North Wind

Conheça o jogo indie North Wind: Trill of Consciouness

O game indie da vez é chamado North Wind: Trill of Consciouness, um jogo bastante incomum com mais cara de retro que você já viu. Nele acompanhamos a história de Dir, um garoto selvagem que foi criado por uma Amazona em segredo. Para garantir que o garoto possa sobreviver sozinho, a mulher que o cria propõe um desafio: colocá-lo em uma caverna a fim de derrotar um morcego. Porém as coisas não ocorrem como esperado.

A missão não será fácil, pois haverá uma missão de inimigos a serem derrotados. A dinâmica do jogo se resume a explorar e coletar mapas, reordenando-os a fim de descobrir novas localidades. Para conseguir mais mapas, o jogador deve coletar energias roxas.

Existem oito mapas que podem ser combinados, gerando um total de 512 combinações possíveis. Os cenários variam de templos, à cavernas e florestas, conferindo boa variedade na hora da exploração. Na verdade, o game tem elementos de RPG e adventure, lembrando por vezes jogos como Metroid, por exemplo.

É difícil explicar como funciona, mas a ideia é a troca de partes do mapa por partes de outro mapa, a fim que eles se integrem e liberem novos caminhos.

O game é inspirado em livros infantis, porém tem um nível de dificuldade elevado. A ideia é que o jogador sobreviva aos desafios neste puzzle cheio de personalidade. O game já está disponível para download na App Store e tem versão em português. North Wind: Trill of Consciouness esteve em desenvolvimento desde setembro de 2012 pelo game designer Henry Gosuen.

Abaixo você confere o trailer do game North Wind: Trill of Consciouness:

Corrupção Free

Corrupção Free: game indie conviada jogador a combater políticos corruptos

Ano de eleições no Brasil. Quer um país ou época melhor para criar um game que critique a política? Um desenvolvedor indie chamado Danilo Carlessi criou um jogo chamado Corrupção Free. O título é do mesmo criador do jogo Rolezinho Ascenção Social 2.

O game coloca o jogador no controle do ministro Joaquim Barbosa em uma saga contra políticos corruptos. De acordo com a descrição do jogo “(…) apenas um herói pode nos salvar da tirania dos Corruptos”.  Porém há a advertência de que não será fácil livrar o país dos corruptos.

A versão gratuita do game conta com 5 fases, 4 personagens inimigos, uma jogabilidade simples e uma trilha sonora que promete envolver os jogadores. O objetivo é capturar 3 mapas do Brasil em cada um dos cenários. Além dos mapas, é importante coletar também moedas da justiça espalhadas pelos cenários. Essas moedas são o pagamento do que é certo para os justos e as moedas deixadas para trás ficam com os corruptos.

Independente da sua inclinação política, o jogo trás uma crítica social bastante pertinente e possui uma jogabilidade funcional. Em tempos de eleição é bom que surjam jogos eletrônicos que divirtam e passem alguma mensagem social. O título pode ser encontrado no Google Play.

dash games

Dash Games: evento que reúne profissionais de jogos eletrônicos de vários países

Os jogadores da região de Porto Alegre terão um bom motivo para sair de casa nos dias 13 a 15 de maio: a data marca o início do evento Dash Games. Para quem não conhece, o evento reúne grandes nomes do desenvolvimento de jogos da América Latina. Além disso, em paralelo ocorrerá a quarta edição do BITS – Business IT South America. O local escolhido é o Centro de Eventos FIERGS.

Este será o primeiro evento internacional voltado exclusivamente para a indústria de jogos da América Latina. Haverá convidados de diversos países como EUA, Finlândia, Chile e Argentina. O evento propõe compartilhar e estudar a indústria local e seus aspectos como produção e mercado a fim de ampliar o conhecimento técnico entre estudantes, profissionais e desenvolvedoras.

As palestras serão realizadas nos três dias de evento, das 14h às 19h. Nos dias 14 e 15, das 9h às 12h, acontece o Match Making. De acordo com a organização, serão realizadas 15 palestras com desenvolvedoras nacionais e internacionais, além de publishers. O Match Making, citado anteriormente, será um encontro entre 18 empresas associadas com 13 publishers e investidores nacionais e internacionais.

Esse evento será um marco para o mercado do RS, pois a partir dele estaremos no mapa mundial de desenvolvedores de games. Já estamos sendo reconhecidos por varias empresas e investidores internacionais como possíveis parceiros e o DASH fortalecerá muito nosso ecossistema de produção”, disse Carlos Idiart, presidente da ADJOGOSRS.

As inscrições para o evento custam R$ 100,00 para empresas associadas à ADJOGOSRS e R$ 150,00 para o público em geral. Para se inscrever basta acessar o site do evento.

Palestras Dash Games

13 de maio

14h20 – Martina Santoro – Sócio-fundadora da OKAM Studio – Argentina

15h20 – Victor Hugo Queiroz – Modelador 3D – Brasil

15h55 – Edh Muller – Pré Lançamento Tormenta – Brasil

17h10 – Marco Galvão – Programador Joy Masher – Brasil

18h10 – Peter Vesterbacka – Vice-Presidente e Diretor de Marketing da Rovio Mobile. Criador do Angry Birds – Finlândia

14 de maio

14h20 – Agustín Cordes – Fundador do Senscape – Argentina

15h20 – Tiago Hoisel – Ilustrador – Brasil

17h10 – Mario Wynands – Diretor PIK POK – Nova Zelândia

18h10 – Steven Escalante – Fundador e  Gerente Geral da Versus Evil – Estados Unidos

15 de maio

14h20 – Sebastian Álvaro Gonzalez – Produtor – ACE Equipe Software – Chile

15h20 – Christopher Kastensmidt – Game Designer Ubisoft – Estados Unidos

16h10 – Palestra de Luiz Ojima Sakuda – Pesquisa da indústria de games no Brasil

17h10 – Team1CDD – Distorções: Um game brasileiro em 3D – Brasil

18h10 – Mike Foster – Gerente de Contas América Latina da Sony Computer Entertainment  America LLC – Estados Unidos

Heavy Bullets

Heavy Bullets: FPS indie cheio de psicodelia e muita dificuldade

Hoje vamos falar de um jogo indie chamado Heavy Bullets, um FPS bem diferente dos habituais. Trata-se de um FPS dungeon crawler com fases randomizadas. Os jogadores percorrem oito fases psicodélicas a fim de restabelecer o sistema de segurança do complexo que endoidou e deixou as coisas bastante malucas. Como se não bastasse, os labirintos estão repletos de criaturas mal intencionadas pelo caminho.

Heavy Bullets é bastante desafiador, ao passo em que o jogador inicia com apenas seis balas e a munição é bastante escassa. Para dificultar ainda mais as coisas, as balas são recarregadas uma de cada vez e podem ser pegas no chão após utilizadas. Há itens nos cenários que ajudam o jogador, porém somente é permitido carregar um de cada vez (se o jogador tiver a mochila esse número sobe para 2 itens).

Felizmente há itens que podem ser adquiridos através de lojas no game, mas o jogador deve usar a inteligência para utilizar tais itens no momento correto. O game é influenciado por outros jogos Roguelike, ou seja, a morte é uma constante em Heavy Bullets. Os jogadores podem utilizar o serviço de Banco dentro do game a fim de salvar seu progresso, dinheiro e itens coletados.

O segredo para progredir é usar com sabedoria os itens disponíveis e mover-se com cautela. Jogadores metidos a sair correndo e disparando são os que morrem mais facilmente no jogo.

De acordo com Terry Vellmann, o criador do jogo, a versão disponibilizada no site é Beta e foi desenvolvida através da Unity. Não foi divulgado quando a versão final será lançada, mas o que vimos está bem avançado. Nesta versão há 15 inimigos diferentes e dois chefões. Além disso, os efeitos sonoros no jogo são mínimos, dando-se preferência à sons ambientes.

O título é todo em inglês e tem suporte para Windows, OSX e Linux. O preço do jogo no site oficial é de US$ 6.

Abaixo você confere o trailer do game Heavy Bullets

Mini Fazenda 3D

Vostu lança Mini Fazenda 3D para smartphones e tablets

Quem não se lembra do jogo Mini Fazenda 3D (também conhecido como Top Farm)? Considerado por muitos como o mais popular jogo de fazenda na história do Brasil, o game da Vostu acaba de ganhar uma versão para a plataforma Android. Para celebrar o lançamento, a produtora recheou o game com melhorias e novidades.

A versão para smartphones e tablets permite que os jogadores elaborem produtos, cuide de animais e expanda a fazenda até torná-la bastante produtiva e bem sucedida. Chega um ponto em que é possível abastecer suas máquinas com energia ecológica e renovável, a fim de mostrar a preocupação que o game tem com a conscientização ambiental.

Além de produzir diversos produtos, você pode vendê-los para aumentar os lucros da fazenda. Além disso, é possível que a prosperidade de sua fazenda atinja outras regiões vizinhas como o Lago e a Estação de Trem. Pode-se exportar os produtos da fazenda para outros lugares do mundo através do Porto da cidade.

O game é bastante fácil de jogar e não requer acesso à internet para jogar (com exceção da primeira sessão). Mini Fazenda 3D é gratuito e é integrado ao jogo de Facebook, deste modo você segue o progresso de onde parou se decidir jogar pelo PC.

Um aviso importante: o game foi desenvolvido para dispositivos com pelo menos 1Gb de RAM, ou seja, ele pode ser jogado em dispositivos com menor memória, porém o desempenho fica comprometido. O jogo pode ser baixado gratuitamente através do Google Play e do App Store. Mais informações sobre o jogo através do site oficial.

Abaixo tem o trailer do jogo Mini Fazenda 3D:

South Park Stick of Truth

South Park The Stick of Truth é lançado oficialmente no Brasil

Um dos games mais divertidos da temporada, South Park The Stick of Truth, acaba de ser lançado oficialmente no Brasil. A Ubisoft disponibilizou o game para as plataformas Xbox 360 e Playstation 3 nesta semana para as principais lojas de jogos eletrônicos do país. Ambas as versões chegam ao mercado por R$149,90.

O game foi desenvolvido em parceria com os criadores do desenho, inclusive com roteiro e dublagem de Matt Stone e Trey Parker. O objetivo foi criar o game definitivo para os fãs de Cartman e sua turma. Para isso, foram inseridos diversos elementos do universo do desenho e piadas de humor negro.

Na aventura, os garotos se unem em um RPG para derrotar os Gnomos das Cuecas, hippies e demais forças do mal a fim de se tornarem garotos maneiros. O protagonista do game deve encontrar o graveto da verdade se quiser fazer parte do grupo de Cartman. No caminho até lá haverá dúzias de piadas e muita ação. Se o protagonista falhar, nunca deixará de ser um babaca.

O game conquistou boas notas entre os sites especializados e boa recepção dopúblico e fãs da série animada. Confira o vídeo com 13 minutos de gameplay do jogo.

South Park The Stick of Truth

Games Independentes, Jogos Nacionais, Produção de Games e muito mais.