Until 18 – Série conta histórias de jovens que partiram em busca de carreiras pouco convencionais

Terminar os estudos, arrumar um emprego estável e entrar para a faculdade ou criar uma conta no Youtube e falar suas impressões sobre o cotidiano? O pró-player YoDa e muitos outros garotos escolheram a segunda opção, investir seu tempo e esforços em fazer o que quer. Foi justamente inspirado nesses jovens que a Red Bull TV e a LinkedIn trazem a público a série “Until 18 – o momento de decisão”, série que reconta a história de jovens que decidiram seguir seu próprio caminho, ao invés de seguir os desejos de seus pais.

Um dos destaques é o episódio de YoDa, que conta sobre os seus planos para seguir uma carreira militar e narra o início acidental do que se tornaria uma trajetória de sucesso: após uma lesão no joelho, causada por um acidente, o pro-player precisou ficar de molho por meses em casa. Durante esse tempo, se empenhou em disputas de League of Legends e se tornou atleta profissional na modalidade, conquistando o Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLol) no ano passado.

Foto: Fábio Piva

Until 18 – o momento de decisão tem como personagens centrais o pro-player e streamer Felipe “YoDa” Noronha, os skatistas Sandro Dias e Letícia Bufoni, o capoeirista Arthur Fiu, a cantora Tássia Reis, a artista Mari Mats, o ator Leandro Firmino, a produtora de conteúdo Ellora Haonne e a atleta de Stand-Up Paddle Nicole Pacelli, a série fala sobre paixão, determinação e os desafios encontrados em meio ao desenvolvimento de uma carreira não convencional.

Para montar o roteiro da série, a equipe de filmagem explorou criativamente elementos gráficos que ilustrassem o universo de cada personagem.“Foi inspirador e ao mesmo tempo divertido, há uma cena em um dos episódios, em que Nicole Pacelli aparece relutando sobre o que fazer em uma sala de aula debaixo d’água. E não teve efeito ali, nós realmente convencemos a Nicole a se sentar em uma cadeira escolar dentro de uma piscina cheia”, comenta Hugo Haddad, diretor de Until 18. O mesmo se deu na linguagem, quando o Sandro Dias, skatista hexacampeão mundial, precisa decidir se “dropa” ou “não dropa” da empresa do pai.

“Outro fator muito legal, que nos ajudou a reunir profissionais de áreas tão diferentes sob uma mesma linha narrativa, foi a inspiração que eles encontraram nas histórias uns dos outros. O YoDa e o Sandro atuam em universos quase opostos: estamos falando de rampas, de manobras radicais no asfalto x salas de streaming e habilidades estratégicas realizadas no computador. Mesmo assim, rolou uma sintonia, uma identificação quando um conheceu a história do outro. Algo parecido aconteceu com a Tássia Reis, que topou participar inspirada pelo depoimento do Fiu”,  explica Haddad.

Onde assistir:

A série pode ser assistida na Red Bull TV ou pelo aplicativo Red Bull TV, disponível nas TVs Samsung, Sony BRAVIA, aparelhos Blu-Ray, PlayStation®4 (PS4™), PlayStation®3 (PS3™) e Apple TV. O aplicativo também pode ser baixado nos sistemas operacionais Android, iOS e Windows Phone. O download também está disponível nos seguintes dispositivos: Amazon Fire TV, Kindle Fire, Nexus, Roku e Xbox 360.

Quebec International recruta desenvolvedores de jogos brasileiros para trabalhar no Canadá

Ei, você, desenvolvedor de jogos brasileiro, já pensou em trabalhar na Ubisoft? Pois bem, há uma chance de trabalhar na sede canadense da empresa ou ainda na Artisan Studios, outra grande desenvolvedora com sede no Canada. Para tentar esta oportunidade, basta participar de um processo seletivo organizado pela Quebec International, agência de desenvolvimento econômico do Canada.

A Quebec International irá organizar um processo seletivo aqui no Brasil entre os dias 27 e 28 de abril com o objetivo de recrutar jovens talentos brasileiros. Para participar é necessário dominar programação e desenvolvimento de jogos 3D e 2D, programas de designers. As inscrições para o processo seletivo poderão ser feitas gratuitamente pelo site entre 11 de fevereiro e 17 de março, com currículos enviados em francês.

Sim, a empresa procura profissionais com conhecimento do idioma francês e o inglês é um diferencial. A agência selecionará os escolhidos para a bateria de entrevistas que acontecerá nos dias 27 e 28 de abril em São Paulo (SP), com a presença dos gestores das empresas.

De acordo com a Quebec International, os candidatos aprovados assinarão um contrato e a empresa ficará responsável pelos trâmites iniciais de imigração e obtenção do visto, o que permitirá trabalhar e viver legalmente na cidade.

“Mais do que se adaptarem facilmente à nossa cultura, os profissionais que atuam no segmento de games no Brasil têm uma capacidade reconhecida. Não à toa, o país é o maior mercado da América Latina e já movimenta R$ 1,5 bilhão”, comenta Janaina Kamide, conselheira em atração de talentos da Québec International.

Para mais informações e inscrições, acesse o site da organizadora do evento.