Todos os post de Luiz Silva

Luiz Silva, jornalista de games formado pela Universidade Paulista. Já escreveu para as revistas da Tambor Digital (EGW, Gameworld), para o site Player 2 entre outras coisas. "Sou um entusiasta por videogames, apesar de jovem já tive até um Atari, minha série favorita é Silent Hill".

Boavista Shopping recebe o Arena Games no mês das crianças com direito a torneio de FIFA 18

Ah, o campeonato brasileiro! Motivo de alegria e frustração de milhares de amantes do futebol no brasil. O esporte mais famoso do mundo não é sucesso apenas nos estádios, mas também nos jogos eletrônicos e é justamente essa paixão o alvo do Boavista Shopping neste mês de outubro, pois é lá que será montado um espaço todo especial chamado Arena Games que vai reunir cetenas de jogadores de FIFA 17 e o novíssimo FIFA 18 em partidas eletrizantes.

A ideia é aproveitar o lançamento de um dos jogos mais aguardados da temporada com as comemorações do Dia das Crianças, além do furor que o Campeonato Brasileiro está causando nas redes sociais. O Arena Games estara aberto para gameplay nos dias 1, 7, 8, 14, 15 e 21 de outubro entre as 14 e 20h e vai oferecer para jogatina dois consoles Wii U, dois PS4 e uma estacao para quem curte jogos de danca.

Os consoles Nintendo Wii U contarao com os jogos Super Mario e Mario Kart 8, ja os dois Playstation 4 terão os jogos FIFA 17 e 18, Mortal Kombat, Minecraft, Marvel Lego e Call of Duty. Ah e a estação de dança estara completa com tapete, TV, som, kinnect e o jogo Just Dance.

No dia 22 de outubro será realizado no Arena Games o Campeonato Fifa 18 com premiação aos vencedores até o quarto lugar. Ambas gratuitas, as ações são promovidas pela Liga Sorocabana de futebol virtual em parceria com o shopping e tem o objetivo de estimular a prática de atividades que desenvolvem, entre outros aspectos, o raciocínio lógico, a coordenação motora, a criatividade, a socialização e o espírito de competitividade e de união entre os atletas virtuais.

As inscrições para o campeonato do Arena Games podem ser feitas no site da Liga, em que serão aceitos até 64 jogadores e utilizará o sistema de mata mata do início ao fim da competição. O regulamento completo está disponível no site da liga.

Os vencedores do campeonato Arena Games serão premiados.

O primeiro colocado ganhará um Smartphone Multilaser MS55 Câmera 5.0 MP+8.0MP 3G Quad Core 8GB, um 1 jogo Madden 2017 para PS4 em mídia digital e troféu. O vice-campeão levará um jogo Mortal Kombat para PS4, um jogo NHL 2017 para Xbox One em mídia digital e troféu. O terceiro colocado será contemplado com um jogo Mortal Kombat para Xbox One e medalha. O quarto lugar ganhará um jogo Need For Speed para PS4 em mídia digital.

“Estamos felizes em realizar esses eventos em parceria com a Liga em que crianças, jovens e adultos poderão se divertir juntos. É uma forma de lazer que costuma agradar a diferentes públicos”, afirma a gerente de Marketing do Boavista Shopping, Márcia Campioto.

 

SERVIÇO – Arena Games – Boavista Shopping

Quando: 1º, 7, 8, 14, 15 e 21 de outubro de 2017
Horário: 14h às 20h
Onde: Piso G4, em frente a loja Trentini do Boavista Shopping – Rua Borba Gato nº 59 – Santo Amaro – São Paulo/ SP
Evento gratuito
www.boavistashopping.com.br

Prêmios:

– 1º lugar: Smartphone Multilaser MS55 Câmera 5.0 MP+8.0MP 3G Quad Core 8GB + 1 Jogo Madden 2017 para Ps4 em mídia digital + Troféu
– 2º lugar: 1 jogo Mortal Kombat para PS4 + 1 jogo NHL 2017 para Xbox One em mídia digital + troféu
– 3º lugar: 1 jogo Mortal Kombat para Xbox One + medalha
– 4º lugar: 1 jogo Need For Speed para PS4 em mídia digital

Conheça Hob, o novo game dos criadores de Torchlight

Para quem curte clima de mistério e tensão a dica é o jogo Hob, lançamento do estúdio indie Runic Games (os mesmos criadores de Torchlight I e II). O game, que ja esta disponível no Gog, coloca os jogadores em uma aventura bem desafiante e um planeta caótico e repleto de criaturas perigosas. O objetivo é resolver os mistérios que cercam esse ambiente hostil e sobreviver.

O jogo te coloca no papel de um robô (presumivelmente o Hob) que aos poucos vais descobrindo seu papel de salvador da vida selvagem ao redor enquanto explora paisagens desoladas, resolve puzzles e transforma o planeta. As pistas do roteiro são escassas e os diálogos são inexistentes, cabe ao jogador interpretar muito do que acontece.  Deste modo, a arte do game ganha em importância e o jogador acaba entrando de cabeça no mundo do jogo.

Hob busca inspiração em clássicos de adventure, como Castlevania e Metroid, pois ao progredir no game você destrava uma série de novas habilidades e conhece novos personagens que ajudam na aventura. A exploração, aliás, é o ponto alto do game graças aos ambientes cheios de estilo.

Para os fãs da Runic Games uma grata surpresa: quem adquirir o titulo até o dia 10 de outubro recebe gratuitamente uma cópia de Stories: The Path of Destinies, RPG de ação no estilo Hack and Slash. Além disso, quem realizou anteriormente a aquisição de Torchlight l e ll pela Loja Digital da Runic Games, pode resgatar gratuitamente uma cópia de seus jogos na GOG.com. Basta visitar o site GOG.com/reclaim a partir do dia 10 de outubro, inserir a chave do seu jogo adquirido pela loja da desenvolvedora e resgatar sua cópia na GOG.com.

Abaixo tem um trailer de Hob:

BGS Talks estreia na décima edição da maior feira de games da América Latina e leva ainda mais conteúdo para o público

A BGS 2017 está prestes a começar e uma das novidades para este ano é o espaço BGS Talks, atração criada em parceria com a Twitch especialmente para dar mais uma oportunidade aos fãs de games de conhecerem seus ídolos, ficarem por dentro de iniciativas importantes para o setor, assistirem a palestras, enfim, terem acesso a um conteúdo diferenciado e de alto nível sobre games. Os painéis do BGS Talks acontecerão no estande da Twitch, que montou um anfiteatro com 200 lugares e palco, onde irá receber personalidades populares da plataforma, desenvolvedores de jogos, streamers etc.

A maior feira de games da América Latina acontece entre os dias 11 e 15 de outubro e a expectativa é receber mais de 100 mil pessoas. Para Marcelo Tavares, CEO e fundador da Brasil Game Show, o BGS Talks é um dos grandes diferenciais em relação às últimas edições e tem todos os ingredientes para agradar o público do evento e se tornar uma atração definitiva da BGS. “Além de diversão, queremos dar muito conteúdo para nossos milhares de visitantes, e a parceria com a Twitch foi fundamental para conseguirmos esse objetivo”, diz ele.

Devem passar pelo BGS Talks lendas como Nolan Bushnell, criador do Atari, David Crane, desenvolvedor de Pitfall e cofundador da Activision, Hector Sanchez, produtor de jogos das séries Mortal Kombat e Injustice e que atualmente está na Annapurna Interactive, e Stephen Bliss, que foi artista sênior da Rockstar entre 2001 e 2016 e é um dos responsáveis pela icônica identidade visual de GTA, que vão dividir com os fãs as curiosidades e experiências de suas inspiradoras trajetórias. Além deles, também já está confirmada a presença de Danilo Gentili, que falará sobre seu novo filme “Como se tornar o pior aluno da escola”.

A programação do BGS Talks ainda inclui painéis apresentados por representantes de estúdios independentes, que falarão sobre suas trajetórias profissionais, oportunidades de trabalho na indústria dos games, e os desafios e dificuldades enfrentados por quem sonha em empreender nessa área. Toda a programação do BGS Talks está disponível no site.

 

Serviço – BGS 2017 – BGS Talks

Quando: 11 a 15 de outubro (1º dia exclusivo para imprensa e business)

Onde: Expo Center Norte

Endereço: Rua José Bernardo Pinto, 333 – Vila Guilherme, São Paulo – SP

Horário: 13h às 21h

REBEL (Rede Brasileira de Estudos Lúdicos) convida a todos para o evento REBELDIAS FAEL IV

Entre os dias 16 a 18 de outubro a cidade de São Paulo recebe o IV Fórum Acadêmico de Estudos Lúdicos, evento lúdico-acadêmico voltado às linguagens do jogo, do brincar e correlatos.  A intenção é reunir profissionais, estudantes, pesquisadores e interessados em geral para apresentar trabalhos, discutir novos caminhos e fazer contatos. A expectativa é que alguns projetos bem diferentes surjam desse encontro, como jogos  eletrônicos.

O evento segue o formato idealizado por Valdir Barzotto (USP), Ernane Guimarães Neto e Lisiane Fachinetto (então docentes na FMU): participação discente, docente e profissional em condições de igualdade. Além disso, desde o início, o FAEL tem como premissa a interdisciplinaridade: não se restringe aos jogos digitais, buscando colaboração dos conhecimentos de brinquedos, pedagogia etc.

O segundo FAEL foi sediado pela FATEC-SP de Americana, ampliando a rede lúdica que daria origem à Rede Brasileira de Estudos Lúdicos. Essa associação sem fins lucrativos foi fundada em 11 de setembro de 2016. A REBEL passou a ser responsável pela organização do FAEL, que teve sua terceira edição em novembro de 2016 na FATEC-SP de Tatuí.

Além de organizar o FAEL, a REBEL dedica-se à defesa das causas lúdicas, como a diminuição dos tributos sobre jogos e a ludificação como forma de melhorar o mundo. O evento começou em 2014, na FMU, com um Laboratório de Ludologia e Desenvolvimento. Na época era um projeto voluntário de pesquisadores e alunos da área de jogos em São Paulo. Desde então o Fórum reúne estudantes e desenvolvedores de jogos interessados em novas técnicas de contar história e mecânicas únicas.

Serviço – IV Fórum Acadêmico de Estudos Lúdicos (FAEL)

  • O que são: apresentações artísticas, acadêmicas, oficinas e mesas-redondas
  • Quando: 16 a 18 de outubro de 2017
  • Onde: Faculdade Cásper Líbero (av. Paulista, 900 – São Paulo, SP).
  • Quanto: gratuito (sujeito a disponibilidade de vagas)

Marvel vs Capcom: Infinite é lançado para PCs e consoles

Marvel vs Capcom é uma das franquias mais adoradas desde a era 32 bits e a paixão dos fãs se manteve intacta durante anos. Para quem adora os personagens da Marvel e da Capcom, chegou a hora de ligar o videogame! A Capcom lançou nesta semana Marvel vs Capcom Infinite, o aguardado retorno da respeitada série de luta e ação. Esta evolução do frenético e divertido crossover oferece, desde o lançamento, um conteúdo robusto, acessível e desafiador para um jogador ou multiplayer, oferecendo um elenco de 30 personagens famosos vindos dos dois universos.

O título foi lançado para o PlayStation 4, Xbox One e Windows PC. No Brasil ele possui legendas em português brasileiro. A trama conta a união de forças dos perigosos Sigma e Ultron, que almejam as joias do infinito para governar os dois mundos. A intenção da Capcom foi oferecer uma experiência cinematográfica emocionante, colocando os jogadores no centro de uma batalha épica em que heróis de ambos os universos se unem para impedir Ultron Sigma de infectar toda forma de vida biológica nos mundos recém-combinados da Marvel e da Capcom.

Além da experiência de história cinematográfica, os jogadores podem aprimorar suas habilidades em diversos modos de jogo para um jogador acessíveis, incluindo Treino, Missão e Arcade. O componente online robusto que oferece partidas casuais e ranqueadas, placares de líderes globais e lobbies online com modo de espectador torna a experiência ainda mais completa.

Toda a ação de Marvel vs Capcom: Infinite acontece em ambientes novos, mas familiares, já que cenários famosos dos universos da Marvel e da Capcom se fundem como parte do plano nefasto de Ultron Sigma. Imaginado e criado através de uma visão compartilhada entre as duas empresas, o jogo traz batalhas dinâmicas entre times 2v2 e a habilidade de usar o poder de uma das seis Joias do Infinito, tornando ainda mais profunda a experiência de jogo personalizada e permitindo que os jogadores equipem e ativem poderes elementais durante as batalhas.

Abaixo você confere o trailer de lançamento de Marvel vs Capcom: Infinite:

Level Up promove etapa brasileira do campeonato mundial de Warface

A Level Up acaba de informar que já estão abertas as inscrições para times brasileiros de Warface interessados em disputar uma vaga no campeonato mundial do jogo que será realizada no final do ano, na Rússia. As inscrições para a etapa brasileira da competição do FPS desenvolvido pela Crytek são gratuitas e podem ser feitas pelo link. Serão três fases: Qualificatórias (QW), Conferências Warface & Blackwood (CWB) e Final Presencial. Além de garantir um lugar no Warface Open Cup XI, o time vencedor da etapa brasileira terá todas as despesas de viagem pagas e ainda receberá R$ 4.500,00 em barras de ouro e prêmios em War Cash (a moeda do jogo).

As primeiras partidas da etapa brasileira fazem parte da fase QW e serão disputadas online sempre aos sábados, de 24/09 a 29/10. Haverá inscrições para cada final de semana e os interessados devem se registrar com sete dias de antecedência em relação às datas dos jogos. Para participar é necessário ter um time de 5 a 7 jogadores, residir no Brasil e não ter sofrido qualquer tipo de punição em sua conta do Warface. As disputas serão realizadas em sistema de eliminação simples e os oito melhores times de cada dia somam pontos na rodada. Ao final da fase QW, as 12 equipes com maior pontuação avançam na competição.

A segunda fase, chamada de CWB, terá dois grupos de seis times, separados de acordo com suas posições na etapa anterior. Ao longo de seis rodadas, as equipes se enfrentam em sistema de eliminação dupla com partidas “melhor de 3”. Os confrontos começam com adversários do mesmo grupo e, em caso de derrota, a equipe migra para o outro grupo, onde um novo revés causará a eliminação do torneio. Os campeões de cada chave se classificam para a terceira e última etapa.

Na final, e única disputa presencial da etapa brasileira do campeonato mundial de Warface, os dois melhores times da CWB se enfrentarão no estúdio da Razer, em Santos, no dia 16/12, em confronto melhor de 3. A equipe vencedora representará o Brasil na Rússia. As partidas decisivas da regional brasileira serão transmitidas, ao vivo, na página do Warface no Facebook, nos canais da Level Up (Youtube e Twitch) e pelo Facebook do Esporte Interativo.

Documentário da Crua Produções vai mostrar bastidores da cena indie no Brasil

Quem não se recorda do documentário Indie Game: The Movie? Pois bem, chegou a vez de um grupo de cineastas criar uma versão nacional, mostrando os bastidores de empresas de desenvolvimento da games independentes do Brasil. A ideia é da Crua Produções  e vai abordar como tema o processo, a rotina, as dificuldades, e as conquistas de quatro empresas de jogos independentes, sendo uma empresa de Santa Catarina (Cat Nigiri), uma de Minas Gerais (GILP) e duas de São Paulo (Kinship e Sinergia). Além disso, haverá um trecho todo especial mostrando as empresas durante a BGS 2017.

O documentário já possui dois trailers lançados e são separados por “levels”. O Level 1 mostra um pouco sobre como foram as gravações com a Cat Nigiri, em Santa Catarina. E o Level 2 mostra sobre como foram as gravações com GILP, em Minas Gerais. Ambos já estão disponíveis no canal do youtube, e o restante será liberado durante os próximos três meses.

Para quem não conhece, a Crua Produções é uma produtora acadêmica independente e sem fins lucrativos criada em 2015 por alunos da Universidade Anhembi Morumbi, tendo seu primeiro projeto, o curta metragem “João 11:25”, lançado em junho de 2016 e o seu segundo projeto lançado em maio de 2017, o longa-metragem documental “A Imagem da Música: Os anos de influencia da MTV Brasil”, o qual alcançou mais de 16 mil visualizações no youtube, virando notícia em diversos veículos da internet.

Se você curte o trabalho de produtores independentes, assim como nós, fique ligado nas novidades deste projeto. De acordo com a Crua Produções, a ideia é lançar o documentário em janeiro de 2018. Já que as gravações vão ser encerradas durante a BGS, se você estiver pelo evento, quem sabe não vai aparecer no documentário?

Abaixo você confere o primeiro trailer do projeto que vai mostrar a cena indie no Brasil:

Após sucesso da primeira temporada, Ubisoft anuncia segundo split do Brasileirão Rainbow Six 2017

Após o grande sucesso do Brasileirão Rainbow Six 2017, a Ubisoft acaba de anunciar a segunda temporada do ambicioso torneio. Na primeira temporada a equipe Black Dragons tornou-se campeão em uma disputa que contou com mais de 1,6 milhões de espectadores. A expectativa é que a segunda temporada seja ainda mais disputada e atraia mais espectadores. A segunda temporada do torneio terá início neste domingo (24), e será disputada de forma presencial. As partidas serão realizadas em um estúdio localizado em São Paulo (SP).

O torneio reunirá oito das principais equipes do cenário brasileiro: Black Dragons, BRK E-Sports, paiN Gaming, INTZ e-Sport Club , Team Fontt, NOX Gaming, Encore eSports e Merciless Gaming. Estreante no torneio, a Encore eSports ficou com a vaga que pertencia à Operation Kino na primeira edição.

A fórmula de disputa segue a mesma, ou seja, a competição será dividida em dois grupos, com quatro equipes cada. Os times se enfrentarão em partidas únicas em melhor de três mapas. As duas equipes com maiores pontuações em cada grupo se classificarão para as semifinais. Na fase de grupos, a vitória por 2 a 0 valerá três pontos, enquanto o triunfo por 2 a 1 dará dois pontos ao vencedor.

Nas semifinais, os quatro finalistas lutam para chegar à decisão do torneio. Todas as partidas serão disputadas em “Melhor de 3”, exceto a final, que terá o formato “Melhor de 5”. O campeão do Brasileirão Rainbow Six ficará com o cobiçado Troféu Elite Six, atualmente em posse da Black Dragons.

“O grande público e o crescente engajamento dos fãs do cenário mostram que estamos no caminho certo. A primeira temporada do Brasileirão Rainbow Six foi um sucesso. O jogo está cada dia mais consolidado, e a continuação de um torneio como esse mostra que o circuito é muito promissor. Seguimos com bons resultados fora do país, e, com um calendário forte, temos tudo para atingirmos o título mundial”, afirmou Bertrand Chaverot, diretor da Ubisoft para América Latina.

Nesta temporada, o público poderá acompanhar a transmissão dos jogos ao vivo, sempre aos domingos, a partir das 14h, com narração em português, nos canais da Ubisoft eSports no Twitch e no YouTube. Na abertura do torneio, neste domingo (26), a BRK e-Sports, atual vice-campeã, enfrentará a Team Fontt, às 14h, em grande clássico do cenário. Na sequência, a Encore eSports duelará contra a Merciless Gaming.

Veja o trailer oficial da competição abaixo:

Diretor da Hoplon ministra palestra sobre arte de Heavy Metal Machines em universidade gaúcha

Se você é gaúcho e quer receber dicas valiosas sobre arte em jogos eletrônicos, a dica é a palestra apresentada por Paulo Ítalo Medeiros, diretor de arte da Hoplon Infotainment (Heavy Metal Machines, Taikodom, Apocalypse Party’s Over). Ele irá ministrar uma palestra com o tema “Trabalhando com arte para games e o desenvolvimento de Heavy Metal Machines” na Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões – campus de Frederico Westphalen-RS.

Na palestra, Medeiros contará um pouco da história da Hoplon, uma das mais importantes desenvolvedoras e publicadoras de jogos do Brasil, apresentará Heavy Metal Machines – game multiplayer online de batalha veicular free-to-play que já está disponível em beta aberto no Steam –, abordará as etapas do desenvolvimento de um game e os trabalhos realizados pela criação, design e arte, e falará sobre as oportunidades e opções de carreira na área.

“Muitas pessoas gostam de jogar, mas nem todas conhecem os processos de desenvolvimento de um game e as oportunidades profissionais que essa indústria oferece”, diz Medeiros. “Estou entusiasmado em poder mostrar todas essas possibilidades e apresentar nosso trabalho para os alunos de uma das mais importantes universidades da região noroeste do Rio Grande do Sul”.

Para quem não conhece, Paulo Ítalo é especialista em design conceitual, modelagem 3D e animação, é diretor de arte da Hoplon, onde gerencia uma equipe de 13 game artists responsáveis pela arte do game Heavy Metal Machines. Antes de passar pela Hoplon, Paulo trabalhou nas poderosas Ubisoft, SouthLogic e na Lunart.

Serviço: Palestra – Trabalhando com arte para games e o desenvolvimento de Heavy Metal Machines

Quando: 25 de setembro

Hora: 19h

Local: Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões – campus de Frederico Westphalen-RS

Palestrante: Paulo Ítalo Medeiros

Rogue Snail revela primeiro gameplay de Relic Hunters Legend

O time de desenvolvedores da Rogue Snail já é conhecida do público brasileiro graças ao ótimo Chroma Squad e ao shooter Relic Hunters Zero. Pois é, os desenvolvedores já mostraram que têm potencial e isso deve se provar mais uma vez com o lançamento de Relic Hunters Legend, sucessor direto do jogo mencionado. O primeiro game da franquia Relic Hunters ficou disponível no Steam gratuitamente e tinha o código fonte aberto, o que serviu para atrair mais de 1 milhão de jogadores.

Os produtores lançaram recentemente o trailer de Relic Hunters Legend e serviu para mostrar o que os jogadores podem esperar da nova aventura: um incrível RPG com ambientes 3D, maior variedade de armas, mais patos espaciais para atirar e uma história nova e totalmente imersiva. “É como se Destiny e Enter The Gungeon se fundissem em um jogo único!”, diz o lançamento do trailer.

De acordo com os produtores, o título terá um modo cooperativo online para até 4 jogadores e manterá a perspectiva isométrica que foi bastante elogiada no original. A história deve brincar com paradigmas de viagem no tempo  e a amizade entre os protagonistas. A melhor parte: o jogo será gratuito, para sempre.

Além do trailer, a Rogue Snail também está lançando uma série em quadrinhos dividida em três partes, que serão reveladas semanalmente, até o lançamento da campanha de financiamento coletivo no Kickstarter, no dia 5 de outubro de 2017. A produtora está preparando um beta fechado, em 2018, e uma versão completa do jogo para PC e outras plataformas, prevista para 2019. Sim, vai demorar um bocado.

Além disso, novos jogadores que se inscreverem para receber novidades sobre o jogo receberão gratuitamente a mini trilha sonora de Relic Hunters Legend. Para mais detalhes, acesse o site do game.

Abaixo tem o trailer de Relic Hunters Legend: