Capcom coloca controversa DRM “always-on” em game de PSN

A Capcom anunciou que o jogo Bionic Commando Rearmed 2, para a rede PSN, virá com uma proteção DRM que exige ao jogador se conectar à rede PlayStation Network sempre que quiser jogá-lo.

Ou seja, é preciso ter uma conexão ativa e sempre presente caso você queira se divertir com este título. Segundo o site CVG, o fato do jogo não ter modo online mostra que a preocupação da Capcom é com a pirataria.

Este não é o primeiro uso da DRM: o jogo Final Fight Double Impact, também da Capcom, possui a mesma proteção.

3 opiniões sobre “Capcom coloca controversa DRM “always-on” em game de PSN”

  1. Acho que isso também é uma forma de exitar não só a pirataria, mas também as contas "compartilhadas". Em Final Fight já funciona assim. Vamos supor que você tem a conta em 2 consoles, mas no 2º console você tem essa conta para baixar mas usa outra conta para logar. Mesmo assim entra em ação essa proteção. Para jogar o jogo no 2º console é necessário que o primeiro console não tenha "jogado" o game nas últimas 24 horas, se tentar jogar antes disso é exibido uma mensagem avisando que a conta "tal" (a que comprou ele) jogou a menos de 24 horas.

    É bizarro, mas acho que é esse o objetivo deles também!

Deixe seu comentário