gr-settlers7

Problemas começam a ser encontrados em nova DRM da Ubisoft

A proteção DRM da Ubisoft, anunciada no fim de janeiro, começou a ser duramente criticada depois de alguns testes realizados pela revista especializada PC Gamer.

O sistema exige que o usuário esteja online para se autenticar e poder jogar o game que comprou, o que segundo a Ubisoft seria compensado pela possibilidade de instalar o game em qualquer outro computador e também de armazenar seus savegames em um servidor para continuar a partir de onde parou em qualquer lugar.

Só que pelo que parece, as coisas não estão funcionando muito bem. De acordo com testes conduzidos com os próximos lançamentos Assassin’s Creed 2 e Settlers VII a DRM será irritante como muitas outras. O primeiro problema é que em caso de eventual problema na conexão, como desconexão acidental ou falha na transferência de dados, o jogo é reiniciado para a tela de menu, sem que o progresso atual seja salvo.

Estes erros não se limitam a problemas em sua conexão. Um engasgo em um dos servidores de game da Ubisoft e pronto, queda para todos os jogadores conectados e reinício de seus games até o último jogo salvo. Agora, imagine o transtorno que não seria se a empresa resolvesse fazer uma manutenção de alguns dias no servidor. Todos os jogadores precisariam esperar para jogar? Parece que sim.

Será que este tipo de proteção contra pirataria vai vingar? Qual a sua opinião, leitor?

6 opiniões sobre “Problemas começam a ser encontrados em nova DRM da Ubisoft”

  1. Acho que não vinga não… pro futuro quando puderem garantir conexão e todos tiverem pelo menos 2 meios de se conectar…

    Por enquanto é simples, me recuso

  2. Embora eu ache essa história uma putaria desgraçada, vai pegar concerteza e em breve só conseguiremos jogar nesse modo.

  3. Eu realmente não acredito que esses tipos de proteções vão inibir a pirataria nos jogos. É só um incomodo para quem joga a versão legal do game.
    Pena que as produtoras custam em ver isso.

  4. A iniciativa de procurar um meio de diminuir a pirataria é válida.

    Agora acredito que se investissem mais tempo em projetos que incentivem os jogadores a ter um jogo original e não em projetos que despertem a fúria dos jogadores seria melhor.

    Não poder jogar porque o servidor está em manutenção já é frustrante quando o jogo é online.

    Imagina em um jogo local…

    A Ubisoft esquece que os jogadores tem a opção de NÃO comprar os jogos que usem esse sistema.

    Cuidado Ubi.

  5. Não vinga.
    Porque já foi burlado. Pra que tanto transtorno como usuario, se posso crackear e jogar em modo off?

    Como Skidrow disse: Na proxima vez foque em conteúdo e graficos e não na DRM.

Deixe seu comentário