consoles_300

Opinião: EA acredita que não haverá nova geração de videogames tão cedo

consoles_300 A geração atual de videogames não tem data para acabar. Ao menos é o que acha John Riccitiello, CEO da Electronic Arts. O executivo acredita que essa será uma geração longa, e não há necessidade de novo hardware tão cedo.

É certo que a recessão é uma das responsáveis pelo resfriamento de diversos setores, e pode ser o motivo pelo qual as empresas começarão a segurar a onda e deixarão de investir em novos lançamentos de plataformas.

Mas, será que vai demorar tanto assim? Em fim de abril, Yves Guillemot, CEO da Ubisoft, explicou que a empresa já estava se preparando para novos hardwares, embora não tenha especificado quais seriam.

Riccitiello comentou, explicando que podem acontecer novos portáteis e periféricos, que justificariam um investimento em nova tecnologia de produção de games, mas que não acreditava que fosse acontecer uma mudança de geração em breve.

Será que isso é ruim? Digamos que fiquemos presos a uma geração pelo dobro de tempo. O que acontecerá? Veremos mais e mais fórmulas cansadas ou os estúdios precisarão pensar sem considerar o lucro certo e encontrar formas arriscadas e criativas para manter os jogadores?

O que você, leitor, acredita que acontecerá com uma geração mais prolongada?

[Via GamesIndustry.biz]

3 opiniões sobre “Opinião: EA acredita que não haverá nova geração de videogames tão cedo”

  1. Não gostei de nenhum console da geração =S alias gostei do Wii, só não gostei do que fizeram com ele. O wii ta muito casual, o play3 muito caro e sem titulos “must play” e o x360, bom… não conheço muito dele, parece que este é o melhorzinho, apesar de não saber se ainda tem aquele problema de esquentar muito e possiveis outros defeitos por pertencer a nossa querida Microsoft

    Mas talvez isso tenha um bom impacto nos produtores independentes, ainda se a sony parece de investir no playstation 2, duvido que o wii fosse absorver todos os jogadores com aquela qualidade de jogos, seria uma boa era para a produção indie ^^

    Desabafei =P

  2. Antigamente demorava muito mais para haver novos consoles. Hoje em dia a coisa está muito rapida e cara. Passamos muito tempo juntando dinheiro ou pagando o parcelamento da compra de um console de ultima geração para 2 anos depois lançarem um novo. Isso é ruim para o consumidor. Com um intervalo maior entre os lançamentos as empresas desenvolvedoras de games terão que criar novas idéias e games revolucionarios para não perder o cliente. Com novos consoles, eles simplismente lançam uma versão nova de algum game de sucesso e acabamos sempre jogando a mesma coisa.

  3. Uma geração com maior tempo de vida, é ótimo para as desenvolvedoras, já que vão estar mais acostumadas com o hardware e vão poder explorar melhor os seus recursos. Mas isto não é garantia de que vai sair jogo bom, isto depende da equipe que está envolvida, jogo bom tem em qualquer vg, se até o até o Atari. :D

Deixe seu comentário