gr-ubisoft_300

Proteção DRM da Ubisoft é comentada pela Namco e pela Blizzard

A controversa proteção da Ubisoft, anunciada recentemente e que exigirá que os jogadores estejam conectados à internet o tempo todo para que o jogo seja rodado, foi comentada por dois outros estúdios de peso: Namco e Blizzard.

A Namco comentou em favor da proteção, dizendo que é uma boa estratégia, na falta de alternativa melhor. A opinião veio de Olivier Comte, que indicou que está pronto para usar a mesma solução.

“Eu serei bastante honesto. Eu acho que é uma boa por um motivo: não tenho alternativa hoje. É a melhor? Certamente não, mas atualmente se eu conseguir fazer algo, farei, só que é melhor fazer algo que não fazer nada”, comentou ao site CVG.

Comte ainda disse que está convencido que, não importa a DRM usada, duas horas depois já estará crackeada, e comentou que atualmente explicar a uma criança que pirataria é errada é difícil, porque acabou virando algo cultural.

A Blizzard concorda com a Namco no que diz respeito ao uso de DRMs serem batalhas perdidas, mas vai contra a tecnologia que será empregada pela Ubisoft, que julga ser contraproducente.

Ainda que ache que os jogadores de StarCraft II passarão boa parte do tempo conectados à internet enquanto jogam, mesmo no modo singleplayer (uma vez que a conexão ajudará a interatividade com outros jogadores na Battle.net e o uso do ranking online), o game exigirá conectividade apenas para que a ativação aconteça.

Frank Pearce, co-fundador da Blizzard, comenta qual é a melhor saída. “Precisamos que nossas equipes de desenvolvimento se foquem em conteúdo e recursos legais, não em tecnologia anti-pirataria”, disparou.

Uma opinião sobre “Proteção DRM da Ubisoft é comentada pela Namco e pela Blizzard”

  1. A Blizzard é uma das maiores empresas de games do mundo por um motivo. Não se livra da pirataria impedindo o jogador de recorrer a ela, livra-se dela ao fazer o jogador escolher o produto original, apesar do fato de existir o pirata. Como fazer isso eu não sei. Funciona com WoW e outros MMOs pelos beneficios do servidor original, mas para games offline o desafio é grande, mas uma solução do mesmo estilo deve ser encontrada.

Deixe seu comentário