Arquivo da categoria: Online

CNB Arena transmitirá todas as partidas da temporada de 2017 do CBLoL

A CNB dará seu primeiro passo na temporada 2017 neste sábado em partida contra o INTZ eSports. Se em 2016 os fãs de League of Legends tiveram motivos de sobras para comemorar o enorme crescimento do Campeonato Brasileiro (CBLOL) da modalidade, para este ano a expectativa é ainda maior e já tem data para começar. Os torcedores da equipe podem apoiar a equipe de forma mais confortável, pois a equipe acaba de anunciar uma ação inédita: todas as partidas serão transmitidas na CNB Arena, trazendo um ambiente especial para os torcedores.

Não apenas as partidas da CNB serão transmitidas na Arena, mas também as partidas de todas as equipes. Além das transmissões, o objetivo da ação é criar um espaço intimista, onde todos os visitantes participarão de sorteios exclusivos, e poderão interagir com membros do CNB, além de conhecer o local de treino dos Blumers e, claro, construir um ambiente que vá unir as torcidas.

“Esse projeto é um sonho pessoal nosso que estamos conseguindo colocar em prática. Nós queremos ver o CNB alçando voos cada vez maiores, mas, também pensamos nos e-Sports como um todo, então resolvemos investir na arena e na transmissão de jogos de todos os times para criarmos um ambiente diferenciado para todos os fãs dos jogos eletrônicos“ comenta Carlos Júnior, um dos sócios fundadores da equipe.

Sonho antigo do CNB, o projeto da arena já vinha sido pensado desde 2009, e o sonho começou a se tornar realidade desde o último mês de novembro. Com a novidade, a expectativa é de que 15 mil torcedores possam conhecer o local durante o primeiro ano, criando um engajamento cada vez maior para o clube.

Os fãs de League of Legens já podem adquirir os ingressos através do site oficial da Arena. Os valores variam de R$ 30,00 a R$ 100,00 por rodada e de R$ 200,00 a R$ 400,00 para o passaporte que dá direito a todas as transmissões do 1

 

Serviço – Transmissões da temporada de 2017 do CBLOL na CNB Arena

Local: CNB Arena

Endereço: Av. Jonia, 664 São Paulo, SP.

Sitehttp://arena.cnbesc.com.br/loja/

Valor: de R$ 30,00 a R$ 100,00 (rodada) e de R$ 200,00 a R$ 400,00 (temporada)

Totalmente renovado, INTZ estreia neste sábado (21) no CBLoL 2017

Após uma temporada extremamente bem-sucedida, a equipe da INTZ eSports dará seu primeiro passo rumo a uma campanha igualmente vitoriosa no Circuito Brasileiro de League of Legends (CBLoL) 2017. Pelo menos é isso que a equipe espera com sua nova lineup. A trajetória começa neste sábado (21) às 15h, em partida oficial contra a respeitada equipe CNB eSports, com transmissão via Twitch.

Entre os novos rostos da INTZ estão Marcelo “Ayel” Mello (topo), Gabriel “Turtle” Peixoto (caçador) e Bruno “Envy” Farias (meio) juntam-se a Micael “micaO” Rodrigues (atirador) e a Luan “Jockster” Cardoso (suporte). A intenção da comissão técnica é trazer renovação e confiança para continuar trazendo os troféus. De acordo com Cláudio Godoi, Mind Coach da equipe, os treinos foram intensos e extremamente satisfatórios. Os jogadores “experientes” destacam o trabalho realizado durante a pré-temporada.

“Estamos treinando com dedicação dobrada em busca do entrosamento, já que trocamos mais da metade da equipe para esse ano. Eu, particularmente, estou muito motivado e posso garantir que todos vão dar o sangue para ganhar. Durante as férias, já não via a hora de voltar a jogar e começar logo o CBLoL. Eu, Jockster e todo staff estamos dando todo apoio e temos total confiança nos novos jogadores. O espírito está bem legal e esperamos conseguir bons resultados para os nossos torcedores”, afirmou micaO.

Na temporada passada, os Intrépidos conseguiram a façanha inédita para qualquer clube no cenário nacional – conquistar os dois splits do Campeonato Brasileiro de League of Legends em um mesmo ano (o primeiro vendo a Keyd na decisão e o segundo, a CNB), o tricampeonato do Brasil Mega Arena e o Desafio Invocadores – todos de forma invicta.

micaoNo âmbito internacional, o INTZ teve êxito no International Wildcard Qualifier, com um triunfo por emocionantes 3 a 2 diante dos turcos da Dark Passagem que garantiu vaga no Mundial dos Estados Unidos. Apesar de não conseguir avançar para a fase de playoffs, a participação ficou marcada pela vitória sobre a Edward Gaming, da China, o que foi considerado o maior feito de uma equipe brasileira em toda a história do LoL.

“Tivemos o melhor ano da história de um clube na categoria do League of Legends, graças ao esforço de todos os envolvidos. Aquele quinteto está eternizado e merece todos os elogios. Agora, estamos em uma nova etapa, apostando na mesma filosofia que usamos para formar a equipe campeã de tudo. Confiamos plenamente nos jogadores e na comissão técnica e, pelo que vi dos treinos, tenho certeza de que dedicação e espírito competitivo não vão faltar. Agradecemos todas as manifestações positivas da nossa torcida intrépida”, afirmou o diretor-geral do INTZ, Lucas Almeida.

Confira abaixo os jogos do INTZ na primeira etapa do CBLoL 2017:

 calendario

 

Sweet Meat: envie obstáculos para atrapalhar seus amigos por meio de Tweets

Muitos games possuem interação com o twitter, mas o jogo Sweet Meat faz isso de maneira inovadora: os jogadores influenciam o desempenho dos adversários por meio de Tweets. Para quem não conhece, Sweet Meat é um infinite runner para Android e iOS criado pela desenvolvedora argentina OneEyeAnt. O jogador precisa correr e vencer ameaças como motosserras, campos minados, unicórnios, galinhas em chamas e outros perigos – armadilhas que podem ser enviadas por adversários via Twitter.

O envio de obstáculos aos competidores é possível via Twitter de maneira bastante simples: basta publicar um Tweet com a hashtag do game (#SweetMeatRunner) juntamente com a hashtag de uma ameaça, como #chickenstorm, por exemplo, que faz com que uma chuva de galinhas apareça no caminho de todos aqueles que estiverem jogando no momento. As opções de armadilhas podem ser visualizadas em um menu que aparece no início ou na pausa do jogo.

O macete é que o esquema de ranking mostra quem é o melhor jogador independente dos obstáculos que os jogadores mandarem pelo twitter. É possível ainda enviar um obstáculo a um amigo ou jogador específico mencionando o seu nome de usuário do Twitter juntamente com as hashtags do game e da armadilha escolhida.

“Queríamos criar um jogo distinto e realmente social. Por isso, nos inspiramos em características próprias das plataformas digitais como o compartilhamento, o humor e a interação entre amigos, e as transformamos em uma parte central do Sweet Meat. Para tornar essa integração realidade, buscamos uma plataforma que nos desse a capacidade de trabalhar o conteúdo em tempo real e atingir um grande número de pessoas – benefícios que o Twitter proporciona”, afirma Alejandro Jeroz, CMO da OneEyeAnt.

Além da inovadora integração com o twitter, Sweet Meat tem outros atrativos, como personagens divertidos, visuais cartunescos belíssimos e comandos simples. O nível de dificuldade também é bastante alto, sendo ideal para quem busca desafios e uma jogatina cheia de adrenalina. Inclusive há desafios diários. Para jogar Sweet Meat, disponível em Português e mais cinco idiomas (espanhol, inglês, francês, alemão e italiano), basta baixar o aplicativo que já está disponível para iOS e Android.

Abaixo tem o trailer de Sweet Meat:

MMA Federation – o jogo que muda os paradigmas dos games de luta e de estratégia

Já imaginou uma mistura entre jogo de luta, card game e e-sports? Pois é justamente a isso que se propõe o game MMA Federation, da produtora Leela Games. O título chegou ao mercado no finalzinho de 2016 para iOS e Android permitindo que os jogadores competissem em combates de MMA com os principais times deste tipo de luta do Brasil e do mundo, treinar com lutadores e técnicos da categoria.

O gameplay é baseado em turnos e é bem fácil de se aprender, mas difícil de dominar e brutalmente viciante. De acordo com a Leela Games, a versão brasileira inclui renomadas academias e lutadores nacionais como Dedé Pederneiras, Emerson Falcão, Márcio Pontes da equipe Nova União, e  Jaqueline Marques, a ring girl mais sexy do Brasil. Outra novidade que deve atrair muitos jogadores é a presença dos irmãos Piologo, que tem mais de 2 milhões de seguidores no Youtube.

De acordo com Carlos Estigarríbia, CEO da Leela, a publisher do jogo no Brasil, “o MMA Federation é uma revolução dos jogos de luta e também de estratégia, pois ele é um mix dos dois com uma pegada de e-sports. O jogo vai além do tradicional tapper dos games de luta, o MMA  Federation é um game  único no mercado de mobile. Outro diferencial é que você pode treinar off line em salas de progresso e o servidor sincroniza assim que o jogador estiver online. Fora isso, há uma série de customização tanto dos jogadores quanto dos estilos e dos movimentos  de luta”, explica.

MMA Federation busca uma mecânica por meio de cartas, que se mostrou muito popular entre os jogadores dos Estados Unidos, Canadá e Reino Unido. A intenção é colocar um pouco da estratégia típica do esporte no game. Para os jogadores casuais, o deck é uma oportunidade para criar um estilo de luta própria, com assinatura, enquanto que, para os jogadores hardcore, há infinitas possibilidades de batalhas  táticas através da criação de movimentos para combater diferentes estratégias de luta do time adversário.

Esse deck de luta muda a forma tradicional de jogos de luta PvP.  Por meio de uma seleção estratégica, é possível construir uma experiência única e adaptada ao estilo de cada jogador, altamente individualizada, e dessa forma neutralizar as táticas dos adversários. “Isso permite uma batalha interminável de inteligência para jogadores competitivos, uma vez que acrescenta enorme longevidade ao jogo”, explica Estigarríbia.

NO MMA Federation é possível desafiar amigos e jogar PvP em tempo real. Se cansou de ganhar do seu adversário, procure novos lutadores no Mapa de Lutas do MMA Federation. O jogo promove ainda campeonatos diários entre jogadores online em que os mais habilidosos são premiados e melhoram sua classificação no ranking do MMA Federation, como acontece fora do game

Campeonato do MMA Federation: Vencedor leva R$ 10 mil reais

Em fevereiro de 2017, o MMA Federation inicia o primeiro campeonato brasileiro do jogo. Os jogadores vão disputar as lutas online e a grande final será em março. O vencedor ganha R$ 10 mil reais e um avatar no jogo. Mais informações podem ser conferidas no site do jogo. Quem eestiver interessado pode encontrar MMA Federation para iOS e Android.

Big Gods contrata primeiro brasileiro como reforço para equipe na Challenger Series

A Big Gods – uma das principais organizações do eSport do País – anunciou a contratação do suporte Gustavo “Baiano” Gomes como reserva de Koo Hyuk “KonKwon” Kown para a lineup que disputará a Challenger Series norte-americana de League of Legends. A equipe espera ter um leque maior de campeões, visto que o jogo passa por mudanças constantes de meta, e por isso investiu no atleta brasileiro, que também disputará algumas das partidas da liga de acesso à LCS. O atleta é o primeiro brasileiro a reforçar a equipe para a disputa da Challenger Series.

“O cenário brasileiro de League of Legends conta com jogadores de altíssimo desempenho. Após diversas negociações, ficamos contentes em anunciar o Baiano como um reforço para o nosso time. Temos certeza que a vinda dele para a Big Gods será o primeiro passo para outros talentos do nosso País disputarem a liga norte-americana”, afirma Danilo Salgueiro, CEO da Big Gods. “A ideia é que esses atletas tragam mais versatilidade à nossa lineup e que treinem constantemente com o restante da equipe para termos a flexibilidade necessária que os confrontos da Challenger Series exigirão”, completa.

Entre os motivos para Baiano ter escolhido ir para os EUA ao invés de continuar no Brasil estão o compromisso de sagrar-se campeão, aprender táticas em um cenário mais competitivo e voltar a trabalhar com o técnico Ednilson “Jukaah” Vargas. A princípio o jogador será reserva da equipe. A Challenger Series norte-americana começa em fevereiro e a equipe vencedora garante vaga para a segunda etapa do campeonato principal de League of Legends.

Como Baiano foi parar na Big Gods

“Assim que eu anunciei que estava free agent eu recebi proposta de dois times do CBLoL, mas eu não acho que jogaria meu 100% em um time que não lutaria pelo título, nao queria aceitar qualquer proposta só para estar jogando no CBLoL”, conta o jogador em entrevista para ESPN, sem dizer, claro, quais seriam esses times. “Junto com essas, também vieram algumas propostas dos principais times do LAS [região sul-americana] e também a da BigGods”, continua.

Trajes Fatais é o game de luta 2D do estúdio Onanim

Durante uma festa a fantasia, uma misteriosa divindade concede poderes aos convidados, de acordo com os trajes que estão usando. Agora, eles precisam participar de um perigoso torneio para escapar. Essa é a premissa de Trajes Fatais, um jogo de luta para PC em pixel art desenvolvido pelo estúdio indie Onanim, com mecânica acessível e animações de alta qualidade remetendo aos grandes clássicos 2D.

Uma misteriosa entidade denominada Makiabel congela o tempo, cedendo a alguns participantes da festa o poder das fantasias que estão usando. Guiados por uma versão alternativa de si mesmos, os B-sides, os escolhidos são obrigados a lutar entre si, competindo pela própria liberdade e pelo Poder destinado ao vencedor. Apenas um deles pode vencer o torneio dos Trajes Fatais.

O game esteve em campanha no Kickstarter, porém não atingiu a meta necessária. Mesmo assim, o estúdio Onanim não desistiu da ideia de lançar o game e promete novidades  em breve. O título segue a linha dos jogos de luta 2D da geração 16-32 bits, ou seja, a qualidade promete ser das mais altas. Há um beta disponível para PCs, já com o modo versus e quatro personagens jogáveis: Lucy Fernandez, Lourenço Sombra, Cristiano Martins e Lucy BSide.

onanimA Mecânica de Trajes Fatais é bem simples: com um botão de ataque você pode realizar várias ações. Cada uma das direções somadas ao ataque ocasiona uma reação apropriada. Cabe ao jogador saber os melhores movimentos para cada situação de jogo. A expectativa é que a versão final traga mais botões de ação e funcionalidades. Além dos torneios, os jogadores podem mergulhar no modo história, desvendando as intrigas políticas e os segredos da cidadezinha de Apolínea do Sul e das motivações do misterioso Makiabel.

Outro ponto forte é o estilo visual em pixel art totalmente desenhado à mão. Não é a toa: os desenvolvedores se declararam fãs de jogos como The King of Fighters e Street Fighter. Trajes Fatais venceu o prêmio de Melhor Jogo por voto popular no SBGames 2015 e recebeu sinal verde no Steam Greenlight.

O jogo será lançado inicialmente para PC Windows  mas temos planos de portar para Linux e Mac, bem como PS4, XOne, Android e iOS. Como a meta não foi atingida, não há uma previsão concreta de lançamento, mas a expectativa é que em meados de 2017 tenhamos mais novidades.

Confira o trailer de Trajes Fatais:

Conheça Skydome, o jogo de estratégia online do estúdio indie Kinship

Você já ouviu falar de Skydome, o jogo de ação e estratégia do estúdio indie Kinship? O game está em desenvolvimento há poucos meses e chegou a dar as caras durante a BGS 2016. O objetivo no jogo é destruir as quatro bases do time inimigo enviando tropas de luta em uma arena. Basicamente temos uma mistura de MOBA e RTS, onde os jogadores de cada equipe devem trabalhar em conjunto para derrotar os inimigos.

Os combates são realizados em Skydome, uma arena flutuante onde todas as nações do mundo competem para decidir qual é a mais poderosa. Cada nação envia seus heróis mais habilidosos e capacitados para competir nesse esporte de simulação de guerra. As equipes são formadas por quatro heróis com funções diferentes e complementares, todas necessárias para o sucesso da nação. Os combates costumam durar cerca de 10 minutos, porém com bastante intensidade e emoção.

Os participantes podem convocar tropas diferentes para penetrar as defesas inimigas. O macete é que os competidores devem trabalhar em conjunto para criar uma estratégia conjunta de ataque e defesa, só assim eles poderão submeter os adversários e tornar-se campeões de Skydome. A intenção da Kinship é transformar o game em uma força considerável no cenário de eSport, principalmente entre jogadores intermediários que não podem se ddicar tantoquanto os pró-players de outros jogos.

De acordo com Cheny Schmeling, fundador do estúdio Kinship, a expectativa é que o jogo esteja no mercado durante o primeiro trimestre de 2017 com versões para PC e mobile. Os jogadores que estiverem interessados no projeto podem se inscrever no site da Kinship para receber atualizações e notícias sobre o game.

Abaixo tem o trailer de Skydome:

Conheça Aestium, o card game pós-apocalíptico brasileiro

Bem vindo à Aestus, um planeta devastado por guerras nucleares que fará você perceber rapidamente que é preciso batalhar pela sobrevivência. É nesse clima que se passa o card game Aestium, um título que mescla elementos rústicos com outros futuristas em um ambiente hostil. As cidades desabitadas são palcos de combates mortais entre máquinas de baixa tecnologia e homens desfigurados que se agrupam em clãs tribais.

De acordo com os desenvolvedores, o título é extremamente simples de entender, pois ele simplifica muitas das complexas regras dos jogos de cartas tradicionais que existem. Entretanto, são necessárias boas horas de jogatina para dominá-lo completamente. O game lembra algo de Hearthstone, porém com todo o jeitão brasileiro, graças a sua dublagem tão característica.

Aestium esteve em campanha no Kickstarter, porém não alcançou a meta desejada de R$ 25 mil. Entretanto, os desenvolvedores haviam informado que mesmo que as metas não fossem alcançadas o desenvolvimento seguiria adiante, com a expectativa que o lançamento oficial seja realizado no primeiro semestre de 2017 gratuitamente.

Em Aestium – Dawn of Hope, você será transportado para um universo fantástico onde tecnologia e misticismo estão lado a lado! Ciborgues enfrentam dragões mecânicos, enquanto os famosos conjurocratas habilidosos lançam labaredas com as mãos contra motoqueiros lunáticos. Torne-se um conjurocrata e aprenda os segredos das artes ocultas para sobrepujar seus oponentes e reivindicar domínio sobre territórios e recursos.

O game Aestium será lançado para PC e os jogadores poderão desafiar seus amigos para duelos emocionantes que renderão recursos necessários para adquirir novas cartas e melhorar os seus decks. Além disso, você poderá se juntar a outros 2 aliados para competições de trios, onde os conjurocratas concentram sua energia para invocar criaturas colossais.

Você terá ainda que estar preparado para as hostis ameaças naturais, pois os diferentes tipos de tabuleiro acrescentam modificadores globais que afetam todos os jogadores em campo, assim como a passagem de tempo.  Esteja preparado para enfrentar desertos escaldantes, noites congelantes nos vales ou nevascas de cortar a pele.

Infelizmente não há muitas novidades sobre o game desde o meio de 2016, porém a comunidade entende que o desenvolvimento segue firme e forte. Mais novidades devem ser compartilhadas no site do game.

Abaixo tem o vídeo de divulgação de Aestium – Dawn of Hope:

Point Blank Brasil recebe grande atualização

Quem costuma jogar Point Blank já deve ter notado a nova atualização que adiciona novos personagens, mapas, armas e modos de jogo. A atualização é chamada “DECODIFICAÇÃO” e foi lançada no fim de novembro em uma live (assista aqui) com convidados como Murillo “Shooow” Medeiros e o pro player Caio “400kg” Lazzaro. Nela a comunidade já podia notar a otimização gráfica, de interface e configurações, além dos dois novos personagens Wolf e Grey.

A atualização, que chegou agora no mês de dezembro, apresenta uma nova interface, otimização gráfica, novos personagens, novas armas (aumentando as opções dos players para mais de 100 armas), novos mapas e modos de jogo, o que promete elevar o nível do competitivo do PB Brasil. Outra novidade é o Sistema de Clãfronto, onde os grupos de jogadores entram em confronto para subirem no ranking; esse sistema novo também dá espaço aos jogadores sem clã.

Não se assuste se você for jogar e ainda não encontrar uma arma ou outra, pois o jogo ainda terá packs de atualização ao decorrer dos próximos meses. Os novos modos de jogo ‘Escolta’ e ‘Destruição 5×5’, por exemplo, estão previstos para janeiro de 2017. A expectativa é que Point Blank vai ficar mais competitivo e divertido com o decorrer dos meses.

“Temos muito conteúdo programado para lançar no próximo ano! Agora em janeiro, por exemplo, além de novos modos de jogo, estamos preparando um conteúdo bem bacana que com certeza a comunidade irá pirar! Em breve devemos publicar notas sobre os testes.” – comenta o Gerente de Produto do PBBr.

Para quem não conhece, Point Blank é um FPS com estilo de jogo rápido e combates eletrizantes que coloca os Free Rebels contra a CT FORCE em uma guerra em cidades e campos de batalha variados. Point Blank tem campeonatos regionais, nacional e dois mundiais por ano para entreter e desafiar todos os jogadores.

Confira aqui o vídeo com os novos personagens de Point Blank:

Elf Bowling – Um game para acabar com seu Natal

Troca de presentes, reunião familiar, ceia… Será que é possível não gostar de Natal? Sim, existe uma forma infalível para você começar a ver o Natal com outros olhos e vamos falar sobre isso agora. Existem muitos games com temática natalina e a maioria costuma ser bem mediano, mas existe um game que é tão ruim que sozinho é capaz de acabar com qualquer clima de festa. Estamos falando de Elf Bowling.

Para quem não conhece , trata-se de um título desenvolvido pelo estúdio NStorm em 1998 como conteúdo de marketing promocional. Naquela época o Mercado de jogos em flash estava em alta. Basicamente você assume o papel de Papai Noel em uma partida de boliche, mas ao invés de pinos você deve derrubar elfos chorosos. O game é bem simples e lembra algo de Katamari Damacy, em menor proporção. A ideia toda do jogo simplesmente parece errada.

E você achando que Natal tinha a ver com neve, renas e presentes? Nada disso, aqui a ideia é massacrar elfos ajudantes. Como se não bastasse esse conceito tão alheio ao Natal, o game tem pitadas de humor nada divertido. É normal os elfos soltarem frases do tipo “Essas são todas as bolas que você tem, Papai Noel?”. Além disso, é bem comum aparecerem distrações para atrapalhar sua jogada. O problema é que os controles costumam apresentar falhas incompressíveis e você vai errar muitas jogadas por causa disso.

Quando Elf Bowling surgiu, ele tornou-se uma sensação na internet, pois muitas pessoas acharam que ele era um vírus de computador, compartilhando o arquivo “EXE” por email. Não demorou para ele se tornar o jogo mais popular de PCs da época, de acordo com a Media Metrix. As estimativas são de que mais de 7 milhões de pessoas jogaram Elf Bowling para PCs. Todo este sucesso encorajou os produtores a lançar sequências que não adicionavam muito conteúdo ao game.

Por incrível que pareça o game recebeu dez edições contando as versões para consoles mobile (o mesmo número de sequências de Mario Party) e dois filmes em animação. Elf Bowling ganhou até versões para GBA e Nintendo DS. Todas as versões do game e os dois filmes foram massivamente massacrados pela crítica. Imagine chegar no Natal e receber uma cópia do game? Seria uma piada e tanto, mas e se a cada Natal você receber uma das sequências? Um belo castigo para quem se comportou mal durante o ano, hein? Ficou curioso? Você pode jogá-lo online.

Abaixo você confere um vídeo de Elf Bowling, uma verdadeira pérola de Natal: