilidade para tirar a habilitação, levando duas tentativas para conseguir a licença para dirigir, comparado a três tentativas dos que não jogam.

Interessante, não? Você já tentou levar para as ruas o seu estilo de direção do videogame?

[Via Jalopnik]

Desenvolvedor independente critica Capcom e diz que foi plagiado

Vemos muitos jogos beber na fonte de games clássicos, mas não é sempre que vemos um estúdio de peso ser acusado de roubar o trabalho de um desenvolvedor independente. É exatamente isso que está acontecendo entre a independente Twisted Pixel e a distribuidora japonesa Capcom.

Em julho de 2009, o pessoal da Twisted Pixel enviou ao Xbox Live Arcade o game Splosion Man, que coloca o jogador na pele de um personagem feito de material explosivo com o objetivo de, é claro, explodir, a partir de uma série de níveis que exigem raciocínio lógico.

Meses depois, em janeiro de 2011, a Capcom colocou no ar MaXplosion, para iOS (o sistema que roda no iPhone). Nele, o jogador é Max, um personagem com habilidade de explodir para enfrentar os desafios em 20 níveis.

Para Mike Henry, programador da Twisted Pixel, o vídeo com o gameplay de MaXplosion o deixa triste. “Se você vai roubar um jogo, você deveria pelo menos entender o que o torna divertido”, disparou acrescentando que é ótimo se inspirar, mas o game em questão é roubo.

Para Michael Wilford, co-fundador da Twisted Pixel, a solução para a chateação vai ser criar um jogo melhor para o iPhone, o que segundo ele “não será difícil”. A parte mais curiosa é que Wilford afirma que a Twisted Pixel apresentou Splosion Man para a Capcom e ouviu um não na época.

E aí, o que você acha?

[Via GamesIndustry]

Órgão inglês se inspira em Super Mario para passar lição de sexo seguro a jovens

Os videogames podem ser ferramentas de educação e dada sua popularidade com o público jovem podem afetar uma camada muito maior da sociedade. Apostando nisso a Leicestershire Teenage Pregnancy Partnership, entidade inglesa, criou um vídeo educativo inusitado.

Claramente inspirado na série Super Mario, o vídeo mostra a jornada sexual de um jovem, no caminho até sua parceira. O vídeo mostra duas etapas, primeiro sem a camisinha, com a recusa da namoradinha, e depois colocando a camisinha e o sucesso ao fim da missão que, logicamente, não é mostrada em detalhes.

O mais divertido é que os vilões foram transformados em DSTs e aparecem brevemente no vídeo. O cano, onde o Mario entra para pegar moedas, foi substituído por uma garrafa e a mensagem de que o álcool pode interferir no julgamento correto de ações.

[Via Kotaku]