Cube Man, jogo indie brasileiro é prato cheio para quem curte alto desafio

O game de hoje é para quem busca desafio e alta qualidade no meio de tantos jogos independentes. Trata-se do jogo Cube Man, criado pelo desenvolvedor Lucas Kaue, que coloca os jogadores em uma série de fases que misturam os gêneros plataforma e puzzle. Basicamente você deve passar por desafios como serras elétricas, vulcões, estacas etc. Para ser bem sucedido você precisa de agilidade e reflexos rápidos.

Cube Man não esconde suas influências no mega hit Super Meat Boy, afinal, tal como no SMB, aqui o jogador toma o controle de um pequeno homem em formato cúbico que tem por objetivo resgatar seus amigos, que foram sequestrados de maneira misteriosa. Cabe agora desviar de toda sorte de armadilhas e passar pelos diferentes desafios a fim de ser bem sucedido na missão.

O título tem um nível de dificuldade elevado, de modo que jogadores incautos morrerão muitas vezes. É necessário destreza e muita paciência para triunfar. Um dos destaques é que Cube Man tem cores fortes e vibrantes, além de gráficos pixelados bastante trabalhados.

Cube Man ainda não foi lançado oficialmente, de modo que o desenvolvedor tem a previsão de lançar o produto final em meados de 2019. A expectativa é lançar primeiramente na Steam e em algum futuro próximo portá-lo para as plataformas de mesa.

HyperX lança campanha ‘We’re All Gamers’ com a participação de celebridades e influenciadores apaixonados por games

A HyperX, divisão gamer da Kingston Technology, lançou há poucos dias a campanha publicitária “We’re All Gamers” que será exibida na televisão norte-americana, mídias digitais e redes sociais ao longo de 2019. A campanha tem tudo a ver com videogame  e é liderada pela agência Envoy. De acordo com a HyperX, ela conta com a participação de diversos talentos da atualidade, como o rapper norte-americano Post Malone, os jogadores de basquete Joel Embiid (Philadelphia 76ers), Gordon Hayward (Boston Celtics) e De’Aaron Fox (Sacramento Kings), o jogador de futebol americano Juju Smith-Schuster (Pittsburgh Steelers), os streamers Shourd (PUBG) e Pokimane (Fortnite), e os atletas profissionais de eSports Daigo e Rush, e mostra o espírito gamer de cada personalidade participante.

“We’re All Gamers” já está sendo exibida durante o programa NBA Saturday Primetime, principal transmissão da liga profissional de basquete dos EUA, e continuará no ar durante os playoffs e finais da competição, tanto no canal ABC quanto na ESPN. Além do intervalo comercial, a marca HyperX aparecerá nos pedidos de tempo das partidas da NBA e no programa SportsCenter, da ESPN, no qual haverá uma série de ativações da HyperX ao longo da temporada.

A ideia é que a campanha We’re All Gamers integra o diversificado mundo dos multitelas, tanto de quem assiste aos jogos pela televisão quanto de quem utiliza plataformas móveis. Uma das peças publicitárias da campanha, com 30 segundos de duração e quatro embaixadores, já pode ser vista abaixo:

Além dos intervalos comerciais e das ativações na ESPN, a nova campanha da HyperX também estará em VOD (video on demand) e mídias sociais, como Twitter, Instagram e Facebook. We’re All Gamers conta com vídeos que variam entre 6, 15, 30 e 60 segundos. Ao longo do ano, a HyperX planeja expandir a campanha e incluir mais celebridades e influenciadores, como jogadores de futebol e profissionais de outros setores.

“Essa campanha foi desenvolvida para todos os gamers. Sejam atletas da NBA ou da NFL, streamer famoso, jogador profissional de eSports, ou até mesmo um ícone da música, a emoção de jogar é o que realmente une todos eles, e a HyperX os ajuda a jogar da melhor forma possível”, diz Daniel Kelley, diretor de marketing corporativo da HyperX. Mais informações sobre a HyperX e seus produtos estão disponíveis no site da HyperX.

Conheça Raccoo Venture, o game brasileiro inspirado em platformers dos anos 90

Se você já era um gamer no final dos anos 90 deve se lembrar da explosão de jogos adventures que faziam enorme sucesso, tais como Banjo-Kazooie, Conker’s Bad Fur Day e Super Mario 64. Pois bem, o desenvolvedor brasileiro Diego Ras acaba de lançar o game Racco Venture, que presta uma ode a esses games. A intenção é agradar os fãs do estilo platformer 3D que não estão encontrando novas produções do gênero.

A história segue a aventura de Raccoo um guaxinim, que é o último herdeiro do Poder dos Guardiões, que por muitos anos protegeram a Relíquia Sagrada, que deve proteger o mundo de Verta dos perigosos Tatus Tatuados, que almejam roubar a jóia mítica. Cabe ao jogador assumir o controle de Raccoo para enfrentar inimigos, resolver enigmas e quebra-cabeças, enquanto explora as 5 regiões de Verta, descobrindo itens mágicos que ajudarão nesta jornada em busca das peças da Relíquia.

De acordo com o desenvolvedor, Raccoo Venture tem muita influência e referências de grandes clássicos que escreveram a história dos jogos 3D, e traz em sua essência a atmosfera lúdica e inocente que por muitas vezes acabou sendo deixada de lado pela nova indústria dos videogames. Durante a aventura, o jogador explora 5 regiões divididas em 17 fases onde coletar e colecionar itens é uma das ocupações recorrentes no gameplay.

Tal como ocorria nos games dos anos 90, em Raccoo Venture, você irá interagir com diversos personagens espalhados pelo mundo de Verta e irá enfrentar chefões casca grossa. Como se não bastasse, o título é pontuado por vários puzzles e desafios interessantes. Mas não pense que o game sobrevive de elementos do passado: aqui é possível customizar personagens e o estilo visual é extremamente atual. Vale dizer que as roupas obtidas durante as diferentes fases dão novas habilidades ao Raccoo.

Raccoo Venture estará disponível na Steam em breve, porém sem data definida para lançamento. Mais informações podem ser obtidos no site oficial.

Abaixo você confere o trailer de Raccoo Venture:

Banda Gameboys se apresenta no GIBI Cultura Geek

Que rufem os tambores para o retorno da melhor banda gamer do Brasil! Os Gameboys acabam da anunciar seu esperado retorno aos palcos para este domingo, em apresentação única em São Paulo! Após um hiato desde o final de 2018. A banda se tornou reconhecida ao trazer versões atualizadas de clássicos da gamemusica, tais como as trilhas de Sonic, Mario e Donkey Kong.

A apresentação ocorre mo GIBI Cultura Geek no dia 24 de fevereiro, no bairro da Vila Mariana, em São Paulo e promete trazer as mais eletrizantes trilhas dos games com uma roupagem introspectiva. Em suas apresentações, a banda costuma compor o set list com clássicos extremamente elogiados, além disso, o telão exibe imagens dos jogos.

A banda Gameboys surgiu em 2007 e é composta por Wilson Esteves (teclados), Ricardo Marques (guitarra), PH Mazzilli (baixo) e Abner Paul (bateria). O objetivo do grupo era de trazer consagradas trilhas de games para a sonoridade orgânica de uma banda instrumental. Os Gameboys tentam empregar uma nova roupagem aos temas originais, identificando elementos que podem ser adaptados e transpostos para o contexto de um quarteto clássico com bateria, baixo, guitarra e teclados, e adicionando características aos arranjos que refletem a personalidade dos músicos, dando uma cara nova a famosas composições dos vídeo games.

Em 2015 os Gameboys fizeram uma parceria com David Wise, compositor dos jogos da série ‘Donkey Kong Country’, em um arranjo da música Stickerbrush Symphony. A Banda também participa da BGS, maior evento de games da América Latina, em várias edições desde a criação do evento, em 2009. No ano de 2011, nosso redator-chefe, Luiz Silva, entrevistou a banda para o site Rock Brigade. Se você se interessou pela banda, você pode acompanhar a banda através do Facebook. Já o evento no GIBI Cultura está aqui.

Abaixo tem um vídeo da apresentação dos Gameboys:

 

Serviço – Banda Gameboys no GIBI Cultura Geek

Onde : GIBI Cultura Geek – Rua Major Maragliano, 364, Vila Mariana – São Paulo, SP

Quando: Domingo, 24 de fevereiro de 2019, 17h

Quanto: $15 (pagos na entrada, no dia do evento)

League of Legends – Inscrições para as Qualificatórias do Circuito Desafiante já estão abertas

Quer se tornar uma lenda dos e-Sports? Pois então esta é a sua chance! A Riot Games e a BBL anunciam que as inscrições já estão abertas para as Qualificatórias do Circuito Desafiante, a série B da liga profissional brasileira de League of Legends. Para se inscrever, os interessados devem acessar o LoL ESPORTS BR.

A competição será dividida em duas fases: Classificatórias e Eliminatórias. Na primeira fase, serão quatro etapas classificatórias e as equipes vão poder escolher uma delas para participar. As partidas serão em MD1, sendo apenas a final em MD3.

Confira abaixo mais detalhes do Circuito Desafiante do League of Legends:

●      Classificatória #1

o      Datas e horários:

▪       23 de fevereiro, às 14h

▪       24 de fevereiro, às 18h

o      As inscrições para essa etapa se encerram no dia 23 de fevereiro, às 11h

●      Classificatória #2

o      Datas e horários:

▪       9 de março, às 14h

▪       10 de março, às 18h

o      As inscrições para essa etapa se encerram no dia 9 de março, às 11h

●      Classificatória #3

o      Datas e horários:

▪       16 de março, às 14h

▪       17 de março, às 18h

o      As inscrições para essa etapa se encerram no dia 16 de março, às 11h

●      Classificatória #4

o      Datas e horários:

▪       23 de março, às 14h

▪       24 de março, às 18h

o      As inscrições para essa etapa se encerram no dia 23 de março, às 11h

 

As equipes vencedoras de cada etapa acima vão disputar as Eliminatórias, em MD3, com os quatro times que melhor se classificaram no ranking geral de pontos da primeira Fase. Os dois times que vencerem as eliminatórias disputarão a Série de Promoção contra as equipes que ficarem em 5º e 6º lugares nesta Primeira Etapa do Circuito Desafiante 2019.

●      Fase Eliminatória –  30 e 31 de março, às 18h

●      Série de Promoção – 22 e 23 de abril

Jogadores de qualquer elo (bronze, prata, ouro, diamante) podem se inscrever, mas devem ter ao menos 17 anos completos até o dia 31 de julho de 2019. Cada time tem que ter pelo menos três jogadores brasileiros. Pro players que jogam atualmente na Primeira Etapa do Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLoL) ou do Circuito Desafiante não podem participar.

Todas as partidas serão transmitidas nos canais da BBL no Twitch e no YouTube, logo após as rodadas do CBLoL, aproximadamente às 18h. Para mais informações sobre as Qualificatórias do Circuito Desafiante, acesse o regulamento.

INTZ contratra time feminino de CS:GO visando conquistas internacionais

A INTZ e-Sports continua se reinventando! A equipe de cyberatletas mais famosa do Brasil acaba de anunciar a formação de um time feminino de CS: GO. O objetivo é formar uma equipe competitiva o suficiente para disputar os principais campeonato nacionais e internacionais de 2019. Vale lembrar que a ação segue a tendência de outras equipes, tal como o Santos, que criou seu time feminino em meados de 2018.

A equipe feminina da INTZ é formada por Jessica “fly” Pellegrini, Claudia “Santininha” Santini, Juliana “ujliana” Scaglioni, Gabriela “gabee” Velasco e Aline “lininhA” Avancini, sob a direção do coach Felipe “Guse” Guse. Dentre várias conquistas da lineup, vale citar: Kawotice Brazil Female qualify (2º lugar), WESG SA Female qualify (2º lugar), Eletronic Sports World Cup 2016.

“Essa importância no investimento do cenário feminino é algo para trazer mais gás e força de vontade pra quem está lutando diariamente, além de aumentar a visibilidade e mostrar que o cenário feminino tem que ser valorizado”, disse Jessica “fly”.

“O cenário feminino está começando a se expandir agora, e pensar que uma organização tão grande como a INTZ se permitiu a dar esta chance para um time só de mulheres mostra um avanço enorme.” complementa Juliana “ujliana”.

O clube intrépido acredita na capacidade e força que as mulheres possuem, investindo cada vez mais em projetos para o público feminino e expandindo os horizontes das atletas, quebrando barreiras e preconceitos. Inclusive, a contratação e o anúncio do time faz parte da campanha #JogoÉCoisaDeMenina que o clube lançou recentemente, homenageando as mulheres no cenário do gamer.

No vídeo abaixo você conhece as intrépidas da INTZ:

War Solution – game mistura puzzle e tower defense para melhorar suas habilidades em matemática

O ano de 2019 terá tudo para ser especial para a equipe da Yaw Studios, uma desenvolvedora indie focada em criar jogos que agreguem conhecimentos ao jogador, pois é justamente neste ano que a empresa lançará o ambicioso War Solution, um título que mistura puzzle e tower defense de maneira única. O game esteve presente na BGS 2018 e deixou uma impressão bastante positiva entre os visitantes do estande.

Basicamente você deve derrubar as torres adversárias com a utilização de uma catapulta antes que o adversário derrube a sua estrutura. Para isso, você deve acertar um desafio matemático que surge na tela. Quem responder primeiro tem a chance de disparar contra a torre adversária primeiro. O macete é que além de divertir, o game ainda auxilia no raciocínio rápido e atrair pessoas para a boa e velha matemática.

War Solution consegue êxito em divertir e ensinar muito por causa de seus visuais encantadores, o clima de competição e jogabilidade simples. Você vai resolver problemas de adição e subtração, escolhendo entre quatro opções de respostas disponíveis. Quanto mais rápido você responder, melhor, pois há a chance de ganhar itens capazes de aumentar o poder de fogo de sua catapulta. Mas se você demorar para responder, o dano causado no inimigo será pífio.

Se você se mostrar um gênio não descoberto da matemática, novas torres são desbloqueadas. De acordo com a Yaw Studios, o game conta com 5 modos de jogo, incluindo um modo de combate, que permite que você desafie seus amigos online. Até o momento, apenas dois modo estavam prontos: a campanha e o multiplayer local para dois jogadores – e foi justamente este a fazer bastante barulho na BGS, através de desafios propostos pela equipe da Yaw Studios aos visitantes do estande.

Em entrevista ao site Jogazera, Aislan, fundador da Yaw Studios disse que o game foi pensado após avaliar o nível educacional dos alunos. “Não querendo educar, mas utilizando a competição e a diversão como veículo, fazendo com que a matemática seja inserida naturalmente, sem a pessoa perceber”, disse Aislan.

War Solution ainda não tem data definida de lançamento, mas sabe-se que chegará ainda em 2019 para plataformas mobile e PCs. Há planos de trazê-lo aos consoles no futuro também. A impressão que o game deixou nos visitantes da BGS foi bastante positiva e provavelmente ele deve fazer novas participações em outros eventos de jogos nacionais. Você pode conferir mais sobre o game no site oficial.

Abaixo você confere um trailer de War Solution:

PUC-SP abre curso de extensão em Gamificação Open Mind

Pessoas antenadas no mundo dos negócios e gestão de pessoas já se deram conta que a gamificação é uma tendência para o futuro. A coisa é tão séria que até as grandes instituições de ensino começam a investir na capacitação de pessoas para utilizar a técnica de maneira efetiva. A PUC-SP acaba de abrir o curso de extensão Gamification Open Mind no campus Vila Mariana. O objetivo é contribuir para a formação de profissionais que desejam atuar com estratégias baseadas em gamificação.

De acordo com a PUC-SP, as aulas abordarão os aspectos teóricos e práticos de gamificação, bem como estratégias contemporâneas para concepção, desenvolvimento e avaliação de projetos que envolvam o processo de gamificação em diferentes contextos. O coordenador do curso é o Prof. David de Oliveira Lemes, nosso editor-chefe.

O curso conta com referências sólidas, tais como pesquisas, documentos e casos recentes da área de Gamificação, além de estudos propostos no Programa de Estudos Pós-Graduados em Tecnologia da Inteligência e Design Digital (TIDD/PUC-SP), de natureza interdisciplinar e composto por pesquisadores de diferentes áreas do conhecimento.

As aulas serão ministradas pelo Prof. Guilherme H. Quintana, Meste em Tecnologias da Inteligência e Design Digital. O docente é expert em gamificação e já produziu ao longo da carreira mais de 12 jogos e projetos de gamificação nas empresas Gestum (2011 à 2015) e eguru (2015 – atualmente), construindo soluções lúdicas para temas variados. Espera-se, ao final do período da extensão, que o aluno matriculado apresente para sala e professor um projeto de gamificação completo, aplicando o que viu em aula. Desta forma, será possível evoluir o conceito através dos feedbacks compartilhados e levar este trabalho para sua área de atuação.

O curso de extensão de gamificação é especialmente indicado para professores, pesquisadores, universitários e profissionais interessados em concepção, desenvolvimento, gestão e avaliação de projetos de gamificação. As inscrições estão abertas e podem ser realizadas na página da PUC-SP. Ao todo o curso terá 30 horas e serão ministradas no horário das 19h às 22h. De acordo com a instituição de ensino, as aulas iniciam no dia 03/04/2019 e devem terminar no dia 25/06/2019.

Venturion – Game da Tapps VR mistura realidade virtual e interações reais

Você certamente já ouviu falar da Tapps Games, certo? Afinal ela é uma das maiores e mais prolíficas desenvolvedoras de jogos mobile do Brasil. Pois bem, há alguns meses a empresa começou a investir pesado em jogos para realidade virtual através da subsidiária Tapps VR. Hoje vamos falar de Venturion, o mais ambicioso jogo de realidade virtual já produzido em terras brazilis.

Basicamente Venturion pode ser descrito como a fusão entre jogos de realidade virtual e realidade aumentada, uma vez que ele utiliza objetos e efeitos reais, ao passo que o jogador apenas enxerga o que é apresentado no mundo de jogo. Aqui o jogador interage com objetos, sente calor, textura, vento etc. A ideia é transportar o jogador para dentro do jogo de uma maneira jamais vista em jogos do gênero. Venturion foi lançado em outubro de 2018, época em que foi disponibilizado no Museu Catavento e no VR Gamer, em São Paulo, além de ter aparecido na Arkave VR, em Campinas.

Venturion

“Combinando as infinitas possibilidades da realidade virtual de ponta com objetos reais e efeitos especiais táteis, Venturion cria experiências emocionantes, intensas e completamente imersivas. Um mundo de aventuras únicas e memoráveis que todo mundo pode viver, seja solo ou com amigos”, diz o informativo no site da Tapps VR.

A Tapps VR tentou combinar as possibilidades da realidade virtual de ponta com objetos reais e efeitos especiais táteis. Com isso, Venturion cria experiências diferentes, mais voltadas à imersão. Imagine ver uma fogueira ingame e a sua frente tem fogo de verdade. É mais ou menos assim que o game é.

Atualmente o Venturion pode ser testado nas casas VR Gamer, em São Paulo, e na Arkave VR, em Campinas. A expectativa é que o título apareça em grandes eventos do circuito nacional de jogos brasileiros ainda este ano, já que ele é uma das novidades do nosso mercado e tem potencial para despertar a curiosidade dos gamers e aficionados por tecnologia.

ESL e Facebook Gaming expandem parceria durante 2019 para cobrir todos os eventos globais da ESL Esports

Curte e-Sports? Então fique de olho nisso! A ESL, maior companhia de esports independentes, e o Facebook Gaming anunciam a expansão da parceria que cobre todos os eventos globais de competição de esports da ESL, de maneira não exclusiva, para a plataforma do Facebook. A intenção é que a ESL irá transmitir tanto os circuitos emblemáticos, Intel Extreme Masters (IEM) e ESL One, como a estreia da Pro League de Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO).

A distribuição começou com a classificação regional de CS:GO para o IEM Katowice Minor, em 16 de janeiro desse ano e se desenrolará até dezembro de 2019. As competições serão transmitidas globalmente pelo Facebook, em inglês, com qualidade 1080p/60fps e divulgadas ao vivo pela ESL Pro League tanto em inglês como em português.

“A ESL une a comunidade global de fãs de esports e tem o objetivo de entregar experiências incríveis para audiências ao redor do mundo, tanto online como por eventos de grande escala”, comenta Ralf Reichert, Co-CEO da ESL. “Iremos oferecer diferentes plataformas, nas quais os fãs poderão viver nossos circuitos online emblemáticos – incluindo um retorno ao Facebook Gaming para continuar a trazer conteúdo para sua crescente audiência.”

ESLDesde o começo das lives da ESL no Facebook, as duas companhias colaboram para fazer atualizações importantes para a experiência dos espectadores, os fãs de esports. Dentre as alterações, estão a melhora na qualidade de vídeo e na estabilidade, assim como na facilidade de descobrir os eventos da ESL.

“Expandir o conteúdo da ESL para incluir todas as competições globais de esports é um meio de satisfazer o apetite, que cresce a cada dia, de assistir vídeos com conteúdo de gaming no Facebook”, diz Leo Olebe, Diretor Global de parcerias de Games do Facebook. “Dar aos fãs da ESL uma maneira de assistir aos esports em diferentes plataformas é algo que nós sabemos ser importante para a comunidade, e essa é uma grande razão para que todo o conteúdo de 2019 seja transmitido em qualquer lugar que a ESL queira. Nós continuaremos a ouvir e agir sobre o feedback dos gamers e trabalharemos juntos para construir um mundo da comunidade gaming.”

Os fãs poderão assistir e seguir todo o conteúdo da ESL no fb.gg, destino de vídeos de gaming no Facebook, e em páginas individuais para as competições IEM, ESL One e Pro Legue.