Arquivo da categoria: Games

Game nacional ajuda na alfabetização

Um jogo de computador criado na Escola de Engenharia de São Carlos (EESC) da USP vai ajudar crianças com dificuldades de aprendizado no início da alfabetização. Por meio de um ambiente virtual em 3D, o jogo Ilha apresenta associações entre letras, palavras e imagens de uma forma atraente e divertida.

No jogo, as crianças usam o teclado para guiar um menino por uma cidade localizada numa ilha. “Ele faz tarefas da vida social, como fazer compras, andar de ônibus, brincar em um parque de diversões”, conta o matemático Flávio Cezar Amate, autor da pesquisa. “Apesar de ser uma aplicação lúdica, os métodos de ensino permanecem implícitos e transparentes para as crianças”.

:: A fonte: leia a matéria completa no IDGNow!

Quem faz o que na produção de games

A paixão pelos jogos eletrônicos deve ser um importante requisito para quem pretende trabalhar na criação de games, mas é preciso levar o assunto a sério. Afinal, a indústria de games movimenta milhões de dólares em todo o mundo e tem grande potencial de crescimento nacional. “Quem entrar para brincar perde o jogo”, diz o coordenador da pós-graduação em Games do Senac, Cláudio Bueno.

:: Matéria completa: leia no Yahoo! Notícias
:: Overmundo: o Brasil que faz games

Mulherada na Copa Mundial de E-Sports

O campeonato Electronic Sports World Cup, uma espécie de Copa do Mundo dos jogadores profissionais de títulos em rede, organizará pela quinta vez um torneio feminino de Counter-Strike.

De acordo com o site IGN, o campeonato de garotas acontecerá na grande final de Paris, dos dias 5 a 8 de julho, reunindo 24 equipes. Destes, 10 times convidados entrarão em uma liga contra 13 equipes vitoriosas de outros campeonatos internacionais e mais a campeã da edição passada, que tentará defender seu posto por mais um ano.

Os 13 times que venceram outros campeonatos virão dos seguintes países: Alemanha, Áustria, Bélgica, Bulgária, Canadá, China, Espanha, França, Holanda, Noruega, Rússia, Sérvia e Suécia. Times de outros países poderão disputar um dos dez convites se inscrevendo entre os dias 12 e 26 de abril por email (candidate@eswc.com).

:: A fonte: leia a matéria completa na Magnet

Fase de Donkey Kong feita com Post-It

Estudantes da University of California recriaram um estágio de Donkey Kong usando 6.400 Post-Its nas janelas de um edifício. A tarefa juntou um time de 10 pessoas que levaram aproximadamente 5 horas para completar o trabalho. Sensacional, não? (Via Gamehall)

:: Mais informações: detalhes sobre o projeto
:: Fotos: veja como foi o processo de construção

Game é diversão e aprendizado

Cláudia Stippe é pesquisadora em tecnologia educacional. Foi pioneira no uso na tecnologia em aula e é gerente de tecnologia educacional do Grupo Klick e consultora da Microsoft. Ela falou sobre games na escola.

Como os jogos podem ser usados para reforçar o ensino?
Os games foram o primeiro suporte tecnológico. No começo usávamos até Mario, Lemmings e Carmen San Diego. Era para suprir a falta de softwares pedagógicos. Os games são até melhores porque os programas didáticos muitas vezes são reproduções de livros. Tudo que dá para fazer no papel, não precisa ser feito no PC.

:: Entrevista completa? Leia no Link do Estadão
:: Mais: Game cria solidariedade entre alunos