gr-ea

EA Brasil: rumores a respeito de fechamento ou redução do quadro de funcionários

gr-ea Ontem em nosso Twitter levantamos uma bola: “a Electronic Arts deve fechar por aqui”. O rumor chegou até a gente, dando conta de que até 23 de outubro todos os funcionários estariam na rua.

Mesmo agora, quase 20 horas depois do rumor ter começado a ganhar força pela web, o assunto ainda não foi esclarecido. O jornalista Fábio Bracht, do Continue, atualizou ontem a tarde seu blog com algumas outras informações.

Aparentemente, a situação não é tão séria como chegou a princípio até nós. Uma fonte próxima à EA comentou que a empresa não fechará no Brasil, que manterá operações, mas que a distribuição de jogos para PC e consoles serão terceirizadas. Ou seja, a empresa encolherá bastante.

O blog Gamer.br, de Pablo Miyazawa, também levanta mais pontos: o setor de marketing manterá seu funcionamento, bem como o setor EA Mobile, de games para celular.

Seja como for, ainda resta esperar a EA se pronunciar, mas de qualquer forma, é triste ver qualquer tipo de redução nas apostas por aqui… Vamos aguardar um pronunciamento oficial.

Atualização: Márcio, do EArenaGames, nos contatou para esclarecer que o setor de distribuição da EA hoje já é terceirizado pela gaúcha Incomp.

6 opiniões sobre “EA Brasil: rumores a respeito de fechamento ou redução do quadro de funcionários”

  1. Como havia comentado no Gamer.br é uma pena mesmo. é um canal d expansão do mercado de games que perdemos no país. Esperamos todos que os reais motivos p o enxugamento da empresa no Brasil sejam realmente relevantes e que nao culpem apenas a pirataria, porque se for só por isso, nemhuma outra empresa internacional sobreviveria por aqui!

  2. Você é um jornalista fraco que fala sobre boatos antes de comprovar a veracidade da informação. Criou um caos na indústria sem necessidade.
    Ainda bem que existem canais com maior credibilidade, que aguardam informações mais concretas e investigam o assunto antes. Você precisa entender seu papel e o que este pode impactar.

    1. Falaê Klebones.

      Fico feliz que um blog como o GameReporter tenha criado um caos na indústria de games no Brasil. Se isso de fato ocorreu, deve ter alguma coisa errada com a indústria, não?

      E mais: a gente só fala sobre o que chega até nós. Em momento algum dissemos que isso era fato consumado. O leitor tem que encarar isso como de fato é: boato.

      Vamos esperar os próximos dias para ver quem gerou o caos, né?

  3. ontem, uma fonte próxima ao nosso fã-site nos deu maiores detalhes com relação a essa mudança, mas ainda não sabemos como será a nova política de relaciomanento entre a EA e fã-sites e comunidade de fãs brasileira.

Deixe seu comentário