gr-gamenight

NPD libera dados de nova pesquisa com gamers americanos

A NPD, empresa americana que realiza análises de mercado e tem um braço dedicado ao mercado de games, divulgou resultados de seu relatório anual a respeito dos consumidores de games.

A pesquisa foi conduzida em janeiro de 2010 a partir da entrevista com 18.872 consumidores americanos, com idade superior a dois anos. Para entrevistar crianças menores de 13 anos, era preciso que o responsável legal supervisionasse as respostas.

Os resultados mostram que o número de horas jogadas em consoles cresceu 9%, comparado ao ano passado; em PC cresceu 6%, todavia em portáteis caiu 16%, um dado interessante, mesmo com um aumento de visibilidade por conta de iPods, celulares e outros portáteis.

Outro dado interessante é de que o segmento dos jogadores extremos passa cerca de 48,5 horas por semana (mais de dois dias inteiros) em frente aos games. A parcela dos “extremos” é pequena, 4% da população de gamers americanos.

O jogador médio passa 13 horas por semana jogando, comparado a 12,3 horas em 2009. O estudo acompanhou a idade média dos gamers: em 2009, a média era de 31 anos, em 2010, cresceu para 32 anos. Ou seja, o público de games se mantém fiel.

O público mais “antigo”, com média de 42 anos, se encaixa em categorias como “jogadores ávidos” e “jogadores de games offline de PC”.

[Via NPD]

Deixe seu comentário