gr-charmgirlsclub

Será que os games para meninas passam lições de futilidade?

gr-charmgirlsclub O blog GameLife da Wired publicou um artigo interessantíssimo a respeito de games femininos. O foco do post intitulado “Lições de vida ridiculas de novos jogos para garotas” é levantar a questão de quão danosos estes games podem ser.

O texto tenta gerar polêmica e, entre seus primeiros parágrafos, compara os malefícios destes games “da moda” com o de jogos violentos como Grand Theft Auto. Garotos gostam de carrinho e meninas de boneca, né?

Onze jogos foram analisados e listados, com seu enredo explicado e, o mais interessante, a mensagem que o game pode acabar passando para suas jogadoras.

Um texto interessante para quem compreende inglês.

:: Leia o artigo do Game Life aqui

6 opiniões sobre “Será que os games para meninas passam lições de futilidade?”

  1. Vou ler o texto com calma mais já ví que é similar a idéia que tenho. De verdade, eu penso que não sou o publico alvo desdes novos games criados, apesar de ser menina. Poxa, tem alguns que são legais vai… locoroco que tem um perfil mais misto, patapon e tal agora tem jogos que não rola. Ficar trocando roupinha, levando a shopping, cuidando de cachorro isso é subestimar minha inteligencia e capacidade de jogar um game mais complexo só por ser menina! Isso delimita as coisas, cria barreiras e até preconceitos e não deve ser desta maneira!!

  2. e aqueles de ter de pintar unha, fazer maquiagem, e trocar roupa ? aqueles sao os piores.. os de administrar tempo são mais legais.. tipo, ser dona de um salão/lanchonete ou o q for..

Deixe seu comentário