Executivo da Capcom faz dura crítica ao mercado japonês de games

Para Keiji Inafune, executivo da Capcom e criador da série Mega Man, o Japão precisa comer muito feijão ainda para se equiparar novamente ao desenvolvimento ocidental de games.

A crítica de Inafune veio depois do evento Tokyo Game Show, um dos mais importantes eventos de jogo do mundo. “Eu olho pela Tokyo Game Show e todo mundo está fazendo jogos péssimos”, disparou acrescentando que o Japão está ao menos cinco anos atrás do mercado Ocidental.

A opinião é pesada, principalmente pelo fato de que ele é o responsável pela departamento de pesquisa e desenvolvimento da companhia, uma das maiores do Japão no setor.

Você concorda com Inafune? Ou ainda prefere os jogos japoneses?

Uma opinião sobre “Executivo da Capcom faz dura crítica ao mercado japonês de games”

  1. Eu vejo este pessoal do Japão reclamar de como as coisas estão, mas não sei por que. Tento fazer idéia, então olho para os jogos de ps3 que comprei nos últimos meses: fallout, resident evil, gta. Acho que o resident evil é japonês, e não é ruim.

    Será que eles querem voltar a criticar a própria cultura de emprego do Japão?

Deixe seu comentário